Spider-Man: Homecoming

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Spider-Man: Homecoming
Homem-Aranha: Regresso a Casa (PT)
Homem-Aranha: De Volta ao Lar (BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2017 •  cor •  133 min 
Direção Jon Watts
Produção Kevin Feige
Amy Pascal
Coprodução Mitch Bell
Eric Hauserman Carroll
Rachel O'Connor
Produção executiva Victoria Alonso
Avi Arad
Louis D'Esposito
Jeremy Latcham
Stan Lee
Matt Tolmach
Patricia Witcher
Roteiro Jonathan M. Goldstein
John Francis Daley
Jon Watts
Christopher Ford
Chris McKenna
Erik Sommers
História Jonathan M. Goldstein
John Francis Daley
Baseado em Homem-Aranha
de Stan Lee
e Steve Ditko
Elenco Tom Holland
Michael Keaton
Jon Favreau
Zendaya
Donald Glover
Jacob Batalon
Laura Harrier
Tony Revolori
Bokeem Woodbine
Tyne Daly
Marisa Tomei
Robert Downey Jr.
Gênero Ação
Aventura
Comédia
Ficção científica
Música Michael Giacchino
Cinematografia Salvatore Totino
Edição Dan Lebental
Debbie Berman
Companhia(s) produtora(s) Columbia Pictures
Marvel Studios
Pascal Pictures
Distribuição Sony Pictures Releasing
Lançamento Estados Unidos 28 de junho de 2017 (TCL Chinese Theatre)

Brasil 6 de julho de 2017
Portugal 6 de julho de 2017
Estados Unidos 7 de julho de 2017

Idioma Inglês
Orçamento US$ 175 milhões[1]
Receita US$ 880.103.742[1][2]
Cronologia
Homem-Aranha: De Volta ao Lar 2
(2019)
Página no IMDb (em inglês)

Spider-Man: Homecoming (no Brasil, Homem-Aranha: De Volta ao Lar; em Portugal, Homem-Aranha: Regresso a Casa) é um filme americano de super-herói de 2017, baseado no personagem Homem Aranha da Marvel Comics, co-produzido pela Columbia Pictures e Marvel Studios e distribuído pela Sony Pictures Releasing. É o segundo reboot do Homem-Aranha no cinema e o décimo sexto filme do Universo Cinematográfico Marvel. O filme é dirigido por Jon Watts, com um roteiro de Jonathan Goldstein e John Francis Daley, Watts e Christopher Ford, e Chris McKenna e Erik Sommers. O elenco é composto por Tom Holland, Michael Keaton, Jon Favreau, Zendaya, Donald Glover, Jacob Batalon, Laura Harrier, Tony Revolori, Bokeem Woodbine, Tyne Daly, Marisa Tomei e Robert Downey Jr. Em Spider-Man: Homecoming, Peter Parker tenta equilibrar o herói Homem-Aranha com sua vida escolar enquanto ele enfrenta o Abutre.

Em fevereiro de 2015, a Marvel Studios e a Sony chegaram a um acordo para compartilhar os direitos de personagem do Homem-Aranha, integrando o personagem no estabelecido UCM. No mês de junho seguinte, Holland foi escolhido como personagem-título, enquanto Watts foi contratado para dirigir, seguido pouco depois pelo escalação de Tomei e a contratação de Goldstein e Daley para escrever o roteiro. Em abril de 2016, o título do filme foi revelado, juntamente com escalações adicionais, incluindo Downey. As filmagens começaram em junho de 2016 no Pinewood Atlanta Studios em Condado de Fayette, Geórgia e continuaram em Nova York antes de serem concluídas em Berlim no mês de outubro. Durante as filmagens, Watts, Christopher Ford, Erik Sommers e Chris McKenna foram revelados como roteiristas adicionais e outros membros do elenco foram confirmados.

Spider-Man: Homecoming estreou em Hollywood em 28 de junho de 2017 e foi lançado Estados Unidos em 7 julho de 2017, em 3D, IMAX e IMAX 3D, e foi lançado em 6 de julho de 2017 no Brasil e em Portugal. Homecoming arrecadou atualmente mais de US$ 879 milhões em todo o mundo, se tornando o segundo filme mais bem sucedido do Homem-Aranha e o quarto filme de maior bilheteria de 2017. O filme recebeu críticas positivas, com críticos elogiando Holland e as outras performances do elenco, o tom e as sequências de ação. Uma sequência está programada para ser lançada em 5 de julho de 2019.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo.

Após a Batalha de Nova York,[N 1] Adrian Toomes e sua empresa de salvamento são contratados para limpar a cidade, mas sua operação é assumida pelo Departamento de Controle de Danos de Tony Stark. Enfurecido, Toomes persuade seus funcionários a não devolverem a tecnologia Chitauri que eles já limparam e usá-la para criar e vender armas avançadas. Oito anos depois, Peter Parker é recrutado para os Vingadores de Stark para ajudar com uma disputa interna,[N 2] mas retoma seus estudos na Escola Midtown de Ciência e Tecnologia quando Stark lhe diz que ele ainda não está pronto para se tornar um Vingador completo.

Parker sai da equipe acadêmica de decathlon para passar mais tempo se concentrando em suas atividades de combate ao crime como o Homem-Aranha. Uma noite, depois de impedir que criminosos roubassem um caixa eletrônico com suas armas avançadas de Toomes, Parker retorna ao seu apartamento no Queens, onde seu melhor amigo Ned descobre sua identidade secreta. Em outra noite, Parker se depara com os associados de Toomes, Jackson Brice / Shocker e Herman Schultz, vendendo armas ao criminoso local Aaron Davis. Parker quase se afoga e é resgatado por Stark, que está monitorando o traje do Homem-Aranha que ele deu a Parker e o adverte contra o envolvimento com criminosos perigosos. Toomes acidentalmente mata Brice com uma de suas armas, e Schultz se torna o novo Shocker.

Parker e Ned estudam uma arma deixada por Brice, removendo seu núcleo de energia. Quando um dispositivo de rastreamento em Schultz leva a Maryland, Parker se junta novamente à equipe de decathlon e os acompanha para Washington, D.C. para seu torneio nacional. Ned e Parker desativam o rastreador de Stark implantado no traje do Homem-Aranha e desbloqueiam seus recursos avançados. Parker tenta impedir Toomes de roubar um caminhão do Departamento de Controle de Danos, mas fica preso dentro do próprio caminhão, e não participa do torneio de decathlon. Quando ele descobre que o núcleo de poder é uma granada Chitauri instável, Parker corre para o Monumento a Washington, onde o núcleo explode e prende Ned e seus amigos em um elevador. Evitando as autoridades locais, Parker salva seus amigos, incluindo sua colega de classe e crush Liz. Voltando a Nova York, Parker persuade Aaron Davis a revelar o paradeiro de Toomes. A bordo da Balsa de Staten Island, Parker captura o novo comprador de Toomes, Mac Gargan. mas Toomes escapa e uma arma com defeito arranca a balsa pela metade. Stark ajuda Parker a salvar os passageiros antes de adverti-lo por sua imprudência e tirar o traje dele.

Parker não conseguiu convencer Stark a deixá-lo ficar com o traje, ele retorna à vida de ensino médio e eventualmente Parker convida Liz para ir ao baile com ele. Na noite da dança, Parker descobre que Liz é a filha de Toomes. Deduzindo a identidade secreta de Parker, Toomes ameaça retaliação se ele interferir com seus planos. Durante a dança, Parker percebe que Toomes está planejando sequestrar um avião do Departamento de Controle de Danos transportando armas da Torre dos Vingadores para a nova base da equipe. Parker deixa o baile, e veste seu antigo traje caseiro de Homem-Aranha. Ele é primeiro emboscado por Schultz, mas o derrota com a ajuda de Ned. Toomes destrói as vigas de suporte do edifício e deixa Parker para morrer. Parker é capaz de escapar dos escombros e intercepta o avião, dirigindo-o para bater na praia perto de Coney Island. Ele e Toomes se envolvem em um confronto aberto que termina com Parker salvando a vida de Toomes de seu próprio equipamento instável e o deixando para a polícia junto com a carga do avião. Após a prisão de seu pai, Liz e sua mãe se afastam, e Parker recusa um convite da Stark para se juntar aos Vingadores em tempo integral; Stark então propõe casamento para Pepper Potts. Voltando ao seu apartamento, Parker descobre que Stark devolveu seu traje e o coloca enquanto sua Tia May se aproxima dele.

Em uma cena no meio dos créditos, um encarcerado Gargan se aproxima de Toomes na prisão sobre um grupo que planeja vingança contra o Homem-Aranha. Na cena pós-créditos, o Capitão América aparece para dar um recado sobre as "virtudes de ter paciência". Ao final de seu anúncio, aparece a frase "O Homem-Aranha irá voltar".

Elenco e personagens[editar | editar código-fonte]

(E:D) Tom Holland, Laura Harrier, Tony Revolori, Jacob Batalon, Zendaya e o diretor Jon Watts promovendo Spider-Man: Homecoming na San Diego Comic Con International 2016.
  • Tom Holland como Peter Parker / Homem-Aranha: Um jovem de 15 anos que recebeu habilidades semelhantes as de uma aranha, depois de ser mordido por uma geneticamente alterada.[6] Os produtores Kevin Feige e Amy Pascal ficaram impressionados com as performances de Holland em O Impossível, Wolf Hall e In the Heart of the Sea, além de seus inúmeros testes de tela para o papel.[7] Holland afirmou que se inspiraria em Tobey Maguire e Andrew Garfield, os atores anteriores do Homem-Aranha, mas esperando entregar algo "novo e excitante" com sua visão do personagem.[7] Holland explicou: "Este é um lado muito diferente do Homem-Aranha, porque você vai ver um garoto lidando com problemas cotidianos que um homem de 15 anos lida, além de tentar salvar a cidade."[8] Holland frequentou o Escola de Ciências do Bronx no Bronx por alguns dias para se preparar para o papel.[9] Enquanto lá, ele contou a alguns dos alunos que ele estaria interpretando o Homem-Aranha, que não acreditavam nele, o que Holland achou que seria bem sucedido no filme, onde outros personagens não suspeitariam de Parker ser o Homem-Aranha.[10] Holland inicialmente assinou seis filmes do UCM, incluindo três filmes do Homem-Aranha.[11]
  • Michael Keaton como Adrian Toomes / Abutre: O ex-proprietário da Toomes Salvage Company, que se tornou um traficante de armas depois que sua empresa foi forçada a sair do mercado. Ele usa um traje com asas mecânicas forjadas da tecnologia Chitauri.[12] O diretor Jon Watts afirmou que Toomes seria diferente de outros vilões do UCM como Thanos e Ultron, dizendo: "É divertido pensar que se Homem-Aranha é um garoto normal que se torna um super-herói, tem de haver também um monte de caras normais que se tornam super-vilões."[13] Isso ajudou a evitar a questão do vilão do filme chamar a atenção dos Vingadores, e forneceu alguém que Parker seria capaz de vencer enquanto ainda estivesse aprendendo a usar suas habilidades.[14] Keaton disse que Toomes não era completamente vilão, como "há partes dele que você fica meio: 'Quer saber? Talvez eu entenda ele.'"[15] O co-produtor Eric Hauserman Carroll comparou Toomes a um "Tony Stark sombrio",[12] Keaton não hesitou em interpretar outro personagem de quadrinhos, depois de interpretar o Batman no filme de 1989 de Tim Burton e sua sequência de 1992.[15]
  • Jon Favreau como Happy Hogan: O ex-chefe de segurança das Indústrias Stark e motorista e guarda-costas de Tony Stark.[16] Hogan está "cuidando" de Parker no filme, com Favreau dizendo que Parker "precisa de alguém para ajudá-lo".[17] Favreau interpretou Hogan nos filmes do Homem de Ferro, tendo também dirigido os dois primeiros filmes daquela trilogia, e descreveu retornar como apenas um ator como "muito divertido" e "menos responsabilidade", permitindo-lhe "manter o relacionamento com o UCM ... Especialmente quando os cineastas estão tomando conta de você, dos personagens e da história. Se você está em boas mãos, é ótimo voltar e brincar no mundo de outro personagem."[18]
  • Zendaya como Michelle "MJ" Jones: Uma colega de classe de Parker.[19][20] Zendaya a chamou de estranha, mas intelectual, "ela simplesmente sente que não precisa falar com as pessoas".[21] Ela acrescentou que foi "refrescante" que Michelle era estranha e diferente, sentindo que "muitos jovens—especialmente mulheres jovens—podem se relacionar com isso".[22] Watts comparou a personagem com Allison Reynolds, interpretada por Ally Sheedy, em The Breakfast Club, e Lindsay Weir, interpretada por Linda Cardellini, em Freaks and Geeks.[23] A personagem não é uma adaptação de Mary Jane Watson, mas recebeu as iniciais "MJ" como uma "homenagem".[24] Feige acrescentou que Michelle não está "obcecada" com Parker como Mary Jane às vezes nos quadrinhos, "ela é apenas observadora."[24] Sobre a possibilidade de um futuro romance entre Peter e Michelle, Feige disse: "Bem, tem alguma coisa nele que a intriga e há uma química bem legal ali. Mas quem sabe o que o futuro reserva para os dois nos próximos filmes, certo?"[24]
  • Donald Glover como Aaron Davis: Um criminoso que procura comprar armas de Toomes.[25][26] Davis é o tio de Miles Morales, uma versão do Homem-Aranha nos quadrinhos. Glover dublou Morales na série de televisão Ultimate Spider-Man. O papel foi concebido como "um deleite surpresa para os fãs", com Davis mencionando seu sobrinho para levantar a possibilidade de Morales aparecer em um futuro filme do UCM.[26]
  • Jacob Batalon como Ned: O melhor amigo de Parker, um "completo gamer",[27] o qual Balaton descreveu como "um grande nerd que ama todas as coisas de super-herói" e o "ajudante dedicado" do Homem-Aranha.[28] Enquanto no filme o personagem não tem um sobrenome, nos quadrinhos há um personagem chamado Ned Leeds. Carroll disse que Ned e outros personagens do filme são combinações de vários personagens dos quadrinhos do Homem-Aranha, e embora Ned pode eventualmente terminar com o sobrenome "Leeds", não é garantido.[29]
  • Tony Revolori como Flash Thompson: O rival de Parker.[30][31] Revolori observou que o personagem é geralmente retratado como branco nos quadrinhos, dizendo: "Eu sei o quão importante o personagem é para os fãs de quadrinhos, por isso estou tentando fazer-lhe justiça."[30] Em vez de ser um atleta fisicamente imponente, Thompson foi re-imaginado como "um filho rico e presunçoso" para refletir as visões modernas do bullying.[32] O personagem de Revolori foi originalmente nomeado como Manuel.[33]
  • Marisa Tomei como May Parker: A tia de Peter.[39][40] Os primeiros relatos da escalação de Tomei causaram reação nas mídias sociais, com os fãs de quadrinhos opinando que a atriz era "muito jovem e atraente para retratar a personagem",[41] especialmente depois que a personagem havia sido interpretada anteriormente por atrizes mais velhas do que Tomei. Com relação a isso, o co-roteirista de Capitão América: Guerra Civil, Stephen McFeely disse que, para o UCM, eles estavam tentando fazer Peter "tão naturalista quanto possível ... Isso é em parte porque sua tia não tem 80 anos, se ela é a irmã de sua mãe morta, por que ela tem que estar duas gerações à frente?"[42]
  • Robert Downey Jr. como Tony Stark / Homem de Ferro: Um auto-intitulado gênio, bilionário, playboy e filantropo com trajes eletromecânicos de sua própria invenção, que é o mentor de Parker e é o criador do Departamento de Controle de Danos dos Estados Unidos.[43][35] O presidente da Sony Pictures Motion Picture Group, Thomas Rothman, observou que, além da vantagem comercial de apresentar Downey no filme, a inclusão de Stark foi importante devido à relação estabelecida entre ele e Parker em Capitão América: Guerra Civil.[44] Watts observou que, após as ações de Stark em Guerra Civil, introduzido Parker para a vida como um Vingador, há "muitas repercussões para isso. É um primeiro passo para Tony como uma espécie de mentor? Ele está confortável com isso?"[45] O co-roteirista Jonathan Goldstein comparou Stark com o personagem de Ethan Hawke em Boyhood.[14]

