CPFL Energia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Companhia Paulista de Força e Luz
CPFL Energia S.A.
Tipo Empresa de capital aberto
Cotação BM&F Bovespa: CPFE3
NYSECPL
Indústria Energia
Fundação 16 de novembro de 1912 (101 anos)
Sede Campinas, SP,  Brasil
Pessoas-chave Wilson Ferreira Júnior, (CEO)
Empregados 7.119
Produtos Geração e distribuição de energia elétrica
Subsidiárias CPFL Renováveis
Valor
de mercado
Aumento R$ 20,246 bilhões (Jul/2014)[1]
Lucro Baixa R$ 949 milhões (2013)
Faturamento Baixa R$ 19,339 bilhões (2013)[2]
Página oficial www.cpfl.com.br/

Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL), é uma empresa de distribuição de energia do interior de São Paulo, com sede em Campinas.

História[editar | editar código-fonte]

Sede da CPFL em Campinas.

A CPFL foi fundada por José Balbino de Siqueira e Manfredo Antônio da Costa, dois engenheiros da Escola Politécnica da USP que, acreditando no potencial de um país que começava a se industrializar e ganhar contornos urbanos, foram os grandes responsáveis por consolidar as empresas que forneciam energia para as cidades de Botucatu, São Manoel e Dois Córregos. Nascia, assim, em 16 de novembro de 1912, a Companhia Paulista de Força e Luz a partir da fusão de quatro companhias. Em 1927, a empresa passou do controle privado nacional ao controle estrangeiro através da venda à empresa American & Foreign Power, pertencente a uma subsidiária da General Electric, permanecendo sob seu controle até 1964, quando foi estatizada e encampada pela Eletrobrás.

Em 1973 a CPFL adquiriu a empresa privada do município de São Carlos e Descalvado, à CPE (Companhia Paulista de Eletricidade), que era uma das mais antigas empresas de eletricidade do Brasil. Fundada em 1890, inaugurou a primeira hidrelétrica do estado de São Paulo, a usina de Monjolinho, em julho de 1893.[3] .

Em 1975, teve o controle acionário repassado à CESP (Companhia Energética de São Paulo), pertencente ao governo de São Paulo. A empresa se manteve sob controle estatal até novembro de 1997, quando foi privatizada e repassada ao atual controlador, o Grupo VBC (Grupo Votorantim, Bradesco e Camargo Correa), além de fundos de pensão, tais como a Previ e a Bonaire Participações (que reúne (Funcesp, Sistel, Petros e Sabesprev).[4] A partir dessa privatização houve desmembramentos das regionais e novas regionais foram criadas para melhor redimensionamento e atendimento a população.

Atuação[editar | editar código-fonte]

No momento, a CPFL atua em 569 municípios, numa área de 208.300 km², nos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Paraná e Minas Gerais, numa área que atende aproximadamente 18,7 milhões de habitantes.

Empresas Coligadas[editar | editar código-fonte]

Nome Oficial Nome Principais Municípios Qtde. municípios Estado(s) Consumidores
Companhia Paulista de Força e Luz CPFL Paulista Campinas, Americana, Santa Bárbara d'Oeste, Piracicaba, São Carlos, Araraquara, Jaú, Bauru, Marília, Ribeirão Preto, Franca, Araçatuba e São José do Rio Preto 234 SP 3.400.000
Companhia Piratininga de Força e Luz CPFL Piratininga Santos, Sorocaba, Jundiaí e Indaiatuba 27 SP 1.300.000
Rio Grande Energia S.A. RGE Caxias do Sul, Passo Fundo, Erechim, Vacaria 262 RS 1.200.000
Companhia Luz e Força Santa Cruz CPFL Santa Cruz Ourinhos, Avaré, Itaí e Jacarezinho 27 SP(24), PR(3) 188.937
Companhia Jaguari de Energia CPFL Jaguari Jaguariúna e Pedreira 2 SP 30.000
Companhia Paulista de Energia Elétrica CPFL Leste Paulista São José do Rio Pardo e Casa Branca 7 SP 48.000
Companhia Sul Paulista de Energia CPFL Sul Paulista Itapetininga 5 SP 66.000
Companhia Mococa de Energia Elétrica CPFL Mococa Mococa, Monte Santo de Minas 4 MG(3), SP(1) 38.000

Geração de energia[editar | editar código-fonte]

A "CPFL Geração" possui 8 (oito) Usinas Hidrelétricas (UHEs) (seis estão em operação e duas em construção), 33 (trinta e três) Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) e 1 (uma) Usina Termelétrica (UTE). No total, alcançam uma potência instalada de 1.672MW.

Algumas usinas

Outras áreas[editar | editar código-fonte]

Cultura[editar | editar código-fonte]

O braço da empresa que financia projetos culturais é a CPFL Cultura.

Participação em bolsa[editar | editar código-fonte]

A CPFL está presente na IBOVESPA e na NYSE.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]