Portal:Armênia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo · Temas gerais · Resumo do conhecimento · Portais · Categorias · Anexos por tema · Glossários · Índice A-Z

Bandeau-portail-500.jpg


Bem-vindo ao
Portal da Armênia
Հայաստանի Վիկիպորտալ
Cartella viola.jpg
Brosen windrose-fr.svg
ver    
Coat of arms of Armenia.svg

A Arménia (português europeu) ou Armênia (português brasileiro), denominada oficialmente de República da Arménia, é um país localizado numa região montanhosa na Eurásia, entre o mar Negro e o mar Cáspio, no sul do Cáucaso.

Faz fronteira com a Turquia a oeste, Geórgia ao norte, Azerbaijão a leste, e com o Irã e com o enclave de Nakhchivan (pertencente ao Azerbaijão) ao sul. Apesar de geograficamente estar inteiramente localizada na Ásia, a Arménia possui extensas relações sociopolíticas e culturais com a Europa.

Foi a menor das repúblicas da extinta União Soviética. A Arménia configura-se num estado unitário, multipartidário, democrático, com uma antiga herança histórica e cultural. Historicamente foi a primeira nação a adotar o cristianismo como religião de Estado em 301. A Arménia é constitucionalmente um estado secular, tendo a fé cristã uma grande identificação com o povo. O país é uma democracia emergente e por causa de sua posição estratégica, tenta conciliar alianças com a Rússia e com o Oriente Médio.

Entre 1915 e 1923 sofreu o que os historiadores consideram o primeiro genocídio do século XX, perpetrado pelo Império Otomano e negado até hoje pela República da Turquia. As mortes são estimadas em 1,5 milhão de arménios e a deportação de milhões de outros, fazendo com que a Arménia tenha uma diáspora gigantesca pelo mundo, de descendentes que fugindo das perseguições, tomaram o rumo de países como França, EUA, Argentina, Brasil, Líbano e muitos outros.

A Arménia é atualmente membro de mais de 40 diferentes organizações internacionais, incluindo a ONU, o Conselho da Europa, Banco de Desenvolvimento da Ásia, CEI, Organização Mundial do Comércio e a Organização de Cooperação Econômica do Mar Negro. É observadora da Francofonia, e do Movimento Não-Alinhado. A Arménia também atua em organizações internacionais de desportos, como a FIFA, a UEFA, a Federação Internacional de Hóquei no Gelo.


LocationArmenia.svg


Cartella viola.jpg
Nuvola filesystems services.png
ver    
Bandeira da Administração da Armênia Ocidental.

A Administração da Armênia Ocidental foi um governo provisório armênio na região autônoma estabelecida originalmente em torno do lago Van, após a Resistência de Van, ocorrida durante a Campanha do Cáucaso sob a liderança de Aram Manougian, da Federação Revolucionária Armênia. Originalmente o território era conhecido por Vaspuracan Livre; após um início conturbado, em agosto de 1915, a administração foi reestabelecida em junho de 1916 com o nome de "Administração da Armênia Ocidental", em plena zona de guerra. A partir de dezembro de 1917 passou para o controle do Comissariado Transcaucasiano, com Hakob Zavriev como Comissário e, durante os primeiros estágios do estabelecimento da República Democrática da Armênia, foi incluida, juntamente com os outros conselhos nacionais armênios numa Armênia brevemente unificada.

O governo provisório foi estabilizado através das unidades voluntárias armênias, que formaram uma estrutura administrativa depois da Resistência de Van, no início de 1915. A maior representação política na Administração era a da Federação Revolucionária Armênia, e Aram Manougian, apelidado de "Aram de Van", foi seu mais famoso governador.

Cartella viola.jpg
Nuvola apps kontact.png
ver    
Leão o Grande, primeiro rei arménio da Cilícia.

Leão II da Arménia(PE) ou Armênia(PB), cognominado o Grande (1150 - 2 ou 5 de Maio de 1219), foi Príncipe das Montanhas desde 1187 e o primeiro rei arménio da Cilícia, desde 6 de Janeiro de 1199 até à sua morte. Filho do marechal Estêvão da Arménia com Rita de Barbaron, era neto do príncipe Leão I da Arménia e de Smbat de Barbaron, e fez parte da dinastia dos rubenidas (descendentes de Ruben I).

Poderoso governante, reconstruiu Sis, que se tornaria na capital do Reino Arménio da Cilícia até 1375. Adoptou os Assizes de Antioquia como a lei do reino, tendo-os traduzido para a língua arménia, presidia a uma corte educada e apoiava a caligrafia e as artes. Incentivou o comércio com as repúblicas de Veneza e Génova, abrindo os portos de Ayas e Corícia ao mundo. Aliou-se aos Cavaleiros Teutónicos e à Ordem do Hospital, mas expulsou os Templários do seu reino. Conquistou Heracleia e Larende aos turcos seljúcidas em 1211 e manteve-se na posse destas cidades por 5 anos.

Cartella viola.jpg
Nuvola filesystems camera.png
ver    
Sanahin1.jpg
Mosteiro de Sanahin.
Cartella viola.jpg
Nuvola apps remote.png
ver    

Portal:Armênia/Você sabia

Cartella viola.jpg
Nuvola apps kate.png
ver    
Cartella viola.jpg
Nuvola apps bad kcontrol.png
ver    

Artigos para desenvolver:

  • Outros artigos:

Artigos para revisar/reciclar:


Artigos para sofrerem fusão: Observação importante: Após fazer a fusão, favor riscar o nome da lista acima usando <s> e </s>.


Artigos para traduzir: Observação importante: Após fazer a fusão, favor riscar o nome da lista acima usando <s> e </s>.


Predefinições a traduzir/completar: Observação importante: Ao criar novos artigos procure criar todos os possíveis redirecionamentos.

Cartella viola.jpg
Nuvola apps kdmconfig.png
ver    
Predefinições
Infobox


Ligações
Portal A Wikipédia possui o
Portal da Armênia
Cartella viola.jpg
Nuvola apps bookcase.png
ver    
Cartella viola.jpg
Portal.svg
ver