Air Canada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Air Canada
IATA
AC
ICAO
ACA
Indicativo de chamada
AIR CANADA
Fundada em 11 de abril de 1936 (78 anos) (como Trans-Canada Airlines)
Hub
Focus cities
Programa de milhagem Aeroplan
Lounge Maple Leaf Club
Aliança aérea Star Alliance
Subsidiária(s)
  • Air Canada Cargo
  • Air Canada Jetz
  • Air Canada Vacations
Frota 204
Destinos 104
Slogan GO FAR
Holding ACE Aviation Holdings Inc. (companhia privada)
Sede Canadá Montreal, Quebec, Canadá
Pessoa(s)
chave
Calin Rovinescu (CEO e Presidente)
Website www.aircanada.com
Air Canada 777.jpg
A sede da Air Canada

A Air Canada é a maior linha aérea do Canadá. É atualmente a décima nona maior linha aérea do mundo em número de passageiros transportados anualmente, possuindo a décima segunda maior frota do mundo. A Air Canada emprega mais de 42 mil pessoas. Sua frota é de 337 aviões, atendendo uma média de 20 milhões de passageiros por ano.

O principal centro de operações da Air Canada é o Aeroporto Internacional Pearson Toronto, em Mississauga, Ontário, enquanto a sede da empresa está localizado em Montreal, Quebec. É considerada uma das linhas aéreas mais seguras do mundo. A Air Canada é um membro fundador da Star Alliance, juntamente com Lufhtansa, SAS e United Airlines.

História[editar | editar código-fonte]

A Air Canada foi fundada com o nome de Trans-Canada Airlines, como uma subsidiária da Canadian National Railway, uma companhia ferroviária estatal. Iniciou vôos comerciais de passageiros em 1 de setembro de 1937. Tornou-se a maior linha aérea do país por volta de 1964, quando a companhia adotou o seu nome atual, Air Canada. Tornou-se independente da Canadian National Railways em 1978, tornando-se uma companhia estatal independente.

A Air Canada foi privatizada em 1989, e comprou a Canadian Airlines, então a segunda maior linha aérea do país, em janeiro de 2000. Passou por dificuldades financeiras após os Ataques de 11 de Setembro de 2001, recuperando-se a partir de 2004, e registrando um ávit recorde no orçamento financeiro de 2005. Com a encomenda de diversos aviões e a adição de numerosos destinos que se seguiu, a Air Canada poderá tornar-se a nona maior linha aérea do mundo em frota em 2008.

Frota[editar | editar código-fonte]

Air Canada - 199 Aeronaves (Outubro 2012)

37 Airbus A319

36 Airbus A320

10 Airbus A321

08 Airbus A330-300

30 Boeing 767-300

06 Boeing 777-200

12 Boeing 777-300

15 Embraer 175

45 Embraer 190

Air Canada Jetz - 6 Aeronaves (Outubro 2012)

1 Airbus A319

5 Airbus A320

Air Canada Jaaz - 136 Aeronaves (Outubro 2012)

15 Bombardier CRJ100

26 Bombardier CRJ200

16 Bombardier CRJ700

79 Bombardier Q Series

Noticias[editar | editar código-fonte]

A Air Canada vai ampliar seus serviços para o Brasil, trazendo o Boeing 777-300ER, a maior e mais moderna aeronave do mercado, para atender novamente a rota São Paulo-Toronto.

O Boeing 777 chega ao Brasil em 1 de dezembro de 2010, ficando até final de março de 2011. O avião vai substituir o Boeing 767-300ER, de 211 lugares, e aumentar a oferta na rota Brasil-Canadá em 138 lugares.

Com 349 assentos, a aeronave está equipada com a nova e sofisticada Executive First, com as poltronas que viram camas. Todos os passageiros, das classes econômica e executiva, usufruem de um sistema digital de entretenimento com 80 horas de vídeo e 50 horas de áudio, entrada USB e uma tomada de 110v nas poltronas.

Air Canada fecha novo acordo com LSG Sky Chefs

A Air Canada fechou um novo contrato de longo prazo com a LSG Sky Chefs, a maior fornecedora mundial de serviços de bordo e integrante do Grupo Lufthansa.

O novo acordo inclui oito cidades na América do Norte (Boston, Fort Lauderdale, Los Angeles, Nova York – La Guardia, Orlando, São Francisco, Seattle e Washington DC), quatro na Europa (Frankfurt, LondresHeathrow, Munique e Roma), duas na Ásia (Hong Kong e XangaiPudong) e quatro na América Latina (Buenos Aires, Cidade do México, Santiago e São Paulo).

A Air Canada já utiliza os serviços da LSG Sky Chefs há mais de 12 anos em 15 localidades. Os três novos aeroportos são Londres, México e Xangai.

Air Canada completa com êxito na América Latina o primeiro embarque com check-in feito via celular

Seguindo seus planos, a Air Canada realizou em setembro, no aeroporto de Santiago do Chile, o primeiro embarque de passageiros que fizeram o check-in utilizando a telefonia celular. Com isso, a empresa tornou-se a primeira a efetuar com êxito este inovador serviço na América Latina.

Através de uma aplicação web desenvolvida pela Air Canada e disponível para o acesso a partir do url http://mobile.aircanada.com, os passageiros puderam obter o cartão de embarque eletrônico.

Com um código de barras bidimensional, através do serviço é possível realizar e alterar reservas, fazer ajustes no itinerário, receber informações e alertas sobre o voo, além de acessar outras informações. O código é apresentado diretamente no portão de embarque, dispensando por completo qualquer uso de papel.

Air Canada dobra o serviço diário entre Vancouver e Tóquio com voos non-stop do Canadá para o Aeroporto de Haneda

A Air Canada anunciou a expansão de seu serviço para Tóquio, adicionando um novo voo diário e non-stop entre Vancouver e o Aeroporto de Haneda, localizado perto da capital japonesa. A nova rota começa a ser operada em 29 de janeiro de 2011, e irá complementar os voos diários já existentes para o aeroporto Internacional de Narita – a novidade, que vai dobrar o serviço diário entre Vancouver e Tóquio, faz parte da estratégia de expansão internacional da Air Canada. Os voos já estão disponíveis para compra.

Os voos são programados para oferecer conexões convenientes em Haneda de/para Bangkok e Singapura, e conexões em Vancouver a partir de vários pontos servidos pela Air Canada no oeste do Canadá e na costa oeste dos Estados Unidos.

Os novos voos da companhia aérea para Haneda serão operados com o Boeing 767-300 ER com 211 assentos, que oferece duas opções de classes: Executive First e Econômica, ambas com sistema individual de entretenimento, disponível em todos os assentos da aeronave.

Com estes novos voos para Haneda, a Air Canada passa a oferecer o maior número de voos entre o Canadá e o Japão, com até 24 voos non-stop semanais de Vancouver, Calgary e Toronto para Narita e Haneda.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Air Canada