Além disso, Gwyneth Paltrow, Kerry Condon e Chris Evans reprisam seus papéis como Pepper Potts,[46] a inteligência artificial Sexta-feira[47] e Steve Rogers / Capitão América de filmes anteriores do UCM, respectivamente. Rogers aparece em anúncios de serviço público exibidos na escola de Parker.[48]

Garcelle Beauvais interpreta Doris Toomes, a esposa de Adrian e a mãe de Liz,[49][50] e Jennifer Connelly fornece a voz de Karen, a inteligência artificial no traje de Parker.[47] Hemky Madera aparece como o Sr. Delmar, o dono de uma bodega local.[51][38] Logan Marshall-Green interpreta outro Shocker, Jackson Brice.[52][35][53] Michael Chernus interpreta Phineas Mason / Consertador,[54][12] e Michael Mando aparece como Mac Gargan.[51][38] Os facultativos da escola secundária de Parker incluem: Kenneth Choi, que anteriormente interpretou Jim Morita no UCM, como descendente de Jim, Diretor Morita;[55] Hannibal Buress como Coach Wilson, professor de ginástica da escola, que ele descreveu como "um dos personagens idiotas que não percebem [que Parker é] o Homem-Aranha";[56][57] Martin Starr, que anteriormente teve um papel não-falante em O Incrível Hulk creditado como "Nerd do Computador", como Sr. Harrington, professor e treinador acadêmico de Decathlon;[58][59] Selenis Leyva como Sra. Warren;[60][61] e Tunde Adebimpe como Sr. Cobbwell.[62] Os colegas de classe de Parker incluem: Isabella Amara como Sally;[63][64] Jorge Lendeborg Jr. como Jason Ionello;[63][65] Abraham Attah como Abraham;[66][53] Tiffany Espensen como Cindy;[49][67] Angourie Rice como Betty Brant;[68][69] Michael Barbieri como Charles;[70][71][65] e Ethan Dizon como Tiny.[65] Martha Kelly aparece no filme como uma guia de turismo,[72][62] e Kirk Thatcher faz uma aparição cameo como um "punk", uma homenagem ao seu papel em Star Trek IV: The Voyage Home.[73] O co-criador do Homem-Aranha, Stan Lee, faz uma aparição cameo como Gary, residente de um apartamento em Nova York, que testemunha o confronto de Parker com um vizinho.[74][75] Jona Xiao foi escalada em um papel não revelado, mas não apareceu no corte final do filme.[76]

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

"Queremos mostrar o Homem-Aranha nos tempos do ensino médio porque, francamente houve cinco filmes do Homem-Aranha e... há tantas coisas dos quadrinhos que não foram feitas ainda. Não só personagens e vilões ou personagens secundários, mas outros lados desse personagem. Acho que foi no meio do primeiro filme [de Sam Raimi] que ele se formou no ensino médio. No início do segundo filme de Marc Webb, ele já se formou no ensino médio. Alguns de meus arcos de histórias favoritos do Homem-Aranha ele está no colegial. Queremos explorar isso. Que também o torna muito, muito diferente de qualquer um dos nossos outros personagens no Universo Cinematográfico Marvel."

Kevin Feige, Presidente da Marvel Studios[77]

Após o ataque de hackers nos computadores da Sony em novembro de 2014, e-mails entre a co-presidente da Sony Pictures Entertainment, Amy Pascal, e o presidente Doug Belgrad foram liberados afirmando que a Sony queria a Marvel Studios para produzir uma nova trilogia de filmes do Homem-Aranha enquanto a Sony manteria o "controle criativo, marketing e distribuição". As discussões entre Sony e Marvel quebraram, e Sony planejou prosseguir com sua próprio calendário e filmes do Homem-Aranha.[78] No entanto, em fevereiro de 2015, a Sony Pictures e a Marvel Studios anunciaram que iriam lançar um novo filme do Homem-Aranha com Kevin Feige e Pascal produzindo. O personagem apareceria primeiramente em um filme anterior do Universo Cinematográfico Marvel,[79] mais tarde revelado para ser Capitão América: Guerra Civil.[80] A Marvel Studios exploraria oportunidades para integrar personagens do UCM em futuros filmes de Homem-Aranha, que a Sony Pictures continuaria a financiar, distribuir e ter o controle criativo final.[79] Ambos os estúdios têm a capacidade de encerrar o acordo em qualquer ponto, e nenhum dinheiro foi trocado com o acordo.[81] A Lone Star Funds também co-financiou o filme com a Sony, através de seu acordo com a LSC Film Corporation,[77] cobrindo 25% do orçamento de US$ 175 milhões.[82]

Feige afirmou que a Marvel estava trabalhando para adicionar o Homem-Aranha ao UCM, pelo menos desde outubro de 2014, quando anunciaram sua lista completa de filmes da Fase Três, dizendo: "A Marvel não anuncia nada oficialmente até que seja gravada em pedra. Foi adiante com aquele Plano A em outubro, com o Plano B sendo, se [o acordo] fosse acontecer com a Sony, como tudo iria mudar. Nós temos pensado sobre [o filme do Homem-Aranha] desde que estivéssemos pensando na Fase Três".[83] Foi revelado que Avi Arad e Matt Tolmach, produtores da série Amazing Spider-Man do diretor Marc Webb, serviriam como produtores executivos, e que nem Webb nem o ator de Amazing-Spider-Man, Andrew Garfield, retornariam para o novo filme.[84] Sony estava procurando um ator mais jovem do que Garfield para interpretar o Homem-Aranha,[85] com Logan Lerman e Dylan O'Brien considerados os primeiros candidatos para assumir o papel.[86]

Em março de 2015, Drew Goddard, o criador da série Demolidor, da Netflix, estava sendo considerado para escrever e dirigir o filme.[87][88] Goddard, que anteriormente estava ligado ao cancelado filme da Sony baseado no Sexteto Sinistro, disse mais tarde porque ele se recusou a trabalhar no novo filme: "eu acho que para o Homem-Aranha, eu realmente não tinha uma ideia. Parte disso aconteceu porque eu passei um ano escrevendo Sexteto Sinistro e acho que isso me afetou um pouco."[89] No próximo mês, enquanto promovia Avengers: Age of Ultron, Feige afirmou que o personagem de Peter Parker teria de 15 a 16 anos,[90] o que não seria uma história de origem, uma vez que "já houveram duas releituras de sua origem nos últimos treze anos, então vamos tomar como certo que as pessoas já sabem disso e das especificidades."[83] O tio Ben de Parker é referenciado no filme,[91] mas não pelo nome.[92] Mais tarde, em abril, foi relatado que Nat Wolff, Asa Butterfield, Tom Holland, Timothée Chalamet e Liam James estavam sob consideração pela Sony e Marvel para interpretar o Homem-Aranha,[93] com Holland e Butterfield sendo os principais concorrentes.[94]

Em maio de 2015, Jonathan Levine, Ted Melfi, Jason Moore, Jared Hess e a equipe de roteiristas de John Francis Daley e Jonathan Goldstein estavam sendo considerados para dirigir o filme.[95] Butterfield, Holland, Judah Lewis, Matthew Lintz, Charlie Plummer e Charlie Rowe fizeram teste de tela para o papel principal, diante de Robert Downey Jr., que interpreta Tony Stark / Homem de Ferro no UCM, para "química".[96][97] Os seis foram escolhidos a partir de uma pesquisa de mais de 1.500 atores para teste na frente de Feige, Pascal e os irmãos Russo, os diretores de Capitão América: Guerra Civil.[97] No início de junho de 2015, Levine e Melfi se tornaram os favoritos para dirigir o filme, com Daley e Goldstein, e Jon Watts também em consideração,[98] enquanto Feige e Pascal reduziram a lista de atores considerados para Holland e Rowe, com testes de tela com Downey novamente. Holland também testou com Chris Evans, que interpreta Steve Rogers / Capitão América no UCM, e se tornou o favorito.[96] Em 23 de junho, a Marvel e a Sony anunciaram oficialmente que Holland seria o Homem-Aranha, e que Watts dirigiria o filme.[99] Os Russo "estavam muito seguros de quem eles queriam para o papel", insistindo na escalação de um ator próximo à idade de Peter Parker para se diferenciar dos retratos anteriores. Eles elogiaram Holland por ele também ser um dançarino e um ginasta.[80] Watts conseguiu ler o roteiro de Guerra Civil, conversar com os Russo e estar no set para as filmagens das cenas do Homem-Aranha nesse filme.[92] Ele foi capaz de "ver o que eles estavam fazendo com ele" e fornecer "ideias sobre isso e aquilo".[100] Sobre se juntar ao UCM e dirigir o filme, Watts disse: "Eu fiquei realmente entusiasmado com isso, porque os outros filmes mostraram o que eu descrevi como o nível Penthouse do mundo da Marvel, como é ser Thor, Homem de Ferro ... Mas o que é ótimo para o Homem-Aranha é que ele é um garoto normal e, por isso, ao mostrar sua história, você também mostra o que é o nível pé no chão em um mundo onde os Vingadores existem".[35]

Antes de começar a dirigir o filme, Watts criou imagens de Nick Fury como mentor de Parker nos primeiros rascunhos, dizendo: " Eu não sei exatamente em que situação, mas essa certamente seria uma pessoa com quem ele gostaria de se meter em confusão."[101] Feige disse que os filmes de John Hughes seriam uma grande influência e que o crescimento e desenvolvimento pessoal de Parker seria tão importante quanto seu papel como Homem-Aranha.[102] Em julho de 2015, foi reportado que Marisa Tomei recebeu o papel de May Parker, a tia de Peter.[39] Também foi revelado que Daley e Goldstein, depois de não terem conseguido a direção, começaram as negociações para escreverem o roteiro,[103] e tiveram um prazo de três dias para apresentaram o argumento deles,[104] ambos confirmados pouco depois, chegaram a um acordo para escreverem o roteiro.[105] A dupla escolheu se concentrar nos aspectos do ensino médio do personagem e "o que seria ser um garoto real que tenha superpoderes", em vez do "drama e peso da tragédia que leva à origem do Homem-Aranha". Eles sentiram que isso o diferenciaria dos outros super-heróis do UCM também.[14] Os roteiristas evitaram os arranha-céus de Manhattan por causa de quantas vezes eles foram usados ​​nos outros filmes e, em vez disso, escreveram o personagem em locais como "os subúrbios, em um campo de golfe, na Balsa de Staten Island, Coney Island e até mesmo Washington, D.C."[14] Eles também escolheram "focar em vilões mais "terrenos". Nada de dominação do mundo, apenas algo por dinheiro."[106]

Em outubro de 2015, Watts disse que estava procurando fazer do filme uma história de coming-of-age para ver o crescimento de Parker, citando Say Anything..., Quase Famosos e Can't Buy Me Love como alguns de seus filmes favoritos nesse gênero. Foi esse aspecto do filme que inicialmente deixou Watts interessado em dirigi-lo, visto que ele já estava procurando fazer um filme adolescente quando soube que o novo Homem-Aranha seria mais jovem do que as encarnações anteriores.[107] Watts re-leu os quadrinhos originais do Homem-Aranha em preparação para o filme, "Ele foi introduzido nos anos 60, quando eles já haviam construído um universo Marvel espectacular e louco ... E isso se encaixa muito bem com o que faço com esse filme, que é apresentá-lo ao UCM.[92] Os quadrinhos específicos que Watts notou como posssíveis influências foram Ultimate Homem-Aranha e Spider-Man Loves Mary Jane.[107] Em dezembro, Oliver Scholl assinou para ser o designer de produção do filme. [108]

Pré-produção[editar | editar código-fonte]

Watts promovendo Spider-Man: Homecoming na San Diego Comic-Con International 2016.

