Cronologia da história do mundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
cotagem do tempo geológico da Terra

Esta é uma cronologia da história do mundo, que visa a relacionar os principais eventos ocorridos na Terra, desde sua formação até os dias atuais, focando sua atenção nos registros da vida no planeta e na atuação do ser humano sobre ele; registra os principais fatos, percebidos por diversos ramos da Ciência, além da própria História: Astronomia, Física, Paleontologia, Biologia, Geologia, entre outros.

Para situar-se temporariamente, dentre as divisões arbitradas, o tempo presente está:

Idade ContemporâneaHolocenoQuaternárioCenozoicoFanerozoicoCambriano.

Idade Época Período Era Eon Supereon
Contemporânea Holoceno Quaternário Cenozoico Fanerozoico Cambriano

Tempos geológicos[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Escala de tempo geológico

A versão aqui apresentada baseia-se na edição de 2004 do quadro estratigráfico Internacional da Comissão Internacional sobre Estratigrafia[1] da União Internacional de Ciências Geológicas.[2]

Milhões de Anos


Cronologia da vida na Terra[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Cronologia da evolução

Considera-se que o planeta tenha cerca de 4 bilhões e 600 milhões de anos. Neste período, estima-se que a vida tenha iniciado depois de 600 milhões de anos, com o resfriamento da Terra. Em linhas gerais, assim foi demarcado o surgimento e evolução das espécies:[3]

NOTA: Ba.=Bilhões de anos / Ma.=Milhões de anos
Época Evento
4.6 Ba. Origem da Terra e da Lua
3.6 Ba. Surgimento da vida - organismos unicelulares
3.3 Ba. Seres capazes de realizar fotossíntese
2 Ba. Seres com células complexas
1 Ba. Seres multicelulares
600 Ma. Animais simples
570 Ma. Artrópodes
550 Ma. Animais complexos
500 Ma. Surgimento dos peixes e proto-anfíbios
475 Ma. Vegetais terrestres
400 Ma. Insetos e sementes
365 Ma. Anfíbios
300 Ma. Répteis
230 Ma. Surgimento dos dinossauros
200 Ma. Primeiros mamíferos
150 Ma. Primeiras aves
100 Ma. Surgimento das flores
65 Ma. Extinção dos dinossauros.

Evolução do ser humano[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Evolução humana
"Árvore genealógica" humana[4]

Cronologia da Humanidade[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Periodização da História

A Periodização Clássica adotada pela Historiografia[5][6] divide os períodos históricos humanos da seguinte forma:

Pré-história
Das origens do homem até c. 4000 a.C.
Antiguidade
De c. 4000 a.C. a 476
Idade Média
De 476 a 1453
Idade Moderna
De 1453 a 1789
Idade Contemporânea
de 1789 aos dias atuais
Evento que marca
o início de cada era
Origem da espécie humana Invenção da escrita Queda do Império Romano Queda de Constantinopla Revolução francesa

Pré-história[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Pré-história
Divisões da Pré-história [5][7]
Idade da pedra
Idade dos metais
Anos Ásia Europa África Outras regiões
40000 a.C.[8]
c. 35000 a.C.
15000 a.C.
12000 a.C.
10000 a.C.[17]
  • Início da agricultura (sudoeste asiático)
9000-8000 a.C.[18]
  • Início do pastoreio
  • Ocupação do Oriente Próximo
  • Surgimento da cidade-estado
  • Início das migrações para o sul, nas Américas
8000-6000 a.C.[18]
5000-4000 a.C.[18]
  • Aldeias Neolíticas nas margens do Nilo
  • Ocupação agrícola do Egipto
  • Fundação da 1ª dinastia do Egipto: faraó Narmer
3200 a.C.[18]
  • Produção de milho no México
  • Cultivo da batata no Peru

Antiguidade[editar | editar código-fonte]

