Esther de Figueiredo Ferraz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Esther de Figueiredo Ferraz
Nascimento 6 de fevereiro de 1915
São Paulo
Morte 23 de setembro de 2008 (93 anos)
Nacionalidade  Brasileira
Ocupação Advogada

Esther de Figueiredo Ferraz (São Paulo, 6 de fevereiro de 191523 de setembro de 2008) foi uma advogada e professora brasileira, secretária de Estado em São Paulo, e a primeira mulher ministra de Estado no Brasil.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Era filha de Odon Carlos de Figueiredo Ferraz e de Julieta Martins de Figueiredo Ferraz, tendo sido irmã do ex-prefeito de São Paulo José Carlos de Figueiredo Ferraz. Fez seus primeiros estudos em Mococa. Foi a primeira mulher a possuir um cargo de ministra no Brasil, ocupando a pasta da Educação no governo do general João Figueiredo, de 24 de agosto de 1982 a 15 de março de 1985.[1]

Recebeu inúmeras honrarias, destacando-se a da Ordem do Mérito Nacional da Educação.[carece de fontes?]

Faleceu, sem ter se casado, vítima de acidente vascular cerebral

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Rubem Carlos Ludwig
Ministro da Educação do Brasil
1982 — 1985
Sucedido por
Marco Maciel


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.