Monumento aos Heróis da Travessia do Atlântico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Monumento aos Heróis da Travessia do Atlântico
Vista do Monumento.
Arquiteto Ottone Zorlini
Construção 1929 (90 anos)
Estado de conservação SP
Geografia
Cidade São Paulo

O Monumento aos Heróis da Travessia do Atlântico está localizado na cidade de São Paulo, no Brasil. Obra do escultor ítalo-brasileiro Ottone Zorlini, foi inaugurado em 1929, por iniciativa da Sociedade Dante Alighieri, como homenagem aos aviadores italianos Francesco De Pinedo e Carlo Del Prete, que dois anos antes (mas já cinco anos depois dos portugueses Gago Coutinho e Sacadura Cabral), a bordo do Savoia-Marchetti S.55, haviam feito uma das travessias aéreas pioneiras do Atlântico Sul, bem como ao brasileiro João Ribeiro de Barros, que, pouco tempo depois, ainda no ano de 1927, realizou a mesma façanha, a bordo do hidroavião Jahú.[1]

Engastada no pedestal do monumento, encontra-se uma coluna com capitel em estilo coríntio, retirada de uma construção milenar, que havia sido recentemente descoberta no Monte Capitolino em Roma, enviada a São Paulo por Benito Mussolini em comemoração ao feito dos compatriotas. O monumento foi erguido às margens da represa de Guarapiranga, no então município de Santo Amaro (hoje um distrito de São Paulo) onde os pilotos italianos pousaram, após percorrer a costa brasileira. Em 1987, o então prefeito Jânio Quadros determinou que fosse movido para os Jardins, onde se encontrava até 2009.[2] Em 2010, o monumento foi novamente movido, desta vez para o bairro de Socorro.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Monumento aos Heróis da Travessia do Atlântico

Referências

  1. Seção Técnica de Levantamentos e Pesquisa. «Inventário de Obras de Arte em Logradouros Públicos da Cidade de São Paulo - Heróis da Travessia do Atlântico». Departamento do Patrimônio Histórico de São Paulo. Consultado em 23 de maio de 2009 
  2. Antunes, 2008, pp. 66-67.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Antunes, Fatima. Um pedaço da Roma Antiga aos "Heróis da travessia do Atlântico". Em Cartaz - Guia da Secretaria Municipal de Cultural. São Paulo, nº. 14, pp. 66–67, junho de 2008.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]