Microrregião de Valença

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Microrregião de Valença
Divisão regional do Brasil
Localização da Microrregião de Valença
Características geográficas
Unidade federativa Bahia Bahia
Mesorregião Sul Baiano
Regiões limítrofes Ilhéus-Itabuna , Jequié, Santo Antônio de Jesus
Área 5 668,103 km²
População 266,566 hab. cont. IBGE/2010 [1]
Densidade 42,9 hab./km²
Indicadores
PIB R$ 1 354 026 000,00 IBGE/2007
PIB per capita R$ 5 483,01 IBGE/2007
IDH 0,632 PNUD/2000

A microrregião de Valença, também chamada de microregião do Baixo Sul da Bahia é uma das microrregiões do estado brasileiro da Bahia pertencente à mesorregião Sul Baiano. Sua população foi estimada em 2010 pelo IBGE em 274.124 habitantes e está dividida em dez municípios. Possui uma área total de 5.668,103 km².

O Baixo Sul está localizada no leste do estado da Bahia e é formada pelos municípios de Nilo Peçanha, Camamu, Cairu, Igrapiúna, Ibirapitanga, Ituberá, Piraí do Norte, Taperoá (Bahia), Valença, Maraú e Presidente Tancredo Neves. Seu território é um mosaico de Áreas de Proteção Ambiental (APAs) [2], sendo constituído por cinco delas: Pratigi, Guaibim, Caminhos Ecológicos da Boa Esperança, Tinharé/Boipeba e Baía de Camamu. As riquezas naturais - matas, praias, rios, cachoeiras, manguezais, restingas, coqueiros – constituem a maior parte de sua paisagem. Aliada a isso, o Baixo Sul dispõe de rico patrimônio arquitetônico e cultural, composto por casarões, igrejas, conventos e fortalezas. Dentre as manifestações do folclore da região, destacam-se Bumba meu boi, Terno de Reis, Terno de Rosa e o grupo Zambiapunga. [3]

O clima, com temperaturas de 21 ºC a 31 ºC, confere ao Baixo Sul um ambiente propício ao cultivo de mandioca, cacau, cravo, dendê, palmito, piaçava, guaraná e pimenta-do-reino. Sua vegetação apresenta grande diversidade, sendo que nas áreas das Cordilheiras e dos Vales, as comunidades vivem da agricultura. Já nas regiões estuarinas, as atividades de pesca e turismo são predominantes. Cerca de 285 mil pessoas vivem na região, segundo último Censo Demográfico do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), publicado em 2010.

Municípios[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Estimativas - Contagem da População 2007». IBGE. Consultado em 14 de Novembro de 2007. 
  2. Magda M. Zanoni, Ângela Duarte D. Ferreira, Lovois de A. Miguel, Dimas Floriani, Naldy Canali e Claude Raynault. «Preservação da natureza e desenolvimento rural: dilemas e estratégias dos agricultores familiares em Áreas de Proteção Ambiental». Consultado em 15 de julho de 2012. 
  3. «baixo sul»