Quijingue

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Quijingue
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 15 de março
Fundação 1962
Gentílico quijinguense
Prefeito(a) Almiro Costa Abreu Filho (PT)
(2013–2016)
Localização
Localização de Quijingue
Localização de Quijingue na Bahia
Quijingue está localizado em: Brasil
Quijingue
Localização de Quijingue no Brasil
10° 45' 10" S 39° 12' 36" O10° 45' 10" S 39° 12' 36" O
Unidade federativa  Bahia
Mesorregião Nordeste Baiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Euclides da Cunha IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Euclides de Cunha, Tucano,Cansanção, Araci, Monte Santo, e Banzaê
Distância até a capital 322 km
Características geográficas
Área 1 271,069 km² [2]
População 29 088 hab. IBGE/2014[3]
Densidade 22,88 hab./km²
Clima Semiárido (Sertão)
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,544 baixo PNUD/2010 [4]
PIB R$ 106 773,012 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 3 813,19 IBGE/2008[5]
Página oficial

Quijingue é um município brasileiro do estado da Bahia. Município da Região Sisaleira, possui uma área de 1.271,07 km². Foi fundado em 1962. Sua população é de 29 088 habitantes.

Quijingue está situado na região Nordeste da Bahia, a uma distância de 322 km da capital Salvador. Faz limite com os municípios de Euclides de Cunha, Tucano, Cansanção, Araci, Monte Santo e Banzaê. O acesso ao município se dá através da BA 381 que é ligada a BR 116.

História[editar | editar código-fonte]

O crescimento de uma comunidade na fazenda Lagoa Grande deu origem a uma povoação de idêntica denominação, integrando o município de Tucano. Posteriormente, já quando da passagem de Antônio Conselheiro pela área, era conhecida por Triunfo. Município criado com o território do distrito de Quijingue, desmembrado de Tucano, por força de Lei Estadual de 15/03/1962. A sede, criada distrito com a denominação de Triunfo, em 1943 e alterado para Quijingue em 1971, foi elevada a categoria de cidade quando da criação do município.

Quijingue é uma palavra de origem indígena, que significa Mata fechada, ou Caatinga Fechada.

Meteorito[editar | editar código-fonte]

O meteorito Quijingue, foi encontrado no município de Quijingue nos anos 80 e é classificado como um palasito. Atualmente, pertence ao acervo do Museu Geológico da Bahia, da Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração do Estado da Bahia - SICM. Existem hoje cerca de 82 meteoritos Pallasiticos descritos no mundo, desses apenas 1 deles é conhecido no Brasil (Pallasito Quijingue).

Aspectos socioeconômicos[editar | editar código-fonte]

O município desenvolveu também um bom comércio popular, feira livre nos dias de segunda-feira que se alastra pela zona comercial da cidade. Podendo ser encontrados nestas feiras de, conveniências até aparelhos domésticos, roupas, tecido em geral, calçados, artesanatos, hortaliças, legumes e demais gamas de produtos agrícolas produzidos na região, ainda animais domésticos e de carga para venda livre, atraindo gente de cidades vizinhas.Porém atualmente é uma das cidades de menor IDH da Bahia.

Economia[editar | editar código-fonte]

As receitas municipais proveem basicamente do setor agrícola, da pecuária, avicultura e do comércio popular.

Informações demográficas e eleitorais[editar | editar código-fonte]

População total (hab.): 27.243
População urbana (hab.): 6.384
População rural (hab.): 20.859
Número de eleitores: 19.661

Festividades[editar | editar código-fonte]

Educação[editar | editar código-fonte]

Possui as seguintes escolas e faculdades:

  • CESSE Colégio Estadual São Sebastião (sede no Distrito de Algodões e Anexo no povoado Maceté)
  • FTC Faculdade de Tecnologia e Ciências
  • Colégio Estadual Dep. Luís Eduardo Magalhães
  • Escola Municipal Manoel Fidélis da Silva
  • Escola Municipal Navarro de Brito
  • Escola Municipal Waldir Magalhães de Andrade
  • Escola Municipal Antonio Carlos Magalhães
  • Centro Educacional Sagrado Coração (CESC)
  • FAZAG Faculdade Zacarias Góes

Localidades e povoados[editar | editar código-fonte]

Quijingue é um município com 1 distrito e diversas localidades e povoados. Abaixo, alguns deles:

  • Algodões (Distrito), fundado em 1988 Pela lei estadual nº 4040, de 14-05-1982, é criado o distrito de Algodões (ex-povoado) e anexado ao município de Quijingue e que possui sua propria área distrital. O nome é devido a uma plantão de algodão na casa de um antigo morador.[6]
  • Boa Vista
  • Capim Grosso
  • Capoeira
  • Claricé
  • Jurema
  • Lagoa da Barra
  • Lagoa da Caraíba
  • Lagoa da Ema
  • Lagoa do Fechado
  • Lagoa do Garrote
  • Lagoa do Junco
  • Lagoa do Licurí
  • Lagoa do Olímpio
  • Lagoinha das Pedras
  • Lagoinha dos Cágados
  • Lavarinto
  • Maceté
  • Malhadinha
  • Ouricuri
  • Poço da Pedra
  • Poço Dantas
  • Poço Novo
  • Queimadas
  • Rio Grande
  • Sitio Salgado
  • Salgadinho
  • Sobara
  • Tanque do Rumo
  • Terra Branca

Geografia[editar | editar código-fonte]

O município de Quijingue está localizado na Região Sisaleira e os tabuleiros semi-áridos do Nordeste Baiano. Faz divisa com 6 municípios: Euclides de Cunha, Cansanção, Tucano, Araci, Monte Santo, e Banzaê.

Possui uma área de 1.271,07 km².

A vegetação é Xerófila (de região seca) com arbustos espinhosos (mandacaru, xique-xique, palma e outros cactáceos) e de gramíneas ralas que acumulam água e têm raízes profundas, e árvores de grande, médio e pequeno porte. A vegetação predominante é a caatinga.

O clima é semi-árido, sendo que a sua estação chuvosa vai de março a setembro.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Um dos Rios que banha o município de Quijingue é o Rio Itapicuru, rio corrente, que deságua no Oceano Atlântico.

Na divisa dos municípios de Quijingue e Cansanção, passa o Rio Cariacá, que nasce no município de Monte Santo e deságua no Rio Itapicuru.

O Rio dos Macacos é outro rio do município, o rio é menor em relação aos outros citados. Ele é conhecido por estar entre uma alta ladeira à caminho da comunidade de Malhadinha.

Outros rios fazem parte da Hidrografia de Quijingue:

  • Rio Grande
  • Rio Vermelho
  • Rio Quijingue

Bioma[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa populacional 2014 IBGE Estimativa populacional 2014 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2014). Visitado em 29 de agosto de 2014.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 24 de agosto de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
  6. História de Quijingue (PDF) Biblioteca IBGE.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.