Wikipédia:Artigos destacados/arquivo/todos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wolfgang Amadeus Mozart em 1763, com cerca de sete anos de idade, no início da Grande Viagem.

A grande turnê da família Mozart (1763-1766) foi uma longa viagem pelas capitais e principais cidades da Europa ocidental feita por Leopold Mozart, sua esposa Anna Maria e seus filhos superdotados: Maria Anna (Nannerl) e Wolfgang Amadeus. Leopold era um dos músicos da corte do Príncipe-Arcebispo de Salzburgo, e em 1763 já ocupava o cargo de Mestre de Capela. Graças a uma prolongada licença, o professor de piano pôde ausentar-se do posto para apresentar ao resto do mundo o talento precoce dos meninos.

O itinerário da turnê levou a família de Munique e Frankfurt a Bruxelas. De lá, viajaram para Paris e, após uma estadia de cinco meses na capital francesa, partiram para Londres, onde permaneceram por longos quinze meses. Leopold via como uma obrigação apresentar suas milagrosas crianças ao mundo inteiro. Em todos os lugares onde tocaram, os dois irmãos geravam comentários de entusiasmo e espanto. Embora as recompensas materiais da jornada não tenham sido substanciais a ponto de transformar a vida da família — Leopold continuou a serviço do Príncipe-Arcebispo — a viagem permitiu às crianças vivenciar amplamente o mundo musical cosmopolita e receber excelente educação, que, no caso de Wolfgang, prosseguiu pelos seis anos posteriores, em diversas outras viagens. (leia mais...)



Victor Meirelles: A primeira missa no Brasil, 1861, Museu Nacional de Belas Artes.

O Academismo no Brasil foi a expressão institucionalizada de todo o sistema de arte que prevaleceu no Brasil do início do século XIX até o início do século XX, baseado nos princípios das academias de arte europeias. Nasceu com a Escola Real de Ciências, Artes e Ofícios fundada por Dom João VI em 1816 por incentivo da Missão Artística Francesa, floresceu com a Academia Imperial de Belas Artes e o mecenato de Dom Pedro II e encerrou-se com a incorporação de sua sucessora republicana, a Escola Nacional de Belas Artes, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 1931.

Antes que um estilo específico, o Academismo é, estritamente falando, um método de ensino artístico profissionalizante de nível superior, equivalente ao ensino universitário moderno. No Brasil tal sistema foi introduzido no período de vigência do Neoclassicismo, estilo do qual foi um dos principais motores de difusão, e depois absorveu estéticas românticas, realistas, simbolistas e outras que deram o tom à virada do século XIX para o XX, expurgando delas o que não se enquadrasse na formalidade da Academia. A estreita ligação da arte acadêmica brasileira com o poder constituído ampliou o significado do termo fazendo do Academismo nacional tanto um sistema de ensino quanto um movimento filosófico e um ato político, como um laboratório para a formulação de importantes símbolos da identidade nacional e uma vitrine para a sua divulgação. (leia mais...)



Visão da estrutura de um DNA

O ácido desoxirribonucleico (ADN) é um composto orgânico cujas moléculas contêm as instruções genéticas que coordenam o desenvolvimento e funcionamento de todos os organismos vivos e alguns vírus. O seu principal papel é armazenar as informações necessárias para a construção das proteínas e ARNs. Os segmentos de ADN que são responsáveis por carregar a informação genética são denominados genes. O restante da sequência de ADN tem importância estrutural ou está envolvido na regulação do uso da informação genética.

A estrutura da molécula de ADN foi descoberta conjuntamente pelo estadunidense James Watson e pelo britânico Francis Crick em 7 de março de 1953, o que lhes valeu o Prêmio Nobel de Fisiologia ou Medicina em 1962, juntamente com Maurice Wilkins. Do ponto de vista químico, o ADN consiste de dois longos polímeros de unidades simples (monômeros) chamados nucleotídeos, cujo cerne é formado por grupos de açúcares e fosfato intercalados unidos por ligações fosfodiéster. Ligada a cada molécula de açúcar está um dos quatro tipos de bases nitrogenadas e é a sequência dessas bases ao longo da molécula de ADN que carrega a informação genética. A leitura destas sequências é feita através do código genético, o qual especifica a sequência linear dos aminoácidos das proteínas. (leia mais...)