Watts queria muito pré-visualizar o filme, especialmente suas sequências de ação, como ele faz em todos os seus filmes. Para Homecoming, Watts trabalhou com uma equipe para "descobrir a linguagem visual para as sequências de ação e apenas ... você começa a tentar coisas antes de você estar realmente no set filmando elas", o que ajudou a prática de Watts devido à sua falta de experiência trabalhando em filmes de ação em grande escala. Para as sequências de "estilingue-aranha" no filme, Watts queria evitar os grandes movimentos de câmera "swoopy" que tinham sido usados anteriormente para essas cenas do Homem-Aranha: "Eu sempre ligo isso, a câmera de Peter Jackson se move, onde a câmera está indo como dez mil milhas. Mas eu não queria fazer isso por isso, porque queria manter tudo tão fundamentado quanto possível. Então, se estavamos filmando com uma câmera de drone ou um helicóptero ou uma câmera de cabo, ou mesmo apenas de mão, em cima de um telhado perseguindo ele, eu queria que parecesse estar lá com ele, e tudo era algo que você poderia realmente filmar."[107]

Em janeiro de 2016, a Sony mudou a data de lançamento do filme de 28 de julho para 7 de julho de 2017,[109] E disse que o filme seria remasterizado digitalmente para IMAX 3D na pós-produção.[110] No início de março, Zendaya foi escalada no filme como Michelle, e Tomei foi confirmada como May Parker.[111][40] No mês seguinte, Feige confirmou que personagens de filmes anteriores do UCM apareceriam.[112] Ele observou que o compartilhamento entre a Marvel e a Sony foi feito com "boa fé",[4] e que "o acordo foi que é um filme da Sony Pictures ... Nós [da Marvel] somos os produtores criativos. Nós somos os que contratam o ator, o apresentando em [Guerra Civil]".[113] O presidente da Sony Pictures, Thomas Rothman, acrescentou ainda que a Sony possui autoridade máxima para dar sinal verde, mas estavam deixando o controle criativo com a Marvel.[114] Na CinemaCon 2016, a Sony anunciou o título do filme como Spider-Man: Homecoming,[115][116] uma referência a tradição comum do ensino médio, assim como o personagem "chegando em casa" à Marvel e ao UCM.[116] Tony Revolori e Laura Harrier se juntaram ao elenco como colegas de classe de Parker,[117][118] e foi revelado que Downey Jr. estaria no filme como Stark.[43][119] Watts observou que Stark "foi sempre uma parte da história do filme por causa de suas interações com Parker em Guerra Civil."[107]

Também em abril, Michael Keaton entrou em negociações para interpretar um vilão,[120] mas abandonou as discussões pouco depois, devido a conflitos de agenda com The Founder.[121][122] Ele logo voltou a conversas para o papel depois de uma mudança no cronograma para esse filme,[123][122] e fechou o acordo no final de maio.[123] Em junho, Michael Barbieri foi escalado como um amigo de Parker,[70][71] Kenneth Choi foi escalado como o diretor da escola secundária de Parker,[55] e Logan Marshall-Green foi escalado como outro vilão ao lado do personagem de Keaton,[52][51] enquanto Donald Glover e Martin Starr se juntaram ao elenco em papéis não revelados.[25][58] Watts disse que queria que o elenco refletisse Queens como "um dos [mais] lugares mais diversificados do mundo",[100] com Feige acrescentando que "queremos que todos se reconheçam em cada parte do nosso universo. [Com este elenco] especialmente, realmente parece que isso é absolutamente o que tem que acontecer e continuar."[30] Além disso, Marvel tomou uma decisão consciente de evitar principalmente incluir ou referenciar personagens que apareceram em filmes anteriores do Homem-Aranha, exceto Peter e May Parker e Flash Thompson. Isso incluiu O Clarim Diário, com o co-produtor Eric Hauserman Carroll dizendo: "Nós brincamos com ele por um tempo, mas, novamente, não queremos ir por essa estrada imediatamente, e se fizermos um Clarim Diário, nós queremos fazê-lo de uma forma que se sente contemporânea."[91] Isso também incluiu a personagem Mary Jane Watson, embora Michelle, interpretada por Zendaya, acabou recebendo as iniciais "MJ" como um aceno para essa personagem. Feige disse que o ponto é "se divertir com [referências] e, ao mesmo tempo, ter personagens diferentes que podem fornecer uma dinâmica diferente."[24]

O traje do Homem-Aranha no filme tem mais melhorias técnicas do que os trajes anteriores, incluindo o logotipo no tórax sendo um drone remoto, um sistema de inteligência artificial semelhante ao J.A.R.V.I.S. de Stark, uma interface holográfica, um pára-quedas, um dispositivo de rastreamento para Stark rastrear Parker, um aquecedor, um airbag, a capacidade de iluminar e a capacidade de aumentar a realidade com as peças dos olhos. Stark também constrói um protocolo de "rodas de treinamento", para limitar inicialmente o acesso da Parker a todos os seus recursos. Carroll notou que Marvel passou pelos quadrinhos e "puxou para fora todo o tipo de coisas divertidas e malucas que o traje fez" para incluir no traje de Homecoming.[124] Os lançadores de teia do Homem-Aranha têm várias configurações, o que Carroll explicou: ",ele pode ajustar seu jato (de teia) e ele pode até aleternar entre diferentes estilos de teia, como uma linha de teia, bola de teia, teia que ricocheteia. Você sabe, todas as coisas que podemos vê-lo fazer nos quadrinhos ... É tipo uma câmera DSLR. Ele pode disparar sem ou ele pode esperar um segundo, mirar direito e escolher que tipo de teia disparar."[91]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

As filmagens começaram em 20 de junho de 2016,[125] em Pinewood Atlanta Studios em Condado de Fayette, Geórgia,[126] sob o título de produção Summer of George.[127] Salvatore Totino atuou como diretor de fotografia.[128] As filmagens também ocorreram na Grady High School em Atlanta,[129] Downtown Atlanta,[130] Atlanta Marriott Marquis,[131] Parque Piedmont, Georgia World Congress Center[132] e o bairro West End de Atlanta.[23] Holland disse que construir sets de Nova York em Atlanta era mais barato do que realmente filmar em Nova York, uma localização intimamente associada ao personagem, embora a produção pudesse "acabar [em Nova York] por uma semana ou duas."[133] A escolha de elenco continuou após o início da produção, com a inclusão de Isabella Amara, Jorge Lendeborg Jr., JJ Totah,[63] Hannibal Buress,[56] Selenis Leyva,[60] Abraham Attah,[66] Michael Mando,[51] Tyne Daly,[37] Garcelle Beauvais, Tiffany Espensen[49] e Angourie Rice[68] em papéis não especificados, com Bokeem Woodbine se juntando como um vilão adicional.[36]

Na San Diego Comic-Con International 2016, Marvel confirmou as escalações de Keaton, Zendaya, Glover, Harrier, Revolori, Daly e Woodbine, ao mesmo tempo que revelava os papéis de Zendaya, Harrier e Revolori como Michelle, Liz Allan e Thompson, respectivamente,[34][19][134][30] e anunciando a escalação de Jacob Batalon como Ned.[34][29] Também foi revelado que o Abutre seria o vilão do filme, enquanto as equipes de escrita de Watts e Christopher Ford, e Chris McKenna e Erik Sommers, se juntaram a Goldstein e Daley escrevendo o roteiro[34] da história de Goldstein e Daley. Watts elogiou o roteiro de Goldstein e Daley como "realmente divertido e engraçado", com ele e Ford, amigos íntimos desde a infância, depois reescrevendo o roteiro com base em ideias específicas que Watts tinha e coisas que ele queria filmar, que ele disse que era um "passe estrutural bastante substancial, reorganizando as coisas e construindo isso no tipo de história que queríamos que fosse." McKenna e Sommers juntaram-se ao filme para lidar com as mudanças no roteiro durante as filmagens, como "é tudo um pouco flexível quando você começa a definir. Você tenta resolver as coisas e você precisa de alguém para estar escrevendo enquanto está filmando."[107]

Harrier observou que os jovens atores do filme "constantemente se referem a nós mesmos como The Breakfast Club."[19] Pouco depois, Martha Kelly se juntou ao elenco em um papel não especificado.[72] Em agosto, Michael Chernus foi lançado como Phineas Mason / Consertador,[54] Enquanto Jona Xiao se juntou ao elenco em um papel não especificado,[76] e Buress disse que estava interpretando um professor de ginástica.[57] Em setembro de 2016, Jon Favreau estava reprisando seu papel como Happy Hogan da trilogia Homem de Ferro,[16] e as filmagens concluiram em Atlanta e se mudaram para Nova York. Locais em Nova York incluem Astoria, Queens, St. George, Staten Island, Manhattan,[135][136][137] e Franklin K. Lane High School no Brooklyn.[91] Além disso, o lutador de UFC, Tyron Woodley, disse ter sido considerado para um papel vilão no filme, mas teve que abandonar devido a um compromisso anterior com a Fox Sports.[138] As filmagens finalizaram em 2 de outubro de 2016, em Nova York,[139] com algumas filmagens adicionais ocorrendo no final do mês em Berlim, na Alemanha, perto do Portão de Brandemburgo.[140]

Pós-produção[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2016, Feige confirmou que Keaton interpretaria o Abutre,[141] a encarnação de Adrian Toomes do personagem,[13] enquanto Woodbine foi revelado como Herman Schultz / Shocker.[142][35] Em março de 2017, Harrier disse que o filme estava passando por refilmagens,[143] e Evans estava programado para aparecer como Steve Rogers / Capitão América em um vídeo de treinamento instrucional.[48] Watts se inspirou no programa "The President's Fitness Challenge" para isso, sentindo que o Capitão América seria a versão óbvia disso para o UCM. Ele então começou a fazer um brainstorming de outros anúncios de serviço público, protagonizados pelo Capitão América, "sobre tudo, [como] escovar os dentes. Tudo o que você possa imaginar, colocamos o pobre Capitão América pra fazer." Watts disse que muitos dos vídeos adicionais de PSA seriam apresentados na mídia doméstica do filme.[144] Watts confirmou que a empresa que Stark cria que leva Toomes a seu caminho vilanesco no filme é a Controle de Danos, que Watts sentiu que "apenas se encaixava na nossa filosofia geral com o tipo de história que queríamos contar" e criou muitas perguntas práticas que Watts queria usar "para dirigir a história".[45] Ele também confirmou que o filme teria várias cenas pós-créditos.[45][145] A primeira cena de créditos dá ao Abutre uma chance de redenção, mostrando ele protegendo Parker de outro vilão. Watts disse que isso "foi uma coisa realmente interessante no desenvolvimento da história. Você não podia simplesmente confiar na ideia de que um vilão é um completo assassino e que ele vá matar um grupo de pessoas. Ele teve que se deparar com alguma capacidade no final e que ele acredita em tudo o que ele disse, especialmente sobre sua família." A segunda cena pós-créditos é um vídeo instrucional adicional do Capitão América, onde ele fala sobre o valor da paciência—uma piada à custa do público, que acabaram esperando pelos créditos do filme para ver a cena.[146] Esta foi uma "adição de última hora" ao filme.[147]

Watts completou o trabalho em Homecoming no início de junho de 2017, aprovando as últimas cenas de efeitos visuais. Ele afirmou que ele nunca foi informado pela Marvel ou Sony de que ele não poderia fazer algo, dizendo, "Você assume que você terá que lutar por cada coisa que você quer fazer, mas na verdade eu nunca me dediquei a isso. Eu cheguei a fazer tudo o que eu queria."[107] Naquele mês, Starr explicou que ele estava interpretando o treinador acadêmico do Decathlon na escola secundária de Parker,[59] e foi dito que Marshall-Green estava interpretando outro Shocker no filme.[148]

Em julho, Feige discutiu momentos específicos no filme, incluindo uma homenagem a The Amazing Spider-Man #33, onde Parker está preso embaixo de escombros, algo que Feige "queria ver em um filme há muito tempo."[149] Daley disse que eles adicionaram a cena ao roteiro por causa de quanto Feige queria e explicou: Temos [Parker] incapacitado e com receio, nesse momento você entende que ele é uma criança. Você sente o lado dele. E ele fica lá, gritando e chorando por uma ajuda, ele acha que não consegue fazer isso, e ai ... ele entende que o seu maior problema é esse. Ele não confia em si mesmo, ele não acredita que vai conseguir sair dali."[106] Feige comparou a cena final do filme, onde Parker revela acidentalmente que ele é o Homem-Aranha para sua Tia May, com o final de Homem de Ferro quando Stark revela que ele é o Homem de Ferro para o mundo, dizendo: "o que isso significa para o próximo Filme? Não sei, mas isso nos forçará a fazer algo único."[150] Goldstein acrescentou que "diminui o que é muitas vezes a parte mais trivial do mundo dos super-heróis: esconder seu segredo. Isso tira a ênfase desse momento e a deixa fazer parte do que é realmente sua vida."[106] Feige também falou sobre a revelação do filme de que o Abutre é o pai do interesse amoroso de Parker, dizendo: "Se isso não funcionasse, o filme não funcionou. Trabalhamos para trás e para frente a partir desse momento. Era como dois filmes - Foi o filme até então e o filme depois desse momento. Por ter tido que surpreendê-lo, mas também tinha que ser verdade. Tinha que acreditar que o fizéssemos para que você o comprasse, e ele não parece ser algo fora do campo esquerdo. Esse é um ótimo momento e nós não soubemos até mostrarmos ao público que isso funcionaria." Watts disse que a cena da revelação e as seguintes interações entre o Abutre e Parker eram "mais do que qualquer outra coisa, estava ansioso para a cena", Goldstein disse que a cena após a revelação, onde o Abutre percebe que Parker é o Homem-Aranha enquanto o conduzia à dança da escola, era o momento em que ele estava mais orgulhoso no filme, e Daley disse que o efeito da cena no público era o equivalente dramático de uma platéia rindo de uma piada que eles haviam escrito. Ele acrescentou que os escritores ficaram "aturdidos quando surgimos pela primeira vez", porque está tomando a óbvia tensão de conhecer o pai da garota em que você se apaixona, e multiplicando-o por 1.000, quando também percebe que ele é o cara que você tentou parar o tempo todo.[151]

