Paraíso (1982)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura novela de 2009, veja Paraíso (2009).
Paraíso
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 45 min.
Criador(es) Benedito Ruy Barbosa[1]
País de origem  Brasil
Idioma original Português
Produção
Diretor(es) Gonzaga Blota[1]
Elenco Kadu Moliterno
Cristina Mullins
Cláudio Correia e Castro
Eloísa Mafalda
Mário Cardoso
Ary Fontoura
Neuza Amaral
Elenco[2]
Tema de abertura "Promessas demais"
(Ney Matogrosso)[1][3]
Transmissão original 23 de agosto de 1982[1]26 de março de 1983[1]
N.º de episódios 195[4](original)
135 (Vale a Pena Ver de Novo)
Cronologia
O Homem Proibido
Pão Pão, Beijo Beijo
Programas relacionados Paraíso
(2009)

Paraíso é uma telenovela brasileira que foi produzida e exibida no horário das 18 horas pela Rede Globo entre 23 de agosto de 1982 e 26 de março de 1983, em 195 capítulos, substituindo O Homem Proibido e sendo substituída por Pão Pão, Beijo Beijo.[5] Foi a 25ª "novela das seis" exibida pela emissora.

Escrita por Benedito Ruy Barbosa e dirigida por Gonzaga Blota.

Contou com Cristina Mullins, Kadu Moliterno, Roberto Bomfim ,Zaira Zambelli , Cláudio Corrêa e Castro, Neuza Amaral, Mário Cardoso e Eloísa Mafalda nos papéis principais.

Trama[editar | editar código-fonte]

A telenovela contava a história de amor entre o jovem peão José Eleutério (Kadu Moliterno), conhecido como "o filho do diabo", pois o seu pai, o velho coronel Eleutério (Cláudio Correa e Castro), possui uma garrafa com um "diabo" dentro dela, e Maria Rita (Cristina Mullins), conhecida como Santinha, por lhe atribuírem milagres quando criança, e cuja mãe, a beata Dona Mariana (Eloísa Mafalda), faz de tudo para que seja freira.

Por causa de um acidente que José Eleutério sofrera num concurso de peões de boiadeiro, ficando quase que aleijado, Maria Rita consegue, mesmo reclusa em seu quarto, através de orações, salvar a vida de José Eleutério.

Devido a mais esse "milagre", a beata Mariana a leva para o convento, realizando o seu desejo, mas José Eleutério, grato e apaixonado, rapta a "futura freira".

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator Personagem
Kadu Moliterno José Eleutério (Filho do Diabo)
Cristina Mullins Maria Rita (Santinha)
Roberto Bonfim Terêncio
Com
Ator Personagem
Zaira Zambelli Rosinha
Mário Cardoso Otávio
Ary Fontoura Padre Bento
Neuza Amaral Zefa
Jofre Soares Antero
Elizângela Maria Rosa
Roberto Pirillo Geraldo
Simone Carvalho Aninha (Ana Célia)
Caíque Ferreira Ricardo
Cosme dos Santos Tobi
Íris Nascimento Das Dores
Henriqueta Brieba Dona Ida
Bia Seidl Edite
Cláudio Corazza Marcos
Jorge Cherques Bertoni
Ernesto Bambini Isidoro
Macedo Neto Chico Motorista
Getúlio Paulo de Mello Tonho
Márcia Tourinho Cleusinha
Margareth Boury Jacira
Angela Tornatori Tonha
Roberto Montini Dudu
Participações especiais
Ator Personagem
Cláudio Correia e Castro Coronel Eleutério
Sérgio Britto Prefeito Norberto
Tereza Rachel Aurora
Thelma Reston Zuleica
Manfredo Colassanti Nono
Ruy Rezende Vadinho
Atores convidados
Ator Personagem
Joana Fomm Georgette
Sérgio Viotti Dom Coriolano
Raul Cortez Prefeito Paulino
Castro Gonzaga Pedro
Arthur Costa Filho Alfredo
Fernando José Zé do Correio
Paulo Goulart Guilherme
Lima Duarte João das Mortes
Milton Gonçalves Carlos
José Wilker Delegado Fernando
Leonardo Villar "Barão" de Santo Amaro (Maurício Campelo)
e
Eloísa Mafalda como Dona Mariana

Participações[editar | editar código-fonte]

Ator Personagem
Sérgio Reis Diogo
Zilda Pereira Irmã Matilde
Cássia Kiss Juliana
Antônio Pompêo Oscar
Luiz Carlos Arutin Gilberto

Reprise[editar | editar código-fonte]

Foi reexibida pelo Vale a Pena Ver de Novo de 7 de abril a 10 de outubro de 1986, substituindo Feijão Maravilha e sendo substituída por Livre para Voar, em 135 capítulos.

