João Carneiro de Sousa Bandeira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sousa Bandeira Academia Brasileira de Letras
de pé: Rodolfo Amoedo, Artur Azevedo, Inglês de Sousa, Bilac, Veríssimo, Bandeira, Filinto de Almeida, Passos, Magalhães, Bernardelli, Rodrigo Octavio, Peixoto; sentados: João Ribeiro, Machado de Assis, Lúcio de Mendonça e Silva Ramos.
Nascimento 16 de dezembro de 1865
Recife,  Pernambuco
Morte 1 de agosto de 1917 (51 anos)
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro1908.gif Distrito Federal
Nacionalidade  Brasileiro
Ocupação Advogado, diplomata, ensaísta e professor

João Carneiro de Sousa Bandeira (Recife, 16 de dezembro de 1865Rio de Janeiro, 1 de agosto de 1917) foi um advogado, diplomata, ensaísta e professor brasileiro.

Filho de Antônio Herculano de Sousa Bandeira e Maria Cândida Lins de Albuquerque, sendo seus irmãos Antônio Herculano de Sousa Bandeira Filho, Raimundo Carneiro de Sousa Bandeira e Manuel Carneiro de Sousa Bandeira, este último pai do escritor Manuel Bandeira.

João Carneiro de Sousa Bandeira estudou na Faculdade de Direito do Recife, turma de 1884, onde foi aluno de Tobias Barreto . Foi membro da Academia Brasileira de Letras e do Instituto dos Advogados Brasileiros. Foi secretário-geral do Congresso Internacional de Juristas que se reuniu no Rio de Janeiro em 1912. Dedicou-se a estudos da história, direito, filosofia e literatura. Alceu Amoroso Lima , que foi seu aluno na Faculdade de Direito do Rio de Janeiro, traçou um belo perfil do mestre inesquecível no livro Companheiros de Viagem .

Lorbeerkranz.pngAcademia Brasileira de Letras[editar | editar código-fonte]

Foi eleito para a cadeira 13 da Academia Brasileira de Letras em 27 de maio de 1905, na sucessão de Martins Júnior, sendo recebido em 10 de agosto de 1905 pelo acadêmico Graça Aranha.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Estudos e Ensaios
  • Páginas literárias
  • Evocações e outros escritos, Rio de Janeiro: 1920

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
José Isidoro Martins Júnior
Lorbeerkranz.png ABL - quarto acadêmico da cadeira 13
1905 — 1917
Sucedido por
Hélio Lobo


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.