Literatura latina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Literatura latina ou romana é o nome que se dá ao corpo de obras literárias escritas em latim, e que permanecem até hoje como um duradouro legado da cultura da Roma Antiga. Os romanos produziram diversas obras de poesia, comédia, tragédia, sátira, história e retórica, baseando-se intensamente na tradição de outras culturas, particularmente na tradição literária grega, mais amadurecida. Mesmo muito tempo depois que o Império Romano do Ocidente já havia caído, a língua e a literatura latinas continuaram a desempenhar um papel central na civilização europeia e ocidental.

A literatura latina costuma ser dividida em períodos distintos. Poucas obras escritas no latim antigo chegaram até nós; entre os trabalhos que sobreviveram, no entanto, estão as peças de Plauto e Terêncio, que permaneceram extremamente populares por todos os períodos até a atualidade, enquanto diversas outras obras latinas, incluindo muitas feitas pelos mais destacados autores do período clássico, desapareceram, muitas vezes tendo sido redescobertos apenas séculos depois de suas composições, e outras vezes nem mesmo isto. Estas obras perdidas sobreviveram por vezes como fragmentos, em outras obras que sobreviveram, enquanto outras são conhecidas apenas por referências em obras como a Naturalis Historia, de Plínio, o Velho, ou De Architectura, de Vitrúvio.

Latim clássico[editar | editar código-fonte]

O período do chamado latim clássico, durante o qual se costuma considerar que a literatura latina atingiu o seu ápice, costuma ser dividido em duas eras distintas: a Era de Ouro, que cobre aproximadamente o período do início do século I a.C. até a metade do século I d.C., e a Era de Prata, que abrange o século II d.C..[1] A literatura composta depois da metade do século II frequentemente é desprezada e ignorada; durante o Renascimento, por exemplo, quando diversos autores clássicos foram redescobertos e seu estilo foi imitado conscientemente. Cícero, acima de todos, foi tomado como paradigma, e seu estilo louvado como o ápice da perfeição no latim. Já o latim medieval frequentemente foi rejeitado como sendo mal-escrito, porém na realidade diversas grandes obras da literatura latina foram produzidas ao longo da Antiguidade Tardia e da Idade Média, embora não mais fossem conhecidos e lidos por tantos quando aquelas obras escritas no período clássico. Três destas obras sobreviveram e inspiraram os arquitetos e engenheiros do Renascimento: a Naturalis Historia ("História natural"), de Plínio, o Velho, os livros de Frontino sobre os aquedutos de Roma, e De Architectura ("Sobre a arquitetura"), de Vitrúvio.

Literatura latina antiga[editar | editar código-fonte]

Poesia (comédia)[editar | editar código-fonte]

Plauto
Terêncio

Prosa[editar | editar código-fonte]

Catão - agricultura

Era de Ouro[editar | editar código-fonte]

Busto de Virgílio, em Nápoles.

Poesia[editar | editar código-fonte]

Catulo - poeta lírico e elegista
Horácio - poeta lírico e satirista
Lucrécio - filósofo
Ovídio - elegista, poeta didático e mitológico
Propércio - elegista
Tibulo - elegista
Virgílio - poeta épico, didático e pastoral

Prosa[editar | editar código-fonte]

Cícero - orador, filósofo e jurista
Marco Terêncio Varrão - linguista e escritor sobre agricultura
Publílio Siro - autor de máximas
Vitrúvio - arquiteto

História[editar | editar código-fonte]

Salústio
Tito Lívio
Veleio Patérculo
Tácito
Amiano Marcelino

Biografia[editar | editar código-fonte]

Cornélio Nepos
Augusto - autobiografia
Suetônio

Era de Prata da literatura latina[editar | editar código-fonte]

Poesia[editar | editar código-fonte]

Caio Valério Flaco - poeta épico
Lucano - poeta épico
Marco Manílio - poeta astronômico
Sílio Itálico - poeta épico
Estácio - poeta lírico e épico
Juvenal - satirista
Marcial - epigramático
Pérsio - satirista
Fedro - fabulista

Prosa[editar | editar código-fonte]

Plínio, o Velho, num retrato fictício do século XIX; nenhuma imagem contemporânea sua sobreviveu até os dias de hoje.
Aulo Cornélio Celso - médico
Aulo Gélio - ensaísta
Apuleio - proto-romancista e filósofo
Columela - agricultor
Petrônio - proto-romancista
Plínio, o Velho - cientista
Plínio, o Novo - correspondente
Quintiliano - retórico
Sexto Júlio Frontino - engenheiro
Valério Máximo - anedotas
Sêneca, o Velho - orador
Marco Cornélio Fronto - correspondente

História[editar | editar código-fonte]

Salústio (86 - 34 a. C.)
Tito Lívio (c. 59 a. C - 17 d. C)
Veleio Patérculo (c. 19 a. C. - c. 31 d. C.)
Tácito (c. 55 - c. 120 d. C.)
Floro (sécs. I - II d. C.)
Amiano Marcelino (c. 325 - c. 391 d. C.)

Biografia[editar | editar código-fonte]

Suetônio
Quinto Cúrcio Rufo
tertuliano

Diversos gêneros[editar | editar código-fonte]

Antigo busto de Sêneca, parte de uma herma dupla (Antikensammlung Berlin).
Sêneca, o Jovem - filósofo, correspondente, cientista, trágico e satirista

Literatura latina no período da Antiguidade Tardia[editar | editar código-fonte]

Cristãos[editar | editar código-fonte]

Agostinho de Hipona - teólogo, autobiógrafo e correspondente
Jerônimo - teólogo e correspondente
Marco Minúcio Félix - teólogo
Prudêncio - poeta cristão
Sidônio Apolinário - panegirista e correspondente
Tertuliano - teólogo

Pagãos[editar | editar código-fonte]

Amiano Marcelino - historiador

Ausônio - elegista, centonista

Autor da Historia Augustana - historiador
Claudiano - panegirista
Herodiano - historiador
Autor de Pervigilium Veneris - poesia lírica

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

amplo catálogo de textos
diretório de autores latinos na Internet
textos completos e bibliografia


Eras do latim
—75 a.C.    75 a.C. – 200    200 – 900    900 – 1300    1300 – 1500    1500 – presente   1900 – presente
Latim antigo    Latim clássico    Latim tardio    Latim medieval    Latim renascentista   Neolatim    Latim contemporâneo
Ver também: História do latim, literatura latina, latim vulgar, latim eclesiástico, línguas românicas, Corpus Inscriptionum Latinarum

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.