Funimation

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Funimation Entertainment)
Ir para: navegação, pesquisa
Funimation
Funimation Logo.svg
Slogan Você deveria estar assistindo
Tipo Privada
Indústria multimídia
Gênero Anime, Filmes japoneses
Fundação Forth Worth, Texas, E.U.A
(1994)
Fundador(es) Gen Fukunaga
Cindy Fukunaga
Sede Flower Mound, Texas
Proprietário(s) Navarre Corporation
Pessoas-chave Gen Fukunaga Fundador/CEO
Subsidiárias Giant Ape Media
GameSamba
Sítio oficial www.funimation.com

A Funimation (estilizado FUNimation) é uma empresa de entretenimento estadunidense localizada na cidade de Flower Mound, Texas.[1] O estúdio é o maior distribuidor de anime e outras propriedades de entretenimento da América do Norte. Talvez sua marca mais popular seja a série Dragon Ball Z, da Toei Animation. A empresa foi fundada em 9 de maio de 1994 por Gen Fukunaga e sua esposa Cindy como sendo Funimation Productions, com financiamento por Daniel Cocanougher e sua família, que viraram investidores da empresa. Funimation foi vendida para a Navarre Corporation em 11 de maio de 2005 e foi renomeada como Funimation Entertainment. Em abril de 2011, a Navarre vendeu a Funimation a um grupo de investidores que incluia o próprio Fukunaga por 24 milhões de dólares.[2] Na mesma época, a logomarca da empresa, constituída de estrelas e uma barra azul, foram abandonados e ela foi renomeada simplesmente para Funimation.[3] Funimation é um amálgama das palavras inglesas fun e animation.

História[editar | editar código-fonte]

A Funimation foi fundada em 1994, em Fort Worth, Texas, por Gen Fukunaga.[4] A empresa ganhou proeminência ao adquirir os direitos da popular franquia de anime Dragon Ball. Em 1999, eles foram capazes de começar a exposição televisiva difundida através do Cartoon Network e do fenômeno Dragon Ball que cresceu rapidamente nos Estados Unidos pois havia em outros lugares. Duas tentativas da Funimation para liberar Dragon Ball para a rede de televisão já tinha sido cancelada, antes da série e a empresa encontrar sucesso no Cartoon Network.

Compra pela Navarre Corporation[editar | editar código-fonte]

Em 11 de maio de 2005, a Funimation foi adquirida pela Navarre Corporation por US$100,4 milhões e US$1,8 milhões em ações da Navarre. Como parte da aquisição, o presidente Fukunaga foi mantido como diretor da empresa, a transição para o cargo de CEO, e o nome da companhia foi alterado de Funimation Productions para Funimation Entertainment.[5] [6]

Em 2007, a Funimation mudou-se de North Richland Hills, Texas para Flower Mound, Texas, a instalação autônoma em Flower Mound tem o dobro do tamanho do espaço ocupado pela Funimation anteriormente em North Richland Hills, foi pela facilidade de compatilhar o prédio de North Richland Hills com outros inquilinos. Funimation se mudou para o Business District Lakeside com um contrato de dez anos.[7]

Aquisição das licenças da Geneon e da ADV[editar | editar código-fonte]

De acordo com uma entrevista em fevereiro de 2008 com o CEO da Navarre Corporation, Cary Deacon, a Funimation estava em fase adiantada de negociações para adquirir alguns dos títulos licenciados através da Geneon dos E.U.A, uma divisão que cessou as operações em dezembro de 2007.[8] Em julho de 2008, a Funimation confirmou que havia adquirido os direitos de distribuição de vários títulos da Geneon, incluindo alguns que a Geneon havia deixado inacabados nas suas operações.[9]

No Anime Expo 2008, Funimation anunciou que havia adquirido mais de 30 títulos do catálogo da Sojitz que anteriormente tinha sido licenciado pela ADV Films.[10]

Em 2009, a Funimation assinou um acordo com a Toei Animation para exibir seus títulos de anime através do website e do Hulu.[11]

