Diferenças entre edições de "Dianópolis"

Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
1 622 bytes adicionados ,  03h45min de 30 de outubro de 2010
sem resumo de edição
Etiqueta: Ligações internas removidas
 
'''Dianópolis''' é um [[município]] [[brasil]]eiro do [[estados do Brasil|estado]] do [[Tocantins]]. Localiza-se a uma [[latitude]] 11º37'40" [[sul]] e a uma [[longitude]] 46º49'14" [[oeste]], estando a uma altitude de 693 metros. Sua população informada pelo IBGE em [[2007]] é de 18.537 habitantes.
Possui uma área de 3229,94.123  km².
 
Localizada na Messoregião Oriental do Tocantins, é sede da 12ª Região Administrativa, no Sudeste do Estado.
 
O clima é sub-úmido ou seco, com uma temperatura que varia entre 21 a 26 graus centígrados, apresentando estações chuvosas nos meses de outubro a maio.
 
O município é considerado como o mais alto do estado do Tocantins e o 3º mais alto de toda a [[Região Norte do Brasil]], perdendo apenas para os municípios de [[Pacaraima]] e [[Uiramutã]], que estão ambos localizados no estado de [[Roraima]]. Por causa deste fato, o município possui um clima relativamente frio para os parâmetros do Tocantins. Seu antigo nome era São José do Duro.
A cidade ficou bastante conhecida pelo episódio do "tronco" (título de livro de Bernardo Élis), história conhecida pelos seus moradores que relata o massacre de 9 cidadãos e que foram enterrados em praça pública, denominada hoje de "Praça da Capelinha".Além de ser conhecida hoje por fazer um dos melhores carnavais do sudeste do Tocantins, ficando atrás somente da cidade de Gurupi, pois com sua tradição do carnaval de rua e blocos contagia a todos.
 
Balança: Distância/Acesso: 15 km / TO - 040 Descrição: Ribeirão Morena com boas margens para lazer e limpidez; bom para banhos.
Na parte turística destacam-se diversas cavernas e principalmente, cachoeiras. A cachoeira do Cavalo queimado na divisa com o município de Rio da Conceição é a mais conhecida e frequentada. O Balneário Cachoeirinha da Luz também é um ótimo lugar para os dianopolinos passarem o final de semana, correndo dos problemas e calor da cidade.
 
Balneário Municipal: Distância/Acesso: 25 km / TO - 476 Descrição: rio de águas límpidas; bar; quiosques; quadra de vôlei; sanitários; estacionamento; boas margens para lazer; ideal para banhos; diariamente aberto.
No município, em sua grande maioria dotada de católicos destacam-se diversos festejos como do padroeiro da cidade, São José no mês de março, romaria das Missões em julho e Sucupira, início de agosto.
 
Cachoeira da Ré: Distância/Acesso: 20 km / TO 387 Descrição: pequena extensão e limpidez; o acesso é feito por trilha de aproximadamente 1 hora e 30 minutos.
 
Cascata Cachoeirinha: Distância/Acesso: 6 km / TO - 040 Descrição: riacho com boa margem para lazer; piscina natural; oferece um cenário de grande beleza.
 
Cascata do Novo Horizonte: Distancia/Acesso: 5 km / TO - 040 Descrição: piscina natural de pequenas dimensões; margens de pedras; bom para banhos; o acesso é feito por trilha de aproximadamente 30 minutos.
 
Região da Garganta: Distância/Acesso: 70 km / TO - 387 Descrição: vegetação exótica; platô da Serra Geral; cânions, mirantes; ideal pra prática de observação e pesquisas.
 
Rio Gameleira: Distância/Acesso: 20 km / TO - 040 Ribeirão Gameleira; piscina natural; margens de pedras; bom para banhos; o acesso é feito por trilhas de aproximadamente 45 minutos.
 
Destacando também como ponto turístico a Lagoa Bonita, que fica localizada entre os Munícipios de Dianópolis e Novo Jardim. Um lugar tranquilo e de bela paisagem.
 
Biblioteca Municipal: Localização: Rua Major Nepomuceno de Souza, nº134 - Centro Descrição: espaço público de pesquisa e lazer; a biblioteca conta com vários títulos literários e científicos, revistas e jornais diários; além de obras narradas por dianopolinos.
 
Capela dos Nove: Localização: Praça da Capelinha - Centro Descrição: abriga os restos mortais das nove vítimas do massacre ocorrido em 1919; não há visitação interior.
 
Igreja Sagrada Família: Localização: Praça Cel. Wolney - Centro Descrição: datada de aproximadamente 1889, a igreja foi construída sobre ruínas da anterior; é aberta aos domingos de manhã para celebrações de missas e em ocasiões especiais;
No município, em sua grande maioria dotada de católicos destacam-se diversos festejos como do padroeiro da cidade, São José no mês de março, romaria das Missões em julho e Sucupira, início de agosto.
 
Museu Municipal: Localização: rua Major Nepomuceno de Souza, nº 134 - Centro Descrição: abriga peças históricas das famílias mais tradicionais; são utensílios, móveis, objetos pessoais, documentos, dentre outros.
 
 
==História==
A Secretaria de Recursos Hídricos do estado do Tocantins com verba do Tesouro Estadual e Federal está à frente do Projeto sendo que sua principal atividade será o plantio e cultivo de frutas.
 
A cidade atualmente não dispõe de grandes recursos tecnológicos, embora haja movimentação por parte de multinacionais como a [[Brasil Telecom]]. A Infraestrutura da cidade é considerada de baixa qualidade/ desenvolvimento pois ainda o sistema de esgoto é feito por meio de fossas sépticas. Suas ruas e avenidas são pavimentadas, mas não há organização quanto às sinalizações de trânsito, etc. A economia gira em torno do comércio que muitas vezes eleva seus preços alegando alto custo com o transporte.
 
Suas cidades vizinhas são: Porto Alegre do Tocantins, Almas, Rio da Conceição, Conceição, Taipas e ConceiçãoNovo Jardim.
 
=={{Ver também}}==
Utilizador anónimo

Menu de navegação