Android 11

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Android 11
Versão do sistema operativo Android
Logótipo
Captura de tela
Tela inicial do Android 11 Developer Preview 1
Produção Google
Lançamento 8 de setembro de 2020; há 2 meses
Versão estável 11
Versão em teste /
Mercado-alvo Dispositivos móveis
Gestão de pacotes APK
Núcleo Monolítico (Linux)
Interface Material Design
Página oficial www.android.com/android-11/
Estado de desenvolvimento
Suportado
Cronologia
Android 10

Android 11 (codinomeado Android R no desenvolvimento)[1] é uma versão do sistema operacional móvel Android desenvolvida pela empresa Google, lançado em setembro de 2020.[2][3][4][5]

Mudanças[editar | editar código-fonte]

Relação de melhorias e novidades da versão Android 11:

Conversas: seção dedicada para gerenciar as conversas nos mensageiros; definir a prioridade de contatos específicos; adição dos ícones flutuantes de bate-papo, chamados bubbles, de pessoas ou grupos por cima da interface, para responder sem mudar de aplicativo.[5]

Smathome: adição do menu rápido com funções para controlar dispositivos inteligentes da casa.[5]

Pagamentos: adição do menu rápido com funções do Google Pay.[5]

Mobilidade: esta versão executa o Android Auto sem fios. Obs.: é necessário ter um veículo compatível e um aparelho com suporte a Wi-Fi de 5 GHz.[5]

Mídias: controles de reprodução de áudio e vídeo reformulados, funções na barra de notificações, com opção de alternar rapidamente entre o fone de ouvido e um alto-falante Bluetooth; Adição da gravação de tela nativa, que registrar o som do microfone e do sistema,[5] também é possível realizar uma “captura de tela rolável”, onde o print registrará também as partes que estão ocultas da tela.[6]

Privacidade: usuário poderá conceder a permissão "apenas uma vez" para que aplicativos usem o microfone, câmera e, localização. Na próxima execução, o aplicativo terá que pedir autorização novamente; Esta versão Irá redefinir automática as permissões dos aplicativos que não são usados por muito tempo; Os aplicativos somente poderão ativar a câmera padrão do Android 11 para capturar fotos e vídeos, e não poderão ser abertos a partir de aplicativos de terceiros, apenas diretamente por solicitação do usuário;[5] O Android Enterprise terá a mesma privacidade do modo pessoal, onde o perfil de trabalho oferece ferramentas para gerenciar os telefones dos empregados sem monitorar as atividades de uso pessoal.

Conexão: maior integração com o padrão 5G.[5]

Telas: adição do suporte a telas com taxa de atualização variável; adição de interface adaptada para displays de formato diferente (com furo para câmera ou com bordas curvas).[5]

Atualização: aumento das funções do projeto Mainline, que permite atualizar partes separadas do sistema através do Google Play Services.[5]

Notificações: todas as notificações podem ser descartadas, até as que estão em andamento ou em segundo plano; adição do "histórico de notificações", se perder uma notificação e gostaria de acessá-la novamente, poderá visualizar o conteúdo e o horário.[6]

Aparelhos suportados[editar | editar código-fonte]

Inicialmente a atualização será distribuída para aparelhos Pixel e alguns da Xiaomi, OnePlus, Oppo e, Realme, como:[5]

  • Pixel 2/2 XL, 3/3 XL, 3a/3a XL, 4/XL, 4a;
  • OnePlus 8, 8 Pro;i 10
  • Xiaomi Mi 10 Pro;
  • Poco F2 Pro;
  • Oppo Find X2, X2 Pro, Ace2, Reno3 4G, Reno3 Pro 4G;
  • Realme X50 Pro.

Referências

  1. Claudio Yuge (10 de outubro de 2019). «Google menciona Android 11 oficialmente pela primeira vez». Canaltech. Consultado em 17 de setembro de 2020 
  2. Miller, Victor (20 de fevereiro de 2020). «Google lança o Android 11 Developer Preview antes do esperado». Showmetech. Consultado em 17 de setembro de 2020 
  3. Matheus Bigogno Costa (8 de setembro de 2020). «Android 11 lançado! Conheça todas as novidades da nova versão». Canaltech. Consultado em 17 de setembro de 2020 
  4. Pedro Simões (8 de setembro de 2020). «Chegou finalmente o Android 11 e não é apenas para os smartphones da Google». Pplware. Consultado em 17 de setembro de 2020 
  5. a b c d e f g h i j k 9 to 5 Google (9 de setembro de 2020). «Android 11 é oficial, veja o que mudou e se seu celular atualiza». IG Tecnologia. Tecnoblog. Consultado em 24 de setembro de 2020 
  6. a b Costa, Matheus Bigogno (8 de setembro de 2020). «Android 11 lançado! Conheça todas as novidades da nova versão». Canaltech. Software Android. Consultado em 24 de setembro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.