Hidrolina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde abril de 2017).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Município de Hidrolina
"Lobeira"
Igreja Matriz do município

Igreja Matriz do município
Bandeira de Hidrolina
Brasão indisponível
Bandeira Brasão indisponível
Hino
Aniversário 14 de novembro
Fundação Artur Bonifácio, Antônio Pereira e Graciano Guimarães
Gentílico hidrolinense
Prefeito(a) Osvaldo Moreira Vaz (Zazá Helói)[1] (PMDB)
(2017–2020)
Localização
Localização de Hidrolina
Localização de Hidrolina em Goiás
Hidrolina está localizado em: Brasil
Hidrolina
Localização de Hidrolina no Brasil
14° 43' 26" S 49° 27' 54" O14° 43' 26" S 49° 27' 54" O
Unidade federativa  Goiás
Mesorregião Centro Goiano IBGE/2008 [2]
Microrregião Ceres IBGE/2008 [2]
Municípios limítrofes Pilar de Goiás, Uruaçu,São Luiz do Norte,Santa Rita do Novo Destino.
Distância até a capital 275 km
Características geográficas
Área 580,386 km² [3]
População 3 889 hab. IBGE/2016[4]
Densidade 6,7 hab./km²
Altitude 603 m
Clima Tropical
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,677 médio PNUD/2000 [5]
PIB R$ 35 247,154 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 8 330,69 IBGE/2008[6]
Página oficial

Hidrolina é um município brasileiro do estado de Goiás. Situado na região do Vale do São Patrício, sua população estimada segundo o IBGE em 2016 era de 3.889 habitantes.[4]

História[editar | editar código-fonte]

Hidrolina começou em 1950 com a doação de terras para a Igreja Católica por dois fazendeiros locais, sendo eles Graciano Gonçalves Guimarães (Barroso) e Antônio Pereira Silva. A capela foi construída em homenagem a Santo Antônio Maria Claret e logo casas foram edificadas ao redor. O primeiro nome foi "Lobeira" devido à existência dessa árvore na região, por isso também é conhecida pela alcunha (apelido) "Lobeira". Em 1958 foi elevado a distrito e mudou o nome para Hidrolina, por causa da presença de muitos córregos. No mesmo ano, tornou-se um município. Está localizada na mesorregião conhecida como centro goiano, tendo sido elevada à condição de cidade em 14 de novembro de 1958.[carece de fontes?]

Economia[editar | editar código-fonte]

A Economia Hidrolinense é representada basicamente pela pecuária, no meio rural, e pelo pólo têxtil de confecções da cidade.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se à latitude 14° 43' 26" sul e à longitude 49° 27' 54" oeste e à altitude de 600 metros. Sua Área é de 580 km² representando 0.1707% do Estado, 0.0363% da Região e 0.0068% de todo o território brasileiro.[3]

Seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é de 0.677.[5]

Referências

  1. «Resultado Eleições 2016». TSE. 2 de outubro de 2016. Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  2. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  3. a b IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. a b «Estimativas da população residente no Brasil e Unidades da Federação com data de referência em 1º de julho de 2016» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 1 de julho de 2016. Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  5. a b «Cidades - Índice de Desenvolvimento Humano Municipal». Atlas Brasil 2013 do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. IBGE. 2010. Consultado em 31 de janeiro de 2017 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.