Cravolândia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Cravolândia
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 08 de dezembro
Fundação 08 de dezembro de 1962 (Emancipação Política)
Gentílico cravolandense
Prefeito(a) Naelson de Souza Lemos (PT)
(2013–2016)
Localização
Localização de Cravolândia
Localização de Cravolândia na Bahia
Cravolândia está localizado em: Brasil
Cravolândia
Localização de Cravolândia no Brasil
13° 21' 32" S 39° 48' 54" O13° 21' 32" S 39° 48' 54" O
Unidade federativa  Bahia
Mesorregião Centro-Sul Baiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Jequié IBGE/2008 [1]
Distância até a capital 300 km km
Características geográficas
Área 159,645 km² [2]
População 5 042 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 31,58 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,599 baixo PNUD/2010[4]
PIB R$ 18 676,906 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 3 305,06 IBGE/2008[5]
Página oficial

Cravolândia é um município brasileiro do estado da Bahia. Sua população estimada em 2004 era de 5.145 habitantes.

Localizada na região do Caminhos de Jiquiriçá, entre os municípios de Santa Inês e Itaquara, Cravolândia foi emancipada em 1962 e sua história está diretamente ligada ao cultivo do Café Cravo, nos anos 50 do século passado. Produto de exportação, da fazenda Palestina, de propriedade do deputado estadual e empresário, Mário Cravo, pai do escultor Mário Cravo Filho e avô do fotógrafo Mário Cravo Neto, famosos por retratar a Bahia em suas obras. O nome Cravolândia é uma homenagem ao empresário, Mário Cravo, que também foi o primeiro prefeito da cidade. Antes, a localidade era conhecida como “ Olhos D´Água do Carrasco”, nome que foi provavelmente colocado pelos tropeiros que paravam para beber água, negada pelo dono da área e “ Igatiquira”, nome indígena que, dizem os moradores da cidade, significar “onça pequena”. (Fonte: Viver Bahia: Cravolândia. Página visitada em 06 jan. 2012.)

Dentre as festas típicas, destaca-se a de São João, com muito forró e comidas típicas. Em agosto, as festa de Bom Jesus da Lapa e São Roque são marcadas por missas solenes, lavagem, grupos folclóricos e muitas baianas que marcam essas festas tradicionais. Na paisagem local, encontra-se a bela Cachoeira do Inferno, formada pelo Rio Tesoura. (Fonte: Cravolândia: cidade pequena e aconhegante. Página visitada em 06 jan. 2012.)

Breve histórico[editar | editar código-fonte]

Cravolândia foi um povoado que primeiramente pertenceu ao município de Jequiriça e, logo depois, passou a pertencer a Santa Inês. Em 8 de dezembro de 1961, foi feito um plebiscito para a emancipação política de Cravolândia. Este dia ficou conhecido como o “Dia de Sim”. Em 16 de julho de 1962, a emancipação política foi oficializada. O povoado foi elevado à categoria de município com a denominação de Cravolândia, pela Lei Estadual nº 1714, de 16/07/1962.

O primeiro prefeito foi o Sr. Mário da Silva Cravo, produtor de café, uma pessoa de grande influência no meio político da época, e uma das pessoas que mais contribuiu para emancipação da cidade.

Teve duas denominações até chegar a Cravolândia – Olhos D’Água do Carrasco e Igatiquira. O atual nome do município é uma derivação feita a partir do sobrenome do primeiro prefeito, Mário da Silva Cravo.

Na década de 1960, o município chegou a ser grande produtor de café. Ocorreram pragas, o plantio foi erradicado, sendo retomado nos anos 70, mas não com a mesma força.

(Fonte: Breve histórico do município de Cravolândia - Bahia. Página visitada em 06 jan. 2012.)

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 25 de agosto de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.