Dom Basílio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Dom Basílio
"A Princesinha do Sudoeste Baiano"
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 7 de abril de 1962
Fundação 1715
Gentílico dombasiliense
Prefeito(a) João Careca ( Vice ) (PSD)
(2013–2016)
Localização
Localização de Dom Basílio
Localização de Dom Basílio na Bahia
Dom Basílio está localizado em: Brasil
Dom Basílio
Localização de Dom Basílio no Brasil
13° 45' 36" S 41° 46' 15" O13° 45' 36" S 41° 46' 15" O
Unidade federativa Bahia Bahia
Mesorregião Centro-Sul Baiano
Microrregião Microrregião de Dom Basílio
Municípios limítrofes Brumado, Livramento de Nossa Senhora
Distância até a capital 610 KM km
Características geográficas
Área 688 Km² km²
População 12 555 hab.
Densidade O denominador (divisor) tem que ser um número! hab./km²
Altitude 462 m
Clima Semiúmido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,591 baixo {{{data_idh}}}
PIB R$ 55 448,163 mil IBGE/2008[1]
PIB per capita R$ 4 814,04 IBGE/2008[1]
Página oficial

História[editar | editar código-fonte]

O povoamento do território teve início em 1715, com a chegada de paulistas à procura de ouro. Com a instalação de fazenda de gado, surgiu o povoado ″Curralinho″.

Construi-se uma capela sob a invocação de São João Batista, mais tarde adotado como o padroeiro da cidade.

Em função da agropecuária, desenvolveu-se a povoação, cujo o nome foi mudado para Dom Basílio, em 1962.

O topônimo é uma homenagem ao padre Manoel Olímpio Alves Pereira, nascido no município, sagrado bispo da diocese de Manaus, com o nome Basílio.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Com uma área territorial de 688,646 Km², Dom Basílio está localizada junto a Chapada Diamantina, região de serras e cachoeiras, também onde nasce quase todos os rios da Bacias do Paraguaçu do Jacuípe e do Rio de Contas na região centro-sul da Bahia especificamente na parte mais ao sul da Chapada Diamantina, está aos pés da Serra de Rio de Contas cidade Baiana e uma das mais velhas e conhecidas do Brasil.

Economia[editar | editar código-fonte]

Com um PIB com cerca de 80 milhões de reais e uma economia fortemente ligada ao setor primário, Dom Basílio é um dos mais importantes centros produtores de frutas do país, o setor primário é o que corresponde o maior PIB do município, juntamente com Livramento de Nossa Senhora, cidade vizinha (20 km) são consideradas os maiores produtoras de manga *{23 mil toneladas} e maracujá *{21 mil toneladas} do Brasil, mas além da manga e do maracujá, Dom Basílio também produz e exporta, algodão {817 toneladas}, arroz {286 toneladas} cebola {222 toneladas}, feijão {246 toneladas}, mandioca {3 mil toneladas}, milho {291 toneladas}, tomate {765 toneladas},coco {304 mil frutos}, banana {467 toneladas} entre outras frutas; possui também uma forte pecuária com, bovinos: 8.893 mil cabeças, suínos: 4.079 mil cabeças, ovinos:2.180 mil cabeças, galináceos: 10.865 mil cabeças, caprinos: 3.600 mil cabeças.

Segundo estimativas a agropecuária movimenta mais de 40 milhões de reais, são mais de 2 mil famílias trabalhando diretamente e indiretamente.↵Conforme registros na JUCEB, possui 3 indústrias, ocupando o 139º lugar na posição geral do estado da Bahia, e ainda 107 estabelecimentos comerciais, 227º posição dentre os municípios baianos. ↵Seu parque hoteleiro registra 25 leitos. ↵Registro de consumo elétrico residencial (kwh/hab.): 73, 74 - 217º ranking dos municípios Baianos.

Sumário[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010. 
Ícone de esboço Este artigo sobre um município da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.