Lista de universidades federais do Brasil por orçamento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Out of date clock icon.svg
Os valores abaixo correspondem ao ano de 2013 e não contemplam todas as universidades federais existentes na atualidade. Esta página precisa ser atualizada com dados mais recentes. pode conter informações desatualizadas. Se sabe algo sobre o tema abordado, edite a página e inclua informações mais recentes, citando fontes fiáveis e independentes.

Esta é uma lista de universidades federais do Brasil ordenadas por orçamento anual.

Em virtude de sua criação recente (2013), a Universidade Federal da Região do Cariri (UFRC), no Ceará, a Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOBA), na Bahia, a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFESBA), na Bahia, e a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UFSSP), no Pará, ainda estão sob supervisão da Universidade Federal do Ceará e da Universidade Federal da Bahia, de modo que o orçamento destas duas últimas contempla também o orçamento das quatro primeiras.[1]

Universidade Sigla Orçamento (R$) Ref
Rio de JaneiroUniversidade Federal do Rio de Janeiro UFRJ 2 432 402 971,58 [2]
Distrito Federal (Brasil)Universidade de Brasília UNB 1 650 825 799,96 [3]
Minas GeraisUniversidade Federal de Minas Gerais UFMG 1 527 927 782,80 [4]
Rio de JaneiroUniversidade Federal Fluminense UFF 1 419 396 070,60 [5]
Rio Grande do SulUniversidade Federal do Rio Grande do Sul UFRGS 1 358 321 628,73 [6]
Santa CatarinaUniversidade Federal de Santa Catarina UFSC 1 171 513 559,84 [7]
Rio Grande do NorteUniversidade Federal do Rio Grande do Norte UFRN 1 132 070 216,09 [8]
BahiaUniversidade Federal da Bahia UFBA 1 130 456 749,47 [9]
ParaíbaUniversidade Federal da Paraíba UFPB 1 069 982 095,88 [10]
CearáUniversidade Federal do Ceará UFC 1 154 673 348,78 [11]
ParanáUniversidade Federal do Paraná UFPR 1 038 070 033,68 [12]
PernambucoUniversidade Federal de Pernambuco UFPE 1 042 453 729,28 [13]
ParáUniversidade Federal do Pará UFPA 948 634 043,22 [14]
GoiásUniversidade Federal de Goiás UFG 882 307 463,77 [15]
São PauloUniversidade Federal de São Paulo UNIFESP 818 465 907,43 [16]
Rio Grande do SulUniversidade Federal de Santa Maria UFSM 812 314 768,37 [17]
Minas GeraisUniversidade Federal de Uberlândia UFU 689 695 408,02 [18]
Espírito Santo (estado)Universidade Federal do Espírito Santo UFES 651 136 741,21 [19]
Minas GeraisUniversidade Federal de Viçosa UFV 643 817 657,20 [20]
Minas GeraisUniversidade Federal de Juiz de Fora UFJF 623 911 369,53 [21]
Mato GrossoUniversidade Federal de Mato Grosso UFMT 610 595 437,06 [22]
MaranhãoUniversidade Federal do Maranhão UFMA 542 753 137,13 [23]
ParanáUniversidade Tecnológica Federal do Paraná UTFPR 551 170 202,22 [24]
AlagoasUniversidade Federal de Alagoas UFAL 541 684 659,59 [25]
PiauíUniversidade Federal do Piauí UFPI 522 573 127,32 [26]
Rio Grande do SulUniversidade Federal de Pelotas UFPEL 497 414 379,83 [27]
Rio de JaneiroUniversidade Federal Rural do Rio de Janeiro UFRRJ 444 454 025,32 [28]
AmazonasUniversidade Federal do Amazonas UFAM 487 505 649,86 [29]
ParaíbaUniversidade Federal de Campina Grande UFCG 455 035 652,63 [30]
Mato Grosso do SulUniversidade Federal de Mato Grosso do Sul UFMS 460 211 876,83 [31]
SergipeUniversidade Federal de Sergipe UFS 454 798 690,80 [32]
São PauloUniversidade Federal de São Carlos UFSCAR 431 643 049,83 [33]
PernambucoUniversidade Federal Rural de Pernambuco UFRPE 390 141 897,46 [34]
Rio Grande do SulUniversidade Federal do Rio Grande FURG 334 103 593,94 [35]
Minas GeraisUniversidade Federal de Ouro Preto UFOP 316 743 883,04 [36]
Rio de JaneiroUniversidade Federal do Estado do Rio de Janeiro UNIRIO 283 822 011,54 [37]
São PauloUniversidade Federal do ABC UFABC 245 419 716,99 [38]
Minas GeraisUniversidade Federal de Lavras UFLA 243 982 697,03 [39]
TocantinsUniversidade Federal do Tocantins UFT 219 836 442,65 [40]
AcreUniversidade Federal do Acre UFAC 221 390 778,36 [41]
Minas GeraisUniversidade Federal do Triângulo Mineiro UFTM 225 500 702,42 [42]
Rio Grande do SulUniversidade Federal do Pampa UNIPAMPA 208 045 391,68 [43]
Minas GeraisUniversidade Federal de São João del-Rei UFSJ 215 243 883,24 [44]
ParanáRio Grande do SulSanta CatarinaUniversidade Federal da Fronteira Sul UFFS 187 512 089,75 [45]
Minas GeraisUniversidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri UFVJM 173 026 200,86 [46]
Rio Grande do NorteUniversidade Federal Rural do Semi-Árido UFERSA 184 410 151,10 [47]
BahiaUniversidade Federal do Recôncavo da Bahia UFRB 163 849 187,62 [48]
Minas GeraisUniversidade Federal de Itajubá UNIFEI 165 239 428,20 [49]
RondôniaUniversidade Federal de Rondônia UNIR 163 130 147,28 [50]
