Edifício Louveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edificio Louveira
Edificio Louveira by Jo o Batista Vilanova Artigas, Sao Paulo (363181713).jpg
Fachada do Edifício
Autor arqtos. João Batista Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi
Data da construção 1946
Estilo arquitetônico arquitetura moderna
Cidade São Paulo, SP
Tombamento 1992
Órgão Condephaat

O Louveira é um edifício residencial multifamiliar localizado na Praça Vilaboim, no bairro de Higienópolis na cidade de São Paulo. Foi projetado em 1946 pelos arquitetos João Batista Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi e é considerado um importante representante da arquitetura moderna na cidade. A obra caracteriza-se pela composição de duas lâminas paralelas, uma com sete e outra com seis andares e intermediadas por um pátio interno ajardinado. A implantação propiciou a integração visual do espaço público e privado, assimilando a praça Vilaboim, que está em frente, ao interior do edifício.

Na virada do século XIX para o XX, o bairro de Higienópolis concentrava parte considerável dos palacetes da elite da cidade. Em meados dos anos 1950, verifica-se um processo de demolição do antigo tecido urbano e de sua substituição por prédios de alto padrão, em fenômeno no qual se insere a construção do Louveira. O edifício, assim como seus pares, serviu de influência para a arquitetura residencial vertical em outras partes da cidade.

Tombado pelo Condephaat, o edifício é cuidadosamente preservado pelos moradores. Muitos são moradores desde a inauguração.[1]

Endereço[editar | editar código-fonte]

Rua Piauí, esquina com a Praça Vilaboim, Higienópolis, São Paulo, SP.

Referências

Brazil.Brasilia.01.jpg A Wikipédia possui o(s) portal(is):
Portal Arquitetura e Urbanismo


Ícone de esboço Este artigo sobre patrimônio histórico no Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.