Efeitos visuais[editar | editar código-fonte]

Os efeitos visuais para o filme foram completados pela Sony Pictures Imageworks, Method Studios, Luma Pictures, Digital Domain, Cantina Creative, Iloura, Trixter e Industrial Light & Magic.[152][153] A produtora executiva Victoria Alonso inicialmente não queria que o Imageworks, que trabalhava em todos os filmes anteriores do Homem-Aranha, trabalhasse no Homecoming para ter um visual diferente. Ela finalmente mudou de idéia depois de ver o material de teste "fenomenal" do vendedor.[154] O domínio digital trabalhou na batalha de Staten Island Ferry, criando as versões CGI do Homem-Aranha e o primeiro traje de abutre, Homem de Ferro e o drone do emblema do Homem-Aranha. O Digital Domain conseguiu criar um verdadeiro Staten Island Ferry, bem como a versão criada no set, para ajudar na criação de sua versão digital. Eles também criaram o traje do Homem de Ferro para quando ele confronta Parker após a batalha.[155] Lou Pecora, supervisor de efeitos visuais no Digital Domain, chamou essa sequência de "brutal" porque "da forma como foram filmados, estava acesa para um certo momento do dia, e depois foi decidido mudar essa hora do dia."[156] A Sony Pictures Imageworks criou grande parte do terceiro ato do filme, quando Parker enfrenta Toomes no avião com seu traje de abutre atualizado e quando Toomes esta com seu traje caseiro. Alguns elementos do primeiro traje do Abutre foram compartilhados com o Imageworks, mas o restante foi criado por eles com base em uma maquete. Para a capacidade de cloaking do avião, a Imageworks baseou o que criaram no sistema de camuflagem de tanques de camuflagem Adaptiv IR do sistema de BAE , que usa uma série de títulos para cobrir contra infravermelhos. Para o seu design web, que se baseou naquele criado para a Guerra Civil, o Domínio Digital referiu o cabelo do urso polar devido à sua natureza translúcida. A Imageworks, que também olhou para a Guerra Civil, referenciaram as webs que criaram para os filmes do Homem-Aranha anteriores, nos quais as webs tinham farpas pequenas que ajudavam a se conectar às coisas, discando as farpas e fazendo referência aos outros projetos de web criados para o filme. A Method Studios trabalhou na sequência do Monumento a Washington.[154]

O Trixter contribuiu com mais de 300 tiros para o filme, trabalhando na sequência de abertura que recontou os eventos da Guerra Civil da perspectiva de Peter Parker, a cena na abertura no Grand Central Terminal, uma seqüência em que Toomes traz Liz e Parker para a dança, a batalha escolar entre Parker e Shocker, e a cena ao redor e dentro do compositor dos Avengers. Eles também trabalharam em ambos os trajes do Homem-Aranha e o traçador de aranha. O Trixter criou trabalhadores de resgate adicionais para preencher a cena do Grand Central, cujas roupas e proporções podiam ser alteradas para criar variação. Para a batalha entre Parker e Shocker, o Trixter usou um Homem-Aranha totalmente digital em seu traje caseiro, que veio da Imageworks, com o Trixter aplicando um sistema de manipulação, músculo e tecido para "imitar a aparência do fato de treinar bastante perder". Eles também criaram os efeitos para as luvas do Schultz e tiveram que mudar a configuração do conjunto de Atlanta para Queens, usando uma escola CGI e adicionando 360 graus de pinturas mate para os elementos de distância média a distância.O Trixter recebeu arte conceitual e geometria básica que foi usada anteriormente para o composto Avengers, mas acabou por remodelá-la pela maneira como ela aparece em Homecoming e criou o ambiente ao seu redor. Modelos e texturas para o traje Spider-Man's Avengers foram criados pela Framestore para uso em um futuro filme do UCM, para adicionar ao cofre que eles criaram para abrigar o traje. O supervisor do Trixter VFX, Dominik Zimmerle, observou que "a idéia era ter um cofre de apresentação limpo, de alta tecnologia e de apresentação para o novo terno. Ele deveria aparecer com distintivo "Stark".[157]

Música[editar | editar código-fonte]

Enquanto promovia Doutor Estranho no início de novembro de 2016, Feige acidentalmente revelou que Michael Giacchino, que compôs a música para esse filme, também estaria compondo a trilha de Homecoming. Giacchino logo confirmou isso.[158] A gravação da trilha sonora começou em 11 de abril de 2017.[159] A trilha inclui o tema da série de desenhos animados dos anos 60. A trilha sonora foi lançado pela Sony Masterworks em 7 de julho de 2017. [160]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

A estreia mundial de Spider-Man Homecoming n o TCL Chinese Theatre

Spider-Man: Homecoming realizou sua estreia mundial no TCL Chinese Theatre em Hollywood em 28 de junho de 2017.[161] No Reino Unido foi lançado em 5 de julho de 2017.[162] No mercado internacional, Homecoming estreou em 6 de julho de 2017,[163] com 23.400 telas (277 das quais foram IMAX) em 56 mercados para o fim de semana de abertura.[164] O filme foi lançado nos Estados Unidos em 7 de julho de 2017,[109] em 4.348 cinemas (392 foram IMAX e IMAX 3D, e 601 foram de formato grande premium),[164][99][110] incluindo exibições em 3D.[99] O lançamento foi originalmente previsto para ser lançado em 28 de julho de 2017.[109]

Marketing[editar | editar código-fonte]

Watts, Holland, Batalon, Harrier, Revolori e Zendaya apareceram na San Diego Comic-Con 2016 para mostrar um clipe exclusivo do filme.[34][165] O filme teve um painel na Comic Con Experience 2016, em São Paulo.[166][167]

O primeiro trailer estreou no Jimmy Kimmel Live! em 8 de dezembro de 2016,[168] e foi lançado online ao lado de uma versão internacional. As cenas do Abutre descendo em um átrio de um hotel e o Homem-Aranha balançando com Homem de Ferro voando ao lado dele foram criadas especificamente para o trailer e não para o filme. Watts explicou que a cena do Abutre foi criada para a San Diego Comic-Con antes que grande parte do filme tenha sido filmada, e "nunca foi feita para estar no filme", mas ele conseguiu reutilizar o mesmo ângulo para revelar o Abutre no filme. A cena do Homem-Aranha e o Homem de Ferro foi criada porque a equipe de marketing queria uma cena dos dois juntos e as cenas existentes para o filme "simplesmente não pareciam ótimas", nessa ocasião. Watts comentou, "Acho estranho ter uma cena no trailer que não está no filme, mas pelo menos é uma cena legal."[92] Os dois trailers foram vistos mais de 266 milhões de vezes globalmente em uma semana.[169]

Em 28 de março de 2017, um segundo trailer estreou após ser exibido na CinemaCon 2017 na noite anterior. [170] O trailer de Homecoming ficou em segundo lugar da semana de 20 a 26 de março em novas conversas (85,859) atrás de Liga da Justiça (201,267), de acordo com o serviço PreAct da comScore, que é "um serviço de rastreamento que utiliza dados sociais para criar o contexto do papel em constante evolução do comunicação digital sobre filmes."[171] Um clipe exclusivo do filme foi visto durante o 2017 MTV Movie & TV Awards.[172] Em 24 de maio de 2017, a Sony e a Marvel lançaram um terceiro trailer doméstico e internacional.[173] Após o lançamento dos trailers, o comScore e seu serviço PreAct notaram que Homecoming foi o maior filme para novas conversas de mídia social, naquela semana e na semana de 29 de maio.[174][175] Juntamente com o lançamento dos terceiro trailer, foram publicados pôsters nacionais e internacionais.[173]

Sony fez parceria com a ESPN CreativeWorks para criar anúncios de televisão promocionais para Homecoming e as finais da NBA de 2017, que foram filmados por Watts. Os anúncios foram feitos para "tecer em um destaque do jogo apenas momentos" depois que ocorreu.[176] As promos teve Holland, Downey Jr. e Favreau reprisando seus papéis do filme, com aparições de Stan Lee, DJ Khaled, Tim Duncan, Magic Johnson e Cari Champion.[82] Durante junho e julho de 2017, um café inspirado em Homecoming foi aberto no complexo Roppongi Hills, em Tóquio, oferecendo "comidas e bebidas temáticas, incluindo um Spider Curry, Spider Sense Latte e uma bebida doce e refrescante Strawberry Spider Squash", assim como um adesivo grátis e de edição limitada com qualquer compra.[177]

Para a semana que terminou em 11 de junho, comScore e seu serviço PreAct notaram que as novas conversas de mídia social para o filme eram apenas a Pantera Negra e seu novo trailer;[178] Homecoming foi então o filme número um nas próximas duas semanas.[179][180] Naquele mês, a Sony lançou uma aplicativo móvel que permite aos usuários "acessar" o celular de Parker e "visualizar suas fotos, vídeos, mensagens de texto e ouvir mensagens de voz de seus amigos". O aplicativo também forneceu um "AR Suit Explorer" para aprender mais sobre a tecnologia no traje do Homem-Aranha e usar filtros de fotos, GIFs e adesivos do personagem.[181] Sony e Dave & Buster também anunciaram um jogo arcade baseado no filme, jogável exclusivamente nos locais de Dave & Buster.[182] Uma história em quadrinhos, Spider-Man: Homecoming Prelude, foi lançada em 20 de junho de 2017, coletando duas edições.[183] Em 28 de junho, em parceria com a Thinkmodo, foi divulgada uma brincadeira promocional no qual o Homem-Aranha (dublê Chris Silcox) caiu do teto em uma cafeteria para assustar os clientes; o video também apresentou uma aparição do Lee.[184] A Sony também fez parceria com o aplicativo móvel Holo para permitir que usuários adicionem hologramas 3D do Homem-Aranha, com a voz e as linhas de Holland do filme, para fotos e vídeos do mundo real.[185] Antes do final de junho, Spider-Man: Homecoming—Virtual Reality Experience foi lançado gratuitamente no PlayStation VR, Oculus Rift e HTC Vive, produzido pela Sony Pictures VR e desenvolvido pela CreateVR. A experiência de realidade virtual permite que os usuários experimentem sentir como é ser o Homem-Aranha, com a habilidade de atingir alvos com seus lançadores de teia e enfrentar o Abutre. Também foi disponível em determinados cinemas do Cinemark nos Estados Unidos e na exposição comercial CineEurope em Barcelona.[186]

Antes do lançamento do filme, para a semana que terminou em 2 de julho, o filme foi o melhor filme pela terceira semana consecutiva para novas conversas de redes sociais, de acordo com a comScore, que também observou que Spider-Man: Homecoming havia produzido um total de 2,67 Milhões de conversas até à data.[187] A campanha de marketing do filme também incluiu promoções com Audi e Dell (ambos também tiveram colocação de produtos dentro do filme), Pizza Hut, General Mills, Synchrony Bank, Movietickets.com, Goodwill, Baskin Robbins, Dunkin' Donuts, Danone Waters, Panasonic Batteries, M&M, Mondelez, Asus, Bimbo, Jetstar, KEF, Kellogg’s, Lieferheld, Pepsico, Plus, Roady, Snickers, Sony Mobile, Oppo, Optus e Doritos. Tal como aconteceu com a campanha da ESPN das finais da NBA, Watts dirigiu um comercial para o marketing da Dell, que obteve 2,8 milhões de visualizações online.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

A partir de 14 de julho de 2017, Spider-Man: Homecoming arrecadou US$ 176,8 milhões nos Estados Unidos e no Canadá e US$ 150,7 milhões em outros territórios, num total mundial de US$ 327,5 milhões.[1][2] O filme teve a segunda maior abertura global em IMAX para um filme da Sony com US$ 18 milhões.[169] Em maio de 2017, uma pesquisa da Fandango indicou que Homecoming foi o segundo blockbuster de verão mais esperado atrás de Mulher-Maravilha.[188]

Spider-Man: Homecoming ganhou US$ 50,9 milhões em seu dia de abertura nos Estados Unidos e no Canadá (incluindo US$ 15,4 milhões das visualizações de quinta-feira á noite),[82] e teve um fim de semana total bruto de US$ 117 milhões.[189] Foi a segunda maior abertura para um filme do Homem-Aranha e um filme da Sony, após a estreia de US$ 151,1 milhões de Homem Aranha 3 em 2007.[82] Em seu segundo fim de semana, o filme caiu para o segundo lugar, ficando atrás de Planeta dos Macacos: A Guerra, que ganhou US $ 45,2 milhões, uma queda de 61% no lucro, que foi semelhante aos declínios de The Amazing Spider-Man 2 e Homem-Aranha 3 tiveram nos seus dois fins de semana. Além disso, Homecoming chegou a US $ 208,3 milhões, o que ultrapassou o produto interno bruto total de The Amazing Spider-Man 2 ($ 202,9 milhões).[190][191] O filme caiu para o terceiro lugar no terceiro fim de semana.[192] No final de de semana seguinte, o Homecoming terminou em sexto,[193] e terminou em sétimo nos cinco finais de semana seguintes.[194][195][196][197][198] Até 3 de setembro de 2017, o filme ganhou US $ 325,1 milhões,[199] superando o valor projetado de US $ 325 milhões para o total bruto nacional.[200]

