TV Aparecida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rede Aparecida)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o município do estado de São Paulo, veja Aparecida (São Paulo).
Ambox important.svg
Este artigo ou seção parece estar escrito em formato publicitário ou apologético.
Por favor ajude a reescrever este artigo para que possa atingir um ponto de vista neutro, evitando assim conflitos de interesse.
Para casos explícitos de propaganda, em que o título ou todo o conteúdo do artigo seja considerado como um anúncio, considere usar {{ER|6|2=~~~~}}, regra nº 6 da eliminação rápida.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde abril de 2012). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
TV Aparecida
Fundação Nossa Senhora Aparecida
Tipo Rede de televisão aberta religiosa
País Brasil
Fundação 8 de setembro de 2005 (13 anos)
Pertence a Rede Aparecida de Comunicação
Cidade de origem São Paulo Aparecida, SP
Sede Bandeira de Aparecida, SP.svg Aparecida, SP
Estúdios Bandeira de Aparecida, SP.svg Aparecida, SP
Slogan A fé está no ar!
Formato de vídeo
Canais irmãos
Cobertura 89% do território nacional
Emissoras afiliadas Lista de emissoras
Página oficial www.a12.com/tv
Disponibilidade aberta e gratuita
Analógico
Digital
Disponibilidade por satélite
Claro TV
Canal 18
Vivo TV
Oi TV
Algar TV
Canal 718
Sky
  • Canal 11
StarOne C3
3954 MHz @ 6666 ksps, Vertical (HDTV)
StarOne C2
3982 MHz @ 4573 ksps, Vertical (HDTV)

4030 MHz (1120 MHz Banda L), Horizontal (Analógico)

Disponibilidade por cabo
Vivo TV
Canal 30
NET
  • Canal 195
  • Canal 695
TV Alphaville
Canal 194 (HD)
TCM
Canal 145
Disponibilidade digital
A12
Assistir ao vivo

TV Aparecida é uma rede de televisão brasileira de conteúdo religioso e de entretenimento, com sede em Aparecida, no estado de São Paulo. A TV Aparecida está entre as 14 maiores redes de televisão do Brasil em abrangência, e é a 7ª emissora de TV aberta mais vista em todo o país.[1] Em sua programação, há programas culturais, educativos, jornalísticos, esportivos, musicais, femininos, transmissões ao vivo, filmes e desenhos infantis. Além da TV digital, a emissora está em fase de implantação em todas as outras operadoras de DTH, de acordo com a determinação da lei do SeAC (Lei nº 12.485/2011).[2] A emissora disponibiliza, por meio de um setor voltado para tanto,[3] recursos de acessibilidade comunicacional como closed caption (legenda oculta) e o audiodescrição.

História[editar | editar código-fonte]

Sede da TV Aparecida em Aparecida, São Paulo.

A Rede Aparecida nasceu de uma iniciativa da Igreja Católica. A Fundação Nossa Senhora Aparecida, mantenedora da Rádio Aparecida, ganhou a concessão do canal 59 UHF de Aparecida/SP, o qual entrou no ar em 7 de setembro de 2004, para os habitantes da região. Porém, com cobertura para todo o Brasil, o sinal entrou no ar somente em 8 de setembro de 2005. Ainda em 2005, a Rede Vida num primeiro momento chegou a retransmitir a programação entre 9 as 12h na semana.

Em 11 de setembro de 2005, passou a ser a geradora da missa das 8h de domingo da TV Cultura de São Paulo. Já em 11 de outubro do mesmo ano, transmitiu ao vivo, em parceria com outras TVs Católicas, o 1º Show pela Paz e Solidariedade, realizado no pátio Papa João Paulo II, na área sul do Santuário Nacional.[4]

O Sistema TV Paulista, antiga rede de retransmissoras de Gugu Liberato, passa a levar o sinal da TV Aparecida para 17 outras cidades a partir de abril de 2007. A rede passou a atingir neste ano cidades como São Luís/MA, João Pessoa/PB, Florianópolis/SC e Fortaleza/CE. No dia 20 de maio de 2011 a emissora ganha uma afiliada na capital da Bahia, a TV FBE: Televisão Brasil Ecoar canal 15.

