Uibaí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Uibaí
Brasão indisponível
Bandeira Brasão indisponível
Hino
Aniversário 22 de setembro
Fundação 22 de setembro de 1961 (57 anos)
Gentílico uibaiense
Padroeiro(a) Nossa Senhora da Conceição
CEP 44950-000
Prefeito(a) Ubiraci Rocha Levi (PDT)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Uibaí
Localização de Uibaí na Bahia
Uibaí está localizado em: Brasil
Uibaí
Localização de Uibaí no Brasil
11° 20' 13" S 42° 07' 58" O11° 20' 13" S 42° 07' 58" O
Unidade federativa Bahia
Mesorregião Centro Norte Baiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Irecê IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Presidente Dutra , Central ,Gentio do Ouro e Ibititá
Distância até a capital 536 km
Características geográficas
Área 545 297 km² [2]
População 13 884 hab. IBGE/2018[3]
Densidade 24 73 hab/km² hab,/km²
Altitude 587 m
Clima Semiárido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,617 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 37 315,900 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 2 635,30 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura https://www.facebook.com/prefeituradeuibai/

Uibaí é um município brasileiro do estado da Bahia.

História[editar | editar código-fonte]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Município criado, com território do Distrito de "Uibaí" (atual sede), sendo desmembrado do Município de Central, pela Lei Estadual nº 1.494, de 22/09/1961, instalado em 07/04/1963.

Formação Administrativa[editar | editar código-fonte]

Pelo Decreto Estadual n.º 11.089, de 30-11-1938, o distrito de Canabrava do Gonçalo passou a denominar-se Uibaí. No quadro fixado para vigorar no período de 1939-1943, o distrito de Uibaí (ex-Canabrava do Gonçalo), figura no município de Xique-Xique. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VII-1955. Pela Lei Estadual n.º 1.017, de 12-08-1959, o distrito de Uibaí, foi transferido do município Xique-Xique para constituir o novo município de Central. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o distrito de Uibaí, figura no município de Central. Elevado à categoria de município com a denominação de Uibaí, pela Lei Estadual n.º 1.494, de 22-09-1961, desmembrado do município de Central. Sede no antigo distrito de Uibaí. Constituído do distrito sede. Instalado em 07-04-1963. Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído do distrito sede. Em divisão territorial datada de 1-1-1979, o município é constituído de 2 distritos: Uibaí e Hidrolândia.


Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.


Política em Uibaí

O primeiro prefeito eleito foi João Ferreira de Souza. Uibaí montava sua estrutura administrativa e inaugurava uma nova fase de sua história. A sua camada dominante tinha em mãos o poder público e a partir daí o usariam para se fortalecer.



Fonte[editar | editar código-fonte]

Prefeitura Municipal

Futebol[editar | editar código-fonte]

Dentre as equipes que se destacam na cidade,podemos citar: Fluminense; Flamengo (Quixabeira); SxM (Boca D'Água); Botafogo (Boca D'Água); Cruzeiro FC (do Pov. do Caldeirão)e Sociedade Benfica FC. E o Palmeiras Esporte Clube, da Chapadinha

O futebol local regido pela Liga Uibaiense de Futebol, situado no centro deste município.

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2018». Censo Populacional 2018. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2017. Consultado em 11 de dezembro de 2017 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 25 de agosto de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010