Empresas Metropolitanas de Transportes Urbanos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de EMTU)
Ir para: navegação, pesquisa
EMTU - Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos
Tipo Empresa pública
Fundação 13 de dezembro de 1977
Empregados 500
Página oficial http://www.emtu.sp.gov.br/

Empresas Metropolitanas de Transportes Urbanos (EMTU) são entidades criadas para gerir o planejamento e gerenciamento de transportes públicos em regiões metropolitanas do Brasil.

A criação das EMTUs foi uma iniciativa federal, que ocorreu na década de 1970. A proposta era que cada região metropolitana brasileira tivesse uma. Algumas EMTUs chegaram a ser criadas, mas hoje só resta a EMTU de São Paulo. Já a EMTU de Recife deu origem ao Grande Recife Consórcio de Transporte Metropolitano.

Hoje a sigla EMTU é referência para a denominação de autarquias responsáveis pelo transporte por ônibus, a exemplo do que acontece com a sigla CET. Com a expansão da EMTU, ela atende várias cidades da Grande São Paulo. Seus veículos têm as cores azul, cinza e vermelho, todos com a sigla EMTU na lateral.

EMTU-SP[editar | editar código-fonte]

A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU-SP) atua na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), na Região Metropolitana de Campinas (RMC), na Região Metropolitana da Baixada Santista (RMBS) e na Região Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte (RMVale) e gerencia 38 empresas.

Região Metropolitana de São Paulo - RMSP

É composta por 5 áreas que operam na Grande São Paulo:

  • Área 1 - Opera nas cidades: Juquitiba, São Lourenço da Serra, Embu-Guaçu, Itapecerica da Serra, Embu, Taboão da Serra, Vargem Grande Paulista e Cotia.
  • Área 2 - Opera nas cidades: Cajamar, Caieiras, Itapevi, Jandira, Carapicuíba, Osasco, Barueri, Santana de Parnaíba, Pirapora do Bom Jesus, Francisco Morato e Franco da Rocha.
  • Área 3 - Opera nas cidades: Guarulhos, Arujá, Mairiporã e Santa Isabel.
  • Área 4 - Opera nas cidades: Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Poá, Mogi das Cruzes, Guararema, Biritiba Mirim, Salesópolis e Suzano.
  • Área 5 - Opera no ABC Paulista: Diadema, São Caetano do Sul, São Bernardo do Campo, Santo André, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra
Região Metropolitana de Campinas - RMC

A RMC opera nos municípios de Engenheiro Coelho, Artur Nogueira, Holambra, Santo Antônio de Posse, Cosmópolis, Jaguariúna, Americana, Paulínia, Pedreira, Nova Odessa, Santa Barbara D'Oeste, Sumaré, Hortolândia, Monte Mor, Indaituba, Vinhedo, Itatiba, Valinhos e Campinas.

Região Metropolitana Baixada Santista - RMBS

A RMBS opera nos municípios de Peruíbe, Itanhaém, Mongaguá, Praia Grande, Cubatão, Santos, Bertioga, Guarujá e São Vicente.

Corredor ABD (São Mateus-Jabaquara)[editar | editar código-fonte]

Imagem do Corredor ABD - Atual percurso feito pelas linhas da Metra

É composto por 33 quilômetros. o Corredor liga o Terminal São Mateus, localizado no extremo Leste da cidade de São Paulo, Passa pelo Terminal Sônia Maria, na cidade de Mauá, Pelos Terminais Leste/Oeste de Santo André, Terminal São Bernardo do Campo e Ferrazópolis, em São Bernardo do Campo, Terminais Diadema e Piraporinha, no município de Diadema e o Terminal Jabaquara, localizado na Zona Sul da Capital. A operadora atual é a Metra .Há 9 Terminais, 110 Paradas e opera 13 Linhas.

Corredor Diadema-Morumbi[editar | editar código-fonte]

Em 30 de julho de 2010, a EMTU inaugurou o Corredor Diadema-Morumbi.[1]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]