La gata (2014)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de La gata (telenovela de 2014))
Ir para: navegação, pesquisa
La gata
A Gata (BR)
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero Drama
Romance
Duração 42-45 minutos (capítulos 1-120)
85 minutos (capítulo 121)
Criador(es) Nathalie Lartilleux
Baseado em La gata de Inés Rodena
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Claudio Reyes Rubio
Victor Manuel Fouilloux
Victor Rodriguez
Elenco Maite Perroni
Daniel Arenas
Monika Sánchez
Laura Zapata
Erika Buenfil
Pilar Pellicer
Juan Verduzco
Tema de abertura "Vas a querer volver", Maite Perroni
Tema de encerramento "Todo lo que soy", Maite Perroni & Alex Ubago
Exibição
Emissora de televisão original Canal de las Estrellas
Formato de exibição 1080i HDTV
Transmissão original 5 de maio de 201419 de outubro de 2014
N.º de episódios 121
Cronologia
Último
Por siempre mi amor
Muchacha italiana viene a casarse
Próximo
Programas relacionados La gata (1970)
Rosa salvaje (1987)

La gata (no Brasil, A Gata) é uma telenovela mexicana produzida por Nathalie Lartilleux para a Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas entre 5 de maio e 19 de outubro de 2014 em 121 capítulos, substituindo Por siempre mi amor e sendo substituída por Muchacha italiana viene a casarse. Baseada no romance mexicano homônimo de Inés Rodena.

Conta com Maite Perroni, Daniel Arenas, Manuel Ojeda e Erika Buenfil como protagonistas e Monika Sánchez, Juan Verduzco, Jorge Poza e Laura Zapata como antagonistas principais da trama.[1][2]

Está sendo exibida no Brasil pelo SBT desde 15 de agosto de 2016 substituindo Meu Coração é Teu.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

A história se desenvolve em um lixão, onde vive Esmeralda, a quem todos conhecem como "A Gata", é uma jovem que cresce em condições miseráveis, mas apesar disso possui um encanto especial. Dona Rita explora Esmeralda e a obriga a pedir esmola desde pequena; Esmeralda desconhece sua origem, só acredita que sua mãe morreu pouco depois que ela nasceu. Seu melhor amigo é Paulo, um rapaz rico que a defende das maldades de outros jovens. Paulo se comove com as condições miseráveis em que vive Esmeralda, por isso se empenha em ensiná-la a ler e escrever, mas escondido, já que não quer que Lorena, sua mãe, descubra sua relação com Esmeralda, pois não a considera digna de sua posição social.Passam-se os anos e Paulo custa aceitar que ama a Esmeralda, mas quando o faz decide inclusive enfrentar aos seus pais, que se opõem a esta união(pois desejam que o filho se una a Mônica) e farão qualquer coisa para separá-los. Damião, advogado e amigo de Esmeralda, decide enfrentar a Augusto para defender os direitos de sua amiga; em resposta, Augusto o manda para a prisão. Damião se torna amigo de "O Silencioso", o pai de Esmeralda. Por culpa dos Martínez Negrete paga uma injusta pena na prisão. Quando sai da prisão, "O Silencioso" protege Esmeralda e faz dela uma dama da sociedade, mas decide não revelar que é seu pai, até limpar seu nome, e vingar-se de Augusto e Lorena. Quando parece que nada impede que Esmeralda se junte ao homem que ama, Paulo a repudia pois pensa que tem uma relação com "O Silencioso", no entanto, Paulo descobre a verdade sobre "Silencioso". Dessa forma, Paulo desisti de se casar com Mônica, para se juntar ao seu verdadeiro amor. Mas com a chegada de Gisele, Esmeralda e Paulo ainda terão de passar por vários obstáculos para serem felizes e provarem que só o amor pode vencer o rancor e o ódio.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

As gravações foram iniciadas em 14 de fevereiro de 2014[3] em um lixão real a céu aberto em Bordo de Xochiaca, Cidade do México.[4] Em um semáforo da importante avenida Paseo de la Reforma, que liga Toluca a Santa Fe, Maite Perroni estava gravando com o gato preto quando algumas crianças presentes no local atrapalharam, fazendo o gato fugir no meio da avenida. A cena seria finalizada em 20 minutos, mas depois do problema ela se estendeu por mais 20.[5]

Na cidade de Taxco, Guerrero, foram feitas gravações em centros comerciais. Foram utilizadas câmeras no teleférico da cidade para conseguir cenas panorâmicas. Para uma cena em uma mina a 50 metros de profundidade, onde há um calor intenso, participaram os atores Daniel Arenas e Jorge Poza. Devido as condições do local, foram utilizadas câmeras portáteis, ventilação, iluminação e cabos adequados.[6]

Audiência[editar | editar código-fonte]

No México[editar | editar código-fonte]

Estreou com uma média de 17.7 pontos[7]. Sua maior audiência é de 22.4 pontos, alcançados nos dias 04 e 23 de junho de 2014. Seu último capítulo teve 20.9 de rating. A trama foi um verdadeiro fenômeno, tendo média geral de 17.9 (18) pontos, a segunda maior audiência do horário, atrás apenas de Corazón indomable, que teve 21.6 (22) pontos.[8]

No Brasil[editar | editar código-fonte]

