Aeroporto Internacional de Roma

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde outubro de 2012).
Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Aeroporto
Leonardo da Vinci-Fiumicino
Rom Fiumicino Airport 2008 by-RaBoe.jpg
IATA: FCO - ICAO: LIRF
Tipo Público
Administração Aeroporto di Roma
Serve Roma
Localização Não disponível
Inauguração 15 de janeiro de 1961 (53 anos)


Altitude 5 m (16 ft)
Movimento em 2010 36 337 523
Capacidade anual Não disponível
Website oficial Página oficial
Pistas
Cabeceiras Comprimento Superfície
07/25 3 309 m (10 856 ft) Asfalto
16R/34L 3 900 m (12 795 ft) Asfalto
16L/34R 3 900 m (12 795 ft) Asfalto
16C/34C 3 600 m (11 811 ft) Asfalto

O Aeroporto Internacional de Roma - Leonardo da Vinci, também conhecido como Aeroporto Fiumicino, é o mais movimentado aeroporto da Itália, com um movimento de mais de 36 milhões passageiros em 2010, servindo também a Cidade do Vaticano. Está localizado em Fiumicino, a 35 quilômetros do Centro Histórico de Roma. Em 2008 foi o 25ª aeroporto com maior número de passageiros do mundo. É o hub da Alitalia.

O aeroporto tem o nome do gênio renascentista italiano Leonardo da Vinci, que foi o primeiro a projetar um helicóptero e uma máquina voadora com asas.

História[editar | editar código-fonte]

O aeroporto foi oficalmente aberto em 15 de janeiro de 1961 com duas pistas substituindo o pequeno aeroporto de Ciampino como o principal aeroporto de Roma. A Alitalia durante a década de 60 realizou pesados investimentos no aeroporto, com a construção de hangares e centros de manutenção, ao mesmo tempo que uma terceira pista (16L/34R) foi incorporada as instações do aeroporto.

Quatro pistas estão no momento em operação no aeroporto: 16L/34R e 16R/34L (separadas por uma distancia de 4,000 metros), 16C/34C (próxima a 16L/34R), e a 07/25, utilizada em condições meteorológicas (ventos) desfavoráveis.

Acesso ao aeroporto[editar | editar código-fonte]

O Leonardo da Vinci está a cerca de 35 km do centro histórico de Roma. O principal acesso rodoviário ao aeroporto é a A91 Roma-Fiumicino.

O acesso ferroviário é feito pela linha Leonardo Express disponível no terminal, operada pela Trenitalia. A viagem, sem paradas, dura 30 minutos até a Estação Termini, principal estação ferroviária de Roma, com um trem a cada meia hora. A cada 15 minutos há uma frequência que para em todas as estações da linha.

Incidentes e Acidentes[editar | editar código-fonte]

  • Incidentes. Atualmente é comum o furto de objetos após o despacho das bagagens. Perfumes, óculos, roupas e objetos de marcas são os bens procurados e retirados das bagagens mesmo protegidas com cadeados. Recomenda-se o uso de bagagens sem zíper ou a utilização da proteção de plástico (9 euros).
  • Entre as décadas de 60 e 80 o aeroporto presenciou dois sequestros de aeronaves além de ser palco de atentados terroristas e ponto de partida de um voo com uma bomba a bordo, todos esses incidentes ligados ao conflito entre Israel e Palestina.
  • Em 19 de dezembro de 1973 o voo 110 da Pan American World Airways foi atacado por terroristas palestino. 30 passageiros foram mortos quando uma bomba de fósforo foi jogada a bordo da aeronave quando ela estava se preparando para decolar.
  • Em 27 de dezembro de 1985 terroristas palestinos atiram na multidão presente ao terminal matando 16 e ferindo outros 99 no episódio conhecido como Atentados aos aeropostos de Roma e Viena.
  • Em 2 de Abril de 1986 uma bomba explodiu no voo 840 da TWA que ia de Fiumicino para o Aeroporto Internacional de Elinikon em Atenas matando 4 pessoas a bordo. A aeronave consegui aterrissar com segurança.
  • Em 17 de outubro de 1987,o voo 775 da Uganda Airlines que ia do Aeroporto de Gatwick em Londres, Inglaterra, para o Aeroporto Internacional de Entebbe em Entebbe, Uganda via Fiumicino se acidentou próximo a pista após duas aproximações fracassadas matando 26 dos 45 passageiros e todos os 7 tripulantes.