Fora dos Estados Unidos e do Canadá, Spider-Man: Homecoming ganhou US$ 140,5 milhões no fim de semana de abertura dos 56 mercados em que abriu, com o filme se tornando o número um em 50 deles. Os US$ 140,5 milhões foram a maior abertura para um filme do Homem-Aranha, com base no mesmo número de mercados e as taxas de câmbio de 2017.[169] A Coreia do Sul teve o maior dia de abertura de quarta-feira,[201] que contribuiu para uma abertura de US$ 25,4 milhões em cinco dias, a terceira maior abertura de um filme de Hollywood.[169] O Brasil teve o maior dia de abertura de julho de todos os tempos, com US$ 2 milhões,[202] levando a um final de semana de abertura de US$ 8,9 milhões. Os US$ 7 milhões obtidos das exibições IMAX foram a maior abertura de todos os tempos para um filme da Sony internacionalmente.[169] Em seu segundo fim de semana, o filme abriu na França em primeiro lugar e na segunda colocação na Alemanha. Ganhou US $ 11,9 milhões adicionais na Coréia do Sul, para levar seu total no país para US $ 42,2 milhões. Isso fez de Homecoming o maior filme do Homem-Aranha e o melhor filme de Hollywood de 2017 no país. O Brasil contribuiu com US $ 5,7 milhões adicionais, para um total de US $ 19,4 milhões do país, que também foi o maior do filme do Homem-Aranha.[203]

O terceiro fim de semana do filme na região da América Latina estabeleceu um recorde com o filme do Homem-Aranha de maior bilheteria de todos os tempos, com uma região total de US $ 77,4 milhões. O Brasil manteve-se o principal mercado de arrecadação para a região, com US $ 25,7 milhões. Na Coreia do Sul, o filme tornou-se o 10º lançamento internacional de maior bilheteria de todos os tempos.[204] Spider-Man: Homecoming abriu-se em primeiro lugar na Espanha no quarto fim de semana.[205] No seu sexto fim de semana, o filme abriu no primeiro lugar no Japão, com US $ 770 mil do IMAX, o quarto maior fim de semana IMAX para um filme da Marvel no país.[206] O filme abriu no primeiro lugar na China em 8 de setembro de 2017, arrecadando US $ 23 milhões em seu dia de abertura, incluindo as prévias de quinta-feira, tornando-se o terceiro maior dia de abertura de um filme de Universo Cinematográfico Marvel, atrás de Vingadores: A Era de Ultron e Capitão América: Guerra Civil, e o maior dia de abertura bruto para um filme da Sony no país.[207] Em 10 de setembro de 2017, os maiores mercados do filme foram a China (US $ 70,8 milhões),[208] Coréia do Sul (US $ 51,4 milhões) e o Reino Unido (US $ 34,8 milhões).[209]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Tom Holland obteve muitos elogios por seu desempenho como Homem-Aranha.

No Rotten Tomatoes, o filme tem uma aprovação de 92%, com base em 276 resenhas, com uma nota média de 7.6/10. O consenso crítico no site diz: "Spider-Man: Homecoming faz o que quer que seja um segundo reboot, oferecendo uma aventura colorida e divertida que se encaixa confortavelmente no largo UCM sem ficar preso na construção de franquias."[210] No Metacritic, o filme tem uma pontuação de 73 em 100, com base em 51 resenhas, indicando "críticas geralmente favoráveis".[211]

Owen Gleiberman, da Variety, disse: "A ação de vôo tem uma flutuabilidade casual e o filme faz com que você rooteie para Peter. O apelo deste particular Garoto-Aranha é muito básico: em sua tentativa de valor, ele continua caindo e ele continua se levantando."[212] Mike Ryan, do Uproxx, elogiou o tom e as performances do filme, escrevendo: "Spider-Man: Homecoming é o melhor filme do Homem-Aranha até agora. Isso vem com uma advertência que Spider-Man: Homecoming e Homem-Aranha 2 são diferentes e os dois são ótimos. Mas, tonalmente, eu simplesmente adoro essa encarnação de um Peter Parker que simplesmente ama ser o Homem-Aranha."[213] Manohla Dargis, do The New York Times, declarou: "Holland parece e soa mais um adolescente do que os atores que já se adaptaram a esta série, e ele tem o bom elenco de apoio que inclui Jacob Batalon como o melhor amigo de Peter. Outro boa companhia inclui Donald Glover, como um criminoso, e Martin Starr, que desempenha o papel de um professor."[214] Richard Roeper, do Chicago Sun-Times, escreveu: "A melhor coisa sobre Spider-Man: Homecoming é que o Aranha ainda é mais do que um homem. Mesmo com seus superpoderes em ascensão, ele ainda tem impaciência, estranheza, paixão, a incerteza e às vezes a ambição perigosa de um adolescente ainda tentando descobrir este mundo."[215] Kenneth Turan, do Los Angeles Times, deu ao filme uma revisão "mista", chamando o desempenho de Michael Keaton como o Abutre "um dos vilões mais fortes e simpatizantes de toda a série", mas criticando a direção de Jon Watts como "orquestrada de forma desigual".[216]

Por outro lado, John DeFore, do The Hollywood Reporter, achou que o filme foi "ocasionalmente excitante, mas muitas vezes frustrante".[217] Robbie Collin, do The Daily Telegraph, disse: "Um pouco do novo Homem-Aranha foi um excitantemente longo caminho em Capitão América: Guerra Civil no ano passado. Mas muito dele não vai a lugar nenhum nesta aventura solo preguiçosa e sem vida."[218] Mick LaSalle, do San Francisco Chronicle, afirmou que "o filme não abre novos caminhos". Ele também achou que as as sequências de ação não cumpriram a intenção que elas tinham de "serem emocionantes—como uma batalha épica na Balsa de Staten Island ... mas satisfaz na competência delas."[219]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Indicados Resultado Notas
2017 Teen Choice Award 2017 Revelação em um Filme Tom Holland Indicado [220]
Zendaya Indicado
Escolha de Filme do Verão Spider-Man: Homecoming Venceu
Melhor Ator do Verão Tom Holland Venceu
Melhor Atriz do Verão Zendaya Venceu