ParáUniversidade Federal Rural da Amazônia UFRA 169 986 067,29 [51]
Minas GeraisUniversidade Federal de Alfenas UNIFAL 146 117 051,37 [52]
RoraimaUniversidade Federal de Roraima UFRR 161 295 560,51 [53]
Mato Grosso do SulUniversidade Federal da Grande Dourados UFGD 133 969 643,20 [54]
BahiaPernambucoPiauíUniversidade Federal do Vale do São Francisco UNIVASF 139 231 979,40 [55]
ParáUniversidade Federal do Oeste do Pará UFOPA 108 970 558,02 [56]
ParanáUniversidade Federal da Integração Latino-Americana UNILA 106 883 216,65 [57]
Rio Grande do SulUniversidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre UFCSPA 100 143 140,46 [58]
AmapáUniversidade Federal do Amapá UNIFAP 91 135 310,65 [59]
CearáUniversidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira UNILAB 66 411 015,10 [60]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. MEC (05 de junho de 2013). http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=18763. Consultado em 15 de outubro de 2014  Verifique data em: |data= (ajuda); Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  2. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  3. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  4. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de janeiro de 2015 
  5. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  6. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014 [ligação inativa]
  7. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014 [ligação inativa]
  8. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  9. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  10. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  11. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  12. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014 [ligação inativa]
  13. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  14. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  15. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  16. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014 [ligação inativa]
  17. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  18. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  19. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  20. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  21. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  22. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  23. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  24. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  25. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  26. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  27. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  28. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  29. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  30. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  31. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  32. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  33. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  34. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  35. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  36. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  37. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  38. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  39. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  40. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  41. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  42. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  43. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  44. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  45. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  46. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  47. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  48. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  49. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  50. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  51. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013 [ligação inativa]
  52. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  53. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  54. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  55. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  56. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  57. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  58. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  59. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 4 de março de 2016 
  60. Portal da Transparência. «Gastos Diretos por Órgão Executor». Consultado em 15 de outubro de 2013. Arquivado do original em 3 de março de 2016