Intel Corporation

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Intel)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde setembro de 2013).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Intel
Logotipo da Intel
Razão social Intel Corporation
Tipo Empresa de capital aberto
Slogan Experience what's inside.
Cotação (NASDAQ: INTC)
(NYSEINTC)
(Euronext: INCO
Dow Jones Industrial Average
NASDAQ-100
S&P 500
Indústria Semicondutores
Gênero Incorporation
Fundação 1968 em Mountain View,
Santa Clara, Califórnia,
 Estados Unidos
Fundador(es) Gordon Moore e
Robert Noyce
Sede Santa Clara, Califórnia,
Estados Unidos Estados Unidos
Área(s) servida(s) Mundo
Presidente Brian Krzanich
Pessoas-chave Brian Krzanich
(Diretor executivo)
Empregados 82,500(2010)[1]
Produtos Bluetooth, Chipsets,
Memórias flash,
Microprocessadores,
Placa de rede e Placa-mãe
Valor de mercado Aumento US$117.305 bilhões(2010)[2]
Lucro Aumento US$ 11.464 bilhões(2010)[1]
LAJIR Aumento US$ 16.045 bilhões(2010)[1]
Faturamento Aumento US$ 43.623 bilhões(2010)[1]
Renda líquida Aumento US$ 49.430 bilhões(2010)[1]
Website oficial www.intel.com

Intel Corporation (NASDAQ: INTC)[3] (Intel)[4] é uma empresa multinacional, que fabrica circuitos integrados como microprocessadores [5] e outros chipsets.

História[editar | editar código-fonte]

Fundada em 18 de Julho de 1968 por Robert Noyce (físico e co-inventor) e Gordon Earle Moore (físico e químico) , o primeiro produto da empresa foi o circuito integrado de memória RAM, e a mesma logo se tornou líder neste mercado nos anos 1970. Paralelamente, os engenheiros da Intel Marcian Hoff, Federico Faggin, Stanley Mazor e Masatoshi Shima inventaram o primeiro microprocessador. Originalmente desenvolvido para a companhia japonesa Busicom a fim de substituir o ASIC's da calculadora já produzida pela Busicom, o Intel 4004 foi introduzido no mercado para produção em massa em 15 de Novembro 1971, embora o microprocessador não tenha se transformado no núcleo do negócio de Intel até meados dos anos 1980 (nota: À Intel é dado geralmente o crédito juntamente com a Texas Instruments pela invenção quase-simultânea do microprocessador).

Em 1983, alvorecer da era do computador pessoal, os lucros de Intel vieram sob a pressão aumentada dos fabricantes japoneses de circuitos integrados de memória, e o então presidente Andy Grove resolveu dirigir a companhia com foco nos microprocessadores. Um elemento chave de seu plano era a intenção, considerada então radical, de transformar-se na única fonte para os sucessores do popular microprocessador 8086. Foi lançado o processador 8088, que fez um grande sucesso para os computadores recém-lançados da IBM, os primeiros PC´s. Posteriormente surgiram outros que ganharam mais recursos e maior velocidade de processamento, pertencentes a então denominada família de processadores x86. Mas, ao lançar o quarto processador que deveria se chamar 80586, a Intel acabou criando a marca registrada Pentium (apesar do rótulo 80586, mais conhecido como 586, ter sido aplicado por muito tempo por concorrentes da Empresa).

Intel 8008

Até então, a manufatura de circuitos integrados complexos não era confiável o bastante para que os clientes dependessem de um único fornecedor, porém Grove começou a produzir processadores em três fábricas geograficamente distintas e cessou de licenciar os projetos de microprocessadores aos concorrentes tais como Zilog e AMD. Quando a indústria do PC explodiu nos anos 1980 e no começo dos anos 1990, a Intel foi uma das mais beneficiadas.

Durante os anos 1990, os Laboratórios da Arquitetura Intel(Intel Architecture Labs - IAL) eram responsáveis por muitas das inovações da estrutura do computador pessoal, incluindo o barramento PCI, o barramento PCI express (PCIe), o barramento serial universal (Universal Serial Bus - 'USB'), e a arquitetura agora dominante para usuários de multiprocesadores, a x86.

Instalações[editar | editar código-fonte]

A fábrica de microprocessadores da Intel na Costa Rica foi responsável em 2006 por 20% das exportações e 4,9% do PIB costarriquenho. [6]

A sede da Intel fica em Santa Clara, Condado de Santa Clara no estado da Califórnia, Estados Unidos. A empresa também possui instalações na China, Costa Rica, Malásia, Brasil, Israel, Irlanda, Índia, Filipinas e na Rússia. Nos Estados Unidos, a Intel emprega mais de 45.000 funcionários em Colorado, Massachusetts, Arizona, Novo México, Oregon, Texas, Washington, e Utah.[7]

Microcontroladores[editar | editar código-fonte]

A Intel fabrica alguns microcontroladores dentre eles:

Referências

  1. a b c d e «e10kv» (em inglês). United States Securities and Exchange Commission. Consultado em 9 de abril de 2011 
  2. «Global 500 Dec 2010» (PDF) (em inglês). Financial Times. Consultado em 9 de abril de 2011 
  3. «Empresa de Telemedicina e Vida Independente da Intel e GE Inicia Suas Operações». Intel.com. Consultado em 9 de abril de 2011 
  4. «Intel® Trademarks» (em inglês). Intel.com. Consultado em 9 de abril de 2011 
  5. Lucas Carvalho (23 de fevereiro de 2017). «Entenda as diferenças entre processadores AMD e Intel». Olhar Digital. Consultado em 23 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 23 de fevereiro de 2017 
  6. «Intel supone el 4,9 por ciento del PIB de Costa Rica» (em espanhol). El Economista. 6 de outubro de 2006. Consultado em 13 de abril de 2008 
  7. «Intel Communities» (em inglês). Website da Intel Corporation. Consultado em 16 de abril de 2008 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.