Saltar para o conteúdo

Carmo do Rio Verde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Carmo do Rio Verde
  Município do Brasil  
Símbolos
Bandeira de Carmo do Rio Verde
Bandeira
Brasão de armas de Carmo do Rio Verde
Brasão de armas
Hino
Gentílico carmo-rio-verdino
Localização
Localização de Carmo do Rio Verde em Goiás
Localização de Carmo do Rio Verde em Goiás
Localização de Carmo do Rio Verde em Goiás
Carmo do Rio Verde está localizado em: Brasil
Carmo do Rio Verde
Localização de Carmo do Rio Verde no Brasil
Mapa
Mapa de Carmo do Rio Verde
Coordenadas 15° 21' 14" S 49° 42' 28" O
País Brasil
Unidade federativa Goiás
Municípios limítrofes Ceres, Uruana, Itapuranga e São Patrício
Distância até a capital 180 km
História
Fundação 14 de novembro de 1952 (71 anos)
Administração
Prefeito(a) Geraldo dos Reis Oliveira[1] (PODE, 2021–2024)
Características geográficas
Área total [2] 455,924 km²
População total (Censo IBGE/2010[3]) 9 571 hab.
Densidade 21 hab./km²
Clima quente e semi úmido
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010[4]) 0,713 alto
PIB (IBGE/2008[5]) R$ 90 341,123 mil
PIB per capita (IBGE/2008[5]) R$ 9 679,75

Carmo do Rio Verde é um município brasileiro do estado de Goiás. Situado na região do Vale do São Patrício, sua população segundo estimativa do IBGE em 2007 é de 12.587 habitantes. É um município que vem se destacando regionalmente, devido às indústrias têxtil e sucroalcooleira. A cidade tornou-se nacionalmente conhecida em 1985, após o assassinato do sindicalista Nativo da Natividade de Oliveira, morto após entrar em conflito com os interesses da indústria sucroalcooleira.[6]

Política[editar | editar código-fonte]

Em 2013, o prefeito Delson José Santos (PSDB) foi preso durante o exercício do mandato, na Operação Tarja Preta, acusado de pertencer a uma quadrilha que superfaturava a compra de remédios do município.[7]

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município está sobre uma altitude que varia de 557 à 630 metros. A vegetação cerrado é o que predomina com algumas zonas de transição.

Filha ilustre[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Candidatos a vereador Carmo do Rio Verde-GO». Estadão. Consultado em 5 de junho de 2021 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 31 de julho de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  6. Carneiro, Ana; Cioccari, Marta. Retrato da Repressão Política no Campo – Brasil 1962-1985. 2 ed. Brasília: Ministério do Desenvolvimento Agrário, 2011. 371 p. p. 250. Página visitada em 11 de novembro de 2012.
  7. Borges, Fernanda (15 de outubro de 2013). «Presos 12 prefeitos suspeitos de fraudar licitação de remédios em GO». g1.com. Consultado em 10 de abril de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]