Futebol Clube do Porto (futebol)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de FC Porto (Futebol))
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2013). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre departamente de futebol. Para o clube propriamente dito, veja Futebol Clube do Porto.
FC Porto
Nome FC Porto
Alcunhas Dragões, azuis e brancos
Adepto Portista
Mascote Dragão
Fundação Fundado em 28 de setembro de 1893
Refundado em 2 de agosto de 1906
Estádio Estádio do Dragão, Porto (50 035 lugares)
Presidente Jorge Nuno Pinto da Costa
Treinador Portugal José Peseiro
Equipamento Estados Unidos New Balance
Liga Primeira Liga
2014–15 Primeira Liga, 2º
Website fcporto.pt
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Terceiro
Temporada atual

O departamento de futebol do Futebol Clube do Porto foi criado desde a fundação do clube propriamente dito, a 28 de setembro de 1893 através de António Nicolau d'Almeida, e mais tarde refundado por José Monteiro da Costa depois de um período de inatividade.

Nesta modalidade, venceu 27 campeonatos, 4 Campeonatos de Portugal, 16 Taças de Portugal, e um recorde nacional de 20 Supertaças Cândido de Oliveira. Internacionalmente, venceu 7 títulos, nomeadamente 2 Ligas dos Campeões, 2 Ligas Europa, 1 Supertaça Europeia e 2 Taças Intercontinentais, totalizando assim 74 títulos oficiais na modalidade.

O estádio atual da modalidade é o Estádio do Dragão, inaugurado em 2003 com uma capacidade para 50 mil espetadores. O campo de treinos utilizado é o Centro de Treinos e Formação Desportiva Porto-Gaia.

História[editar | editar código-fonte]

Escalões[editar | editar código-fonte]

Plantel atual[editar | editar código-fonte]

Atualizado em 1 de Fevereiro de 2016. [1]
Guarda-redes
Jogador
1 Brasil Helton
12 Espanha Iker Casillas
24 Portugal José Sá
71 México Raúl Gudiño
Defesas
Jogador Pos.
3 Países Baixos Bruno Martins Indi C
4 Brasil Maicon C
5 Espanha Iván Marcano C
' Portugal Diogo Queirós C
' Portugal Diogo Verdasca C
2 Uruguai Maxi Pereira LD
' Portugal Fernando Fonseca LD
14 Espanha José Ángel LE
' Portugal Ricardo Pereira LE
Médios
Jogador Pos.
6 Portugal Rúben Neves T
8 Argélia Yacine Brahimi T
16 México Héctor Herrera T
22 Portugal Danilo Pereira T
' Portugal Rui Pires T
13 Portugal Sérgio Oliveira M
15 Brasil Evandro M
16 México Héctor Herrera M
20 Portugal André André M
23 Espanha Alberto Bueno Lesionado M
Avançados
Jogador
7 Portugal Silvestre Varela
9 Camarões Vincent Aboubakar
11 Mali Moussa Marega
17 México Jesús Corona
39 Coreia do Sul Suk Hyun-jun
Equipa técnica
Nome Pos.
Portugal José Peseiro TR
Portugal Telmo Sousa TA
Portugal Raul Costa PF

TítulosIntercontinentais[editar | editar código-fonte]

Continentais[editar | editar código-fonte]

Nacionais[editar | editar código-fonte]

Uniformes[editar | editar código-fonte]

Atuais[editar | editar código-fonte]

  • Uniforme principal: Camisa com listas verticais em azul e branco, calção e meias azuis;
  • Uniforme alternativo: Camisa azul marinho com tons de azul escuro, calção e meias pretas;
  • Terceiro uniforme: Camisa branca com listas douradas, calção e meias brancas. Equipamento alusivo ao 120º aniversário do clube.
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Terceiro

Anteriores[editar | editar código-fonte]

  • 2012–13
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Terceiro
  • 2011–12
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
  • 2010–11
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
  • 2009–10
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
  • 2008–09
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
  • 2005–06
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo

Treinadores[editar | editar código-fonte]

Jogadores notáveis[editar | editar código-fonte]

Recordes e estatísticas[editar | editar código-fonte]

Recordes de resultados[editar | editar código-fonte]

Recorde Resultado Adversário Data Local Ref.
Maior vitória na Primeira Divisão
12–1
Académico 16 de abril de 1939 Estádio do Lima, Porto
[5]
Maior vitória na Taça de Portugal
15–1
Sanjoanense 30 de maio de 1943 Campo da Constituição, Porto
Maior vitória no Campeonato de Portugal
18–0
Ginásio Lis 3 de abril de 1932 Campo do Bessa, Porto
Maior vitória no Campeonato do Porto
19–1
Coimbrões 22 de janeiro de 1933 Campo da Constituição, Porto
Maior vitória nas competições europeias
9–0[nota 2]
Rabat Ajax 17 de setembro de 1986 Estádio do Rio Ave, Vila do Conde
Maiores derrotas nas competições europeias
6–1[nota 3]
AEK Atenas 13 de setembro de 1978 Estádio Enea Filadélfia, Atenas, Grécia
[6]
Bayern de Munique 21 de abril de 2015 Allianz Arena, Munique, Alemanha
Maior vitória contra o Benfica
8–0
28 de maio de 1933 Campo da Constituição, Porto
[7]
Maior derrota contra o Benfica
12–2[nota 4]
7 de fevereiro de 1943 Campo Grande, Lisboa
Maior vitória contra o Sporting
10–1
22 de março de 1936 Campo do Ameal, Porto
[8]
Maior derrota contra o Sporting
9–1
4 de abril de 1937 Campo Grande, Lisboa

Melhores marcadores[editar | editar código-fonte]

# Jogador Golos Jogos Ref.
1
Fernando Gomes
352
455
[9] [10]
2
Pinga
314
331
[11] [10]
3
António Araújo
205
213
[12] [10]
4
Correia Dias
200
167
[13] [10]
5
Hernâni
187
332
[14] [10]
6
Valdemar
177
163
[15] [10]
7
António Teixeira
171
220
[16] [10]
8
Jardel
168
175
[17] [10]
9
Domingos Paciência
144
378
[18] [10]
10
António Santos
129
166
[19] [10]

Notas

  1. O FC Porto é o maior vencedor da competição juntamente com o Sporting.
  2. Para a Taça dos Clubes Campeões Europeus.
  3. Para a Taça dos Clubes Campeões Europeus e Liga dos Campeões da UEFA, respetivamente. Apesar de o FC Porto ter sido derrotado algumas vezes pela mesma diferença de golos (5–0), dá-se prioridade ao número de golos sofridos, daí que só as derrotas por 6–1 sejam contabilizadas.
  4. Esta foi talvez a maior derrota que o FC Porto sofreu até hoje.

Referências

  1. fcporto.pt. Plantel (em Português) fcporto.pt. Visitado em 1 de Fevereiro de 2016.
  2. a b c d e f Palmarés do FC Porto no futebol Zerozero. Visitado em 28 de março de 2013.
  3. Vencedores do Campeonato de Portugal Zerozero. Visitado em 4 de abril de 2013.
  4. Vencedores da Supertaça Cândido de Oliveira Zerozero. Visitado em 4 de abril de 2013.
  5. Tovar, p. 20
  6. Factos: Porto UEFA. Visitado em 18 de junho de 2015.
  7. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas portoxbenfica
  8. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas fcportoxsporting
  9. Tovar, p. 666
  10. a b c d e f g h i j Bandeira, p. 21
  11. Tovar, p. 689
  12. Tovar, p. 644
  13. Tovar, p. 654
  14. Tovar, p. 667
  15. Tovar, p. 702
  16. Tovar, p. 700
  17. Tovar, p. 670
  18. Tovar, p. 658
  19. Tovar, p. 696

Ligações externas[editar | editar código-fonte]