Venda da Navarre e parceria com a Nico Nico[editar | editar código-fonte]

No primeiro quadrimestre de 2010, a Navarre Corporation reclassificou a Funimation como "operação descontada" e começou preparos para vender a empresa. Navarre soltou uma declaração em abril de 2011 confirmando que a Funimation foi vendida a um grupo de investidores, incluindo o fundador Gen Fukunaga, por 24 milhões de dólares. É especulado que a Funimation foi vendida a um preço tão mais baixo (em comparação ao valor comprado pela Navarre, de 100 milhões em dinheiro e 15 milhões em ações em 2005) porque a Navarre gostaria de continuar distribuindo mercadorias relacionada aos produtos, mas não lidar com a publicação. Navarre continuou como distribuidora exclusiva dos títulos da Funimation até 2013, quando a empresa fechou.

Em 14 de outubro de 2011, a Funimation anunciou uma parceria permanente com a Niconico, a versão inglesa da Nico Nico Douga para formar a marca 'Funico' para o licenciamento de anime para exibição e lançamento em home video. Deste ponto em diante, virtualmente todos os título exibidos pelo Niconico foram adquiridos pela Funimation.[12]

Ações Legais[editar | editar código-fonte]

Anti-pirataria[editar | editar código-fonte]

Em 2005, o departamento jurídico da Funimation começou a perseguir uma abordagem mais agressiva para proteger sua propriedades licenciadas, e iniciou o envio de "parar e desistir" (C&D) e cartas para sites que oferecem links para fansubs de seus títulos. Este movimento foi semelhante àquela tomada pela ADV Films vários anos antes dos principais sites de download.

O departamento jurídico da Funimation mandou cartas de "Cease & Desist" ("Cessar e Desistir") para as séries que não tinham sido anunciadas como licenciadas, incluindo Tsubasa: Reservoir Chronicle, Black Cat e Solty Rei, com as séries de alguns conhecidos também mencionados na carta.[13] Funimation repetiu este método de "anunciar a licença por via em vez de acessar e desistir" escrita nas cartas de 06-10-2006 quando enviou-as aos sites de download exigindo que a distribuição de xxxHolic e as séries de TV Mushishi e Ragnarok The Animation deveria ser cancelada e cessar.[14]

Desde outubro de 2009, a Funimation tem rotineiramente preenchido pedidos de retirada através do [[Digital Millennium Copyright Act|DMCA] para ter resultados de pesquisa de distribuições não-autorizadas sua e de seus parceiros removidos do Google. Desde outubro de 2012, o sistema de busca da Chilling Effects está quebrado, mas resultados de busca do Google para site:chillingeffects.org funimation revelam as notificações DMCA recebidas e processadas até agora.</ref>

Em janeiro de 2011, Funimation entrou na justiça contra usuários de Bittorrent nos Estados Unidos por baixarem e enviarem[15] One Piece. Funimation desistiu da ação em março após um julgamento no Texas, tendo já indicado que a corte poderia indicar advogados de defesa,[16] ter definido que os réus não estavam agindo em grupo e logo não poderiam ser processados como grupo.[17]

O filme de One Piece em questão era de um fansub, uma cópia não-autorizada distribuída e feita por fãs. Logo após a ação ter sido abandonada, Funimation foi vista como tendo derivado dublagens de fansubs.[18] Funimation desde então mantêm a posição de que o fansubbing é prejudicial à indústria do anime, declarando que "As práticas de downloads ilegais e fansubbing são bem prejudiciais aos nossos parceiros japoneses e [...] nos pediram para monitorar e tmar ações contra distribuição ilegais desses títulos. Porque acreditamos que isto possa beneficiar a indústria, concordamos em fazer isso."[19] Sítios que distribuem fansubs ou separam legendas feitas por fãs continuam sendo um alvo frequente de ações cíveis pela Funimation e de outras empresas de anime, assim como de condenação criminal, em pelo menos um caso.[20]

