Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de FMU)
Ir para: navegação, pesquisa
FMU
Faculdades Metropolitanas Unidas
Logo fmu.jpg
Lema Qualidade, Tradição e Inovação há mais de 40 anos
Fundação 11 de julho de 1968
Tipo de instituição Privada
Total de estudantes 30 mil
Reitor(a) Arthur Roquete de Macedo[1]
Vice-reitor(a) Arthur Sperandéo de Macedo[1]
Afiliações Faculdades Integradas Alcântara Machado
Instituto Metropolitano de Altos Estudos
Faculdades Integradas São Paulo
Instituto Metropolitano de Saúde
Página oficial www.fmu.br
Instituições de ensino superior do Brasil Brasil

O Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas, mais conhecido pela sigla FMU (mantida por tradição, já que é assim conhecido desde sua criação), é uma instituição brasileira de ensino superior sediada na cidade de São Paulo. Foi fundada em 1968 pelo professor Edevaldo Alves da Silva, em conjunto com o professor Onésimo Silveira, então Procurador de Justiça do Estado de São Paulo.[2]

História[editar | editar código-fonte]

A FMU iniciou suas atividades em de 11 de julho de 1968, e o primeiro vestibular aconteceu no mesmo mês, ao qual afluíram centenas de alunos que buscavam formação educacional nos seguintes cursos que inicialmente foram oferecidos: Direito, Economia, Administração, Contabilidade, Educação e Serviço Social.

Em 1975 a FMU agregou a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Santa Rita de Cássia, passando a oferecer também os cursos de Psicologia, Pedagogia e Letras. Em 1976, com a anexação da Faculdade de Educação e Ciências Nova Piratininga, o curso de Matemática também passou a fazer parte dos oferecidos nos vestibulares da FMU.[2]

Em 1987 a instituição criou o seu centro de especialização, que hoje é conhecido por Centro de Pesquisa e Pós-Graduação (CPPG), que oferece 96 cursos de especialização em diversas áreas do conhecimento, cinco MBAs e vinte cursos de extensão. Há ainda um curso de pós-graduação stricto sensu, em nível de mestrado, na área de concentração de Direito da Sociedade de Informação.

Em 1989 a FMU criou um dos seus mais tradicionais cursos, o de Educação Física, reconhecido como de destaque na área[carece de fontes?].

Também na década de 1980 a FMU reuniu, como instituições conveniadas, as Faculdades Integradas Alcântara Machado (FIAM), com seu curso de Comunicação Social, um dos mais conceituados do país na área[carece de fontes?] (atualmente oferecendo as habilitações de Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Rádio e TV), e as Faculdades de Artes Alcântara Machado (FAAM), com a Faculdade de Música, único curso na área no Brasil a obter nota máxima nos dois conceitos do Enade, e os cursos de Arquitetura e Urbanismo e Administração.[2]

A FMU também associou, como instituição conveniada, à Faculdades Integradas São Paulo (FISP), que atualmente oferece cursos na área das Engenharias.

A FMU transformou-se em Centro Universitário, pelo decreto sem número, de 23 de março de 1999. Logo depois, em 2000, criou o Instituto Metropolitano de Altos Estudos, o IMAE, que desenvolve estudos de caráter multi e interdisciplinar, focalizando os problemas relacionados com a realidade brasileira. O instituto edita a Revista de Cultura IMAE.[3]

Como Centro Universitário, a FMU passou a oferecer vários cursos de graduação e formação tecnológica de curta duração.

Sua estrutura física conta com hospital veterinário, fazenda-escola de medicina veterinária e clínicas de atendimento de diversas áreas da saúde.[2]

Desde agosto de 2013, a instituição faz parte do grupo americano Laureate International Universities.[4]

Em dezembro de 2012, a FMU foi vetada pelo MEC de realizar novos vestibulares do curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, por ter um desempenho insatisfatório em 2008 e em 2011 no Conceito Preliminar de Curso (CPC). Após nova avaliações, em 2013 o Ministério da Educação vetou o vestibular de vários outros cursos para o vestibular de 2014[5]

Faculdade de Direito da FMU[editar | editar código-fonte]

A Faculdade de Direito da FMU foi fundada em 1968.

Juizado Especial Cível - FMU[editar | editar código-fonte]

Numa parceria firmada entre o Tribunal de Justiça e a FMU, desde 1999, funciona no campus Liberdade o primeiro Juizado Especial Cível a ser instalado em anexo a uma Faculdade de Direito no Estado de São Paulo. A FMU mantém a estrutura operacional necessária para a realização de audiências diárias e atendimento à comunidade.[6]

Unidades[editar | editar código-fonte]


Referências

  1. a b FMU. Corpo diretivo (em português). Visitado em janeiro de 2014.
  2. a b c d FMU. Sobre a instituição (em português). Visitado em janeiro de 2014.
  3. FMU. Sobre Instituto Metropolitano de Altos Estudos (em português). Visitado em janeiro de 2014.
  4. Estadao. Grupo americano Laureate compra FMU por R$ 1 bi (em português). Visitado em janeiro de 2014.
  5. Em SP, 24 cursos universitários são reprovados pelo MEC Folha de S. Paulo (20 de dezembro de 2012). Visitado em 4/1/2013.
  6. FMU. Juizado Especial Civel (em português). Visitado em janeiro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]