Campeonato Brasileiro de Futebol de 1963

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
V Campeonato Brasileiro de Futebol
Taça Brasil de 1963
Dados
Participantes 20
Organização CBD
Local de disputa  Brasil
Período 7 de agosto28 de janeiro de 1964
Gol(o)s 120
Jogos 45
Média 2,67 gol(o)s por partida
Campeão São Paulo Santos (3º título)
Vice-campeão Bahia Bahia
Melhor marcador Ruiter (Confiança) – 9 gols
Maior goleada
(diferença)
Santos São Paulo 6 – 0 Bahia Bahia
Estádio do PacaembuSão Paulo
25 de janeiro, Final
◄◄ Brasil Brasileirão 1962 Soccerball.svg Brasileirão 1964 Brasil ►►

O Campeonato Brasileiro de Futebol de 1963 foi a quinta edição da Taça Brasil de Futebol, organizada pela CBD, a fim de indicar o campeão brasileiro de futebol de 1963, equipe esta que seria o representante brasileiro na Taça Libertadores da América de 1964. Reuniu 20 campeões estaduais, sendo que os campeões dos estados de São Paulo e da Guanabara já entravam nas semi-finais.

O Santos sagrou-se campeão pela terceira vez consecutiva, após vencer os dois jogos da final contra o Bahia, repetindo as finais de 1959 e 1961. Como a equipe paulista era o atual campeão continental, o time baiano foi o outro representante brasileiro na Libertadores.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Rio Grande do Norte ABC Futebol Clube (Natal-RN)
Minas Gerais Clube Atlético Mineiro (Belo Horizonte-MG)
Bahia Esporte Clube Bahia (Salvador-BA)
Guanabara Botafogo de Futebol e Regatas (Rio de Janeiro-GB)
Paraíba Campinense Clube (Campina Grande-PB)
Alagoas Centro Sportivo Capelense (Capela-AL)
Ceará Ceará Sporting Club (Fortaleza-CE)
Sergipe Associação Desportiva Confiança (Aracaju-SE)
Distrito Federal (Brasil) Defelê Futebol Clube (Brasília-DF)
Rio de Janeiro Fonseca Atlético Clube (Niterói-RJ)
Rio Grande do Sul Grêmio Foot-ball Porto Alegrense (Porto Alegre-RS)
Paraná Londrina Esporte Clube (Londrina-PR)
Santa Catarina Esporte Clube Metropol (Criciúma-SC)
Pará Paysandu Sport Club (Belém-PA)
Espírito Santo (estado) Rio Branco Atlético Clube (Cariacica-ES)
Piauí River Atlético Clube (Teresina-PI)
Maranhão Sampaio Corrêa Futebol Clube (São Luís-MA)
São Paulo Santos Futebol Clube (Santos-SP)
Pernambuco Sport Club do Recife (Recife-PE)
Goiás Vila Nova Futebol Clube (Goiânia-GO)

Regulamento[editar | editar código-fonte]

A Taça Brasil de 1963 foi dividida em duas fases. Na primeira os clubes foram divididos nos seguintes grupos: Grupo Norte, Grupo Nordeste (que se enfrentam para decidir a vaga destinada ao Grupo Norte), Grupo Central e Grupo Sul (que se enfrentam para decidir a vaga destinada ao Grupo Sul). Na segunda e decisiva fase, os vencedores da primeira fase enfrentam Botafogo e Santos, pré-classificados na semifinal, e os vencedores decidem o título do campeonato.

Critérios de Desempate[editar | editar código-fonte]

Todos os jogos da Taça Brasil de 1963 foram disputados em modo eliminatório (mata-mata) em dois jogos de ida e volta. A equipe que somar mais pontos passava para a fase seguinte. Caso nos dois jogos as equipes tivessem o mesmo número de pontos (dois empates ou uma vitória para cada lado independente do número de gols entre os jogos) era disputado um jogo extra. Nesta partida, caso persistisse o empate, o time que tivesse o maior "goal-average" (média dos gols marcados dividido pelos gols sofridos) nas três partidas da fase era o vencedor. Se mesmo assim o empate persistisse, a vaga seria decidida no cara ou coroa.