Trilha Sonora Nacional [6][editar | editar código-fonte]

  1. Boiadeiro ErranteSérgio Reis (tema dos boiadeiros)[1]
  2. VarandasAlmir Sater (tema de Rosinha)[1]
  3. Minha PaixãoMilionário & José Rico (tema do Filho do Diabo e Santinha)[1]
  4. São Sebastião do RodeiroZé Geraldo (tema do Filho do Diabo)
  5. Eu, a Viola e DeusRolando Boldrin (tema de Terêncio)
  6. Promessas DemaisNey Matogrosso (tema de abertura)
  7. Fruta Boa – Telma Costa (tema de Maria Rosa)
  8. Orquestra DivinaGuilherme Lamounier (tema de Zefa)
  9. SimplesmenteRoupa Nova (tema de Santinha)
  10. Menino Nu – Casinho Terra (tema de Aninha)
  11. Oé Oé Faz o Carro de Boi na EstradaJorge Ben Jor (tema de locação: Paraíso)
  12. Asa BrancaQuinteto Violado (tema de locação: Paraíso)
  13. PaixãoKleiton & Kledir (tema de Otávio)
  14. Caçador de MimMilton Nascimento (tema de Eleutério)
  15. UtopiaPadre Zezinho (tema do Padre Bento)
  16. Pano de FundoFafá de Belém (tema de Zé Eleutério e Rosinha)
  17. Eternas OndasFagner (tema de Terêncio e Rosinha)
  18. Cores VivasGilberto Gil (tema de Geraldo e Maria Rosa)

Trilha Sonora Internacional[editar | editar código-fonte]

  1. WomanJohn Lennon (tema de Santinha)
  2. Keep On Loving YouREO Speedwagon (tema de Zé Eleutério e Santinha)
  3. Morning Train (Nine to Five)Sheena Easton (tema de locação: Paraíso)
  4. CryingDon McLean (tema de Zé Eleutério)
  5. HeartsMarty Balin (tema de Otávio e Rosinha)
  6. Tell It Like It IsHeart (tema de Otávio)
  7. What's in a Kiss?Gilbert O'Sullivan (tema de Maria Rosa)
  8. The Best of TimesStyx (tema de Aninha)
  9. If Leaving Me Is EasyPhil Collins (tema de Santinha)
  10. Pretty StrangeCarly Simon (tema de Eleutério)
  11. City of God – Dan Schutte & The St. Louis Jesuits (tema do Padre Bento)
  12. This Could Be ForeverDavid Gates (tema de Terêncio e Rosinha)
  13. PhysicalOlivia Newton-John (tema de Rosinha)
  14. Comin' In and Out of Your LifeBarbra Streisand (tema de Zefa)
  15. You Weren't in LoveMick Fleetwood (tema de locação: Rio de Janeiro)
  16. Time Is TimeAndy Gibb (tema de Zé Eleutério e Rosinha)
  17. What Kind of FoolBarbra Streisand e Barry Gibb (tema de Terêncio)
  18. Say You'll Be MineChristopher Cross (tema de Geraldo e Maria Rosa)


Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Se(c)ções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios (desde dezembro de 2009).

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m «Paraíso». Consultado em 1 de fevereiro de 2009. 
  2. «Ficha técnica». Consultado em 1 de fevereiro de 2009. 
  3. «Abertura». Consultado em 1 de fevereiro de 2009. 
  4. «Paraíso-1 versão - Ficha Técnica». Consultado em 13 de janeiro de 2018.  Parâmetro desconhecido |Obra= ignorado (|obra=) sugerido (ajuda); line feed character character in |titulo= at position 19 (ajuda)
  5. «Paraíso - 1982». Teledramaturgia. Consultado em 16 de dezembro de 2015. 
  6. «Paraíso (1982) - Trilha sonora». Teledramaturgia. Consultado em 16 de dezembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.