Lista de cônsules da República Romana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Esta é uma lista dos cônsules da República Romana, o mais alto cargo eletivo da República Romana (509 a.C. – 27 a.C.). Para o início do período, este artigo segue a cronologia varroniana, apresentada pela primeira vez por Marco Terêncio Varrão, na qual o ano 1 AUC é 754-3 a.C. (o ano romano era sempre dividido em dois anos modernos). O primeiro ano da República é 245 AUC (509-8 a.C.). Esta cronologia foi depois oficializada na época de Augusto, como atestam os Fastos Capitolinos. Ela está, porém, de três a quatro anos adiantada em relação à mais verificável das cronologias, a de Lívio. Sua data de 506-5 pode ser verificada contendo os mandatos dos magistrados de trás para frente a partir do conhecido eclipse de 340 a.C., que, segundo Varrão, teria acontecido em 344 a.C.[1] . Os magistrados e as datas exatas de seus mandatos nem sempre são conhecidos e as fontes podem variar entre si. Veja também a lista dos cônsules do Império Romano (26 a.C. – 476 d.C.) e a lista dos cônsules posteriores ao Império Romano (476 d.C. em diante).

Para os que serviram como cônsul (geralmente cônsul sufecto, mas ocasionalmente ordinário) cujo período no cargo é incerto, veja Lista dos cônsules romanos sem data. Para os que foram eleitos, mas não chegaram a assumir o posto por causa de morte, desgraça ou outra razão antes do início de seu mandato, veja Lista de cônsules eleitos romanos.

Legenda[editar | editar código-fonte]

Abreviações nos títulos[editar | editar código-fonte]

  • Imp. = Imperator
  • Suf. = cônsul sufecto (nem todos são conhecidos)
  • <Ano> * = Ano ditatorial (não houve cônsules e nem tribunos consulares)

Abreviações para os prenomes[editar | editar código-fonte]

  • A. = Aulo (Aulus)
  • Ap. = Ápio (Appius)
  • C. = Caio (Gaius/Caius)
  • Cn. = Cneu (Gnaeus/Cnaeus)
  • D. = Décimo (Decimus)
  • K. = Cesão (Kaeso/Caeso)
  • L. = Lúcio (Lucius)
  • M. = Marco (Marcus)
  • M'. = Mânio (Manius)
  • Mam. = Mamerco (Mamercus)
  • N. = Numério (Numerius)
  • Opet. = Opitero (Opiter)
  • P. = Públio (Publius)
  • Post. = Póstumo (Postumus)
  • Proc. = Próculo (Proculus)
  • Q. = Quinto (Quintus)
  • Ser. = Sérvio (Servius)
  • Sex. = Sexto (Sextus)
  • Sp. = Espúrio (Spurius)
  • T. = Tito (Titus)
  • Ti. = Tibério (Tiberius)
  • Vop. = Vopisco (Vopiscus)

Cores[editar | editar código-fonte]

Século VI a.C.[editar | editar código-fonte]

Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
509 L. Júnio Bruto L. Tarquínio Colatino
suf. Sp. Lucrécio Tricipitino P. Valério Publícola
suf. M. Horácio Púlvilo
508 P. Valério Publícola II T. Lucrécio Tricipitino
507 P. Valério Publícola III M. Horácio Púlvilo II
506 Sp. Lárcio Rufo (ou Flavo) T. Hermínio Aquilino[2]
505 M. Valério Voluso P. Postúmio Tuberto
504 P. Valério Publícola IV T. Lucrécio Tricipitino II
503 Agripa Menênio Lanato P. Postúmio Tuberto II
502 Opet. Vergínio Tricosto Sp. Cássio Vecelino
501 Post. Comínio Aurunco T. Lárcio Flavo (ou Rufo)
Ditador: T. Lárcio Flavo (ou Rufo)[3] Mestre da cavalaria: Espúrio Cássio Vecelino

Século V a.C.[editar | editar código-fonte]

Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
500 Ser. Sulpício Camerino Cornuto M' Túlio Longo4
499 T. Ebúcio Elva P. (ou C.) Vetúrio Gêmino Cicurino
Ditador: A. Postúmio Albo Regilense Mestre da cavalaria: Tito Ebúcio Helva
498 Q. Clélio Sículo T. Lárcio Flavo (ou Rufo) II
497 A. Semprônio Atratino M. Minúcio Augurino
496 A. Postúmio Albo Regilense T. Vergínio Tricosto Celimontano
495 Ap. Cláudio Sabino Inregilense P. Servílio Prisco Estruto
494 A. Vergínio Tricosto Celimontano T. Vetúrio Gêmino Cicurino
Ditador: Mânio Valério Máximo Mestre da cavalaria: Quinto Servílio Prisco Estruto
493 Post. Comínio Aurunco II Sp. Cássio Vecelino II
492 T. Gegânio Macerino P. Minúcio Augurino
491 M. Minúcio Augurino II A. Semprônio Atratino II
490 Q. Sulpício Camerino Cornuto Sp. Lárcio Rufo (ou Flavo) II
489 C. Júlio Julo P. Pinário Mamercino Rufo
488 Sp. Náucio Rutilo Sex. Fúrio Medulino (Fuso?)
487 T. Sicínio (Sabino?) C. Aquílio (Tusco?)
486 Sp. Cássio Vecelino III Próculo Vergínio Tricosto Rutilo
485 Ser. Cornélio Maluginense Q. Fábio Vibulano
484 L. Emílio Mamerco K. Fábio Vibulano
483 M. Fábio Vibulano L. Valério Potito
482 Q. Fábio Vibulano II C. Júlio Julo
481 K. Fábio Vibulano II Sp. Fúrio Medulino Fuso
480 M. Fábio Vibulano II Cn. Mânlio Cincinato
479 K. Fábio Vibulano III T. Vergínio Tricosto Rutilo
478 L. Emílio Mamerco II C. Servílio Estruto Aala[4]
suf. Opet. Vergínio Tricosto Esquilino
477 C. (ou M.) Horácio Púlvilo T. Menênio Agripa Lanato
476 A. Vergínio Tricosto Rutilo Sp. (ou P.) Servílio Prisco Estruto
475 P. Valério Publícola C. Náucio Rutilo
474 L. Fúrio Medulino A. (ou Cn.) Mânlio Vulsão
473 L. Emílio Mamerco III Vopisco Júlio Julo[5]
472 L. Pinário Mamercino Rufo P. Fúrio Medulino Fuso
471 Ap. Cláudio Sabino Inregilense T. Quíncio Capitolino Barbato
470 L. Valério Potito II Ti. Emílio Mamerco
469 T. Numício Prisco A. Vergínio Tricosto Celimontano
468 T. Quíncio Capitolino Barbato II Q. Servílio Estruto Prisco
467 Ti. Emílio Mamerco II Q. Fábio Vibulano
466 Q. Servílio Estruto Prisco II Sp. Postúmio Albo Regilense
465 Q. Fábio Vibulano II T. Quíncio Capitolino Barbato III
464 A. Postúmio Albo Regilense Sp. Fúrio Medulino Fuso
463 P. Servílio Prisco L. Ebúcio Helva
462 L. Lucrécio Tricipitino T. Vetúrio Gêmino Cicurino
461 P. Volúmnio Amintino Galo Ser. (ou P.) Sulpício Camerino Cornuto
460 P. Valério Publícola II C. Cláudio Inregilense Sabino
suf. L. Quíncio Cincinato
459 Q. Fábio Vibulano III L. Cornélio Maluginense Uritino
458 C. Náucio Rutilo II L. Minúcio Esquilino Augurino[6]
Ditador: L. Quíncio Cincinato Mestre da cavalaria: Lúcio Tarquício Flaco ?
457 Caio Horácio Púlvilo II Q. Minúcio Esquilino Augurino
ou: L. Quíncio Cincinato II ou: M. Fábio Vibulano[7]
456 M. Valério Máximo Latuca Sp. Vergínio Tricosto Celimontano
455 T. Romílio Roco Vaticano C. Vetúrio Cicurino
454 Sp. Tarpeio Montano Capitolino A. Atérnio Varrão Fontinal
453 Sex. Quintílio P. Curiácio Fisto Trigêmino
suf. Sp. Fúrio Medulino Fuso II
452 T. Menênio Lanato P. Séstio Capitolino
451 Ap. Cláudio Crassino Inregilense Sabino T. Genúcio Augurino
Ano Decênviros Decênviros
451 Primeiro Decenvirato
Ap. Cláudio Crasso Inregilense Sabino A. Mânlio Vulsão
T. Genúcio Augurino P. (ou S.) Sulpício Camerino Cornuto
T. (ou Sp. ou L.) Vetúrio Crasso Cicurino P. Curiácio Fisto Trigêmino
P. Séstio Capitolino T. Romílio Roco Vaticano
C. Júlio Julo Sp. Postúmio Albo Regilense
450 Segundo Decenvirato
Ap. Cláudio Crassino Inregilense Sabino II Q. Petélio Libo Visolo
M. Cornélio Maluginense T. Antônio Merenda
M. Sérgio Esquilino K. Duílio
L. Minúcio Esquilino Augurino Sp. Ópio Córnice
Q. Fábio Vibulano M' Rabuleio
449 Segundo Decenvirato
Ap. Cláudio Crassino Inregilense Sabino III Q. Petélio Libo Visolo II
M. Cornélio Maluginense II T. Antônio Merenda II
M. Sérgio Esquilino II K. Duílio II
L. Minúcio Esquilino Augurino II Sp. Ópio Córnice II
Q. Fábio Vibulano II M' Rabuleio II
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
449 L. Valério Potito M. Horácio (Tu?)rrino Barbato
448 Lárcio (ou Sp.) Hermínio Coritinesano T. Vergínio Tricosto Celimontano
447 M. Gegânio Macerino C. Júlio Julo
446 T. Quíncio Capitolino Barbato IV Agripa Fúrio Fuso
445 M. Genúcio Augurino C. (ou Agripa) Cúrcio Filão
Ano Tribuno consular Tribuno consular
444 A. Semprônio Atratino T. Clélio Sículo
L. Atílio Lusco
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
444 L. Papírio Mugilano L. Semprônio Atratino
443 M. Gegânio Macerino II T. Quíncio Capitolino Barbato V
442 M. Fábio Vibulano Post. Ebúcio Helva Córnice
441 C. Fúrio Pácilo Fuso M. (ou M') Papírio Crasso
440 Proc. Gegânio Macerino L. Menênio Lanato ou: T. Menênio Lanato II[8]
439 Agripa Menênio Lanato T. Quíncio Capitolino Barbato VI
Ditador: L. Quíncio Cincinato II Mestre da cavalaria: Caio Servílio Aala
Ano Tribuno consular Tribuno consular
438 Mam. Emílio Mamercino L. Júlio Julo
L. Quíncio Cincinato
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
437 M. Gegânio Macerino III L. Sérgio Fidenato
suf. M. Valério Latuca Máximo
Ditador: Mam. Emílio Mamercino Mestre da cavalaria: Lúcio Quíncio Cincinato
436 L. Papírio Crasso M. Cornélio Maluginense
435 C. Júlio (ou Julo) II L. (ou Proc.) Vergínio Tricosto
Ditador: Q. Servílio Prisco Fidenato Mestre da cavalaria: Postúmio Ebúcio Helva Cornicino
434 C. Júlio (ou Julo) III L. (ou Proc.) Vergínio Tricosto II
ou: M. Mânlio Capitolino ou: Q. Sulpício Camerino Pretextato[9]
Ditador: Mam. Emílio Mamercino II Mestre da cavalaria: Aulo Postúmio Tuberto
Ano Tribuno consular Tribuno consular
434 Ser. Cornélio Cosso Q. Sulpício Camerino Pretextato
M. Mânlio Capitolino
433 M. Fábio Vibulano L. Sérgio Fidenato
M. Fólio Flacinador
432 L. Pinário Mamerco Sp. Postúmio Albo Regilense
L. Fúrio Medulino
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
431 T. Quíncio Peno Cincinato C. (ou Cn.) Júlio Mento
Ditador: Aulo Postúmio Tuberto Mestre da cavalaria: Lúcio Júlio Julo
430 C. (ou L.) Papírio Crasso (II?) L. Júlio Julo
429 Hosto Lucrécio Tricipitino L. Sérgio Fidenato II
428 A. Cornélio Cosso T. Quíncio Peno Cincinato II
ou: L. Quíncio Cincinato ou: A. Semprônio Atratino[10]
427 C. Servílio Aala L. Papírio Mugilano
Ano Tribuno consular Tribuno consular
426 T. Quíncio Peno Cincinato M. Postúmio Albo Regilense
C. Fúrio Pácilo Fuso A. Cornélio Cosso
Ditador: Mam. Emílio Mamercino II Mestre da cavalaria: Aulo Cornélio Cosso
425 A. Semprônio Atratino L. Fúrio Medulino II
L. Quíncio Cincinato II L. Horácio Barbato
424 Ap. Cláudio Crasso L. Sérgio Fidenato II
Sp. Náucio Rutilo Sex. Júlio Julo
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
423 C. Semprônio Atratino Q. Fábio Vibulano Ambusto
Ano Tribuno consular Tribuno consular
422 L. Mânlio Capitolino L. Papírio Mugilano
Q. Antônio Merenda
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
421 N. (ou Cn.) Fábio Vibulano T. Quíncio Capitolino Barbato
Ano Tribuno consular Tribuno consular
420 L. Quíncio Cincinato III
ou: T. Quíncio Peno Cincinato II
M. Mânlio Vulsão
L. Fúrio Medulino III A. Semprônio Atratino II
419 Agripa Menênio Lanato Sp. Náucio Rutilo
P. Lucrécio Tricipitino Caio Servílio Áxila
418 L. Sérgio Fidenato III Caio Servílio Áxila II
Marco Papírio Mugilano
Ditador: Q. Servílio Prisco Fidenato II Mestre da cavalaria: Caio Servílio Áxila
417 P. Lucrécio Tricipitino II Agripa Menênio Lanato II
Sp. Vetúrio Crasso Cicurino Caio Servílio Áxila III
416 A. Semprônio Atratino III Q. Fábio Vibulano Ambusto
M. Papírio Mugilano II Sp. Náucio Rutilo II
415 P. Cornélio Cosso N. Fábio Vibulano
Caio Valério Potito Voluso Quinto Quíncio Cincinato
414 Cn. Cornélio Cosso Q. Fábio Vibulano Ambusto II
L. Valério Potito Marco (ou P.?) Postúmio Regilense
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
413 A. (ou M.) Cornélio Cosso L. Fúrio Medulino
412 Q. Fábio Vibulano Ambusto C. Fúrio Pácilo
411 M. Papírio Mugilano (ou Atratino?) Sp. Náucio Rutilo
410 M' Emílio Mamercino C. Valério Potito Voluso
409 Cn. Cornélio Cosso L. Fúrio Medulino II
Ano Tribuno consular Tribuno consular
408 C. Júlio Julo C. Servílio Aala
P. Cornélio Cosso
Ditador: P. Cornélio Rutilo Cosso Mestre da cavalaria: Caio Servílio Estruto Aala
407 L. Fúrio Medulino N. Fábio Vibulano II
C. Valério Potito Voluso II C. Servílio Aala II
406 P. Cornélio Rutilo Cosso N. Fábio Ambusto
Cn. Cornélio Cosso L. Valério Potito II
405 T. Quíncio Capitolino Barbato A. Mânlio Vulsão Capitolino
Q. Quíncio Cincinato II L. Fúrio Medulino II
C. Júlio Julo II M' Emílio Mamercino
404 C. Valério Potito Voluso III Cn. Cornélio Cosso II
M' Sérgio Fidenato K. Fábio Ambusto
P. Cornélio Maluginense Sp. Náucio Rutilo III
403 M' Emílio Mamercino II M. Quintílio Varrão
L. Valério Potito III L. Júlio Julo
Ap. Cláudio Crasso Inregilense M. Fúrio Fuso
402 C. Servílio Aala III Q. Sulpício Camerino Cornuto
Q. Servílio Fidenato A. Mânlio Vulsão Capitolino II
L. Vergínio Tricosto Esquilino M' Sérgio Fidenato II
401 L. Valério Potito IV Cn. Cornélio Cosso III
M. Fúrio Camilo K. Fábio Ambusto II
M' Emílio Mamercino III L. Júlio Julo

Século IV a.C.[editar | editar código-fonte]