Fase Preliminar[editar | editar código-fonte]

Grupo Norte[editar | editar código-fonte]

  Nordeste - Preliminar Norte\Nordeste Norte\Nordeste Norte\Nordeste Final
      
          Maranhão Sampaio Corrêa 3-0-1  
          Piauí River 0-2-2  
            Piauí River 1-0  
          Pará Paysandu 3-1  
               
               
            Pará Paysandu 0-0  
          Pernambuco Sport 1-2  
               
               
             
               
               
               
            Bahia Bahia 2-1
          Pernambuco Sport 2-0
             
               
             
               
               
               
          Bahia Bahia 1-0-1  
          Ceará Ceará 1-0-0  
                    
                    
          Ceará Ceará 4-0-2
 Paraíba Campinense 2-0-4      Sergipe Confiança 2-1-0  
 Rio Grande do Norte ABC 2-0-2      Paraíba Campinense 2-4
 Alagoas Capelense 3-0-1      Sergipe Confiança 0-3  
 Sergipe Confiança 1-2-3  

Grupo Sul[editar | editar código-fonte]

Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
           
                                                 
          
          
   Santa Catarina Metropol 3 2    
   Paraná Londrina 2 1    
        
          
   Rio Grande do Sul Grêmio 1 2    
   Santa Catarina Metropol 1 1    
          
          
          
            
        
          
   Rio Grande do Sul Grêmio 1 2  
   Minas Gerais Atlético Mineiro 1 1  
          
          
          
            
        
          
   Minas Gerais Atlético Mineiro 1 1  
   Espírito Santo (estado) Rio Branco-ES 0 1    
 Espírito Santo (estado) Rio Branco-ES 0 1 3  
 Rio de Janeiro Fonseca 3 0 3  
   Espírito Santo (estado) Rio Branco-ES 0 1 1
   Goiás Vila Nova 1 0 0  
 Goiás Vila Nova 2 3  
 Distrito Federal (Brasil) Defelê 0 0  

Fase Final[editar | editar código-fonte]

  Quartas de final Semifinais Final
                                   
1           
8           
   Guanabara Botafogo 0 0 -  
   Bahia Bahia 1 0 -  
4  Bahia Bahia 2 1 -
5  Pernambuco Sport 2 0 -  
   Bahia Bahia 0 0 -  
   São Paulo Santos 6 2 -  
3     
6    
   São Paulo Santos 3 4 -
   Rio Grande do Sul Grêmio 1 3 -  
2  Rio Grande do Sul Grêmio 1 2 -
7  Minas Gerais Atlético Mineiro 1 1 -  

Os jogos das quartas de final representam as decisões dos Grupos Norte e Sul.

A Decisão[editar | editar código-fonte]

25 de Janeiro de 1964 Santos São Paulo 6 - 0 Bahia Bahia Estádio do Pacaembu, São Paulo

Pelé Gol marcado Gol marcado
Pepe Gol marcado Gol marcado
Coutinho Gol marcado
Mengálvio Gol marcado
Árbitro: Armando Marques

28 de Janeiro de 1964 Bahia Bahia 0 - 2 São Paulo Santos Estádio Fonte Nova, Salvador

Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28', Gol marcado aos 85 minutos de jogo 85' Pelé Árbitro: Armando Marques

Classificação final[editar | editar código-fonte]

Classificação
Time Pts J V E D GP GC
1 São Paulo Santos 8 4 4 0 0 15 4
2 Bahia Bahia 10 9 3 4 2 6 11
3 Guanabara Botafogo 1 2 0 1 1 0 1
4 Rio Grande do Sul Grêmio 6 6 2 2 2 10 10
5 Pernambuco Sport 5 4 2 1 1 5 3
6 Minas Gerais Atlético Mineiro 4 4 1 2 1 4 4
7 Espírito Santo (estado) Rio Branco-ES 8 8 3 2 3 9 7
8 Ceará Ceará 6 6 2 2 2 6 6
9 Santa Catarina Metropol 5 4 2 1 1 6 6
10 Pará Paysandu 4 4 2 0 2 4 4
11 Sergipe Confiança 10 8 5 0 3 16 12
12 Goiás Vila Nova 6 5 3 0 2 6 2
13 Piauí Ríver 4 5 2 0 3 5 8
14 Paraná Londrina 0 2 0 0 2 3 5
15 Paraíba Campinense 4 5 1 2 2 9 10
16 Rio de Janeiro Fonseca 3 3 1 1 1 4 6
17 Maranhão Sampaio Corrêa 2 3 1 0 2 4 4
18 Distrito Federal (Brasil) Defelê 0 2 0 0 2 0 5
19 Alagoas Capelense 2 3 1 0 2 4 6
20 Rio Grande do Norte ABC 2 3 0 2 1 4 6
Pts – pontos; J – jogos disputados; V - vitórias; E - empates; D - derrotas;
GP – gols pró; GC – gols contra
Finalistas
Semifinalistas
Finalistas de zona
Finalistas de grupo
Semifinalistas de grupo

Campeão[editar | editar código-fonte]

Campeonato Brasileiro de 1963
Bandeira do estado de São Paulo.svg
Santos Futebol Clube
(3º título)