Arsínoe I

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde Fevereiro de 2011). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
Arsínoe I
Rainha do Reino Ptolemaico
Reinado 285 a.C. a 274/273 a.C.
Predecessora Berenice I
Sucessora Arsínoe II
 
Marido Ptolemeu II Filadelfo
Descendência Ptolemeu III Evérgeta
Lisímaco
Berenice Sira
Dinastia Ptolemaica (por casamento)
Nascimento 305 a.C.
Macedônia
Morte c. 238 a.C. (67 anos)
Reino Ptolemaico
Pai Lisímaco da Macedônia
Mãe Niceia

Arsínoe I (305 a.C.ca. 295 a.C.), filha de Lisímaco, rei da Trácia, foi rainha do Egito de 284/281 a 274 a.C. e esposa de Ptolomeu II Filadelfo.

Arsínoe I era filha de Lisímaco,[1] mas o nome da sua mãe não é mencionado nos textos antigos; historiadores modernos supõem que sua mãe fosse Niceia, filha de Antípatro.[2]

Ptolomeu II Filadelfo, filho de Ptolomeu I Sóter e Berenice I,[3] casou-se com duas mulheres de nome Arsínoe: a primeira foi Arsínoe I, filha de Lisímaco,[1] através de um acordo diplomático feito entre Ptolomeu I Sóter e Lisímaco da Trácia;[carece de fontes?] a segunda foi sua própria irmã, Arsínoe II, em violação aos costumes macedônios, mas de acordo com os costumes egípcios.[4]

Todos os filhos legítimos de Ptolomeu II Filadelfo foram filhos de Arsínoe I.[1] Ela se casou com Ptolomeu II em 284/281 a.C., e eles tiveram três filhos, seu sucessor Ptolomeu III Evérgeta, Lisímaco e Berenice Sira. Por volta de 274 a.C. ela foi condenada por conspiração contra o faraó e foi exilada em Coptos, enquanto Ptolomeu II se casava com sua própria irmã Arsínoe II do Egito.

Arsínoe II, irmã/esposa de Ptolomeu II, morreu sem ter filhos de Ptolomeu II.[1] embora um filho dela, Ptolomeu Nios, tenha sido co-regente ao lado de Ptolomeu II Filadelfos por um breve periodo antes da morte do rei.


Ver também[editar | editar código-fonte]

Árvore genealógica baseada em Pausânias.

Agátocles
Lisímaco
Ptolomeu I Sóter
Berenice
Arsínoe I
Ptolomeu II Filadelfo
Arsínoe II
Ptolomeu III Evérgeta
Lisímaco
Berenice Sira

Referências

  1. a b c d Pausânias, Descrição da Grécia, 1.7.3
  2. Nicaea, no site www.livius.org
  3. Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 1.6.8
  4. Pausânias (geógrafo), Descrição da Grécia, 1.7.1