Eva Chiavon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Eva Chiavon
Ministra-chefe da Casa Civil do Brasil Brasil
(interina)
Período 22 de março de 2016
até 12 de maio de 2016
Presidente Dilma Rousseff
Antecessor(a) Luiz Inácio Lula da Silva
Sucessor(a) Eliseu Padilha
Dados pessoais
Nascimento 16 de dezembro de 1960 (56 anos)
Chapecó, Santa Catarina
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação Política, Enfermeira obstetra

Eva Maria Cella Dal Chiavon (Chapecó, 16 de dezembro de 1960) é uma enfermeira obstetra e política brasileira.

Em 22 de março de 2016, foi anunciada como sucessora de Jaques Wagner como ministra da Casa Civil, assumindo interinamente o posto no lugar do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.[1][2] Anteriormente foi chefe de gabinete na Câmara dos Deputados, chefe da Casa Civil da Bahia entre 2007 e 2010, no primeiro governo Wagner, secretária-geral do Ministério do Planejamento[3] e secretária-geral do Ministério da Defesa.[4]

Eva também participou do conselho de administração do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e foi substituída por Nelson Barbosa.[5]

Atualmente, Eva é assessora parlamentar do Senado Federal, tendo sido nomeada em 17 de outubro de 2016.[6]

Referências

  1. «Casa Civil atualiza site e coloca nome de ministra substituta». UOL. 22 de março de 2016. Consultado em 2 de abril de 2016 
  2. Gustavo Uribe (22 de março de 2016). «Com impasse sobre Lula, 'Dilma da Bahia' assume Casa Civil». Folha de S.Paulo. Consultado em 2 de abril de 2016 
  3. «Resistência militar». VEJA. 13 de janeiro de 2015. Consultado em 2 de abril de 2016 
  4. «Secretária Geral do Ministério da Defesa». Consultado em 11 de janeiro de 2017 
  5. «Nelson Barbosa é nomeado para o Conselho de Administração do BNDES». Diário Comércio e Indústria. 10 de abril de 2015. Consultado em 2 de abril de 2016 
  6. «Nomeação». Diário Oficial da União, Seção 2, p. 54. 17 de outubro de 2016. Consultado em 11 de janeiro de 2017 


Precedido por
Luiz Inácio Lula da Silva (sub judice)
Ministro-chefe da Casa Civil do Brasil (interina)
2016
Sucedido por
Eliseu Padilha


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.