Em agosto de 2009, a TV Aparecida contratou a ex-apresentadora da RedeTV! Olga Bongiovanni[5] Atualmente, Olga não faz mais parte da emissora. Em 1 de abril de 2010, a TV Aparecida e o Santuário Nacional criam o A12, o portal de notícias de Aparecida. O portal traz notícias para os telespectadores de todo o Brasil além de manter o sinal da TV Aparecida e da Rádio Aparecida online para todo o mundo. O nome "A12" segue o formato de alguns portais conhecidos, como o G1 e o R7.

No dia 23 de agosto de 2010, a TV Aparecida em parceria com a TV Canção Nova realizam o primeiro debate presidencial. É a primeira vez que emissoras de TV católicas realizam esse tipo de evento.[6]

Em setembro de 2011, é lançado o aplicativo da Rede Aparecida de Comunicação para dispositivos dos sistemas Apple (IOS) e Android com a programação da TV Aparecida e da Rádio Aparecida (OM, OC/OT e FM) em tempo real.[7] A emissora está entre as 14 maiores em Abrangência, segundo a Anatel.[8]

Em outubro de 2016, a TV Aparecida anuncia sua programação especial dos 300 anos de Nossa Senhora Aparecida. Para tanto, anuncia a exibição de sua primeira telenovela, A Padroeira, adquirida através de contrato inédito com a Rede Globo.[9][10]

Programas[editar | editar código-fonte]

A maior parte da programação é composta por programas católicos e transmissões ao vivo das missas diretamente do Santuário Nacional.[11]

Ver em Programas da TV Aparecida.

Emissoras[editar | editar código-fonte]

Telenovelas exibidas na TV Aparecida[editar | editar código-fonte]

Através de contrato inédito assinado com a TV Globo em outubro de 2016, a TV Aparecida anunciou, em novembro, a exibição na íntegra da telenovela A Padroeira, que foi exibida entre 17 de abril de 2017 em dois horários: 19h e 22h30, e seu último capítulo sendo exibido em 22 de dezembro de 2017, com reprise no dia 23, um dia antes da vespéra de natal. Sua substituta, O Direito de Nascer, com co-produção original da produtora JPO com o SBT, em 1997, com exibição original em 2001, começou a ser exibida em 14 fevereiro de 2018 e encerrou em 8 de agosto de 2018. Entre a novela O Direito de Nascer e a novela venezuelana Coração Esmeralda, foi exibida, de 9 de agosto a 15 de setembro, a série italiana Mistérios no Convento.

  1. A Padroeira: 17 de abril de 2017 a 22 de dezembro de 2017.
  2. O Direito de Nascer: 14 de fevereiro de 2018 - 08 de agosto de 2018
  3. Coração Esmeralda: 17 de setembro de 2018 -23 de fevereiro de 2019

Séries[editar | editar código-fonte]

  1. Mistérios no convento: 9 de junho de 2014 - 15 de setembro de 2018
  2. Bem-Aventurados: 06 de março de 2019 - 15 de abril de 2019

Referências

  1. Feltrin, Ricardo (8 de novembro de 2016). «Ranking TV aberta e paga: TV Aparecida entra no top 20 de ibope em outubro». UOL TV e Famosos. Grupo Folha. Consultado em 29 de novembro de 2017 
  2. LEI Nº 12.485, DE 12 DE SETEMBRO DE 2011.
  3. Conteúdo de qualidade e acessível para todos
  4. Portal A12 relembra palavras do Papa João Paulo II no Santuário Nacional
  5. «Olga Bongiovanni estréia na TV Aparecida». www.portaldapropaganda.com.br. Consultado em 16 de fevereiro de 2017 
  6. «Emissoras de TV católicas realizam pela primeira vez debate com candidatos presidenciais-». Caritás. Consultado em 16 de fevereiro de 2017 
  7. Aplicativo
  8. TV Aparecida
  9. Ricardo Feltrin (25 de outubro de 2016). «TV Aparecida fecha contrato com Globo e vai exibir "A Padroeira"». UOL. Consultado em 26 de outubro de 2016 
  10. TV Aparecida (26 de outubro de 2016). «TV Aparecida exibe novela 'A Padroeira' em 2017». A12. Consultado em 26 de outubro de 2016. Arquivado do original em 26 de outubro de 2016 
  11. «Programas - TV Aparecida - A12». www.a12.com. Consultado em 11 de outubro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]