Ano Tribuno consular Tribuno consular
400 P. Licínio Calvo Esquilino P. Mélio Capitolino
P. Mânlio Vulsão Sp. Fúrio Medulino
L. Titínio Pansa Saco L. Publílio Filão Vulsco
399 Cn. Genúcio Augurino C. Duílio Longo
L. Atílio Prisco M. Vetúrio Crasso Cicurino
M. Pompônio Rufo Volero Publílio Filão
398 L. Valério Potito V L. Fúrio Medulino III
M. Valério Latucino Máximo Q. Servílio Fidenato II
M. Fúrio Camilo II Q. Sulpício Camerino Cornuto II
397 L. Júlio Julo II A. Postúmio Albino Regilense
L. Fúrio Medulino IV P. Cornélio Maluginense
L. Sérgio Fidenato A. Mânlio Vulsão Capitolino III
396 L. Titínio Pansa Saco II Q. Mânlio Vulsão Capitolino
P. Licínio Calvo Esquilino Cn. Genúcio Augurino II
P. Mélio Capitolino II L. Atílio Prisco II
Ditador: Marco Fúrio Camilo I Mestre da cavalaria: Públio Cornélio Maluginense[11]
395 P. Cornélio Maluginense Cosso L. Fúrio Medulino V
P. Cornélio Cipião Q. Servílio Fidenato III
K. Fábio Ambusto III M. Valério Latucino Máximo II
394 M. Fúrio Camilo III L. Valério Potito Publícola
L. Fúrio Medulino VI Sp. Postúmio Albino Regilense
C. Emílio Mamercino Públio Cornélio Cipião II
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
393 L. Valério Potito Publícola P. Cornélio Maluginense
suf. L. Lucrécio Tricipitino Flavo Ser. Sulpício Camerino
392 L. Valério Potito Publícola II M. Mânlio Capitolino
Ano Tribuno consular Tribuno consular
391 L. Lucrécio Tricipitino Flavo L. Fúrio Medulino VII
Ser. Sulpício Camerino Agripa Fúrio Fuso
L. Emílio Mamercino C. Emílio Mamercino II
390 Q. Fábio Ambusto Q. Sulpício Longo
K. Fábio Ambusto IV Q. Servílio Fidenato IV
N. Fábio Ambusto II P. Cornélio Maluginense IV
Ditador: Marco Fúrio Camilo II Mestre da cavalaria: Lúcio Valério Potito
389 L. Valério Potito Publícola II A. Mânlio Capitolino
L. Vergínio Tricosto Esquilino (II?) L. Emílio Mamercino II
P. Cornélio L. Postúmio Albino Regilense
Ditador: Marco Fúrio Camilo III Mestre da cavalaria: Caio Servílio Estruto Aala
388 T. Quíncio Cincinato Capitolino Q. Servílio Fidenato V
L. Júlio Julo L. Aquílio Corvo
L. Lucrécio Tricipitino Flavo II Ser. Sulpício Rufo
387 L. Papírio Cursor Cn. Sérgio Fidenato Cosso
L. Emílio Mamercino III Licínio Menênio Lanato
L. Valério Potito Publícola III
386 M. Fúrio Camilo IV Ser. Cornélio Maluginense
Q. Servílio Fidenato VI L. Quíncio Cincinato
L. Horácio Púlvilo P. Valério Potito Publícola
385 A. Mânlio Capitolino II P. Cornélio II
T. Quíncio (Cincinato?) Capitolino II L. Papírio Cursor II
L. Quíncio Capitolino II Cn. Sérgio Fidenato Cosso II
Ditador: Aulo Cornélio Cosso Mestre da cavalaria: Tito Quíncio Cincinato Capitolino
384 Ser. Cornélio Maluginense II P. Valério Potito Publícola II
M. Fúrio Camilo V Ser. Sulpício Rufo II
C. Papírio Crasso T. Quíncio Cincinato Capitolino III
383 L. Valério Potito Publícola IV A. Mânlio Capitolino IV
Ser. Sulpício Rufo III L. Lucrécio Tricipitino Flavo III
L. Emílio Mamercino IV M. Trebônio
382 Sp. Papírio Crasso L. Papírio Crasso
Ser. Cornélio Maluginense III Q. Servílio Fidenato
C. Sulpício Camerino L. Emílio Mamercino V
381 M. Fúrio Camilo VI A. Postúmio Albino Regilense
L. Postúmio Albino Regilense II L. Fúrio Medulino Fuso
L. Lucrécio Tricipitino Flavo IV M. Fábio Ambusto
380[12] L. Valério Potito Publícola V P. Valério Potito Publícola III
Ser. Cornélio Maluginense IV Licínio Menênio Lanato II
C. Sulpício Pético L. Emílio Mamercino VI
Cn. (ou C.) Sérgio Fidenato Cosso III Tibério Papírio Crasso
L. Papírio Mugilano ou: L. Papírio Crasso
Ditador: Tito Quíncio Cincinato Capitolino Mestre da cavalaria: Aulo Semprônio Atratino
379[13] P. Mânlio Capitolino C. Mânlio Vulsão
L. Júlio Julo II C. Sextílio
M. Albínio L. Antístio
P. Trebônio C. Erenúcio?
378 Sp. Fúrio Medulino Q. Servílio Fidenato II
Licínio Menênio Lanato III P. Clélio Sículo
M. Horácio Púlvilo L. Gegânio Macerino
377 L. Emílio Mamercino P. Valério Potito Publícola IV
C. Vetúrio Crasso Cicurino Ser. Sulpício Pretextato I? ou: Ser. Sulpício Rufo IV
L. Quíncio Cincinato III C. Quíncio Cincinato
376 L. Papírio Crasso II Licínio Menênio Lanato IV
Ser. Cornélio Maluginense V? Ser. Sulpício Pretextato I (II?)
375

371
vacatio {eleições vetadas pelos tribunos da plebe.}

Os tribunos da plebe Caio Licínio Calvo Estolão e Lúcio Sêxtio Laterano promoveram um novo conjunto de leis favoráveis aos plebeus, mas enfrentaram uma violenta resistência dos patrícios romanos. Estes, apoiados por vetos de outros tribunos da plebe, conseguiram impedir as novas leis de Licínio e Sêxtio, que, como retaliação por causa das políticas conservadoras implementadas pelos patrícios, utilizaram eles próprios seu direito de veto para impedir, por cinco anos, a eleição de novos tribunos consulares. Eles foram tribunos da plebe entre 376 e 367 a.C. e Sêxtio, em 366 a.C., tornou-se o primeiro cônsul plebeu.