Anos Ásia Europa África Outras regiões
3000 a.C.[18]
  • Civilização minoica (Creta)
  • Construção das pirâmides
2000 a.C.[18]
  • Período Pré-Clássico da Civilização Maia
  • No Peru, trabalho em metal
  • Povoamento da Melanésia
1800 a.C.[18]
1700 a.C.[18]
  • Domínio do Egipto pelos Hicsos
1500 a.C.[18]
  • Apogeu da civilização egípcia.
1200 a.C.[18]
1100 a.C.[18]
  • Início da expansão comercial e naval dos Fenícios
1000 a.C.[18]
  • Cultura de Adena
900-800 a.C.[18]
700 a.C.[18]
600 a.C.[18]
  • Assírios conquistam o Egito
500 a.C.[18]
400 a.C.[18]
  • Início da era dos Estados beligerantes (China)
  • Confúcio
300 a.C.[18]
200 a.C.[18]
100 a.C.[18]
  • Roma conquista a Macedônia
  • Grécia sob domínio romano
  • Guerra civil, em Roma
1 a.C.[18]
século I[18] Início da Era vulgar ou Era Cristã[8]
século II[18]
  • Rebeliões dos turbantes amarelos (China)
  • Trajano conquista Mesopotâmia
  • Rebelião judaica - Diáspora
  • Auge do Império romano
  • Varíola dizima o Império
  • Invenção do papel, na China
  • Budismo na China
século III[18]
  • Cidadania romana em todo Império
  • Início de ataques godos a Roma.
  • Diocleciano reorganiza o Império.
  • Desenvolvimento da teologia cristã
  • Período Clássico da Civilização Maia
século IV
século V
até 476

Idade Média[editar | editar código-fonte]

Anos Ásia Europa África Outras regiões
século V
desde 476[18]
  • Fim do Império Gupta
século VI[18]
  • Justiniano ocupa o norte da África
século VII[18]
século VIII[18]
século IX[18]
século X[18]
século XI[18]
século XII[18]
século XIII[18]
século XIV[18]
  • Império de Benin
século XV[18]
  • Navegações chinesas
  • Expansão vietnamita
  • Batalha de Ankara

Idade Moderna[editar | editar código-fonte]

Anos Ásia Europa África Outras regiões
século XV[18]
desde 1453
século XVI[18]
século XVII[18]
século XVIII[18]
até 1789

Idade Contemporânea[editar | editar código-fonte]

Anos Ásia Europa África Outras regiões
século XVIII[18]
desde 1789
século XIX[18]
Eventos mundiais do Século XIX:
século XX[18]
  • Independência das nações africanas.
  • Fim do Apartheid
Eventos mundiais do Século XX:[18]
século XXI
Eventos mundiais do Século XXI:

