Johnny Fontane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Johnny Fontane
Nome original Johnny Fontane
Língua original Inglês
Nascimento 1910
Nova Iorque, NY
Origem  Estados Unidos
Sexo masculino
Espécie Humano
Família Família Corleone
Falecimento 1980
Vaticano
Filme(s) The Godfather, The Godfather: Part II, The Godfather: Part III
Interpretado por Al Martino
Projecto Cinema  · Portal Cinema

John "Johnny" Fontane é um personagem fictício no romance The Godfather de Mario Puzo e na série de filmes adaptados. No filme de Francis Ford Coppola, foi interpretado por Al Martino, após o papel ter sido recusado por Vic Damone.

Romance e filme[editar | editar código-fonte]

No romance e no filme, Johnny Fontane é um crooner e ator de cinema no estilo de Frank Sinatra. Ele também é afilhado de Don Vito Corleone, o líder de uma família de mafiosos; Há quatro ocasiões onde Corleone intervém para ajudar sua carreira:

  • a primeira, anos antes da época central do filme, é quando Corleone usa de persuasão violenta (uma "oferta irrecusável") para conseguir o rompimento de um contrato onde Fontane estava vinculado a uma banda, cujo líder recusava um distrato amigável;
  • a segunda é a cena da "cabeça de cavalo", um ato de intimidação, levada a cabo por ordem de Corleone, para assegurar que Fontane teria parte num filme. O produtor, que antes acusara Fontane de ter arruinado uma mulher na qual ele estava interessado, acorda com a cabeça arrancada de seu cavalo premiado em sua cama;
  • a quarta é quando Fontane precisa de dinheiro para montar seu próprio estúdio de cinema.

Johnny Fontane é um personagem menor na adaptação para o cinema. No romance original, entretanto, o personagem é muito mais central, com extensas partes do livro dedicadas às suas aventuras e desventuras em Los Angeles e Las Vegas, seu relacionamento precário com seu amigo de infância e ex-parceiro Nino valenti, e sua luta contra a perda da voz que o fez famoso. No romance, Fontane desenvolve e é curado de lesões em suas cordas vocais.

Johnny Fontane é tido como baseado fortemente em Frank Sinatra. Embora o escritor Mario Puzo nunca tenha dito isso, ele também nunca negou.[1]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]