Sequências[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2016, as discussões começaram para um segundo filme, segundo Holland, descobrindo "quem será o vilão e para onde vamos" em uma possível sequência.[221] Em dezembro de 2016, após o lançamento bem-sucedido do primeiro trailer de "Homecoming", a Sony Pictures agendou a data da sequência do filme para 5 de julho de 2019.[222] Feige declarou que uma ideia adiantada que a Marvel tem é seguir o modelo da série de filmes de Harry Potter, tendo o enredo de cada filme cobrindo um novo ano letivo;[223] um possível terceiro filme sendo definido durante seu último ano.[23] As filmagens da sequência estão previstas para começarem em abril ou maio de 2018.[224]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Como retratado no filme de 2012, Os Vingadores.[3]
  2. Como retratado no filme de 2016, Capitão América: Guerra Civil.[4][5]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c «Spider-Man: Homecoming Box Office». Box Office Mojo. Consultado em 20 de novembro de 2017 
  2. a b «Spider-Man: Homecoming (2017)». The Numbers. Consultado em 2 de agosto de 2017 
  3. Vilkomerson, Sara (30 de junho de 2017). «Where does the Marvel Cinematic Universe begin? Try the beginning of time.». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 8 de julho de 2017. Cópia arquivada em 8 de julho de 2017 
  4. a b Foutch, Haleigh (3 de maio de 2016). «Kevin Feige Talks 'Captain America: Civil War', 'Spider-Man', 'Black Panther' and More» (em inglês). Collider.com. Consultado em 5 de maio de 2016. Cópia arquivada em 5 de maio de 2016 
  5. Keyes, Rob (18 de abril de 2017). «Spider-Man: Homecoming Producer Explains MCU Connections». Screen Rant (em inglês). Consultado em 18 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  6. Skipper, Ben (11 de setembro de 2015). «Spider-Man Director Jon Watts Talks Origins And Tom Holland» (em inglês). Yahoo!. Consultado em 11 de setembro de 2015. Arquivado do original em 21 de março de 2016 
  7. a b Wilding, Josh (22 de outubro de 2015). «Tom Holland Talks Spider-Man Inspiration, On Set Accident, and More» (em inglês). HeyUGuys. Consultado em 9 de novembro de 2015. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2015 
  8. Chitwood, Adam (27 de julho de 2016). «'Spider-Man: Homecoming': Tom Holland Explains How Film Shows a Different Side of Spider-Man» (em inglês). Collider. Consultado em 27 de julho de 2016. Cópia arquivada em 28 de julho de 2016 
  9. Lang, Brent (27 de março de 2017). «Tom Holland on 'Spider-Man: Homecoming,' Spinoffs, and Planning for Bathroom Breaks». Variety (em inglês). Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  10. Robinson, Will (9 de dezembro de 2016). «Tom Holland went undercover at New York high school to prep for Spider-Man». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 10 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 10 de dezembro de 2016 
  11. Siegel, Tatiana (9 de novembro de 2016). «Tom Holland Learned He Got His 'Spider-Man: Homecoming' Role From a Marvel Instagram Post». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 9 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2016 
  12. a b c d Truitt, Brian (27 de março de 2017). «Sneak peek: Michael Keaton a flying fiend as everyman 'Spider-Man' villain». USA Today (em inglês). Consultado em 27 de março de 2017. Cópia arquivada em 27 de março de 2017 
  13. a b Truitt, Brian (8 de dezembro de 2016). «Exclusive photo: Spider-Man Tom Holland unmasked in 'Homecoming'». USA Today (em inglês). Consultado em 8 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 8 de dezembro de 2016 
  14. a b c d McKittrick, Christopher (7 de julho de 2017). «No Cookie-Cutter One-Liners – Spider-Man: Homecoming» (em inglês). Creative Screenwriting. Consultado em 10 de julho de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2017 
  15. a b Riley, Janelle (11 de janeiro de 2017). «Michael Keaton on His 'Spider-Man' Villain Vulture, 'The Founder'». Variety (em inglês). Consultado em 13 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 13 de janeiro de 2017 
  16. a b Kroll, Justin (1 de setembro de 2016). «Jon Favreau to Reprise 'Iron Man' Role in 'Spider-Man: Homecoming' (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 1 de setembro de 2016. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2016 
  17. O'Connell, Sean (2 de dezembro de 2016). «How Happy Hogan Fits Into Spider-Man: Homecoming, According To Jon Favreau» (em inglês). Cinema Blend. Consultado em 3 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 3 de dezembro de 2016 
  18. Schager, Nick (24 de setembro de 2016). «Jon Favreau on Path From 'Swingers' ('I Went From Outsider to Insider') to 'Jungle Book' ('A Film You Could Only Make Now')» (em inglês). Yahoo! News. Consultado em 14 de julho de 2017. Cópia arquivada em 14 de julho de 2017 
  19. a b c Romano, Nick (24 de julho de 2016). «Spider-Man director confirms Zendaya character name». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2016. Cópia arquivada em 25 de julho de 2016 
  20. Kelley, Seth (5 de julho de 2017). «Box Office: 'Spider-Man: Homecoming' Could Sling to $100 Million-Plus Opening». Variety (em inglês). Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  21. Siegel, Tatiana (9 de novembro de 2016). «Zendaya Responds to 'Spider-Man' Casting Controversy, Mary Jane Rumors: "People Are Going to React Over Anything"». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 9 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2016 
  22. Armitage, Hugh (28 de junho de 2017). «Exclusive: Zendaya's Michelle 'doesn't need to be saved' in Spider-Man: Homecoming» (em inglês). DigitalSpy. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  23. a b c Sciretta, Peter (3 de abril de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Set Visit: Everything We Learned - Page 3» (em inglês). /Film. Consultado em 3 de abril de 2017. Cópia arquivada em 3 de abril de 2017 
  24. a b c d Crow, David (8 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming Ending – Kevin Feige Talks Some Surprises» (em inglês). Den of Geek. Consultado em 8 de julho de 2017. Cópia arquivada em 8 de julho de 2017 
  25. a b Fleming Jr., Mike (14 de junho de 2016). «Donald Glover Joins 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 14 de junho de 2016. Cópia arquivada em 14 de junho de 2016 
  26. a b Yamato, Jen (6 de julho de 2017). «How Donald Glover wound up in 'Spider-Man: Homecoming,' and what it might mean for an inclusive future». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  27. Lovett, Jamie (21 de janeiro de 2017). «Spider-Man Homecoming: Peter's Best Friend Is A Gamer» (em inglês). Comic Book. Consultado em 24 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 24 de junho de 2017 
  28. Granshaw, Lisa (28 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming's Batalon Would Love to See Ned Leeds Break Bad» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  29. a b Collura, Scott (3 de abril de 2017). «17 Things We Learned On The Set Of Spider-Man: Homecoming Page 2 of 2» (em inglês). IGN. Consultado em 3 de abril de 2017. Cópia arquivada em 4 de abril de 2017 
  30. a b c d e Truitt, Brian (24 de julho de 2016). «Comic-Con: 'Captain Marvel,' 'Black Panther' boost Marvel diversity». USA Today (em inglês). Consultado em 24 de julho de 2016. Cópia arquivada em 25 de julho de 2016 
  31. Fleming, Mike (15 de abril de 2016). «'Grand Budapest Hotel's Tony Revolori Joins 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 16 de abril de 2016. Cópia arquivada em 16 de abril de 2016 
  32. Holmes, Adam. «The Main Change Spider-Man: Homecoming Made To Flash Thompson» (em inglês). Cinema Blend. Consultado em 5 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 15 de fevereiro de 2017 
  33. Chitwood, Adam (16 de abril de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Adds Tony Revolori and Laura Harrier». Collider.com (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2016 
  34. a b c d e Strom, Marc (23 de julho de 2016). «SDCC 2016: 'Spider-Man: Homecoming' Introduces Its Villain» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 23 de julho de 2016. Cópia arquivada em 23 de julho de 2016 
  35. a b c d e Sciretta, Peter (3 de abril de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Set Visit: Everything We Learned - Page 2» (em inglês). /Film. Consultado em 3 de abril de 2017. Cópia arquivada em 3 de abril de 2017 
  36. a b Kit, Borys (23 de junho de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Finds Another Villain With 'Fargo' Actor». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 23 de junho de 2016. Cópia arquivada em 24 de junho de 2016 
  37. a b Fleming Jr., Mike (29 de junho de 2016). «Tyne Daly On The Case For 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 29 de junho de 2016. Cópia arquivada em 29 de junho de 2016 
  38. a b c Levine, Daniel S. (6 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming': Comprehensive Guide to Easter Eggs» (em inglês). Heavy.com. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  39. a b Kroll, Justin (8 de julho de 2015). «Marisa Tomei to Play Aunt May in New 'Spider-Man' Movie (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 8 de julho de 2015. Cópia arquivada em 8 de julho de 2015 
  40. a b Kroll, Justin (7 de março de 2016). «Zendaya Joins 'Spider-Man' Reboot». Variety (em inglês). Consultado em 7 de março de 2016. Cópia arquivada em 7 de março de 2016 
  41. Child, Ben (9 de julho de 2015). «Twitter backlash after 'too hot' Marisa Tomei cast as Spider-Man's Aunt May». The Guardian (em inglês). Consultado em 13 de julho de 2015. Cópia arquivada em 13 de julho de 2015 
  42. Woerner, Meredith (7 de maio de 2016). «How Spider-Man saved 'Civil War' from being too predictable». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 9 de maio de 2016. Cópia arquivada em 9 de maio de 2016 
  43. a b Kit, Borys (21 de abril de 2016). «Robert Downey Jr. Joins 'Spider-Man: Homecoming'». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 21 de abril de 2016. Cópia arquivada em 21 de abril de 2016 
  44. Jayson, Jay (11 de julho de 2016). «Tom Rothman On Why Tom Holland's Spider-Man Is The Best Incarnation» (em inglês). Comic Book. Consultado em 12 de julho de 2016. Cópia arquivada em 13 de julho de 2016 
  45. a b c Davis, Erik (28 março de 2017). «Exclusive Interview: 'Spider-Man: Homecoming' Director Jon Watts On Easter Eggs, Iron Man, John Hughes And More» (em inglês). Fandango. Consultado em 28 março de 2017. Cópia arquivada em 28 março de 2017 
  46. Acuna, Kirsten (6 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' features the return of a character we never thought we'd see again — and it's all the better for it» (em inglês). Insider. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  47. a b Lussier, Germain (5 de julho de 2017). «Yes, Jennifer Connelly Is the Voice of Spider-Man's Homecoming Suit» (em inglês). io9. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  48. a b Ehrbar, Ned (28 de março de 2017). «New 'Spider-Man: Homecoming' trailer teases Iron Man, Captain America» (em inglês). CBS News. Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  49. a b c Lincoln, Ross A. (30 de junho de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Adds Garcelle Beauvais & Tiffany Espensen; Q'orianka Kilcher Joins 'Hostiles'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 1 de julho de 2016. Cópia arquivada em 1 de julho de 2016 
  50. Caslin, Yvette (27 de junho de 2017). «Actress Garcelle Beauvais makes her franchise debut in 'Spider-Man Homecoming'» (em inglês). Rolling Out. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  51. a b c d Kit, Borys (22 de junho de 2016). «'Better Call Saul' Actor Joins 'Spider-Man: Homecoming' (Exclusive)». The Hollywood Reporter. Consultado em 22 de junho de 2016. Cópia arquivada em 22 de junho de 2016 
  52. a b Kit, Borys (16 de junho de 2016). «Logan Marshall-Green in Talks to Join Michael Keaton in 'Spider-Man: Homecoming' (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 16 de junho de 2016. Cópia arquivada em 16 de junho de 2016 
  53. a b Rosener, Ben (27 de junho de 2017). «Who's in Spider-Man: Homecoming?». FanSided (em inglês). Time Inc. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  54. a b Fleming Jr, Mike (10 de agosto de 2016). «Michael Chernus Joins 'Spider-Man: Homecoming' As The Tinkerer» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 10 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 10 de agosto de 2016 
  55. a b Busch, Anita (9 de junho de 2016). «Kenneth Choi Joins Sony/Marvel's 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 9 de junho de 2016. Cópia arquivada em 10 de junho de 2016 
  56. a b Kroll, Justin (20 de junho de 2016). «Hannibal Buress Joins 'Spider-Man: Homecoming' (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 20 de junho de 2016. Cópia arquivada em 20 de junho de 2016 
  57. a b Eisenberg, Eric (31 de agosto de 2016). «Who Hannibal Buress Is Playing In Spider-Man: Homecoming» (em inglês). Cinema Blend. Consultado em 31 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 1 de setembro de 2016 
  58. a b Fleming Jr, Mike (16 de junho de 2016). «'Silicon Valley's Martin Starr Joins 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 16 de junho de 2016. Cópia arquivada em 16 de junho de 2016 
  59. a b Verhoeven, Beatrice (12 de abril de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Actor Martin Starr Teases His Role in Superhero Reboot (Exclusive)». TheWrap (em inglês). Consultado em 16 de abril de 2017. Cópia arquivada em 16 de abril de 2017 
  60. a b Scott, Sydney (22 de junho de 2016). «'Beasts of No Nation' Star Abraham Attah Joins 'Spider-Man: Homecoming'». Essence (em inglês). Consultado em 23 de junho de 2016. Cópia arquivada em 23 de junho de 2016 
  61. Agar, Chris (15 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming May Lay Groundwork For The Jackal» (em inglês). Screen Rant. Consultado em 15 de junho de 2017. Cópia arquivada em 15 de junho de 2017 
  62. a b Damore, Megan (23 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming: Gwyneth Paltrow & Jennifer Connelly Confirmed» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 8 de julho de 2017. Cópia arquivada em 8 de julho de 2017 
  63. a b c Kit, Borys (20 de junho de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Adds Trio of Newcomers (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em Ingls). Consultado em 20 de junho de 2016. Cópia arquivada em 20 de junho de 2016 
  64. Stagnitta, Ali (23 de março de 2017). «Five Key Questions With 'Wilson' &'Spider-Man: Homecoming' StarIsabella Amara» (em inglês). Hollywood Life. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  65. a b c Smith, Andrew A. (2 de julho de 2017). «Captain Comics: Comics may predict 'Spider-Man: Homecoming' developments». Times Record (em inglês). Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  66. a b Fleming Jr., Mike (22 de junho de 2016). «'Beasts Of No Nation' Revelation Abraham Attah Joins 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 22 de junho de 2016. Cópia arquivada em 22 de junho de 2016 
  67. Boone, John (5 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Reveals There Is a Second Spider-Man Somewhere in New York City» (em inglês). KUSA. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  68. a b Ford, Rebecca (6 de julho de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Adds 'Nice Guys' Breakout Angourie Rice (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2016. Cópia arquivada em 6 de julho de 2016 
  69. Reilly, Phoebe (22 de junho de 2017). «Angourie Rice Has Roles In Two Of Summer's Most Anticipated Films». Nylon (em inglês). Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  70. a b McNary, Dave (6 de junho de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Casts 'Little Men' Star Michael Barbieri». Variety (em inglês). Consultado em 6 de junho de 2016. Cópia arquivada em 6 de junho de 2016 
