Resende Costa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Resende Costa
  Município do Brasil  
Igreja do Rosário, em Resende Costa
Igreja do Rosário, em Resende Costa
Igreja do Rosário, em Resende Costa
Símbolos
Bandeira de Resende Costa
Bandeira
Brasão de armas de Resende Costa
Brasão de armas
Hino
Gentílico resende-costense
Localização
Localização de Resende Costa em Minas Gerais
Localização de Resende Costa em Minas Gerais
Localização de Resende Costa em Minas Gerais
Resende Costa está localizado em: Brasil
Resende Costa
Localização de Resende Costa no Brasil
Mapa
Mapa de Resende Costa
Coordenadas 20° 55' 19" S 44° 14' 16" O
País Brasil
Unidade federativa Minas Gerais
Municípios limítrofes São Tiago, Ritápolis, Lagoa Dourada, Entre Rios de Minas, Desterro de Entre Rios, Oliveira, Passa Tempo, Coronel Xavier Chaves.
Distância até a capital 186 km
História
Fundação 2 de junho de 1912 (111 anos)
Administração
Prefeito(a) José Gouvea Filho[1] (PSDB, 2021 – 2024)
Características geográficas
Área total [3] 631,561 km²
População total (Est. IBGE/2017[4]) 11 569 hab.
Densidade 18,3 hab./km²
Clima Tropical de altitude
Altitude 1140 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
CEP 36340-000 a 36344-999[2]
Indicadores
IDH (PNUD/2000[5]) 0,736 alto
PIB (IBGE/2008[6]) R$ 72 311,454 mil
PIB per capita (IBGE/2008[6]) R$ 6 637,73
Sítio resendecosta.mg.gov.br (Prefeitura)
camaraderesendecosta.mg.gov.br (Câmara)

Resende Costa é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população recenseada em 2022 era de 11.230 habitantes.[7]

O artesanato é a principal atividade econômica do município, sendo grande fomentador do turismo de Resende Costa.[8]

História[editar | editar código-fonte]

Casa do Inconfidente José de Resende Costa, em Resende Costa, Minas Gerais.

A ocupação da atual região de Resende Costa deu-se em 1749, quando foi erigida uma primitiva capela. No local da dita capela atualmente se encontra a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha. Junto a primitiva capela, também foram construidas oito casas, pertencentens as primeiras famílias do arraial. Dentre essas casas, destacam-se a dos inconfidentes José de Resende Costa pai e filho e a casa do Padre Toledo.[9]

No ano de 1840, mais precisamente no dia 1º de setembro, foi desmembrada da Paróquia de Santo Antônio de Lagoa Dourada. Com isso, foi elevada à paróquia, tendo como primeiro pároco o padre resende-costense Joaquim Carlos de Resende Alvim. Além disso, foi elevado a distrito do município de São José del-Rei, hoje Tiradentes. Emancipou-se pela lei estadual nº 556, sancionada pelo governador Bueno Brandão, em 30 de agosto de 1911, com a denominação de Vila de Resende Costa. O nome é uma homenagem ao inconfidente José de Resende Costa, o filho, que em 1840 fez expressivas doações para a instalação da freguesia e do distrito da Lage.[10] No dia 2 de junho do ano seguinte, a sua emancipação político-administrativa foi oficializada, tendo como primeiro administrador municipal o presidente da Câmara Francisco Mendes de Resende.

A partir de 1923 o município passou a denominar-se, simplesmente, Resende Costa.[11]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Conforme a classificação geográfica do IBGE, Resende Costa é um município da Região Geográfica Imediata de São João del-Rei, na Região Geográfica Intermediária de Barbacena.[12]

Ocupa uma área de 618,321 km², tendo uma densidade demografica de 18,16 hab/km², segundo o censo de 2022.[13]

Circunscrição eclesiástica[editar | editar código-fonte]

A paróquia Nossa Senhora da Penha de França pertence à Diocese de São João del-Rei.[14]

Subdivisões[editar | editar código-fonte]

Bairros[editar | editar código-fonte]

De acordo com a Lei Municipal nº 3.008, de 18 de dezembro de 2006, o município tem os seguintes bairros:

  • Bela Vista
  • Canela
  • Centro
  • Expedicionários
  • Horto
  • Jardim
  • Mendes
  • Nossa Senhora Aparecida
  • Nossa Senhora da Penha
  • Nova Resende
  • Novo Horizonte
  • Pôr do Sol
  • Santa Terezinha
  • Santo Antônio
  • São José
  • Tijuco
  • Várzea
  • Zé Padeiro (Incluída na lei nº 3.682, de 15 de abril de 2013).