Dicionário com indicação das palavras alteradas com a entrada em vigor do Acordo Ortográfico.

O Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990 é um tratado internacional que tem por objetivo criar uma ortografia unificada para o português, a ser usada por todos os países de língua oficial portuguesa. Foi assinado por representantes oficiais de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal e São Tomé e Príncipe em Lisboa, em 16 de dezembro de 1990, ao fim de uma negociação entre a Academia das Ciências de Lisboa e a Academia Brasileira de Letras iniciada em 1980. Depois de obter a sua independência, Timor-Leste aderiu ao Acordo em 2004. O acordo teve ainda a presença de uma delegação de observadores da Galiza.

O Acordo Ortográfico de 1990 pretende instituir uma ortografia oficial única da língua portuguesa e com isso aumentar o seu prestígio internacional, dando fim à existência de duas normas ortográficas oficiais divergentes: uma no Brasil e outra nos restantes países de língua portuguesa. A adoção da nova ortografia, de acordo com os dados da Nota Explicativa do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa de 1990, irá acarretar alterações na grafia de cerca de 1,6% do total de palavras na norma euro-afro-asiático-oceânica (em Portugal, Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, Timor-Leste e Região Administrativa Especial de Macau) e de cerca de 0,5% na brasileira. (leia mais...)



Aeroporto Internacional de Frankfurt, Alemanha

Um aeroporto é uma área com a infraestrutura e os serviços necessários para o atendimento de pousos e decolagens de aviões. Um pequeno aeroporto é muitas vezes referido por campo de aterrisagem (ou simplesmente campo) ou aeródromo. Também pode ser referido como base aérea, quando o aeroporto está designado a servir primariamente aviões militares.

Aeroportos precisam ser de fácil acesso a estradas, para o transporte de passageiros, trabalhadores e carga do aeroporto a outras cidades. Para esse fim, alguns aeroportos também possuem acesso a ferrovias (carga), metrô e ferries (passageiros). Além disso, aeroportos movimentados possuem equipes de emergência como bombeiros e pronto-socorros, para a eventualidade de um acidente; aeroportos maiores chegam a possuir hospitais completos.


Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos
Governador André Franco Montoro

O Aeroporto Internacional de São Paulo/Guarulhos – Governador André Franco Montoro, conhecido também por Aeroporto Internacional de Cumbica (IATA: GRUICAO: SBGR) é o principal e o segundo mais movimentado aeroporto do Brasil, localizado na cidade de Guarulhos, no bairro de Cumbica, distante 25 quilômetros do centro de São Paulo, principal metrópole que o aeroporto serve.

Sendo um hub na América do Sul, Guarulhos é o aeroporto com maior movimento internacional do Brasil e o segundo em tráfego total de passageiros, somente ficando atrás do Aeroporto de Congonhas. No transporte de carga, é o maior da América Latina e ocupa a 34º posição entre os mais movimentados do mundo.

Com uma área de 14 km², dos quais 5 km² é área urbanizada, o complexo aeroportuário conta com um sistema de acesso viário próprio. A Rodovia Helio Smidt se estende por parte do perímetro do aeroporto, tendo ligação com as rodovias Presidente Dutra e Ayrton Senna.

Toda estrutura para passageiros é dividida em dois terminais (TPS1 e TPS2) com 260 balcões de check-in, onde as atividades operacionais funcionam 24 horas por dia. Operam 37 companhias aéreas nacionais e internacionais, voando para 23 países em mais de 100 cidades do Brasil e do mundo.

Leia o artigo completo...

ARA General Belgrano (C-4).