  71. a b Watts, Jon (15 de junho de 2016). «What The--?! Michael Barbieri was never playing "a version of or a character based on/similar to" Ganke... Ok, back to work for reals now!!!» (em inglês). Twitter. Consultado em 15 de junho de 2015. Cópia arquivada em 16 de junho de 2016 
  72. a b Hipes, Patrick (29 de julho de 2016). «Geoff Stults Jumps Into 'Granite Mountain'; Martha Kelly Joins 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 30 de julho de 2016. Cópia arquivada em 31 de julho de 2016 
  73. Holmes, Adam (10 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming Has A Crazy Obscure Star Trek IV Easter Egg» (em inglês). CinemaBlend. Consultado em 11 de julho de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2017 
  74. Tsirbas, Christos (5 de setembro de 2016). «Stan Lee Reveals Next Three Marvel Cameos» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 5 de setembro de 2016. Cópia arquivada em 6 de setembro de 2016 
  75. Dyce, Andrew (8 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming Easter Eggs & Marvel Secrets» (em inglês). Screen Rant. Consultado em 8 de julho de 2017. Cópia arquivada em 8 de julho de 2017 
  76. a b McNary, Dave (22 de agosto de 2016). «Jona Xiao Joins 'Spider-Man: Homecoming'». Variety (em inglês). Consultado em 23 de agosto de 2016. Cópia arquivada em 23 de agosto de 2016 
  77. a b Masters, Kim (2 de novembro de 2016). «Sony Feels More 'Ghostbusters' Pain Due to Finance Partners' Exit». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 2 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 2 de novembro de 2016 
  78. Fritz, Ben (9 de dezembro de 2014). «Sony, Marvel Discussed Spider-Man Movie Crossover». The Wall Street Journal (em inglês). Consultado em 9 de dezembro de 2014. Cópia arquivada em 11 de dezembro de 2014 
  79. a b «Sony Pictures Entertainment Brings Marvel Studios Into The Amazing World Of Spider-Man» (em inglês). Marvel.com. 9 de fevereiro de 2015. Consultado em 10 de fevereiro de 2015. Cópia arquivada em 10 de fevereiro de 2015 
  80. a b Breznican, Anthony (3 de dezembro de 2015). «Spider-Man's Captain America: Civil War role revealed». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 4 de dezembro de 2015. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2015 
  81. Fritz, Ben (30 de junho de 2017). «'Spider-Man:' A $175 Million Commercial for Disney Toys». The Wall Street Journal (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2017. Cópia arquivada em 30 de junho de 2017 
  82. a b c d D'Alessandro, Anthony (9 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Still Swinging In As Sony's Second Best Domestic Opening Ever With $116M-$118M» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 9 de julho de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2017 
  83. a b Bibbiani, William (11 de abril de 2015). «Exclusive: Marvel's Spider-Man Reboot is NOT an Origin Story» (em inglês). CraveOnline. Consultado em 11 de abril de 2015. Cópia arquivada em 11 de abril de 2015 
  84. Chitwood, Adam (10 de fevereiro de 2015). «Details of the Sony/Marvel SPIDER-MAN Deal Revealed; Looking to Cast Younger Actor» (em inglês). Collider. Consultado em 10 de fevereiro de 2015. Cópia arquivada em 10 de fevereiro de 2015 
  85. Kit, Borys (9 de fevereiro de 2015). «'Spider-Man' Swings to Marvel Studios in Major Sony Partnership». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 10 de fevereiro de 2015 
  86. Graser, Marc (10 de fevereiro de 2015). «The Next 'Spider-Man' Will Go Back to High School». Variety (em inglês). Consultado em 5 de março de 2015 
  87. Fleming Jr, Mike (2 de março de 2015). «Drew Goddard Meeting To Script, Helm New 'Spider-Man'» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 2 de março de 2015 
  88. Kit, Borys (2 de março de 2015). «'Spider-Man' Reboot Circling Director Drew Goddard». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 2 de março de 2015 
  89. O'Connell, Sean (13 de setembro de 2015). «Why Drew Goddard Isn't Directing Marvel And Sony's New Spider-Man Movie» (em inglês). Cinema Blend. Consultado em 14 de setembro de 2015. Cópia arquivada em 14 de setembro de 2015 
  90. Chitwood, Adam (11 de abril de 2015). «SPIDER-MAN: Kevin Feige Confirms Peter Parker; Talks High School Spidey» (em inglês). Collider. Consultado em 11 de abril de 2015. Cópia arquivada em 11 de abril de 2015 
  91. a b c d Sciretta, Peter (3 de abril de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Set Visit: Everything We Learned» (em inglês). /Film. Consultado em 3 de abril de 2017. Cópia arquivada em 3 de abril de 2017 
  92. a b c d Singer, Matt (5 de julho de 2017). «Jon Watts On 'Spider-Man: Homecoming' And Whether His Spider-Man Has An Uncle Ben» (em inglês). Screen Crush. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  93. Sneider, Jeff (22 de abril de 2015). «'Spider-Man' Shortlist Includes 'Paper Towns' Star Nat Wolff, 'Hugo's' Asa Butterfield (Exclusive)» (em inglês). TheWrap. Consultado em 23 de abril de 2015. Cópia arquivada em 23 de abril de 2015 
  94. Chitwood, Adam (1 de maio de 2015). «Spider-Man Finalists Reportedly Down to Tom Holland and Asa Butterfield» (em inglês). Collider. Consultado em 1 de maio de 2015. Cópia arquivada em 5 de maio de 2015 
  95. Fleming Jr., Mike (5 de maio de 2015). «Spider-Man Movie: Sony and Marvel Spin Web Of Directors For New Franchise» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 5 de maio de 2015. Cópia arquivada em 5 de maio de 2015 
  96. a b Kit, Borys; Siegel, Tatiana (23 de junho de 2015). «Robert Downey Jr. and Secret Screen-Tests: How the New 'Spider-Man' Team Was Chosen». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 25 de junho de 2015. Cópia arquivada em 25 de junho de 2015 
  97. a b Kit, Borys (30 de maio de 2015). «Spider-Man Hopefuls Screen-Test in Atlanta as Marvel Decision Nears (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 30 de maio de 2015. Cópia arquivada em 23 de junho de 2015 
  98. Fleming Jr., Mike (2 de junho de 2015). «'Spider-Man' Director Short List Topped By Ted Melfi & Jonathan Levine» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 2 de junho de 2015. Cópia arquivada em 2 de junho de 2015 
  99. a b c «Sony Pictures and Marvel Studios Find Their 'Spider-Man' Star and Director» (em inglês). Marvel.com. 23 de junho de 2015. Consultado em 23 de junho de 2015. Cópia arquivada em 24 de junho de 2015 
  100. a b Schager, Nick (17 de junho de 2016). «Jon Watts on His Bizarre Journey From The Onion to 'Spider-Man: Homecoming'». The Daily Beast (em inglês). Consultado em 17 de junho de 2016. Cópia arquivada em 17 de junho de 2016 
  101. Lussier, Germain (29 de junho de 2017). «How Spider-Man: Homecoming Balanced Peter Parker's Legacy and Tony Stark's Influence». io9 (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2017. Cópia arquivada em 30 de junho de 2017 
  102. Faraci, Devin (28 de junho de 2015). «Kevin Feige: Next Spider-Man Will Have New Villains, John Hughes Vibe». Birth. Movies. Death. (em inglês). Consultado em 28 de junho de 2015. Cópia arquivada em 29 de junho de 2015 
  103. Fleming Jr., Mike (16 de julho de 2015). «'Spider-Man' Reboot Finds Its Writers: 'Vacation' Duo In Talks» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 16 de julho de 2015. Cópia arquivada em 17 de julho de 2015 
  104. Couch, Aaron (7 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Writers Had Just 3 Days to Win Over Marvel». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 13 de julho de 2017. Cópia arquivada em 13 de julho de 2017 
  105. «Back To Walley World: The Griswolds Go On 'Vacation' Again» (em inglês). NPR. 25 de julho de 2015. Consultado em 26 de julho de 2015. Cópia arquivada em 26 de julho de 2015 
  106. a b c Couch, Aaron (9 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Writers on the Scene That Redefines the Movie». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 13 de julho de 2017. Cópia arquivada em 13 de julho de 2017 
  107. a b c d e f Leane, Rob (4 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming - director Jon Watts interview». Den of Geek (em inglês). Consultado em 11 de julho de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2017 
  108. Caranicas, Peter (11 de dezembro de 2015). «Artisans Booked on 'Fifty Shades Darker,' 'Mr. Robot,' 'Divorce' and 'Furious 8'». Variety (em inglês). Consultado em 3 de janeiro de 2016. Cópia arquivada em 3 de janeiro de 2016 
  109. a b c Ford, Rebecca (20 de janeiro de 2016). «'Jumanji' Release Date Pushed, 'Spider-Man' Shifts Up». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 20 de janeiro de 2016. Cópia arquivada em 20 de janeiro de 2016 
  110. a b Osborn, Alex (26 de janeiro de 2016). «Spider-Man Reboot Will Be Released In IMAX» (em inglês). IGN. Consultado em 26 de janeiro de 2016. Cópia arquivada em 26 de janeiro de 2016 
  111. Fleming Jr., Mike (7 de março de 2016). «Zendaya Lands A Lead In Spider-Man Reboot At Sony And Marvel Studios» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 7 de março de 2016. Cópia arquivada em 7 de março de 2016 
  112. Breznican, Anthony (8 de abril de 2016). «Marvel Studios characters will join Spider-Man standalone movie». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 8 de abril de 2016. Cópia arquivada em 8 de abril de 2016 
  113. Chitwood, Adam (12 de abril de 2016). «'Spider-Man' Reboot: Kevin Feige Says Marvel Are the "Creative Producers" on the Film» (em inglês). Collider.com. Consultado em 12 de abril de 2016. Cópia arquivada em 12 de abril de 2016 
  114. Galloway, Stephen (23 de junho de 2016). «Tom Rothman on 'Spider-Man' Plans and Loving 'Ghostbusters' Trolls: "Can We Please Get Some More Haters to Say Stupid Things?"». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 23 de junho de 2016. Cópia arquivada em 23 de junho de 2016 
  115. Lang, Brett (12 de abril de 2016). «'Spider-Man' Movie Gets Official Title». Variety (em inglês). Consultado em 13 de abril de 2016. Cópia arquivada em 13 de abril de 2016 
  116. a b Siegel, Lucas (13 de abril de 2016). «Marvel and Sony's Spider-Man Reboot is Officially Spider-Man: Homecoming» (em inglês). Comicbook.com. Consultado em 13 de abril de 2016. Cópia arquivada em 13 de abril de 2016 
  117. Sneider, Jeff (15 de abril de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' Casts Laura Harrier From 'One Life to Live' (Exclusive)». The Wrap (em inglês). Consultado em 15 de abril de 2016. Cópia arquivada em 16 de abril de 2016 
  118. Kroll, Justin (15 de abril de 2016). «Tony Revolori and Laura Harrier Join 'Spider-Man: Homecoming'». Variety (em inglês). Consultado em 16 de junho de 2016. Cópia arquivada em 16 de junho de 2016 
  119. Cavanaugh, Patrick (21 de abril de 2016). «Robert Downey Jr. Joins the Cast of Marvel's 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Marvel.com. Consultado em 27 de abril de 2016. Cópia arquivada em 27 de abril de 2016 
  120. Kroll, Justin (13 de abril de 2016). «Michael Keaton Eyed to Play Villain in 'Spider-Man: Homecoming' (EXCLUSIVE)». Variety (em inglês). Consultado em 13 de abril de 2016. Cópia arquivada em 13 de abril de 2016 
  121. Hipes, Patrick; Fleming Jr., Mike (21 de abril de 2016). «'Spider-Man' Reboot Loses One Superhero But Gains Another» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 21 de abril de 2016. Cópia arquivada em 21 de abril de 2016 
  122. a b Puchko, Kristy (3 de abril de 2017). «Michael Keaton Looked To Fangirls When Researching His Spider-Man: Homecoming Villain» (em inglês). Nerdist Industries. Consultado em 4 de abril de 2017. Cópia arquivada em 4 de abril de 2017 
  123. a b Hipes, Patrick (20 de maio de 2016). «Michael Keaton Joins 'Spider-Man: Homecoming' After All – Is He The Vulture?; 'Thor: Ragnarok' Beefs Up Cast» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 20 de maio de 2016. Cópia arquivada em 20 de maio de 2016 
  124. Collura, Scott (3 de abril de 2017). «Spider-Man's Costume: Even More Tech Secrets Revealed» (em inglês). IGN. Consultado em 3 de abril de 2017. Cópia arquivada em 3 de abril de 2017 
  125. Coggan, Devan (20 de junho de 2016). «Chris Pratt, Tom Holland cross paths as Spider-Man: Homecoming starts filming». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 20 de junho de 2016. Cópia arquivada em 21 de junho de 2016 
  126. Leslie, Jennifer (5 de maio de 2016). «"Captain America: Civil War" was shot in, around Atlanta» (em inglês). WXIA-TV. Consultado em 5 de maio de 2016. Cópia arquivada em 5 de maio de 2016 
  127. Jayson, Jay (13 de maio de 2016). «Spider-Man: Homecoming Now Casting High School Extras» (em inglês). Comic Book. Consultado em 14 de maio de 2016. Cópia arquivada em 14 de maio de 2016 
  128. Seymour, Mike (1 de novembro de 2016). «Salvatore Totino shoots Inferno on ALEXA XT+Codex» (em inglês). Fxguide. Consultado em 25 de março de 2017. Cópia arquivada em 25 de março de 2017 
  129. Walljasper, Matt (22 de junho de 2016). «What's filming in Atlanta now? Spider-Man: Homecoming, Fast 8, and Georgia's new movie milestone». Atlanta (em inglês). Consultado em 24 de junho de 2016. Cópia arquivada em 24 de junho de 2016 
  130. Brett, Jennifer (1 de setembro de 2016). «"Spider-Man" films right next to where "Captain America" did». Atlanta Journal-Constitution (em inglês). Consultado em 1 de setembro de 2016. Arquivado do original em 2 de setembro de 2016 
  131. Watters, Bill (8 de dezembro de 2016). «[Update] Spider-Man: Homecoming's Domestic as well as International Trailers Are Here!!» (em inglês). Bleeding Cool. Consultado em 11 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 11 de dezembro de 2016 
  132. Brett, Jennifer (5 de julho de 2017). «Behind the scenes on the set of "Spider-Man: Homecoming"» (em inglês). Atlanta Journal-Constitution. Consultado em 5 de julho de 2017. Cópia arquivada em 6 de julho de 2017 
  133. Douglas, Edward (28 de novembro de 2015). «Exclusive: Tom Holland Reveals an Interesting Spider-Man Tidbit» (em inglês). SuperHeroHype.com. Consultado em 28 de novembro de 2015. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2015 
  134. Arrant, Chris (25 de julho de 2016). «Confirmed: Flash Thompson, Liz Allan, Ned Leeds Actors For Spider-Man: Homecoming, While Zendaya Still Mum» (em inglês). Newsarama. Consultado em 26 de julho de 2016. Cópia arquivada em 26 de julho de 2016 
  135. Burlingame, Russ (23 de setembro de 2016). «Spider-Man: Homecoming - Cast Wraps Filming In Atlanta» (em inglês). Comicbook.com. Consultado em 23 de setembro de 2016. Cópia arquivada em 23 de setembro de 2016 
  136. Bord, Christine (21 de setembro de 2016). «'Spider-Man: Homecoming' is filming in NYC next week» (em inglês). On Location Vacations. Consultado em 23 de setembro de 2016. Cópia arquivada em 22 de setembro de 2016 
  137. Bord, Christine (23 de setembro de 2016). «More 'Spider-Man: Homecoming' filming locations in NYC this weekend». On Location Vacations. Consultado em 26 de setembro de 2016. Cópia arquivada em 25 de setembro de 2016 
  138. Tyron Woodley on why he won't be playing a Spider-Man villain (Notas de mídia) (em inglês). Fox Sports. 22 de setembro de 2016. Em cena em 5:27. Consultado em 26 de setembro de 2016 
  139. Peters, Megan (2 de outubro de 2016). «Tom Holland Shares Photo From Spider-Man: Homecoming's Last Day Of Filming» (em inglês). Comicbook.com. Consultado em 2 de outubro de 2016. Arquivado do original em 3 de outubro de 2016 
  140. Anisiobi, John James (11 de outubro de 2016). «Spider-Man Homecoming actor Tom Holland impresses as he performs his own stunts on a moving double decker bus». Daily Mirror (em inglês). Consultado em 11 de outubro de 2016. Arquivado do original em 11 de outubro de 2016 
  141. Daniell, Mark (2 de novembro de 2016). «Marvel's Kevin Feige on 'Doctor Strange', replacing Downey and the blueprint for the MCU». Toronto Sun (em inglês). Consultado em 9 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2016 
  142. Gallagher, Brian (8 de dezembro de 2016). «Shocker Revealed in Spider-Man: Homecoming International Trailer» (em inglês). MovieWeb. Consultado em 9 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 9 de dezembro de 2016 
  143. Sobon, Nicole (13 de março de 2017). «Spider-Man: Homecoming Reshoots Officially Underway» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 13 de março de 2017. Cópia arquivada em 14 de março de 2017 