370 A. Mânlio Capitolino V L. Fúrio Medulino Fuso II
Ser. Sulpício Pretextato II (III?) Ser. Cornélio Maluginense V (VI?)
C. Valério Potito P. Valério Potito Publícola V
369 Q. Servílio Fidenato III C. Vetúrio Crasso Cicurino II
A. Cornélio Cosso M. Cornélio Maluginense
Q. Quíncio Cincinato M. Fábio Ambusto II
368 Ser. Cornélio Maluginense VI (VII?) Ser. Sulpício Pretextato III (IV?)
Sp. Servílio Estruto T. Quíncio Cincinato Capitolino
L. Papírio Crasso L. Vetúrio Crasso Cicurino
Ditador: Marco Fúrio Camilo IV[14] Mestre da cavalaria: Lúcio Emílio Mamercino[14]
Ditador: Públio Mânlio Capitolino[14] Mestre da cavalaria: Caio Licínio[14]
367 A. Cornélio Cosso II M. Cornélio Maluginense II
M. Gegânio Macerino P. Mânlio Capitolino II
L. Vetúrio Crasso Cicurino II P. Valério Potito Publícola VI
Ditador: Marco Fúrio Camilo V[15] Mestre da cavalaria: Tito Quíncio Peno
Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
366 Lúcio Emílio Mamercino L. Sêxtio Sextino Laterano (primeiro plebeu)
365 L. Genúcio Aventinense Q. Servílio Aala
364 C. Sulpício Pético C. Licínio Calvo Estolão
363 Cn. Genúcio Aventinense L. Emílio Mamercino II
Ditador: Lúcio Mânlio Capitolino Imperioso[16] Mestre da cavalaria: Lúcio Pinário
362 Q. Servílio Aala II L. Genúcio Aventinense II
Ditador: Ápio Cláudio Crasso Inregilense[17] Mestre da cavalaria: Públio Cornélio Escápula?
361 C. Licínio Calvo Estolão II C. Sulpício Pético II
Ditador: Tito Quíncio Peno Capitolino Crispino[18] Mestre da cavalaria: Sérvio Cornélio Maluginense
360 M. Fábio Ambusto C. Petélio Libo Visolo
Ditador: Quinto Servílio Aala[19] Mestre da cavalaria: Tito Quíncio Peno Capitolino Crispino
359 M. Popílio Lenas Cn. Mânlio Capitolino Imperioso
358 C. Fábio Ambusto C. Pláucio Próculo
Ditador: Caio Sulpício Pético[20] Mestre da cavalaria: Marco Valério Publícola
357 C. Márcio Rutilo Cn. Mânlio Capitolino Imperioso II
356 M. Fábio Ambusto II M. Popílio Lenas II
Ditador: Caio Márcio Rutilo[21] Mestre da cavalaria: Caio Pláucio Próculo
355 C. Sulpício Pético III M. Valério Publícola
354 M. Fábio Ambusto III T. Quíncio Peno Capitolino Crispino
353 C. Sulpício Pético IV M. Valério Publícola II
Ditador: Tito Mânlio Imperioso Torquato[22] Mestre da cavalaria: Aulo Cornélio Cosso Arvina
352 P. Valério Publícola C. Márcio Rutilo II
Ditador: Caio Júlio Julo[23] Mestre da cavalaria: Lúcio Emílio Mamercino
351 C. Sulpício Pético V T. Quíncio Peno Capitolino Crispino II
Ditador: Marco Fábio Ambusto[24] Mestre da cavalaria: Quinto Servílio Aala
350 M. Popílio Lenas III (IV?) L. Cornélio Cipião
Ditador: Lúcio Fúrio Camilo[25] Mestre da cavalaria: Lúcio Cornélio Cipião
349 L. Fúrio Camilo Ap. Cláudio Crasso Inregilense
Ditador: Tito Mânlio Imperioso Torquato[26] Mestre da cavalaria: Aulo Cornélio Cosso Arvina
348 M. Valério Corvo M. Popílio Lenas IV
347 C. Pláucio Venão Ipseu (ou Venox) T. Mânlio Imperioso Torquato
346 M. Valério Corvo II C. Petélio Libo Visolo II
345 M. Fábio Dorsuão Ser. Sulpício Camerino Rufo
Ditador: Lúcio Fúrio Camilo[27] Mestre da cavalaria: Cneu Mânlio Capitolino Imperioso
344 C. Márcio Rutilo III T. Mânlio Imperioso Torquato II
Ditador: Públio Valério Publícola[27] Mestre da cavalaria: Quinto Fábio Ambusto
343 M. Valério Corvo III A. Cornélio Cosso Arvina
342 Q. Servílio Aala III C. Márcio Rutilo IV
Ditador: Marco Valério Corvo[27] Mestre da cavalaria: Lúcio Emílio Mamercino Privernato
341 C. Pláucio Venão Ipseu (ou Venox) II L. Emílio Mamercino Privernato
340 T. Mânlio Imperioso Torquato III P. Décio Mus
Ditador: Lúcio Papírio Crasso[28] Mestre da cavalaria: Lúcio Papírio Cursor
339 Ti. Emílio Mamercino Q. Publílio Filão
Ditador: Quinto Publílio Filão[28] Mestre da cavalaria: Décimo Júnio Bruto Esceva
338 L. Fúrio Camilo C. Mênio
337 C. Sulpício Longo P. Élio Petão
Ditador: Caio Cláudio Regilense[29] Mestre da cavalaria: Caio Cláudio Ortador
336 L. Papírio Crasso K. Duílio
335 M. Atílio Régulo Caleno M. Valério Corvo IV
Ditador: Lúcio Emílio Mamercino Privernato[30] Mestre da cavalaria: Quinto Publílio Filão
334 Sp. Postúmio Albino Claudino T. Vetúrio Calvino
333 * Ditador: Públio Cornélio Rufino[31] Mestre da cavalaria: Marco Antônio
332 Cn. Domício Calvino A. Cornélio Cosso Arvina II
Ditador: Marco Papírio Crasso[32] Mestre da cavalaria: Públio Valério Publícola
331 C. Valério Potito Flaco M. Cláudio Marcelo
Ditador: Cneu Quíncio Capitolino[33] Mestre da cavalaria: Lúcio (ou Caio) Valério Potito
330 L. Papírio Crasso II L. Pláucio Venão (ou Venox)
329 L. Emílio Mamercino Privernato II C. Pláucio Deciano
328 P. Pláucio Próculo P. Cornélio Escápula
327 L. Cornélio Lêntulo Q. Publílio Filão II
Ditador: Marco Cláudio Marcelo[34] Mestre da cavalaria: Espúrio Postúmio Albino Caudino
326 C. Petélio Libo Visolo III L. Papírio Cursor
325 L. Fúrio Camilo II D. Júnio Bruto Esceva
324 * Ditador: Lúcio Papírio Cursor[35] Mestre da cavalaria: Quinto Fábio Máximo Ruliano
323 C. Sulpício Longo II Q. Áulio Cerretano
322 Q. Fábio Máximo Ruliano L. Fúlvio Curvo
Ditador: Aulo Cornélio Cosso Arvina[36] Mestre da cavalaria: Marco Fábio Ambusto
321 T. Vetúrio Calvino II Sp. Postúmio Albino Claudino II
Ditador: Quinto Fábio Ambusto[37] Mestre da cavalaria: Públio Élio Petão
Ditador: Marco Emílio Papo[37] Mestre da cavalaria: Lúcio Valério Flaco
320 L. Papírio Cursor II Q. Publílio Filão III
Ditador: Lúcio Cornélio Lêntulo[38] Mestre da cavalaria: ?
Ditador: Caio Mênio Nepo[39] Mestre da cavalaria: M. Fólio Flacinador?
319 L. Papírio Cursor III Q. Áulio Cerretano II
318 M. Fólio Flacinador L. Pláucio Venão (ou Venox)
317 C. Júnio Bubulco Bruto Q. Emílio Bárbula
316 Sp. Náucio Rutilo M. Popílio Lenas
Ditador: Lúcio Emílio Mamercino Privernato[40] Mestre da cavalaria: Lúcio Fúlvio Curvo
315 L. Papírio Cursor IV Q. Publílio Filão IV
Ditador:Quinto Fábio Máximo Ruliano[41] Mestre da cavalaria: Quinto Áulio Cerretano
314 M. Petélio Libão C. Sulpício Longo III
Ditador:Caio Mênio Públio[42] Mestre da cavalaria:Marco Fólio Flacinador?
313 L. Papírio Cursor V C. Júnio Bubulco Bruto II
Ditador: Caio Petélio Libo Visolo[43] Mestre da cavalaria: M. Petélio Libão? ou Marco Fólio Flacinador?
312 M. Valério Máximo Corrino P. Décio Mus
Ditador: Caio Sulpício Longo[44] Mestre da cavalaria: Caio Júnio Bubulco Bruto
311 C. Júnio Bubulco Bruto III Q. Emílio Bárbula II
310 Q. Fábio Máximo Ruliano II C. Márcio Rutilo Censorino
309 * Ditador: Lúcio Papírio Cursor Mestre da cavalaria: Caio Júnio Bubulco Bruto II
308 P. Décio Mus II Q. Fábio Máximo Ruliano III
307 Ap. Cláudio Cego L. Volúmnio Flama Violente (primeiro homem novo)
306 Q. Márcio Trêmulo P. Cornélio Arvina
Ditador: Públio Cornélio Cipião Barbato[45] Mestre da cavalaria: Públio Décio Mus
305 L. Postúmio Megelo Ti. Minúcio Augurino
suf. M. Fúlvio Curvo Petino
304 P. Semprônio Sofo P. Sulpício Saverrião
303 Ser. Cornélio Lêntulo L. Genúcio Aventinense
302 M. Lívio Denter M. Emílio Paulo
Ditador: Caio Júnio Bubulco Bruto[46] Mestre da cavalaria: ?
301 * Ditador: Marco Valério Corvo[47] Mestre da cavalaria: Marco Emílio Paulo

Século III a.C.[editar | editar código-fonte]

Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
300 M. Valério Máximo Corvo V Q. Apuleio Pansa
299 M. Fúlvio Petino T. Mânlio Torquato
suf. M. Valério Máximo Corvo VI
298 L. Cornélio Cipião Barbato Cn. Fúlvio Máximo Centumalo
297 Q. Fábio Máximo Ruliano IV P. Décio Mus III
296 L. Volúmnio Flama Violente II Ap. Cláudio Cego II
295 Q. Fábio Máximo Ruliano V P. Décio Mus IV
294 L. Postúmio Megelo II M. Atílio Régulo
293 L. Papírio Cursor Sp. Carvílio Máximo
292 Q. Fábio Máximo Gurges D. Júnio Bruto Esceva
Ditador: Ápio Cláudio Cego Mestre da cavalaria: ?
291 L. Postúmio Megelo III C. Júnio Bubulco Bruto
290 P. Cornélio Rufino M' Cúrio Dentato
289 Marco Valério Máximo Corvino Q. Cedício Notua
288 Q. Márcio Trêmulo II P. Cornélio Arvina II
287 M. Cláudio Marcelo C. Náucio Rutilo
Ditador: Quinto Hortêncio Mestre da cavalaria: ?
286 M. Valério Máximo Potito C. Élio Petão
285 C. Cláudio Canina M. Emílio Lépido
Ditador: Ápio Cláudio Cego Mestre da cavalaria: ?
284 C. Servílio Tuca L. Cecílio Metelo Denter
suf. M' Cúrio Dentato (II ?)
283 P. Cornélio Dolabela Cn. Domício Calvino Máximo
282 C. Fabrício Luscino Q. Emílio Papo
281 L. Emílio Bárbula Q. Márcio Filipo
280 P. Valério Levino Ti. Coruncânio
Ditador: Cneu Domício Calvino Máximo Mestre da cavalaria: ?
Ditador: Públio Cornélio Rufino? Mestre da cavalaria: ?
279 P. Sulpício Saverrião P. Décio Mus
278 C. Fabrício Luscino II Q. Emílio Papo II
277 P. Cornélio Rufino II C. Júnio Bubulco Bruto II
276 Q. Fábio Máximo Gurges II C. Genúcio Clepsina
Ditador: P. Cornélio Rufino Mestre da cavalaria: ?
275 M' Cúrio Dentato II L. Cornélio Lêntulo Caudino
274 M' Cúrio Dentato III Ser. Cornélio Merenda
273 C. Fábio Dorso Licino C. Cláudio Canina II
272 L. Papírio Cursor II Sp. Carvílio Máximo II
271 K. (ou C.) Quíncio Claudo L. Genúcio Clepsina
270 C. Genúcio Clepsina II Cn. Cornélio Blasião
269 Q. Ogúlnio Galo C. Fábio Pictor
268 P. Semprônio Sofo Ap. Cláudio Russo
267 M. Atílio Régulo L. Júlio Libão
266 D. Júnio Pera N. Fábio Pictor
265 Q. Fábio Máximo Gurges L. Mamílio Vítulo
264 Ap. Cláudio Cáudice M. Fúlvio Flaco
263 M' Valério Máximo Messala M' Otacílio Crasso
Ditador: Cneu Fúlvio Máximo Centumalo Mestre da cavalaria: Quinto Márcio Filipo
262 L. Postúmio Megelo Q. Mamílio Vítulo
261 L. Valério Flaco T. Otacílio Crasso
260 Cn. Cornélio Cipião Asina C. Duílio
259 L. Cornélio Cipião C. Aquílio Floro
258 A. Atílio Calatino C. Sulpício Patérculo
257 C. Atílio Régulo Serrano Cn. Cornélio Blasião II
Ditador: Quinto Ogúlnio Galo Mestre da cavalaria: ?
256 L. Mânlio Vulsão Longo Q. Cedício
suf. M. Atílio Régulo II
255 Ser. Fúlvio Petino Nobilior M. Emílio Paulo
254 Cn. Cornélio Cipião Asina II A. Atílio Calatino II
253 Cn. Servílio Cepião C. Semprônio Bleso
252 C. Aurélio Cota P. Servílio Gêmino
251 L. Cecílio Metelo C. Fúrio Pácilo
250 C. Atílio Régulo Serrano II L. Mânlio Vulsão Longo II
249 P. Cláudio Pulcro L. Júnio Pulo
Ditador: Marco Cláudio Glícia Mestre da cavalaria: ?
Ditador: Aulo Atílio Calatino Mestre da cavalaria: L. Cecílio Metelo
248 C. Aurélio Cota II P. Servílio Gêmino II
247 L. Cecílio Metelo II N. Fábio Buteão
246 M' Otacílio Crasso II M. Fábio Licino
Ditador: Tibério Coruncânio Mestre da cavalaria: Marco Fúlvio Flaco
245 M. Fábio Buteão C. Atílio Bulbo
244 A. Mânlio Torquato Ático C. Semprônio Bleso II
243 C. Fundânio Fúndulo C. Sulpício Galo
242 C. Lutácio Cátulo A. Postúmio Albino
241 A. Mânlio Torquato Ático II Q. Lutácio Cercão
240 C. Cláudio Centão M. Semprônio Tuditano
239 C. Mamílio Turrino Q. Valério Falto
238 Ti. Semprônio Graco P. Valério Falto
237 L. Cornélio Lêntulo Caudino Q. Fúlvio Flaco
236 P. Cornélio Lêntulo Caudino C. Licínio Varrão
235 T. Mânlio Torquato C. Atílio Bulbo II
234 L. Postúmio Albino Sp. Carvílio Máximo Ruga
233 Q. Fábio Máximo Verrugoso M' Pompônio Matão
232 M. Emílio Lépido M. Publício Maleolo
231 M. Pompônio Matão C. Papírio Masão
Ditador: Caio Duílio Mestre da cavalaria: Caio Aurélio Cota
230 M. Emílio Bárbula M. Júnio Pera
229 L. Postúmio Albino II Cn. Fúlvio Centumalo
228 Sp. Carvílio Máximo Ruga II Q. Fábio Máximo Verrugoso II
227 P. Valério Flaco M. Atílio Régulo
226 M. Valério Máximo Messala L. Apústio Fulão
225 L. Emílio Papo C. Atílio Régulo
224 T. Mânlio Torquato II Q. Fúlvio Flaco II
Ditador: L. Cecílio Metelo Mestre da cavalaria: Numério Fábio Buteão
223 C. Flamínio Nepos P. Fúrio Filo
222 M. Cláudio Marcelo Cn. Cornélio Cipião Calvo
221 P. Cornélio Cipião Asina M. Minúcio Rufo
suf. Marco Emílio Lépido
Ditador: Q. Fábio Máximo Verrugoso Mestre da cavalaria: Caio Flamínio Nepos
220 M. Valério Levino Q. Múcio Cévola
suf. (?) L. Vetúrio Filão (?) Q. Lutácio Cátulo
219 L. Emílio Paulo M. Lívio Salinador
218 P. Cornélio Cipião Ti. Semprônio Longo
217 Cn. Servílio Gêmino C. Flamínio Nepos II
suf. M. Atílio Régulo II
Ditador: Q. Fábio Máximo Verrugoso II Mestre da cavalaria: Marco Minúcio Rufo
Ditador: Marco Minúcio Rufo Ditador: Q. Fábio Máximo Verrugoso III
Ditador: Lúcio Vetúrio Filão Mestre da cavalaria: Marco Pompônio Matão
216 C. Terêncio Varrão L. Emílio Paulo II
Ditador: Marco Júnio Pera Mestre da cavalaria: Tibério Semprônio Graco
Ditador: Marco Fábio Buteão Mestre da cavalaria: ?
215 L. Postúmio Albino III Ti. Semprônio Graco
suf. Marco Cláudio Marcelo II (abd.) / Q. Fábio Máximo Verrugoso III
214 Q. Fábio Máximo Verrugoso IV M. Cláudio Marcelo III
213 Q. Fábio Máximo Ti. Semprônio Graco II
Ditador: Caio Cláudio Centão Mestre da cavalaria: Quinto Fúlvio Flaco
212 Q. Fúlvio Flaco III Ap. Cláudio Pulcro
211 Cn. Fúlvio Centumalo Máximo P. Sulpício Galba Máximo
210 M. Cláudio Marcelo IV M. Valério Levino (II?)
Ditador: Quinto Fúlvio Flaco Mestre da cavalaria: Públio Licínio Crasso
209 Q. Fábio Máximo Verrugoso V Q. Fúlvio Flaco IV
208 M. Cláudio Marcelo V T. Quíncio Peno Capitolino Crispino
Ditador: Tito Mânlio Torquato Mestre da cavalaria: Caio Servílio Gêmino
207 C. Cláudio Nero M. Lívio Salinador II
Ditador: M. Lívio Salinador Mestre da cavalaria: Q. Cecílio Metelo
206 L. Vetúrio Filão Q. Cecílio Metelo
205 P. Cornélio Cipião Africano P. Licínio Crasso Dives
204 M. Cornélio Cetego P. Semprônio Tuditano
Ditador: Q. Cecílio Metelo Mestre da cavalaria: Lúcio Vetúrio Filão
203 Cn. Servílio Cepião C. Servílio Gêmino
Ditador: Públio Sulpício Galba Máximo Mestre da cavalaria: Marco Servílio Púlex Gêmino
202 M. Servílio Púlex Gêmino Ti. Cláudio Nero
Ditador: Caio Servílio Gêmino Mestre da cavalaria: P. Élio Petão
201 Cn. Cornélio Lêntulo P. Élio Petão