Disputa com parceiros[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2011, a Funimation entrou com uma ação contra a A.D. Vision, AEsir Holdings, Section23 Films, Valkyrie Media Partners, Seraphim Studios, Sentai Filmworks, Artisan Entertainment e Switchblade Pictures visando a soma de 8 milhões de dólares, citando "quebra de contrato" e outros problemas. Funimation disse que a transferência de propriedades da ADV foi feita com "a intenção de diferir, impedir ou fraudas os credores da ADV [Filmes]." Funimation buscou a venda de propriedades da ADV como nula.[21] A ação foi finalizada com mediação em 2014. Os termos do acordo não foram abertos.[22]

Distribuição dos Negócios Estrangeiros[editar | editar código-fonte]

A Funimation não libera totalmente as suas propriedades fora dos E.U.A (não-inglês) nos mercados, em vez disso impõe subconcessões para outras empresas como Revelation Films no Reino Unido e Madman Entertainment na Austrália e Nova Zelândia. A Funimation também já tentou distribuir Dragon Ball Z para audiências hispânicas e lançou um número de DVDs espanhóis da série.

No final de 2005, Fullmetal Alchemist (junto com Wolf's Rain, da Beez Entertainment) tornou-se um dos principais programas no relançamento do canal via satélite, Raptute TV e teve apenas uma edição, a de mudar a abertura para "Ready Steady Go" (segunda abertura), em vez de algumas edições menores da mostra recebeu pelas suas aerações no Adult Swim. Yu Yu Hakusho também foi adquirida para a transmissão de televisão no Reino Unido. No entanto, não foi anunciado quem o pegou ou seu público-alvo.

Funimation Channel[editar | editar código-fonte]

Funimation lançou o canal "Funimation Channel", uma rede de anime que transmite 24 horas em cabo digital na América do Norte (sendo o primeiro da AD Vision o Anime Network). OlympuSAT é o distribuidor exclusivo e agora o Funimation Channel está agora disponível para os prestadores de serviços de vídeo. Em 1 de maio de 2008 a Funimation Entertainment puxou toda a programação de sua TV em cores. Funimation ainda terá que dar uma razão para o cancelamento.

Distribuição Alternativa[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2008, a Funimation e a Red Planet Media anunciaram o lançamento de um serviço de video-on-demand para as operadoras estadunidenses de telefonia AT&T e Sprint. [23] Três títulos faziam parte do lançamento: Gunslinger Girl, Tsukuyomi: Moon Phase, e The Galaxy Railways, com temporadas inteiras de cada um disponível.

Em setembro de 2006, a Funimation criou um canal oficial no Youtube onde eles enviavam anúncios para lançamentos, assim como clipes e prévias de episódios de suas séries licenciadas. Em setembro de 2008, eles começaram a distribuir episódios inteiros das séries no Hulu e Hulu Plus.[24] Em dezembro do mesmo ano, Funimation adicionou uma seção de vídeo ao seu website com prévias dos episódios de várias séries. Em abril de 2009, eles começaram a distribuir episódios inteiros das séries no Veoh.[25] [26] Episódios inteiros também estão disponíveis no canal do Youtube assim como no Netflix, na PlayStation Network (PSN) e na Xbox Live.[27] Um aplicativo para o Playstation 4 está agendado para ser lançado no início de 2015.[28]