Seu primeiro capítulo exibido no dia 15 de agosto marcou o índice de 10,8 pontos ficando na vice liderança isolada.[9] Após o primeiro capítulo, seus maiores índices foram nos dias 8 de setembro quando marcou 10,1 pontos e no dia 4 de outubro quando marcou 11 pontos de média e alcançou a vice liderança em ambos os dias.[10][11]

Seu menor índice foi registrado no dia 9 de novembro de 2016 quando marcou apenas 6,9 pontos, mas mesmo assim foi a segunda telenovela mais assistida da faixa da tarde ultrapassando Mar de amor e a sétima reprise de A usurpadora.[12]

Controvérsia[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2014 a imprensa mexicana criticou a Televisa por usar um lixão real como cenário. Na época a concorrente da Televisa, a TV Azteca, exibia Avenida Brasil, da Rede Globo, que tinha um cenário falso produzido para retratar um lixão. Isto fez a imprensa mexicana dizer que a Rede Globo trata melhor seus funcionários. Maite Perroni confirmou que as condições de trabalho imposta pela Televisa não era confortáveis e chegou a passar mal nas gravações.[13] Outras más condições de trabalho relacionadas a Televisa foram divulgadas por Thalía em seu livro Thalía, Cada día más fuerte em 2011, que descreveu o que ocorreu entre 1995–1996 em María la del Barrio.[14]

Exibição[editar | editar código-fonte]

País Emissora Título
 México Canal de las Estrellas La gata
 Estados Unidos Univision
 Colômbia RCN
 Sérvia Prva
 Paraguai Telefuturo
 Chile Mega
 Argentina Canal 9
 Peru América Televisión
 Panamá Telemetro
Equador Gama TV
Uruguai Teledoce
 Bolívia Red UNO
 Brasil SBT A Gata

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmios TVyNovelas 2015[15][editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado Resultado
Melhor atriz protagonista Maite Perroni Indicada
Melhor ator protagonista Daniel Arenas Indicado
Melhor ator co-estrelar Patricio Castillo Indicado
Melhor primeiro ator Manuel Ojeda Indicado

Prêmios People em Espanhol 2014[16][editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado Resultado
Melhor telenovela Nathalie Lartilleux Indicada
Melhor atriz Maite Perroni Indicada
Galanzaço do ano Daniel Arenas Indicado
Melhor química da tv Maite Perroni e Daniel Arenas Indicados
A mala mais mala Laura Zapata Indicada

Referências

  1. «Confirmada Maite Perroni para estelarizar 'La Gata'». Radio Formula. 9 de dezembro de 2013. Consultado em 2 de fevereiro de 2014. 
  2. «Laura Zapata sera la villana en la nueva version de La Gata» (em espanhol). TV Notas. 3 de dezembro de 2013. Consultado em 2 de fevereiro de 2014. 
  3. «Grabacion de ‘La Gata’ con Daniel Arenas y Maite Perroni inicio hoy» (em espanhol). www.sitiostotal.com. 14 de fevereiro de 2014. Consultado em 9 de julho de 2016. 
  4. «Maite Perroni, orgullosa de su trabajo en el basurero: 'Mi Bordo de Xochiaca querido'» (em espanhol). m.hola.com. 11 de junho de 2014. Consultado em 9 de julho de 2016. 
  5. «Maite Perroni detiene el tráfico con grabación de 'La Gata'» (em espanhol). entretenimiento.terra.com.mx. 20 de fevereiro de 2014. Consultado em 9 de julho de 2016. 
  6. «En locación guerrerense, La Gata sale sobrando» (em espanhol). archivo.eluniversal.com.mx. 19 de maio de 2014. Consultado em 9 de julho de 2016. 
  7. «Arranca "La Gata" con buen rating». Radio Formula. 6 de maio de 2014. Consultado em 5 de março de 2016. 
  8. «Média geral das telenovelas da Televisa de 1998 à 2015 | Televisa Oficial». Consultado em 2016-07-12. 
  9. (2016-08-16) "Estreia da novela "A Gata" traz audiência explosiva para o canal de Silvio Santos – Famosos na Web" (em pt-BR). Famosos na Web.
  10. (2016-09-09) "Novela "A Gata" registra segunda maior audiência desde estreia no SBT – TV Foco" (em pt-BR). TV Foco - Audiência da TV, Notícias da TV e Famosos.
  11. (2016-10-06) "A Gata bateu recorde de audiência no SBT | HORA BRASIL" (em pt-BR). HORA BRASIL.
  12. (2016-11-10) ""A Gata" desce a ladeira e bate recorde negativo nesta quarta-feira (09/11) – Famosos na Web" (em pt-BR). Famosos na Web.
  13. Renan Santos (11 de maio de 2014). «Maite Perroni passa mal gravando em lixão e imprensa mexicana critica Televisa». www.otvfoco.com.br. Consultado em 14 de agosto de 2016. 
  14. Thalía (2011). Cada día más fuerte (New York: Penguin Books). p. 304. ISBN 0451234421
  15. «¡Lista completa de los nominados a los Premios TVyNovelas 2015!». Tv y Novelas. 3 de março de 2015. Consultado em 30 de outubro de 2015. 
  16. «Lista de nominados a los Premios People en español 2014». Starmedia. 7 de outubro de 2014. Consultado em 30 de outubro de 2015. 
Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.