Século II a.C.[editar | editar código-fonte]

Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
200 P. Sulpício Galba Máximo II C. Aurélio Cota
199 L. Cornélio Lêntulo P. Vílio Tápulo
198 Sex. Élio Petão Cato T. Quíncio Flaminino
197 C. Cornélio Cetego Q. Minúcio Rufo
196 L. Fúrio Purpúreo M. Cláudio Marcelo
195 L. Valério Flaco M. Pórcio Catão
194 P. Cornélio Cipião Africano II Ti. Semprônio Longo
193 L. Cornélio Merula Q. Minúcio Termo
192 L. Quíncio Flaminino Cn. Domício Enobarbo
191 P. Cornélio Cipião Násica M' Acílio Glabrião
190 L. Cornélio Cipião Asiático C. Lélio
189 M. Fúlvio Nobilior Cn. Mânlio Vulsão
188 M. Valério Messala C. Lívio Salinador
187 M. Emílio Lépido C. Flamínio
186 Sp. Postúmio Albino Q. Márcio Filipo
185 Ap. Cláudio Pulcro M. Semprônio Tuditano
184 P. Cláudio Pulcro L. Pórcio Licino
183 M. Cláudio Marcelo Q. Fábio Labeão
182 Cn. Bébio Tânfilo L. Emílio Paulo Macedônico
181 P. Cornélio Cetego M. Bébio Tânfilo
180 A. Postúmio Albino Lusco C. Calpúrnio Pisão
suf. Q. Fúlvio Flaco
179 Q. Fúlvio Flaco L. Mânlio Acidino Fulviano
178 M. Júnio Bruto A. Mânlio Vulsão
177 C. Cláudio Pulcro Ti. Semprônio Graco
176 Cn. Cornélio Cipião Híspalo Q. Petílio Espurino
suf. C. Valério Levino
175 P. Múcio Cévola M. Emílio Lépido II
174 Sp. Postúmio Albino Paululo Q. Múcio Cévola
173 L. Postúmio Albino M. Popílio Lenas
172 C. Popílio Lenas P. Élio Lígure
171 P. Licínio Crasso C. Cássio Longino
170 A. Hostílio Mancino A. Atílio Serrano
169 Q. Márcio Filipo II Cn. Servílio Cepião
168 L. Emílio Paulo Macedônico II C. Licínio Crasso
167 Q. Élio Petão M. Júnio Peno
166 M. Cláudio Marcelo C. Sulpício Galo
165 T. Mânlio Torquato Cn. Otávio
164 A. Mânlio Torquato Q. Cássio Longino
163 Ti. Semprônio Graco II M' Juvêncio Talna
162 P. Cornélio Cipião Násica Córculo C. Márcio Fígulo
suf. P. Cornélio Lêntulo Cn. Domício Enobarbo
161 M. Valério Messala C. Fânio Estrabão
160 L. Anício Galo M. Cornélio Cetego
159 Cn. Cornélio Dolabela M. Fúlvio Nobilior
158 M. Emílio Lépido C. Popílio Lenas II
157 Sex. Júlio César L. Aurélio Orestes
156 L. Cornélio Lêntulo Lupo C. Márcio Fígulo II
155 P. Cornélio Cipião Násica Córculo II M. Cláudio Marcelo II
154 L. Postúmio Albino Q. Opímio
suf. M' Acílio Glabrião
153 Q. Fúlvio Nobilior T. Ânio Lusco
152 M. Cláudio Marcelo III L. Valério Flaco
151 L. Licínio Lúculo A. Postúmio Albino
150 T. Quíncio Flaminino M' Acílio Balbo
149 L. Márcio Censorino M' Manílio Nepos
148 Sp. Postúmio Albino Magno L. Calpúrnio Pisão Cesonino
147 P. Cornélio Cipião Africano Emiliano C. Lívio Druso
146 Cn. Cornélio Lêntulo L. Múmio Acaico
145 Q. Fábio Máximo Emiliano L. Hostílio Mancino
144 Ser. Sulpício Galba L. Aurélio Cota
143 Ap. Cláudio Pulcro Q. Cecílio Metelo Macedônico
142 L. Cecílio Metelo Calvo Q. Fábio Máximo Serviliano
141 Cn. Servílio Cepião Quinto Pompeu Aulo
140 C. Lélio Sapiente Q. Servílio Cepião
139 Cn. Calpúrnio Pisão M. Popílio Lenas
138 P. Cornélio Cipião Násica Serapião D. Júnio Bruto Galaico
137 M. Emílio Lépido Porcina C. Hostílio Mancino
136 L. Fúrio Filo Sex. Atílio Serrano
135 Ser. Fúlvio Flaco Q. Calpúrnio Pisão
134 P. Cornélio Cipião Africano Emiliano II C. Fúlvio Flaco
133 P. Múcio Cévola L. Calpúrnio Pisão Frugi
132 P. Popílio Lenas P. Rupílio
131 P. Licínio Crasso Dives Muciano L. Valério Flaco
130 L. Cornélio Lêntulo M. Perperna
suf. C. Cláudio Pulcro
129 C. Semprônio Tuditano M' Aquílio
128 Cn. Otávio T. Ânio Lusco Rufo
127 L. Cássio Longino Ravila L. Cornélio Cina
126 M. Emílio Lépido L. Aurélio Orestes
125 M. Pláucio Hipseu M. Fúlvio Flaco
124 C. Cássio Longino C. Sêxtio Calvino
123 Q. Cecílio Metelo Baleárico T. Quíncio Flaminino
122 Cn. Domício Enobarbo C. Fânio Estrabão
121 L. Opímio Q. Fábio Máximo Alobrógico
120 P. Manílio C. Papírio Carbão
119 L. Cecílio Metelo Dalmático L. Aurélio Cota
118 M. Pórcio Catão Q. Márcio Rex
117 L. Cecílio Metelo Diademado Q. Múcio Cévola Áugure
116 C. Licínio Geta Q. Fábio Máximo Eburno
115 M. Emílio Escauro M. Cecílio Metelo
114 M' Acílio Balbo C. Pórcio Catão
113 C. Cecílio Metelo Caprário Cn. Papírio Carbão
112 M. Lívio Druso L. Calpúrnio Pisão Cesonino
111 P. Cornélio Cipião Násica Serapião L. Calpúrnio Bestia
110 M. Minúcio Rufo Sp. Postúmio Albino
109 Q. Cecílio Metelo (Numídico) M. Júnio Silano
108 Ser. Sulpício Galba Lúcio Hortênsio
suf. M. Aurélio Escauro
107 L. Cássio Longino C. Mário
106 Q. Servílio Cepião C. Atílio Serrano
105 P. Rutílio Rufo Cn. Málio Máximo
104 C. Mário II C. Flávio Fímbria
103 C. Mário III L. Aurélio Orestes
102 C. Mário IV Q. Lutácio Cátulo
101 C. Mário V M' Aquílio

Século I a.C.[editar | editar código-fonte]