Distrito[editar | editar código-fonte]

Há no município o distrito de Jacarandira.

Pôr do sol visto da laje de cima. Do lado esquerdo, parte da serra em Ritápolis.

Infraestrutura Urbana[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

Resende Costa possui 7 escolas de ensino fundamental e 2 de ensino médio. A taxa de escolarização, segundo o censo de 2010, é de 97% da população entre 6 e 14 anos.[15]

Saúde[editar | editar código-fonte]

Constam 9 estabelecimentos SUS.[15]

Saneamento básico[editar | editar código-fonte]

Segundo censo do IBGE, datado de 2010, 53% do esgoto urbano era destinado a fossas rudimentares, 33% para fossas sépticas, e apenas 13% à rede geral de esgoto ou rede pluvial.[16]

Previa-se que a rede coletora de esgoto de Resende Costa fosse concluída em fevereiro de 2012, porém isto não aconteceu, devido à empresa responsável ter abandonado o serviço.[17][18] As obras só foram retomadas em 2014, por outra construtora.[18] Previa-se então a inauguração em abril de 2015.[19] A inauguração só foi ocorrer em março de 2017.[20][21]

Consiste em um reator anaeróbio, seguido por filtro e decantador, embora o projeto inicial previsse a criação de lagoas,[21] e requer 6 funcionários dedicados integralmente à ETE[20]. A coleta de esgoto, em agosto de 2017 atendia 20% da cidade;[21] em setembro relatava-se 40%. O esgoto tratado, biologicamente, é lançado no Córrego do Tijuco.[20]

Segurança[editar | editar código-fonte]

O Presídio de Resende Costa é uma estrutura inaugurada em 2008 no bairro do Tijuco, possuindo 5 celas, e 48 detentos em 2017.[22]

Anteriormente o presídio era gerido pela Polícia Civil. A partir de 2016, a gestão passou a ser realizada pela Suapi. Os detentos de Prados fossem transferidos para Resende Costa, pois a cadeia de Prados era inadequada e precisava ser desativada pelo governo estadual.[23]

A Suapi realizou uma grande mudança financeira. Os chuveiros quentes foram desativados, já que a Suapi só trabalha com ducha fria, por questão de economia financeira. Por outro lado, o total de agentes penitenciários aumentou imediatamente de 6 para 30, o que garantiu banho de sol diário aos detentos, ao invés de ser somente uma vez na semana.[23]

Em 2017, iniciou-se um projeto de ressocialização: produção de bloquetes para pavimentação das ruas do município. Atuavam no projeto 12 detentos, produzindo 1440 bloquetes todos os dias. Cada 3 dias de trabalho dão aos participantes 1 dia a menos no cumprimento da pena.[22]

O trabalho de ressocialização também uniu-se à Coleta Seletiva de lixo reciclável da cidade, que ocupava 4 detentos, e existia desde pelo menos 2014.[24] Chegou a ser proposto, também em 2017, ocupar outros 4 detentos com combate ao mosquito Aedes aegypti, limpando terrenos baldios da cidade, e construir uma escola de ensino fundamental e médio para beneficiar os presos que não completaram os anos escolares.[22]

Cultura[editar | editar código-fonte]

Biblioteca Municipal[editar | editar código-fonte]

A Biblioteca Municipal Antônio Gonçalves Pinto foi criada em 29 de abril de 1918 com a doação de 266 livros do acervo de Antônio Gonçalves Pinto para o município.[25] Mudou de sede diversas vezes, o que causou danos ao acervo, até em 2008 ser transferida para a sede atual, na praça Nossa Senhora de Fátima, que abriga também o Espaço Cultural professor Geraldo Sebastião Chaves[26] e a Associação dos Amigos da Cultura de Resende Costa (amiRCo).

Seu público-alvo compõe-se principalmente de crianças, adolescentes, e jovens em idade escolar. Em 2013, eram 2.505 leitores cadastrados, número que aumentou para 3.182 usuários em 2017. Grande parte do seu acervo é mantida através de doações. Em 2018, possui quase 10.000 livros registrados.[27][26][28]

Dentre os principais problemas da biblioteca podemos citar poucos livros atualizados (principalmente enciclopédias); ausência de computadores para acesso à Internet; ausência de sistema informatizado para catalogação; problemas na infraestrutura do prédio (rachaduras, infiltrações, mofo, empenamento do piso de tábua corrida).[26] Muitos dos problemas persistem.[28] Em 2018, ocorreu a instalação dos computadores.[29]

Meios de comunicação[editar | editar código-fonte]

