Complexo Viário Real Parque

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura apenas sobre a ponte estaiada, veja Ponte Octávio Frias de Oliveira.
Complexo Viário Real Parque
Ponte Octávio Frias de Oliveira com iluminação especial à noite.

O Complexo Viário Real Parque é um conjunto formado por dois viadutos, denominados José Bonifácio Coutinho Nogueira, e uma ponte, que leva o nome de Ponte Octávio Frias de Oliveira, fazendo a ligação entre a Marginal Pinheiros e a Avenida Jornalista Roberto Marinho. A obra situa-se nas imediações do bairro do Brooklin, zona centro-sul da cidade de São Paulo.[1]

O projeto tem grandes dimensões: além de abranger uma ponte de dois braços que passam sobre o rio Pinheiros, tem como destaque um mastro de concreto em forma de "X" com 138 metros de altura, que a sustenta por meio de estais, conjuntos de cabos flexíveis (cordoalhas de aço) que sustentam as peças da obra. O complexo viário Real Parque é uma das cinco maiores estruturas da capital paulista [2].

A ponte e os viadutos têm 1600 metros no total. O complexo viário Real Parque auxilia na travessia do rio Pinheiros, com início na Marginal Pinheiros e término na Av. Jorn. Roberto Marinho, e no acesso a bairros como o Morumbi, Jabaquara e Campo Belo, constituindo uma alternativa de acesso à Rodovia dos Imigrantes.

Viaduto José Bonifácio Coutinho Nogueira[editar | editar código-fonte]

Ponte Octávio Frias de Oliveira[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Ponte Octávio Frias de Oliveira

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Prefeitura da Cidade de São Paulo Portal oficial
  2. Ponte estaiada Portal da prefeitura