Ano Primeiro cônsul Segundo cônsul
100 C. Mário VI L. Valério Flaco
99 M. Antônio A. Postúmio Albino
98 Q. Cecílio Metelo Nepos T. Dídio
97 Cn. Cornélio Lêntulo P. Licínio Crasso
96 Cn. Domício Enobarbo C. Cássio Longino
95 L. Licínio Crasso Q. Múcio Cévola
94 C. Célio Caldo L. Domício Enobarbo
93 Caio Valério Flaco Marco Herênio
92 C. Cláudio Pulcro M. Perperna
91 L. Márcio Filipo Sex. Júlio César
90 L. Júlio César P. Rutílio Lupo
89 Cn. Pompeu Estrabão L. Pórcio Catão
88 L. Cornélio Sula Felix Q. Pompeu Rufo
87 Cn. Otávio L. Cornélio Cina
suf. L. Cornélio Mérula
86 L. Cornélio Cina II C. Mário VII
suf. L. Valério Flaco
85 L. Cornélio Cina III Cn. Papírio Carbão
84 Cn. Papírio Carbão II L. Cornélio Cina IV
83 L. Cornélio Cipião Asiático C. Norbano
82 C. Mário Minor Cn. Papírio Carbão III
Ditador: Lúcio Cornélio Sula I Mestre da cavalaria: Lúcio Valério Flaco
81 M. Túlio Décula Cn. Cornélio Dolabela
Ditador: Lúcio Cornélio Sula II Mestre da cavalaria: Lúcio Valério Flaco
80 L. Cornélio Sula Felix II Q. Cecílio Metelo Pio
Ditador: Lúcio Cornélio Sula III Mestre da cavalaria: Lúcio Valério Flaco
79 P. Servílio Vácia Isáurico Ap. Cláudio Pulcro
Ditador: Lúcio Cornélio Sula IV Mestre da cavalaria: Lúcio Valério Flaco
78 Marco Emílio Lépido Q. Lutácio Cátulo
77 D. Júnio Bruto Mam. Emílio Lépido Liviano
76 Cn. Otávio C. Escribônio Curião
75 L. Otávio C. Aurélio Cota
74 L. Licínio Lúculo M. Aurélio Cota
73 M. Terêncio Varrão Lúculo C. Cássio Longino
72 L. Gélio Publícola Cn. Cornélio Lêntulo Clodiano
71 P. Cornélio Lêntulo Sura Cn. Aufídio Orestes
70 Cn. Pompeu Magno M. Licínio Crasso
69 Q. Hortêncio Hórtalo Q. Cecílio Metelo Crético
68 L. Cecílio Metelo Q. Márcio Rex
67 C. Calpúrnio Pisão M' Acílio Glabrião
66 M' Emílio Lépido L. Volcácio Tulo
65 L. Aurélio Cota L. Mânlio Torquato
64 L. Júlio César C. Márcio Fígulo
63 M. Túlio Cícero C. Antônio Híbrida
62 D. Júnio Silano L. Licínio Murena
61 M. Púpio Pisão Frugi Calpurniano M. Valério Messala Níger
60 Q. Cecílio Metelo Céler L. Afrânio
59 C. Júlio César M. Calpúrnio Bíbulo
58 L. Calpúrnio Pisão Cesonino A. Gabínio
57 P. Cornélio Lêntulo Espínter Q. Cecílio Metelo Nepos
56 Cn. Cornélio Lêntulo Marcelino L. Márcio Filipo
55 Cn. Pompeu Magno II M. Licínio Crasso II
54 L. Domício Enobarbo Ap. Cláudio Pulcro
53 Cn. Domício Calvino M. Valério Messala Rufo
52 Cn. Pompeu Magno III Q. Cecílio Metelo Pio Cipião
51 Ser. Sulpício Rufo M. Cláudio Marcelo
50 L. Emílio Lépido Paulo C. Cláudio Marcelo Menor
49 C. Cláudio Marcelo Maior L. Cornélio Lêntulo Crus
Ditador: Júlio César I Mestre da cavalaria: Vacante
48 C. Júlio César II P. Servílio Isáurico
Ditador: Júlio César II Mestre da cavalaria: Marco Antônio
47 Q. Fúfio Caleno P. Vatínio
Ditador: Júlio César III Mestre da cavalaria: Marco Antônio
46 C. Júlio César III M. Emílio Lépido
Ditador: Júlio César IV Mestre da cavalaria: Marco Emílio Lépido
45 C. Júlio César IV Vacante
suf. Q. Fábio Máximo C. Trebônio
suf. C. Canínio Rébilo
Ditador: Júlio César VI Mestre da cavalaria: Marco Emílio Lépido
44 C. Júlio César V M. Antônio
suf. P. Cornélio Dolabela
Ditador: Júlio César Mestre da cavalaria: Marco Emílio Lépido
43 C. Víbio Pansa Cetroniano A. Hírcio
suf. Otaviano I Q. Pédio
suf. C. Carrinas P. Ventídio Basso
42 M. Emílio Lépido II L. Munácio Planco
41 Lúcio Antônio P. Servílio Isáurico II
40 Cn. Domício Calvino II C. Asínio Polião
suf. L. Cornélio Balbo P. Canídio Crasso
39 L. Márcio Censorino C. Calvísio Sabino
suf. C. Coceio Balbo P. Alfeno Varro
38 Ap. Cláudio Pulcro C. Norbano Flaco
suf. L. Cornélio Lêntulo L. Márcio Filipo
37 M. Vipsânio Agripa L. Canínio Galo
suf. T. Estatílio Tauro
36 L. Gélio Publícola M. Coceio Nerva
suf. L. Nônio Asprenas Q. Márcio
35 Sex. Pompeu L. Cornifício
suf. P. Cornélio Dolabela[48] T. Peduceu
34 M. Antônio II L. Escribônio Libão
suf. L. Semprônio Atratino
suf. L. Emílio Lépido Paulo C. Mêmio[49]
suf. M. Herênio Piceno
33 Otaviano II L. Volcácio Tulo
suf. L. Autrônio Peto
suf. L. Flávio C. Fonteio Capitão
suf. M. Acílio Glabrião
suf. L. Vinício Q. Larônio
32 Cn. Domício Enobarbo C. Sósio
suf. L. Cornélio Cina M. Valério Messala
31 M. Antônio III (apenas no oriente) Otaviano III
suf. M. Valério Messala Corvino
suf. M. Tício
suf. Cn. Pompeu
30 Otaviano IV M. Licínio Crasso
suf. C. Antístio Veto
suf. M. Túlio Cícero
suf. L. Sênio
29 Otaviano V Sex. Apuleio
suf. Potito Valério Messala
28 Otaviano VI M. Vipsânio Agripa II
27 Otaviano VII M. Vipsânio Agripa III