Terminais e destinos[editar | editar código-fonte]

Terminal 1[editar | editar código-fonte]

Companhias e destinos do Terminal A
Companhias Destinos
Itália Air Alps Bolzano, Parma, Rimini (sazonal)
França Air France Paris
Air France operado pela Brit Air Lyon
Air France operado pela CCM Airlines Marselha
Air France operado pela Régional Bordeaux, Toulouse
Itália Air Italy Turim, Verona
Itália Alitalia Amsterdam, Ancona, Atenas, Barcelona, Bari, Bologna, Brindisi, Bruxelas, Cagliari, Catania, Florença, Frankfurt, Genebra, Gênova, Lamezia Terme, Madri, Málaga, Malta, Milão, Munique, Napoles, Nice, Palermo, Paris, Reggio Calabria, Turim, Valência, Varsóvia, Veneza
Alitalia operado pela Air One Alghero, Bari, Bologna, Brindisi, Budapeste, Cagliari, Crotone, Frankfurt, Gênova, Lamezia Terme, Milão, Munique, Napoles, Nice, Palermo, Pantelária, Paris, Pisa, Tessalônica, Trieste, Turim, Verona, Viena
Países Baixos KLM Amsterdã
Itália Meridiana Cagliari, Olbia, Turim, Verona

Terminal 2[editar | editar código-fonte]

Companhias e destinos do Terminal AA
Companhias Destinos
Itália Blu-express Brindisi, Catânia, Gênova, Ibiza, Istambul, Lampedusa, Míconos, Nice, Palermo, Pantelleria, Turim
Reino Unido easyJet Amsterdam, Atenas, Bari, Basel, Düsseldorf, Genebra, Lamezia Terme, Lisboa, Londres, Madri, Malta (Começa em 12 de março), Milão, Nice (começa em 12 de março), Palermo, Veneza
Itália Wind Jet Catânia, Forli, Palermo Pl

Terminal 3[editar | editar código-fonte]

