Pague Menos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pague Menos
Empreendimentos Pague Menos S/A.
Tipo Empresa de capital fechado
Indústria Varejo
Fundação 19 de maio de 1981
Fundador(es) Francisco Deusmar Queirós[1]
Sede Fortaleza, CE,  Brasil
Presidente Mário Queirós[1]
Empregados 20.000 (em 2015)
Produtos Farmácias
Produtos Farmacêuticos
Medicamento Manipulados
Cosméticos
Lojas de Conveniência
Lucro Aumento R$ 116,3 milhões (2014)[2]
Faturamento Aumento R$ 4,378 bilhões (2014)[2]
Página oficial www.paguemenos.com.br

Pague Menos ou Farmácias Pague Menos é uma empresa brasileira de varejo de produtos farmacêuticos com sede em Fortaleza, Ceará. É considerada a maior rede do setor no país.[3] Em 2013, seu faturamento foi de R$1,57 bilhão.[4] No mesmo ano, seu fundador e presidente, Deusmar Queirós, foi listado na Forbes com um patrimônio de R$ 3,47 bilhões, a segunda maior riqueza individual do Ceará e 46ª do Brasil à época.[5]

Em 1981, a instituição foi fundada no bairro fortalezense Carlito Pamplona. Em 1985, adotou o conceito de drugstore, passando a comercializar, em adição, produtos de higiene, beleza e conveniência. Em 1993, a rede abriu sua primeira loja fora do Ceará, na cidade de Natal. No mesmo ano, inaugurou seu braço de manipulação de medicamentos. Em 1997, fundou o Encontro de Mulheres Pague Menos. Em 2003, firmou parceria com a UNICEF em programas de educação infantil. Em 2006, firmou parceria com o Governo Federal do Brasil para a criação da Farmácia Popular. No mesmo ano, segundo a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (ABRAFARMA), era a rede com o maior número de lojas no país. Em 2008, inaugurou o programa Sempre Bem, na Rede TV!. Em 2009, tornou-se a primeira rede de farmácias presente em todas as capitais estaduais do país. Em 2010, realizou as primeiras edições do Circuito de Corridas Pague Menos, nas cidades de Fortaleza, Salvador, São Paulo, Recife e Rio de Janeiro. Em dezembro de 2015, a rede era composta por mais de 820 lojas e 20.000 empregados.[6]

Referências

  1. a b Redação (9 de janeiro de 2016). «Deusmar entrega presidência a filho Mário Queirós». Jornal O Povo OnLine. Consultado em 13 de novembro de 2016. 
  2. a b Empreendimentos Pague Menos S/A. (12 abril de 2015). «PAGUE MENOS REGISTRA CRESCIMENTO DE 17,7% NO FATURAMENTO EM 2014». Site da Pague Menos. Consultado em 13 de novembro de 2016. 
  3. «A sedução das farmácias». IstoÉ. Consultado em 12 de abril de 2015. 
  4. «Pague Menos». EXAME. Consultado em 12 de abril de 2015. 
  5. «Dono da Pague Menos entra na lista da Forbes». Diário do Nordeste. 24 de agosto de 2013. Consultado em 12 de abril de 2015. 
  6. BARBARA BIGARELLI (23 de Dezembro de 2015). «"Só vencemos a crise trabalhando", diz Deusmar Queirós, da Pague Menos». Revista Época. Consultado em 13 de novembro de 2016. 

Link externo[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.