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Lendering, Jona (2008). «Varronian Chronology» (em inglês). Livius.Org. 
  2. Cf. Dionísio de Halicarnasso (V.36.1) e outros. Lívio II.15.1, porém, nomeia outro par: P. Lucrécio e P. Valério Publícola. Alan Samuel explica esta diferença como "Lucrécio" sendo um erro para "Laércio", causado pela confusão com o colega de Publícola 508 e 504 a.C. (Samuel, Greek and Roman Chronology (Muenchen: Beck'sche, 1972), p. 256) (em inglês)
  3. Esta ditadura é do ano de 501 a.C. segundo Lívio e 498 a.C. segundo Dionísio de Halicarnasso.
  4. Cf. os Fastos Capitolinos. Diodoro Sículo XI.52.1 nomeia C. Cornélio Lêntulo como colega de Mamerco (Samuel, Greek e Roman Chronology, p. 256) (em inglês)
  5. Cf. Dionísio de Halicarnasso (IX.37.2) e Fastos Capitolinos, que Lívio admite ser uma alternativa ao nome que ele cita como colega de Mamerco, Opet. Vergínio (II.54.3). Diodoro Sículo (XI.65.1) nomeia L. Estúdio Júlio como colega de Mamerco. (Samuel, Greek e Roman Chronology, p. 256) (em inglês)
  6. Cf. Lívio III.25.1, Diodoro XI.88.1 e outros; porém, os Fastos Capitolinos fazem dele um cônsul sufecto e colocam Carve[to] ou Carve[ntano] em seu lugar. (Samuel, Greek e Roman Chronology, p. 256) (em inglês)
  7. Este último aparece em Diodoro XII.3.1
  8. Lívio IV.12.6 relata seu prenome como Lúcio enquanto Diodoro XII.36.1 fornece Tito.
  9. Lívio (IV.23.1–3) afirma que Júlio e Vergínio eram cônsules, baseado no testemunho de Licínio e Macer, mas Valério Ântias e Tubero ambos relatam Mânlio e Sulpício como cônsules. Diodoro (XII.53.1) inclui Mânlio e Sulpício como tribunos consulares deste ano. (Samuel, Greek e Roman Chronology, p. 258) (em inglês)
  10. Diodoro Sículo (XII.77.1) acrescenta estes dois.
  11. Segundo Lívio (Ab Urbe Condita V, 19, 2), o mestre da cavalaria deste ano foi Públio Cornélio Cipião.
  12. Lívio, Ab Urbe condita VI, 3, 27 nomeia apenas 6 tribunos: Lúcio Valério e Públio Valério (Lúcio pela quinta vez, Públio pela terceira), C. Sergio (pela terceira), Licínio Menênio (pela segunda) e depois P. Papírio e Ser. Cornélio Maluginense.
  13. Lívio, Ab Urbe condita VI, 3, 30 nomeia apenas 6 tribunos: "P. et C. Manlii cum L. Iulio; plebes C. Sextilium M. Albinium L. Antistium".
  14. a b c d Lívio, Ab Urbe condita VI,4,38
  15. Lívio, Ab Urbe condita VI,4,42
  16. Lívio, Ab Urbe condita VII, 3
  17. Lívio, Ab Urbe condita VII, 6
  18. Lívio, Ab Urbe condita VII, 9
  19. Lívio, Ab Urbe condita VII, 11
  20. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 12
  21. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 17
  22. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 19
  23. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 21
  24. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 22
  25. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 24
  26. Lívio, Ab Urbe condita VII, 2, 21
  27. a b c Lívio, Ab Urbe condita VII, 3, 28
  28. a b Lívio, Ab Urbe condita VIII, 12
  29. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 15
  30. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 16
  31. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 15
  32. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 17
  33. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 18
  34. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 23
  35. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 15
  36. Lívio, Ab Urbe condita VIII, 38
  37. a b Lívio, Ab Urbe condita IX, 7
  38. Lívio, Ab Urbe condita IX, 15
  39. Lívio, Ab Urbe condita IX, 26
  40. Lívio, Ab Urbe condita IX, 21
  41. Lívio, Ab Urbe condita IX, 22
  42. Lívio, Ab Urbe condita IX, 23
  43. Lívio, Ab Urbe condita IX, 28
  44. Os Fastos Consulares indicam "Gaius Sulpicius Longus" como ditador "rei gerundae causa" e "Gaius Junius Bubulcus Brutus" como seu mestre de cavalaria, mas Lívio (Lívio, Ab Urbe condita IX, 29) indica este último como ditador, sem indicar, porém, como costuma fazer, quem foi seu mestre de cavalaria (Hartfield, Marianne (1981). Ph.D. dissertation. Berkeley: University of California, Berkeley. pp. 452–54.).
  45. Lívio, Ab Urbe condita IX, 44
  46. Lívio, Ab Urbe condita X, 1
  47. Segundo algumas fontes, Lívio teria reportado Quinto Fábio Máximo Ruliano como mestre da cavalaria do ditador (Lívio, Ab Urbe condita X, 3)
  48. Pettinger, Andrew, The Republic in Danger: Druso Libo e the Succession de Tibério (2012), pg. 229 (em inglês)
  49. T. R. S. Broughton, The Magistrates de the Roman Republic, Vol II, pg. 409 (em inglês)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Fontes primárias[editar | editar código-fonte]

  • Baiterus, Georgius (1837). «Consulares Triumphalesque Romanorum ad Fidem Optimorum Auctorum». In: von Orelli, Johann Caspar. M. Tullii Cíceronis opera quae supersunt omnia, ac deperditorum (em latim). Volume 12 (Turici: Typis Orelli, Fuesslini et Sociorum). 
  • Hooke, Nathaniel (1823). «The Roman History from the Building de Rome to the Ruin de the Commonwealth Illustrated with Maps» (em inglês) VI new ed. (London: C & J Rivington, etc.): 369–484.  |capitulo= ignorado (Ajuda)
  • Mommsen, Theodor; Pearse, Roger, : (2006) [1892]. «Part 8: List (fasti) de the consuls to 354 AD». Chronography de 354 (em inglês) The Tertullian Project [S.l.] 
  • Sigonii, Caroli (MDLVI). Fasti Consulares ac Triumphi Acti a Romulo Rege usque ad Ti. Césarem. Eisusdem in Fastos et Triumphos, Id Est in Universam Romanam Historiam CommenTário (em latim) (Venetiis: Apud Paulum Manutium, Aldi F.). 
  • Sigonii, Caroli (MDCIX). Fasti Consulares ac Triumphi Acti a Romulo Rege usque ad Ti. Césarem. Eisusdem in Fastos et Triumphos, Id Est in Universam Romanam Historiam Commentarius (em latim) (Hanoviae: Apud Claudium Marnium & heredes Ioan. Aubrii). 

Fontes secundárias[editar | editar código-fonte]

  • Alföldy, Géza (1977). Konsulat und Senatorenstand unter den Antoninen (em alemão) (Bonn: Habelt Verlag). 
  • Bagnall, Roger S.; Cameron, Alan; Schwartz, Seth R.; Worp, Klaas A. (1987). Consuls de the later Roman Empire. Filological Monographs #36 (em inglês) American Filological Association [S.l.] ISBN 1-55540-099-X. 
  • Broughton, Thomas Robert Shannon; Patterson, Marcia L. (CollabOrador). The magistrates de the Roman republic. Filological Monograph No. 15 (em inglês) American Filological Association [S.l.] ISBN 0-89130-811-3. 
  • Camodeca, Giuseppe (1986). «I consoli des 55–56 e un nuovo collega di seneca nel consolato: P. Cornélio Dolabela (TP.75 [=1401 +135)*». Zeitschrift für Papyrologie und Epigraphik (em italiano) [S.l.: s.n.] 63: 201–215. 
  • Camodeca, Giuseppe (1991). «Epigrafia. Actes du Colloque international d’epigraphie latine en mémoire de Attilio Degrassi etc.». Collection de l’ecole française de Rome 143 (em italiano) (Rome [s.n.]): 45–74.  |capitulo= ignorado (Ajuda)
  • Degrassi, Attilio (1952). I fasti consolari dell'impero romano dal 30 avanti Cristo al 613 dopo Cristo (em italiano) (Roma [s.n.]). 
  • Eck, Werner (1975). «Ergänzungen zu den Fasti Consulares des 1. und 2. Jh.n.Chr.». Historia (em alemão) [S.l.: s.n.] 24: 324–344. 
  • Gallivan, Paul A. (1974). «Some Comments on the Fasti for the Reign de Nero». Classical Quarterly. New Series (em inglês) [S.l.: s.n.] 24 (2): 290–311. doi:10.1017/S0009838800032821. 
  • Gallivan, Paul A. (1978). «The Fasti for the Reign de Cláudio». Classical Quarterly (em inglês) [S.l.: s.n.] 28 (2): 407–426. doi:10.1017/S0009838800034959. 
  • Ginsburg, Judith R. (1981). «Nero’s Consular Policy». American Journal de Ancient History (em inglês) [S.l.: s.n.] 6 (1): 51–68. 
  • Klein, Joseph (1881). Fasti consulares inde a Césaris nece usque ad imperium Diocletiani (em latim) (Lipsiae: In Aedibus B.G. Teubneri). 
  • Leunissen, Paul (1989). Konsuln und Konsulare in der Zeit von Commodus bis Severo Alexander (em alemão) (Amsterdam: Verlag Gieben). 
  • Mennen, Inge (2011). Power e Status in the Roman Empire, AD 193–284 (em inglês) BRILL [S.l.] 
  • Smith, William; Anthon, Charles, : (1886). «Fasti Consulares». A dictionary de Greek e Roman antiquities (em inglês) Third American Carefully Revised ed. New York: Harper & irmãos, Publishers. pp. 1075–1092. 
  • Tortoriello, Annalisa (2004). I fasti consolari degli anni di Claudio (em italiano) (Roma: Accademia Nazionale dei Lincei). 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]