Igreja de São Miguel (São Miguel Paulista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Igreja de São Miguel fica em São Miguel Paulista, na cidade de São Paulo

História[editar | editar código-fonte]

Foi construída por volta de 1850, com uma pequena capela que foi substituída em 1622, conforme indicado nas inscrições da verga da porta principal. É o templo católico mais antigo da cidade de São Paulo e integra um conjunto de monumentos coloniais.

Localização[editar | editar código-fonte]

Fica situada em uma praça cujo nome homenageia o Padre Aleixo Monteiro Mafra, que ali rezou missas de 1941 a 1952.

Patrimônio histórico[editar | editar código-fonte]

A Igreja de uma nave, capela-mor e cobertura de telha vã (em duas águas) com madeiramento aparente, foi construída em taipa de pilão. Seu interior possui peças torneadas de jacarandá.

Foi reformada em 1691 e no século XVIII, a pedido dos franciscanos, o pé direito da capela foi elevado de 4 para 6m, fazendo com que a cobertura da varanda lateral da igreja ficasse mais baixa, o que possiblitou a criação das janelas do coro.

Foi um dos primeiros edifícios a ser tombado em pelo Instituto do Património Histórico e Artístico Nacional (Iphan), em 1938, que havia sido recentemente criado. O Iphan a restaurou de 1939 a 1940.[1]

Em 2006 iniciou-se nova reforma na igreja, desta vez com apoio da iniciativa privada (Petrobrás, Votorantim e Banco Itaú) que através da Lei Rouanet, disponibilizou cerca de R$ 3,1 milhões para as obras de recuperação.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre patrimônio histórico no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este(a) artigo sobre capela, igreja ou catedral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.