Marcus Vinícius Pratini de Moraes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pratini de Moraes
Pratini de Moraes
111.º Ministro da Agricultura do Brasil
Período 19 de julho de 1999
a 1º de janeiro de 2003
Presidente Fernando Henrique Cardoso
Antecessor(a) Francisco Turra
Sucessor(a) Roberto Rodrigues
Deputado federal pelo
Rio Grande do Sul
Período 1.º- 1º de fevereiro de 1983
a 1º de fevereiro de 1987
2.º- 16 de fevereiro de 1993
a 1º de fevereiro de 1995
14.º Ministro de Minas e Energia do Brasil
Período 13 de abril de 1992
a 8 de outubro de 1992
Presidente Fernando Collor
Antecessor(a) Vicente Fialho
Sucessor(a) Paulino de Vasconcellos
11.º Ministro da Indústria e Comércio do Brasil
Período 24 de fevereiro de 1970
a 15 de março de 1974
Presidente Emílio Garrastazu Médici
Antecessor(a) Fábio Riodi Yassuda
Sucessor(a) Severo Gomes
Dados pessoais
Nome completo Marcus Vinícius Pratini de Moraes
Nascimento 23 de abril de 1939 (83 anos)
Porto Alegre, RS
Nacionalidade brasileiro
Alma mater Universidade de Pittsburgh (Pitt)
Prêmio(s)
Partido PDS (1982–1993)
PPR (1993–1995)
PPB (1995–2003)
PP (2003–presente)
Profissão professor, economista, político

Marcus Vinícius Pratini de Moraes GOCGOMM (Porto Alegre, 23 de abril de 1939) é um professor, economista e político brasileiro filiado ao Progressistas (PP). Foi ministro da Agricultura, da Indústria e de Minas durante os governos Médici, Collor e Fernando Henrique Cardoso. Pelo Rio Grande do Sul, foi deputado federal durante dois mandatos.

A 2 de março de 1971, foi agraciado com o grau de Grande-Oficial da Ordem Militar de Cristo pelo Almirante Américo Tomás, presidente de Portugal.[1] Em julho de 1992, como ministro de Minas, Pratini foi condecorado pelo presidente Fernando Collor com a Ordem do Mérito Militar no grau de Grande-Oficial especial.[2]

Também foi deputado federal, entre 1983 e 1987, pelo PDS.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Cidadãos Estrangeiros Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Marcus Vinicius Pratini de Morais". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 10 de agosto de 2019 
  2. a b BRASIL, Decreto de 21 de julho de 1992.

Precedido por
Fábio Riodi Yassuda
Ministro da Indústria e Comércio do Brasil
1970 — 1974
Sucedido por
Severo Fagundes Gomes
Precedido por
Vicente Fialho
Ministro de Minas e Energia do Brasil
1992
Sucedido por
Paulino Cícero de Vasconcellos
Precedido por
Francisco Turra
Ministro da Agricultura e Abastecimento do Brasil
1999 — 2003
Sucedido por
João Roberto Rodrigues
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) político(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.