Cultura de Santa Lúcia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Translation Latin Alphabet.svg
Este artigo ou seção está a ser traduzido de «Cultura de Santa Lucía» na Wikipédia em espanhol (desde julho de 2012). Ajude e colabore com a tradução.

A cultura de Santa Lúcia é uma mistura de influências do patrimônio africano, francês e a lingua frances é a oficial da ilha, onde também se fala o crioulo caribenho, uma forma do patois francês que é um importante idioma secundário.

O povo é predominantemente católico, mas o clima religioso é de tolerância.

Festivais[editar | editar código-fonte]

Santa Lúcia sedia a cada ano dois principais festivais tradicionais, La Woz ("A Rosa", celebrado em 30 de Agosto) e La Magwit ("A Margarida", em 17 de Outubro), organizados por duas associações históricas rivais (societés) com o mesmo nome. Os afiliados das societés compreendem quase toda a população do país.

A época de Natal é celebrada com festivais e paradas que acontecem por toda a extensão da ilha.

Santa Lúcia também celebra um festival cultural conhecido como o Dia do Criolo (Jounen Kwéyòl), festejado no último domingo de Outubro de cada ano. Nesse dia, as várias cidades escolhidas como sedes do ano mostram o resultado das preparações para o festival, principalmente ao que diz respeito aos comes e bebes típicos, como a fruta-pão, o figo, a banana da terra, o bacalhau, a cavala, o gambá, a carne de porco cozida, o Johnny Cake (doce com massa frita), o bouyon (um ensopado de peixe, galinha e carne vermelha com inhame, mandioca, bananas da terra e bananas brancas), bolinhos de inhame, limonadas, sucos de goiaba, entre outros. A maioria da população passa esse dia vestindo a roupa nacional: o Madra. As pessoas que não querem vestir a roupa em específico, que é composta por saias e vestidos xadrez) usam outras roupas feitas de tecido com estampa xadrez.

Práticas seculares incluem um festival renomado de música Jazz. Esse festival, que teve sua primeira edição em 1991, atrai multidões de amantes da música advindos de todo o mundo.

Música[editar | editar código-fonte]

A cultura musical de Santa Lúcia inclui a tradição musical do folclore indígena, bem como outros gêneros musicais caribenhos, como soca, zouk e reggae. A produção de zouk santa-lucense destaca o território como um dos líderes mundiais.

Literatura[editar | editar código-fonte]

Derek Walcott, ganhador do Prêmio Nobel de Literatura em 1992, é o escritor mais importante da ilha.

Esportes[editar | editar código-fonte]

O esporte mais popular no país é o críquete, seguido pelo futebol, ambos jogados em todas as Índias Ocidentais.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de Santa Lúcia Santa Lúcia
Bandeira • Brasão • Hino • Cultura • Demografia • Economia • Geografia • História • Portal • Política • Subdivisões • Imagens
Ícone de esboço Este artigo sobre o Caribe é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.