  144. Freeman, Molly (26 de junho de 2017). «Spider-Man: 'So Many More' Captain America PSAs Didn't Make the Cut» (em inglês). Screen Rant. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  145. Russell, Bradley (19 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming will have multiple post-credits scenes "worth sticking around for" says director» (em inglês). GamesRadar. Consultado em 19 de junho de 2017. Cópia arquivada em 20 de junho de 2017 
  146. Vilkomerson, Sara (7 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming post-credits scenes explained». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2017. Cópia arquivada em 14 de julho de 2017 
  147. Santos, Danny F. (26 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming Post-Credits Scene #2 Was Last-Minute Addition» (em inglês). Screen Rant. Consultado em 14 de julho de 2017. Cópia arquivada em 14 de julho de 2017 
  148. Lussier, Germain (18 de abril de 2017). «Marvel Studios Gave Us a Peek at Every Movie It Has in the Works» (em inglês). io9. Consultado em 19 de abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2017 
  149. Davis, Erik (7 de julho de 2017). «Kevin Feige and Jon Watts Address That Amazing Moment in 'Spider-Man: Homecoming'» (em inglês). Fandango. Consultado em 14 de julho de 2017. Cópia arquivada em 14 de julho de 2017 
  150. O'Connel, Sean (7 de julho de 2017). «Spider-Man's Shocking Final Scene: Why Marvel Did What They Did» (em inglês). Cinema Blend. Consultado em 14 de julho de 2017. Cópia arquivada em 14 de julho de 2017 
  151. «Kevin Feige and Jon Watts Address That Amazing Moment in 'Spider-Man: Homecoming' | Fandango». Fandango. 7 de julho de 2017 
  152. Frei, Vincent (24 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming» (em inglês). Art of VFX. Consultado em 13 de julho de 2017. Cópia arquivada em 23 de julho de 2017 
  153. «Spider-Man: by Sea and by Air». fxguide (em inglês). 16 de julho de 2017 
  154. a b «SIGGRAPH: 'Guardians 2,' 'Spider-Man' Secrets Revealed by Marvel VFX Teams». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  155. «Spider-Man: by Sea and by Air». fxguide (em inglês). 16 de julho de 2017 
  156. «Toughest effect in 'Spider-Man: Homecoming': Tony Stark's hair». CNET (em inglês) 
  157. «Spider-Man: Homecoming's Iron Spider Suit Was Created For Infinity War». CBR (em inglês). 27 de julho de 2017 
  158. Elderkin, Beth (6 de novembro de 2016). «Michael Giacchino Confirms He's Scoring Spider-Man: Homecoming» (em inglês). io9. Consultado em 7 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 7 de novembro de 2016 
  159. m_giacchino (11 de abril de 2017). «Spider-Man recording begins TODAY. Alex Acuna and @walterdrums on the strangest kit you've ever seen...» (Tweet) (em inglês). Consultado em 11 de abril de 2017. Cópia arquivada em 11 de abril de 2017 – via Twitter 
  160. «'Spider-Man: Homecoming' Soundtrack Details» (em inglês). Film Music Reporter. 22 de maio de 2017. Consultado em 27 de maio de 2017. Cópia arquivada em 27 de maio de 2017 
  161. Busch, Jenna (28 de junho de 2017). «Watch the Spider-Man: Homecoming Premiere Livestream!» (em inglês). ComingSoon.net. Consultado em 28 de junho de 2017. Cópia arquivada em 29 de junho de 2017 
  162. Babbage, Rachel (22 de maio de 2017). «Spider-Man: Homecoming is swinging into UK cinemas earlier than expected». Digital Spy (em inglês). Consultado em 23 de maio de 2017. Cópia arquivada em 23 de maio de 2017 
  163. Tartaglione, Nancy (28 de março de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Trailer: More Action, More Iron Man & Much More Vulture» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  164. a b D'Alessandro, Anthony; Tartaglione, Nancy (5 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Looks To Catch Between $190M-$210M In Its Worldwide Weekend Web – B.O. Update» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  165. Ching, Albert (23 de julho de 2016). «SDCC: Marvel Studios Reveals Latest Phase 3 Secrets» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 24 de julho de 2016. Cópia arquivada em 24 de julho de 2016 
  166. Marcelo Hessel (27 de outubro de 2016). «CCXP 2016 - Sony vai trazer Spider-Man: Homecoming à convenção e mais». Omelete. Consultado em 14 de julho de 2017 
  167. Peters, Megan (28 de outubro de 2015). «Sony & Marvel Bringing Spider-Man: Homecoming To Brazil Convention» (em inglês). Comic Book. Consultado em 28 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 29 de outubro de 2016 
  168. Whitbrook, James (7 de dezembro de 2016). «Spider-Man Takes Flight In The First, Tiny Glimpse at Spider-Man: Homecoming» (em inglês). io9. Consultado em 7 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 7 de dezembro de 2016 
  169. a b c d e Tartaglione, Nancy (11 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming' Suits Up With $140M+ Overseas; 'Despicable 3' Nabs China Records – International Box Office» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 11 de julho de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2017 
  170. Coggan, Devan (28 de março de 2017). «Peter Parker suits up in new Spider-Man: Homecoming trailer». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 28 de março de 2017. Cópia arquivada em 28 de março de 2017 
  171. DiChristopher, Tom (1 de abril de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' trailer trounces latest look at 'Justice League' on social media» (em inglês). CNBC. Consultado em 2 de abril de 2017. Arquivado do original em 2 de abril de 2017 
  172. N'Duka, Amanda (7 de maio de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Clip: "You're the Spider-Man from YouTube!"» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 8 de maio de 2017. Cópia arquivada em 8 de maio de 2017 
  173. a b Evry, Max (24 de maio de 2017). «New Spider-Man: Homecoming Trailer Swings Onto the Web» (em inglês). ComingSoon.net. Consultado em 24 de maio de 2017. Cópia arquivada em 24 de maio de 2017 
  174. McNary, Dave (30 de maio de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Swings to Top of Social Media Buzz». Variety (em inglês). Consultado em 31 de maio de 2017. Cópia arquivada em 31 de maio de 2017 
  175. McNary, Dave (5 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Soars to New Heights on Social Media». Variety (em inglês). Consultado em 12 de junho de 2017. Cópia arquivada em 12 de junho de 2017 
  176. Breznican, Anthony (9 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming promo: Webslinger concludes his NBA Finals party quest». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 10 de junho de 2017. Cópia arquivada em 10 de junho de 2017 
  177. Arvedon, Jon (1 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming Cafe Opens in Tokyo Ahead of Film Release» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 2 de junho de 2017. Cópia arquivada em 2 de junho de 2017 
  178. McNary, Dave (12 de junho de 2017). «'Black Panther' Climbs to Top of Social Media Chart With First Trailer». Variety (em inglês). Consultado em 17 de junho de 2017. Cópia arquivada em 17 de junho de 2017 
  179. McNary, Dave (19 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Dominates Social Media». Variety (em inglês). Consultado em 19 de junho de 2017. Cópia arquivada em 20 de junho de 2017 
  180. McNary, Dave (26 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Continues to Dominate Social Media». Variety (em inglês). Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  181. McGloin, Matt (13 de junho de 2017). «There's A Spider-Man: Homecoming App» (em inglês). Cosmic Book News. Consultado em 17 de junho de 2017. Cópia arquivada em 17 de junho de 2017 
  182. Dolloff, Matt (14 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming Arcade Game Exclusive to Dave & Buster's» (em inglês). Screen Rant. Consultado em 19 de junho de 2017. Cópia arquivada em 20 de junho de 2017 
  183. Holmes, Adam (1 de novembro de 2016). «Marvel Planning A Prequel Comic To Lead Fans Into Spider-Man: Homecoming» (em inglês). Cinema Blend. Consultado em 10 de novembro de 2016. Cópia arquivada em 10 de novembro de 2016 
  184. Nyren, Erin (28 de junho de 2017). «Spider-Man Freaks Out Starbucks Customers in Prank Video (Watch)». Variety (em inglês). Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  185. Sobon, Nicole (28 de junho de 2017). «Spider-Man: Homecoming: New App Lets You Hang Out With Spidey» (em inglês). Comic Book Resources. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  186. Roettgers, Janko (16 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Gets A VR Experience: Watch the Trailer». Variety (em inglês). Consultado em 17 de junho de 2017. Cópia arquivada em 17 de junho de 2017 
  187. McNary, Dave (26 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Dominates Social Media for Third Consecutive Week». Variety (em inglês). Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de julho de 2017 
  188. Gettell, Oliver (23 de maio de 2017). «Wonder Woman tops Fandango survey of most anticipated summer movies». Entertainment Weekly (em inglês). Consultado em 24 de maio de 2017. Cópia arquivada em 24 de maio de 2017 
  189. Fuster, Jeremy; Verhoeven, Beatrice (11 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming': How Big Box Office Debut Still Trailed Tobey Maguire's Original» (em inglês). TheWrap. Consultado em 12 de julho de 2017. Cópia arquivada em 12 de julho de 2017 
  190. «Spider-Man: Homecoming Has Passed Both Amazing Spider-Man Movies At Domestic Box Office». Marvel. Consultado em 14 de setembro de 2017 
  191. Marafon, Renato. «'Homem-Aranha: De Volta ao Lar' ultrapassa bilheteria de 'O Espetacular Homem-Aranha' | CinePOP». cinepop.com.br. Consultado em 14 de setembro de 2017 
  192. D'Alessandro, Anthony (23 de julho de 2017). «'Dunkirk' Takes Warner Bros Past $1B; 'Girls Trip' Record Opening For Malcolm D. Lee; Reasons Why 'Valerian' Crashed». Deadline (em inglês) 
  193. D'Alessandro, Anthony (7 de agosto de 2017). «'The Dark Tower' Takes No. 1 With $19.1M During Sluggish Summer Weekend – Monday Final». Deadline (em inglês) 
  194. D'Alessandro, Anthony (13 de agosto de 2017). «New Line's Dollhouse Of Dough: 'Annabelle: Creation' Opening To $35M – Sunday Update». Deadline (em inglês) 
  195. D'Alessandro, Anthony (20 de agosto de 2017). «'Hitman's Bodyguard' Flexes Muscle With $21M+ During The Lowest-Grossing Weekend Of 2017 To Date – Sunday AM». Deadline (em inglês) 
  196. D'Alessandro, Anthony (28 de agosto de 2017). «Don't Blame Hurricane Harvey & Showtime Fight For Weekend's Lousy Box Office: Distribs Served Up Lackluster Titles». Deadline (em inglês) 
  197. D'Alessandro, Anthony (4 de setembro de 2017). «Labor Day The Worst Since The Late '90s As 'Hitman's Bodyguard' Holds No. 1 For 3rd Weekend With $13M+ – Monday Update». Deadline (em inglês) 
  198. D'Alessandro, Anita Busch,Anthony (11 de setembro de 2017). «Crazed Clown Cashes In, Smashes September Genre Records As Stephen King's 'It' Pulls In $123.4M — Final Box Office». Deadline (em inglês) 
  199. D'Alessandro, Anthony (4 de setembro de 2017). «Labor Day The Worst Since The Late '90s As 'Hitman's Bodyguard' Holds No. 1 For 3rd Weekend With $13M+ – Monday Update». Deadline (em inglês) 
  200. «Long Range Forecast: Will 'Spider-Man: Homecoming' Benefit from the Marvel Bump? - BoxOffice Pro». BoxOffice Pro (em inglês). 12 de maio de 2017 
  201. Tartaglione, Nancy (7 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Snares $25M+ Through Thursday – International Box Office» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 7 de julho de 2017. Cópia arquivada em 9 de julho de 2017 
  202. Tartaglione, Nancy (7 de julho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Snares $25M+ Through Thursday – International Box Office». Deadline (em inglês) 
  203. Tartaglione, Nancy (18 de julho de 2017). «'War For The Planet Of The Apes' Marshals $44.2M In Bow; 'Spider-Man' Rises To $260M Overseas – International Box Office Final». Deadline (em inglês) 
  204. Busch, Anita (23 de julho de 2017). «'Dunkirk' Takes Box Office By Storm With $55.4M No. 1 Spot For $105M+ Global Opening; 'Valerian' $23.5M Start – Int'l Box Office». Deadline (em inglês) 
  205. Tartaglione, Nancy (1 de agosto de 2017). «'Dunkirk' Charts $131.5M Offshore; 'Wolf' Devours China; 'Despicable 3' Tops $822M WW + 'Valerian's French Bread – Intl BO». Deadline (em inglês) 
  206. Tartaglione, Nancy (16 de agosto de 2017). «'Wolf' Whistles To $685M; 'Annabelle' Conjures $35M+; 'Spider-Man' Leaps Past $700M WW – International Box Office». Deadline (em inglês) 
  207. Tartaglione, Nancy (8 de setembro de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Swings Into China With $21.6M Opening Day». Deadline (em inglês) 
  208. Busch, Anita (11 de setembro de 2017). «'It' Breaks Genre Records With $66.3M Debut, Spider-Man Swings Past $800M WW – Int'l Box Office». Deadline (em inglês) 
  209. Tartaglione, Nancy (8 de agosto de 2017). «China's 'Wolf' Leads Pack; 'Dunkirk' Channels $314M WW; 'Valerian' Crosses $50M Overseas – International Box Office». Deadline (em inglês) 
  210. «Spider-Man: Homecoming (2017)». Rotten Tomatoes. Consultado em 14 de julho de 2017 
  211. «Spider-Man: Homecoming». Metacritic. Consultado em 7 de julho de 2017 
  212. Gleiberman, Owen (29 de junho de 2017). «Film Review: 'Spider-Man: Homecoming'». Variety (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2017. Cópia arquivada em 29 de junho de 2017 
  213. Ryan, Mike (29 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming' Is Truly Spectacular». Uproxx (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2017. Cópia arquivada em 30 de junho de 2017 
  214. Dargis, Manohla (28 de junho de 2017). «Review: Spider-Man (Again) and All That Sticky Kid Stuff». The New York Times (em inglês). Consultado em 30 de junho de 2017. Cópia arquivada em 30 de junho de 2017 
  215. Roeper, Richard (3 de julho de 2017). «Unique 'Spider-Man: Homecoming' explores school as much as skies». Chicago Sun-Times (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2017. Cópia arquivada em 6 de julho de 2017 
  216. Turan, Kenneth (5 de julho de 2017). «Review 'Spider-Man: Homecoming' trips on the teen angst, but Michael Keaton's Vulture soars». Los Angeles Times (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2017. Cópia arquivada em 6 de julho de 2017 
  217. DeFore, John (29 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming': Film Review». The Hollywood Reporter (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2017. Cópia arquivada em 29 de junho de 2017 
  218. Collin, Robbie (5 de julho de 2017). «Spider-Man: Homecoming review: the web-slinger's gizmo-heavy John Hughes homage is too cobwebby for comfort». The Daily Telegraph (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2017. Cópia arquivada em 6 de julho de 2017 
  219. LaSalle, Mick (3 de julho de 2017). «Once more without feeling — another 'Spider-Man' movie». San Francisco Chronicle (em inglês). Consultado em 6 de julho de 2017. Cópia arquivada em 6 de julho de 2017 
  220. «Choice Summer TV Show - Teen Choice Awards: Complete Winners List». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  221. Nordstrom, Leigh (16 de outubro de 2016). «Robert Pattinson, Sienna Miller Talk 'The Lost City of Z'». Women's Wear Daily (em inglês). Consultado em 16 de outubro de 2016. Cópia arquivada em 16 de outubro de 2016 
  222. D'Alessandro, Anthony (9 de dezembro de 2016). «'Spider-Man: Homecoming 2' Shoots Web Around Independence Day 2019 Frame; 'Bad Boys 4' Moves To Memorial Day» (em inglês). Deadline.com. Consultado em 9 de dezembro de 2016. Cópia arquivada em 9 de dezembro de 2016 
  223. Chitwood, Adam (27 de julho de 2016). «Kevin Feige Says 'Spider-Man' Sequels Could Follow the 'Harry Potter' Format» (em inglês). Collider.com. Consultado em 27 de julho de 2016. Cópia arquivada em 27 de julho de 2016 
  224. Chitwood, Adam (26 de junho de 2017). «'Spider-Man: Homecoming 2' Filming Dates, Title Details Revealed» (em inglês). Collider. Consultado em 26 de junho de 2017. Cópia arquivada em 26 de junho de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Spider-Man: Homecoming