Referências

  1. International Stratigraphic Chart
  2. Site da IUGS- International Union of Geological Sciences
  3. Crystal Hickman; Autumn Starn. «The Burgess Shale & Models of Evolution». West Virginia University. Consultado em 18 de outubro de 2015 
  4. Heng HH (2009). «The genome-centric concept: resynthesis of evolutionary theory». Bioessays. 31 (5): 512–25. PMID 19334004. doi:10.1002/bies.200800182 
  5. a b SILVA, Joaquim e PENNA, J. B. Damasco, op. cit.
  6. SOUZA, Osvaldo Rodrigues de. História Geral, ed. Ática, São Paulo, 6ª ed., 1972, pág. 6 e 7: "A sua divisão [da História] em grandes períodos, irracional e ilógica, obedece apenas a um critério didático para facilitar a ordem na exposição e no estudo dos fatos históricos. Os grandes períodos são: Antigüidade (...) Idade Média (...) Idade Moderna (... e) Idade Contemporânea"
  7. Para Souza (op cit., págs. 7 e 8, "A Humanidade, na sua evolução, não apresenta aspectos uniformes e simultâneos (...) Enquanto que no Oriente Próximo alguns povos já haviam atingido alto grau de civilização, outros, na Europa, na África e na Oceânia ainda estavam na pré-história." Este mesmo autor assinala ainda a existência de um período que denomina de Proto-história, que "corresponde à época intermediária entre a Pré-História e a História, coincidindo com a Idade do Bronze".
  8. a b a.C. = antes de Cristo; o advento do cristianismo foi o principal marco temporal adotado no Ocidente. Antes de Cristo são todos os anos de 1 para trás, em contagem regressiva. Do ano 1 em diante constitui-se a chamada Era Vulgar, ou Era Cristã - História Geral, SILVA, Joaquim e PENNA, J. B. Damasco,(Companhia Editora Nacional, São Paulo, 1972).
  9. Institucional. «Homem de Cro-Magnon». Britannica Escola. Consultado em 6 de maio de 2018. Cópia arquivada em 6 de maio de 2018 
  10. «Povoamento da Austrália é mais recente que se pensava». Folha de S.Paulo. 19 de fevereiro de 2003. Consultado em 6 de maio de 2018. Cópia arquivada em 6 de maio de 2018 
  11. Teresa Serafim (11 de outubro de 2017). «Os neandertais têm uma nova história (romântica) para contar e nós também entramos». Público. Consultado em 6 de maio de 2018. Cópia arquivada em 6 de maio de 2018 
  12. P.Mellars, Archeology and the Dispersal of Modern Humans in Europe: Deconstructing the Aurignacian, Evolutionary Anthropology, vol. 15 (2006), pp. 167–182.
  13. Josep Maria Fullola Pericot (2002). El paleolítico superior en la Península (paisaje 2). [S.l.]: Planeta. ISBN 84-08-46576-7. In: García de Cortazar y Ruiz de Aguirre, Fernando (Director). Nueva Historia de España. La Historia en su lugar. Tomo 1: Los albores de la Historia (desde los orígenes hasta el siglo III a. C.) 
  14. Ministerio de Cultura. «La cueva de Altamira. Cronologia». Museo de la Cueva de Altamira. Consultado em 18 de abril de 2012 
  15. Laurent Banguet (22 de julho de 2011). «Gruta de Lascaux: uma velha dama frágil sob estrita vigilância». Veja. Consultado em 6 de maio de 2018. Cópia arquivada em 6 de maio de 2018 
  16. Curry, Andrew (novembro 2008). «Gobekli Tepe: The World's First Temple?». Smithsonian.com (em inglês). Smithsonian Institution. Consultado em 14 de março de 2009 
  17. "Da caça ao cultivo da Terra: as origens da agricultura", in:Atlas de História do Mundo - op. cit., pág. 38-39.
  18. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai aj ak al am an ao ap aq ar as Cronologia mundial in:Atlas de História do Mundo, editado por Geoffrey Barraclough (4ª ed. por Geoffrey Parker); original da Times Books, ed. Folha de S.Paulo (1ª ed. brasileira), São Paulo, 1995 - pp. 12 a 23.
  19. a b "Cronologia" in: PEREGALLI, Enrique, A América que os Europeus Encontraram, Atual, Campinas, 1987
  20. Peter Dahl Thruelsen, From Soldier to Civilian: Disarmament Demobilisation Reintegration in Afghanistan, DIIS Report 2006:7, 12, supported by Uppsala Conflict Database Project, Uppsala University.
  21. Australian Department of Defence (2004). The War in Iraq. ADF Operations in the Middle East in 2003.
  22. a b Juan Carlos Sanz (11 de dezembro de 2017). «Sete anos de frustração desde a eclosão da Primavera Árabe». El País. Consultado em 6 de maio de 2018 
  23. DUARTE-PLON, Leneide (2015). Imigração e refugiados na Europa - O desafio do século. Paris: Carta Maior 
  24. Roy-Macaulay, Clarence (31 de julho de 2014). «Ebola Crisis Triggers Health Emergency». Drug Discov. Dev. Highlands Ranch, Colorado, United States: Cahners Business Information. Associated Press. Consultado em 3 de agosto de 2014 
  25. «Security Council Condemns, 'In Strongest Terms', Terrorist Attacks on the United States». United Nations. 12 de setembro de 2001. Consultado em 11 de setembro de 2006. The Security Council today, following what it called yesterday’s "horrifying terrorist attacks" in New York, Washington, D.C., and Pennsylvania, unequivocally condemned those acts, and expressed its deepest sympathy and condolences to the victims and their families and to the people and Government of the United States. 
  26. Wessel, David (8 de abril de 2010). «Did 'Great Recession' Live Up to the Name?». The Wall Street Journal 
  27. Chan, Margaret (11 de junho de 2009). «World now at the start of 2009 influenza pandemic» (em inglês). Organização Mundial da Saúde. Consultado em 23 de junho de 2009 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Enciclopédia Conhecer, Abril Cultural, São Paulo, 1969 (versão original: Fratelli Fabbri Editori, Milão) - pp. 968–969;
  • Grande Atlas Histórico: A História do Mundo, Multiactiva Creación y Servicios Editoriales, S.L., Sintra, 2007
  • História do Homem nos Últimos Dois Milhões de Anos, Selecções do Reader`s Digest, Lisboa, 1975

Ver também[editar | editar código-fonte]