O município possui um jornal de circulação mensal, o Jornal das Lajes,[30] criado em 2003 por Denilson Daher;[31] e também uma rádio comunitária, a Rádio Inconfidentes FM, gerida pela Associação Comunitária de Radiodifusão para o Desenvolvimento Artístico, Educacional e Cultural do município de Resende Costa (ACRADATEC - RC).[32]

Naturais de Resende Costa[editar | editar código-fonte]

Naturais de Resende Costa

Referências

  1. «Quem é quem na Prefeitura Municipal de Resende Costa». Prefeitura Municipal de Resende Costa. Consultado em 18 de outubro de 2022 
  2. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  4. «Estimativas da população residente no Brasil e unidades da federação com data de referência em 1º de julho de 2017» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 30 de agosto de 2017. Consultado em 25 de setembro de 2017 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  7. «Resende Costa (MG) | Cidades e Estados | IBGE». www.ibge.gov.br. Consultado em 19 de agosto de 2023 
  8. «Cidades Históricas Brasileiras: Resende Costa». cidadeshistoricas.art.br. Consultado em 20 de junho de 2012. Arquivado do original em 4 de junho de 2012 
  9. RESENDE, João Carlos (9 de outubro de 2016). «Comércio de gado na crise do escravismo no distrito da Lage: o caso do Tenente Coronel Geraldo Pinto de Rezende» (PDF). CEDEPLAR - UFMG. Consultado em 15 de maio de 2017 
  10. Resende**, João Carlos. «A origem de Resende Costa: novas informações*». Jornal das Lajes. Consultado em 1 de agosto de 2023 
  11. «Resende Costa - Histórico» (PDF). biblioteca.ibge.gov.br. Consultado em 20 de junho de 2012 
  12. «Divisões Regionais do Brasil | IBGE». www.ibge.gov.br. Consultado em 15 de junho de 2022 
  13. «Resende Costa (MG) | Cidades e Estados | IBGE». www.ibge.gov.br. Consultado em 19 de agosto de 2023 
  14. Silveira, Lucas. «Diocese ganha novo mapa territorial após criação de novas foranias». Diocese de São João del Rei. Consultado em 18 de fevereiro de 2023 
  15. a b cidades.ibge.gov.br https://cidades.ibge.gov.br/brasil/mg/resende-costa/panorama. Consultado em 19 de agosto de 2023  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  16. «Resende Costa, MG». InfoSanBas. Consultado em 2 de maio de 2019 
  17. Rede de esgoto deve ser retomada ainda neste semestre - 16 de abril de 2013
  18. a b Reiniciam-se em Resende Costa as obras da rede de esgoto - 16 de abril de 2014
  19. Enquanto a rede de tratamento de esgoto não fica pronta... - 11 de março de 2015
  20. a b c ETE de Resende Costa está em operação desde março - 15 de setembro de 2017.
  21. a b c Situação da ETE de Resende Costa - 10 de agosto de 2017
  22. a b c Projeto de ressocialização contempla detentos albergados no Presídio de Resende Costa - 16 de março de 2017
  23. a b De cadeia pública a presídio - 18 de agosto de 2016
  24. Cadeia Pública de Resende Costa - 16 de julho de 2014
  25. André Eustáquio (15 de maio de 2018). «Cerimônia oficial marca as comemorações do centenário da Biblioteca Municipal de Resende Costa». Jornal das Lajes. Consultado em 14 de agosto de 2018 
  26. a b c André Eustáquio (15 de maio de 2013). «Biblioteca Municipal de Resende Costa: conquistas, problemas e projetos». Jornal das Lajes. Consultado em 14 de agosto de 2018 
  27. «Biblioteca Municipal de Resende Costa: Um século de história». Rádio Inconfidentes. 26 de abril de 2018. Consultado em 14 de agosto de 2018 
  28. a b André Eustáquio (16 de junho de 2017). «Biblioteca Municipal de Resende Costa prestes a completar 100 anos». Jornal das Lajes. Consultado em 15 de agosto de 2018 
  29. Edésio Lara (15 de maio de 2018). «O centenário da Biblioteca Municipal Antônio Gonçalves Pinto, de Resende Costa». Jornal das Lajes. Consultado em 15 de agosto de 2018 
  30. «Jornal das Lajes». Jornal das Lajes. Consultado em 14 de agosto de 2018 
  31. Rosalvo (16 de abril de 2013). «A imprensa em Resende Costa». Jornal das Lajes. Consultado em 14 de agosto de 2018 
  32. «Rádio Inconfidentes FM elege nova diretoria». Jornal das Lajes. 17 de março de 2017. Consultado em 14 de agosto de 2018  |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Resende Costa
Wikisource
Wikisource
A Wikisource contém fontes primárias relacionadas com Hino de Resende Costa