Taquelote I

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Taquelote I
Sarcófago de Taquelote
Faraó do Egito
Reinado 889–874 a.C.
Antecessor(a) Osocor I
Sucessor(a) Osocor II
 
Dinastia XXII dinastia
Morte 874 a.C.
Filho(s) Osocor II
Pai Osocor I
Religião Politeísmo egípcio
Titularia
Nome
M17Y5
N35
N36
U33V31
r
N36
U33
(tklt mr.j jmn = "Amado de Amom")
Trono
M23
t
L2
t
<
N5S1L1N5U21
n
>
(ḥḏ-ḫpr-rˁ stp.n-rˁ = "Poderosa é a Justiça de , Escolhido de Rá")

Taquelote I (em egípcio: Takelot) ou Taquelótis I (em grego: Τακελωθις; transl.: Takelothis), nascido Taquelote Meriamom ("Amado de Amom") e cujo nome real era Usermaateré Setepenré ("Poderosa é a Justiça de , Escolhido de Rá"),[1] foi o quarto faraó da XXII dinastia, reinando de 889 a.C., sucedendo seu pai Osocor I (r. 924–889 a.C.), até sua morte em 874 a.C., quando foi sucedido por seu filho Osocor II (r. 874–850 a.C.). Não era filho da esposa principal de seu pai, mas o sucedeu dada a morte de seu irmão Sisaque II (r. 890 a.C.). Reinou por 15 anos, mas não deixou monumentos de relevo e foi nesse momento que o Egito começou novamente sua fragmentação em dois polos de poder.[2][3]

Referências

  1. Clayton 1994, p. 185.
  2. Clayton 1994, p. 186.
  3. Shaw 1995, p. 311.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Clayton, Peter A. (1994). «Dynasty 22». Chronicle of the Pharaohs (em inglês). Londres: Thames and Hudson. ISBN 0-500-05074-0 
  • Shaw, Ian; Nicholson, Paul (1995). «Serekh». In: Harry N. Abrams. The Dictionary of Ancient Egypt (em inglês). Nova Iorque: Princeton University Press. ISBN 0810932253 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Taquelote I