Companhias e destinos do Terminal B+C
Companhias Destinos
Grécia Aegean Airlines Atenas, Chania (sazonal), Heraclião (sazonal), Rhodes (sazonal)
República da Irlanda Aer Lingus Belfast (sazonal), Cork, Dublim
Rússia Aeroflot Moscou
Aeroflot operado por Aeroflot Don Rostov do Don
Argentina Aerolíneas Argentinas Buenos Aires
Líbia Afriqiyah Airways Tripoli
Argélia Air Algérie Argel
Alemanha Air Berlin Berlim, Düsseldorf, Hamburgo, Greven (começa em 2 de Maio), Nuremberg
Canadá Air Canada Toronto (sazonal), Montréal (sazonal)
República Popular da China Air China Pequim
Espanha Air Europa Madri
Itália Air Italy Asmara, Dubai, Fortaleza, Havana, Hurghada, Maceió, Mombasa, Natal, Nosy Be, Sharm el Sheikh, Zanzibar
Malta Air Malta Malta, Reggio Calabria
Moldávia Air Moldova Chisinau
Seychelles Air Seychelles Mahé
Canadá Air Transat Toronto (sazonal), Montréal (sazonal), Vancouver
Letónia AirBaltic Riga, Vilnius
Itália Alitalia Acra, Argel, Beirute, Belgrado, Boston, Bucareste, Buenos Aires, Caracas, Cairo, Casablanca, Chicago, Damasco, Fortaleza, Istambul, Kiev, Lagos, Londres, Los Angeles, Miami, Moscou, Nova York, Newark, Osaka, Rio de Janeiro [1] São Paulo, São Petersburgo, Sofia, Teerã, Tel Aviv, Tirana, Toquio, Toronto, Tripoli, Tunis
 Arménia Armavia Everã
Áustria Austrian Airlines Viena
Suíça Baboo Genebra
Arménia Armavia Erevã
Bielorrússia Belavia Minsque
Albânia Belle Air Pristina, Tirana
Bangladesh Biman Bangladesh Airlines Daka
Itália Blue Panorama Airlines Bangkok, Cancun, Cayo Largo, Cós, Havana, Hurghada, La Romana, Luxor, Malè, Marsa Alam, Míconos, Montego Bay, Palma de Mallorca, Marsa, Phuket, Roatán, Santiago de Cuba, Santorini, Sharm el-Sheikh, Zanzibar
Finlândia Blue1 Helsinque
Roménia Blue Air Bacău, Bucareste, Sibiu
Reino Unido British Airways Londres
Bélgica Brussels Airlines Bruxelas
Bulgária Bulgaria Air Sofia
Roménia Carpatair Timişoara
Hong Kong Cathay Pacific Hong Kong
República Popular da China China Airlines Deli, Taipei
Dinamarca Cimber Sterling Billund, Copenhague
Suécia City Gotemburgo
Espanha Clickair Barcelona, Valência
Croácia Croatia Airlines Dubrovnik, Split, Zagrebe
Chipre Cyprus Airways Larnaca, Milão
República Checa Czech Airlines Praga
Egito EgyptAir Cairo, Luxor, Sharm el-Sheikh
=Emirados Árabes Unidos Emirates Dubai
Eritreia Eritrean Airlines Asmara
Etiópia Ethiopian Airlines Addis Ababa
Finlândia Finnair Helsinque
Reino Unido Flyglobespan Edimburgo
Alemanha Germanwings Colônia, Hanôver (começa em 30 de abril), Estugarda
Espanha Iberia Madri, Ibiza
Japão Japan Airlines Tóquio
Sérvia Jat Airways Belgrado
Reino Unido Jet2.com Leeds, Manchester
Coreia do Sul Korean Air Seul
Kuwait Kuwait Airways Kuwait, Paris
Itália Livingston Energy Flight Cancún, Faro, Fortaleza, Fuerteventura, Havana, Lourdes, Ibiza, La Romana, Maceio, Malè, Mersa Matruh, Mombasa, Salvador, Santorini
Líbia Libyan Airlines Benghazi, Trípoli
Polónia LOT Polish Airlines Cracóvia, Varsóvia
Alemanha Lufthansa Frankfurt, Munique, Düsseldorf
Luxemburgo Luxair Luxemburgo
Malásia Malaysia Airlines Kuala Lumpur
Hungria Malév Hungarian Airlines Budapeste
Líbano Middle East Airlines Beirute
Montenegro Montenegro Airlines Podgorica, Tivat
Itália Neos Cancun, Chania, Cós, Dubai, La Romana, Mersa Matruh, Malè, Mombasa, Porto Santo, Ras-al-Khaimah, Sal, Tel Aviv, Zanzibar
Áustria Niki Viena
Noruega Norwegian Air Shuttle Copenhague, Oslo, Estocolmo, Varsóvia
Grécia Olympic Airlines Atenas
Catar Qatar Airways Doha
Marrocos Royal Air Maroc Casablanca
Jordânia Royal Jordanian Amman
Rússia Rossiya São Petersburgo
Arábia Saudita Saudi Arabian Airlines Jidá, Paris, Riad
NoruegaSuéciaDinamarca SAS Copenhague, Oslo, Estocolmo
Singapura Singapore Airlines Cingapura
República Checa Smart Wings Praga
Sri Lanka SriLankan Airlines Colombo
Suíça Swiss Zurique, Genebra
Síria Syrian Arab Airlines Alepo, Damasco
Cabo Verde TACV Sal
Portugal TAP Portugal Lisboa, Porto
Roménia TAROM Bucareste
Tailândia Thai Airways International Bangkok
Países Baixos Transavia Copenhague, Roterdã
Tunísia Tunisair Djerba, Monastir, Tabarka, Túnis
Turquia Turkish Airlines Istambul (Atatürk)
Ucrânia Ukraine International Airlines Kiev, Lviv
Uzbequistão Uzbekistan Airways Tashkent
Brasil TAM Linhas Aéreas São Paulo (Guarulhos)
Espanha Vueling Airlines Barcelona, Ibiza, Madri, Málaga, Paris , Sevilha
Hungria Wizz Air Bratislava (começa em 20 de setembro), Budapeste, Cluj-Napoca, Gdańsk, Poznań, Praga, Sófia, Timişoara, Varsóvia
Iémen Yemenia Sana

Terminal 5[editar | editar código-fonte]

Companhias e destinos do Terminal 5
Companhias Destinos
Estados Unidos American Airlines Nova York, Chicago (sazonal)
Estados Unidos Continental Airlines Newark
Estados Unidos Delta Air Lines Atlanta, Detroit (sazonal), Nova York
Israel El Al Tel Aviv
Estados Unidos United Airlines Chicago (sazonal), Washington, D.C.
Estados Unidos US Airways Charlotte (começa em 14 de Maio), Filadélfia

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]