Em outubro de 2014, a Funimation anunciou um programa de dublagens que seria exclusivo para assinantes de seu website. Estas dublagens são baseadas na versão de exibição de séries licenciadas que ainda estão sendo exibidas no Japão, que podem conter censuras dependendo de como foi originalmente exibida e difere da versão dublada final incluída nos lançamentos de home video. O programa começou com as dublagens de Psycho-Pass 2 eLaughing Under the Clouds, que eram exibidos dublados aproximadamente um mês após terem passado no Japão.[29]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Creator:FUNimation TV Tropes Foundation, LLC.
  2. "Navarre Corporation Announces Sale Of FUNimation Entertainment", GLOBE NEWSWIRE, 2011-04-04. Página visitada em 2011-04-04.
  3. Navarre Sells Anime Studio FUNimation Asia Pacific Arts (04/08/2011).
  4. "Entrevista com Gen Fukunaga, Parte 1", ICv2, 01-11-2004. Página visitada em 08-02-2008.
  5. Navarre Corporation (11-05-2005). Navarre Corporation adquiri Funimation, e providencia mudanças e guias financeiros. Press release. Página visitada em 08-07-2006.
  6. ICv2 (12-05-2005). Navarre completa a aquisição de Funimation. Press release. Página visitada em 08-02-2008.
  7. "Script do FUNimation HQ", Dallas Business Journal, 08-06-2007. Página visitada em 20-08-2008.
  8. "/NavarreFUNimation interessados em alguns dos títulos da Geneon", ICv2, 08-02-2008. Página visitada em 08-02-2008.
  9. funimation.com (03-07-2008). FUNimation Entertainment e Geneon Entertainment assinam acordo exclusivo de distribuição na América do Norte. Press release. Página visitada em 03-07-2008.
  10. animenewsnetwork.com (04-07-2008). Funimation adquire mais de 30 títulos da AD Vision. Press release. Página visitada em 04-07-2008.
  11. Funimation adiciona Air Master, da Toei Animation, e Captain Harlock - News Anime News Network (2009-04-03). Visitado em 2012-08-13.
  12. Funimation e Niconico à Licenciarem Animes Conjuntamente Anime News Network (2011-10-14). Visitado em 2012-08-13.
  13. Funimation força os direitos de propriedade. Visitado em 14-10-2006.
  14. Funimation envia cartas de Cessar & Desistir para múltimos animes. Visitado em 14-10-2006.
  15. Manry, Gia (2011-05-09). Entrevista: Evan Stone Anime News Network. Visitado em 2012-10-19.
  16. McSherry, Corynne (2011-02-15). Não Mexa com o Texas: Outro Juiz do Texas Escrutina a Litigação de Copyright em Massa EFF. Visitado em 2012-10-19.
  17. Funimation Desiste de Seu Processo do Bittorrent de One Piece Anime News Network (2011-03-24). Visitado em 2012-10-19.
  18. Cópia de Sora no Otoshimono baixada Mostrada no Estúdio da Funimation Anime News Network (2011-03-22). Visitado em 2012-10-19.
  19. 3 Titles' Fansubs Pulled on Behalf of Japan's d-rights Anime News Network (2008-08-18). Visitado em 2012-10-19.
  20. Enigmax (2012-06-08). Estudante Multado por Possuir Website de Download de Legendas de Séries e Filmes TorrentFreak. Visitado em 2012-10-19.
  21. Funimation Processa A.D. Vision, Sentai e Outros por US$8 milhões News Anime News Network (January 13, 2012). Visitado em January 13, 2012.
  22. Processo Funimation vs. ADV acertado, Terminado News Anime News Network (May 20, 2014). Visitado em May 29, 2014.
  23. "Temporadas Inteiras dos Melhores Animes do Canal FUNimation à Lançar no JumpInMobile.TV – The New Mobile Video-on-Demand Service from Red Planet Media", Anime News Network, 2008-07-09. Página visitada em 2008-07-09.
  24. Hulu.com Lança Canal para Streams de Animes Legal e Gratuitamente (Atualização 2)
  25. Rojas (2009-04-01). Assistindo Anime Legalmente no Veoh.com The Funimation Update Funimation Entertainment. Visitado em 2009-04-04.
  26. Funimation Adiciona Mais Anime ao Website de Vídeos Veoh ANN News Anime News Network (2009-04-02). Visitado em 2009-04-04.
  27. Funimation Publica no XBOX ANN News 2 Anime News Network (2012-02-06). Visitado em 2012-07-23.
  28. Funimation App É Lançado no PlayStation 3, animenewsnetwork.com, December 26, 2014.
  29. http://www.animenewsnetwork.co.uk/news/2014-10-29/funimation-dubs-psycho-pass-2-laughing-under-the-clouds-anime-as-they-air-in-japan/.80475

Ligações externas[editar | editar código-fonte]