Iraquara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde dezembro de 2015). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Município de Iraquara
"Cidade das Grutas"
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 5 de Julho
Fundação 05 de julho de 1962
Gentílico iraquarense
CEP 46980-000 - 46989-999
Prefeito(a) Freitas (PP)
Localização
Localização de Iraquara
Localização de Iraquara na Bahia
Iraquara está localizado em: Brasil
Iraquara
Localização de Iraquara no Brasil
12° 14' 56" S 41° 37' 08" O12° 14' 56" S 41° 37' 08" O
Unidade federativa Bahia Bahia
Mesorregião Centro Norte Baiano IBGE/2008[1]
Microrregião Irecê IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Palmeiras, Seabra, Lençóis, Souto Soares e Mulungu do Morro
Distância até a capital 469 km
Características geográficas
Área 800,332 km² [2]
População 25,006 hab. IBGE/2015[3]
Densidade 0,03 hab./km²
Altitude 687 m
Clima Semi-árido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,599 baixo PNUD/2010[4]
PIB R$ 108 655,646 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 4 552,55 IBGE/2008[5]
Página oficial

Iraquara, também conhecida como "Cidade das Grutas" é um município brasileiro do estado da Bahia.

O município está localizado na microrregião da Chapada Diamantina e possui uma grande quantidade de grutas, cachoeiras e cavernas, sendo grande parte delas abertas ao público.[6] [7]

Em 10 de fevereiro de 2007, Iraquara recebeu pela primeira vez na região o então presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva, para a inauguração da usina de biodiesel da Brasil Ecodiesel.[8]

A riqueza do folclore, representado pelos Ternos de Reis e Reisados, completa o seu patrimônio cultural, ao lado das festas populares que acontecem o ano inteiro, como o São João antecipado; as festas da padroeira Nossa Senhora do Livramento; de Santo Antônio; de São José; de São Judas Tadeu; de São Pedro; Senhora Santana; Senhor do Bonfim e o Carnamel (Carnaval do Riacho do Mel).

O município de Iraquara está localizado sobre uma verdadeira galeria subterrânea com aspecto de "queijo suíço" encoberto por água, o que o torna o município com o segundo maior lençol freático do Brasil e o mais rico em recursos hídricos da Chapada Diamantina e Microrregião de Irecê, socorrendo por diversas vezes os municípios da região em época de estiagem. Além dos diversos poços abertos na zona rural e urbana, o município conta ainda com rios e quedas d'água, ideal para a prática de esportes aquáticos e de aventura. Quem visita Iraquara, também pode desfrutar de belezas naturais da Fazenda Pratinha, um verdadeiro paraíso aquático com piscinas naturais. Eleita a terceira água mais cristalina do mundo, o lugar não por acaso recebeu o título de "Oásis do Sertão".[9] [10]

Toponímia[editar | editar código-fonte]

Iraquara é vocábulo indígena que significa buraco do mel. Do tupi yra: mel, abelha; e quara ou coara: buraco, cova, cavidade, oco, esconderijo.


Clima[editar | editar código-fonte]

Gráfico climático para Iraquara
J F M A M J J A S O N D
 
 
115
 
30
19
 
 
111
 
30
19
 
 
140
 
30
19
 
 
109
 
29
19
 
 
53
 
28
18
 
 
22
 
27
17
 
 
40
 
27
16
 
 
26
 
27
16
 
 
25
 
29
17
 
 
61
 
30
18
 
 
152
 
30
18
 
 
160
 
30
19
Temperaturas em °CPrecipitações em mm
Fonte: [1]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Gruta da Torrinha

Sua população estimada em 2006 era de 28.015 habitantes. Encontra-se no centro da Bahia, na Chapada Diamantina. É bastante visitada por possuir grutas como Pratinha, Lapa Doce, Torrinha, Gruta Azul, Gruta da Fumaça, dentre outras.

Distritos[editar | editar código-fonte]

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Bairros[editar | editar código-fonte]

  • Centro
  • Morumbi
  • Nova Iraquara
  • Vila Nova
  • Codornas
  • Joaquim Caio
  • Largo da Vitória
  • Ceasa

Gastronomia[editar | editar código-fonte]

Um dos pratos mais tradicionais da cidade é a galinha ao molho pardo, feita com o sangue da própria ave, além da carne do sol, dentre outros. Os acompanhamentos ficam por conta do arroz com pequi, ensopado de carne-seca com banana verde, também chamado de godó de banana e abóbora.

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008. 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010. 
  3. «Censo Populacional 2013». Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 01 de julho de 2013. Consultado em 10 de setembro de 2015. 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 24 de agosto de 2013. 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010. 
  6. IBGE >> Iraquara
  7. MUNICÍPIOS DO TERRITÓRIO DA CHAPADA DIAMANTINA
  8. Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, após cerimônia de inauguração da usina de biodiesel da Brasil Ecodiesel em Iraquara
  9. Pratinha um oásis no coração da chapada Diamantina
  10. PREFEITURA DE IRAQUARA AJUDA COMUNIDADES NO COMBATE A SECA
  11. Relação de rodovias 2012 \(Reparado\) 19RM

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um município da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.