O afundamento do cruzador ARA General Belgrano ocorreu a 2 de maio de 1982, em consequência do ataque do submarino nuclear britânico HMS Conqueror, durante o conflito conhecido como a Guerra das Malvinas. O afundamento do Belgrano causou a morte de 323 marinheiros argentinos, praticamente metade de todas as baixas argentinas durante esse conflito, e uma forte polêmica, visto que o ataque ocorreu fora da zona de exclusão estabelecida pelo governo britânico ao redor das ilhas. No Reino Unido há quem considere que a ação foi levada a cabo com o objetivo de inviabilizar as conversações de paz e aumentar a popularidade da primeira-ministra Margaret Thatcher junto da opinião pública britânica, enquanto que na Argentina muitos considerem o afundamento do cruzador como um crime de guerra. Independentemente da controvérsia ao redor do afundamento, do ponto de vista militar ele cumpriu seu objetivo, pois ajudou a assegurar a superioridade naval dos britânicos, decisiva para o desfecho do conflito.

É o único caso de um navio de guerra torpedeado e afundado em ação por um submarino nuclear e um dos dois casos de um navio de guerra afundado por qualquer tipo de submarino desde o fim da Segunda Guerra Mundial. (leia mais...)



Albert Speer em 1933.

Albert Speer (1905–1981) foi o arquiteto-chefe e Ministro do Armamento do Terceiro Reich. Conhecido como "O bom nazista", ele assumiu toda a responsabilidade por seus atos cometidos durante o regime nazi nos Julgamentos de Nuremberg. Speer entrou para o Partido Nazista em 1931. Com grande talento na arquitetura, rapidamente tornou-se uma das pessoas mais próximas de Adolf Hitler. O ditador designou Speer para a construção de diversas obras, incluindo a Chancelaria do Reich. Speer também fez planos para a reconstrução de Berlim, com grandes edifícios, amplas alamedas e renovação do sistema de transporte. Como Ministro do Armamento, Speer foi responsável pela grande produtividade da Alemanha neste setor durante a Segunda Guerra Mundial.

Em 1946, ele foi julgado em Nuremberg e sentenciado a vinte anos de prisão por sua participação no regime nazista, principalmente pelo uso de trabalho escravo nos campos de concentração. Ele serviu a maior parte de sua sentença na prisão de Spandau na Berlim Ocidental. Após sair de Spandau em 1966, Speer publicou dois bestsellers autobiográficos: Por Dentro do III Reich e Spandau - O Diário Secreto, detalhando seu relacionamento com Hitler e fornecendo histórias desconhecidas sobre o Terceiro Reich. Ele ainda escreveu um terceiro livro, Infiltration, sobre a Schutzstaffel. Speer morreu de causas naturais em 1981 em uma visita a Londres. (leia mais...)



Alberto Henschel em 1870.

Alberto Henschel foi um fotógrafo teuto-brasileiro, considerado o mais diligente empresário da fotografia no Brasil do século XIX, com escritórios em Pernambuco, Bahia, Rio de Janeiro e São Paulo. Henschel foi também responsável pela vinda de outros fotógrafos profissionais ao país, como o seu compatriota Karl Ernest Papf — com quem trabalharia mais tarde — e seu filho, Jorge Henrique Papf, que sucederia ao pai no ramo da fotografia. Conhecido por ter produzido imagens do Rio de Janeiro como fotógrafo paisagista, Henschel fotografou personalidades famosas como o Imperador Pedro II e o poeta Castro Alves.

Uma de suas principais contribuições à história da fotografia no Brasil foi o registro fotográfico de todos os extratos sociais do Brasil oitocentista: retratos, geralmente no padrão carte-de-visite, foram tirados da nobreza, dos ricos comerciantes, da classe média e dos negros, tanto livres como escravos, em período anterior à lei Áurea. (leia mais...)



Albertossauro

Albertossauro (Albertosaurus sp., que significa "lagarto de Alberta", no Canadá) foi um género de dinossauro carnívoro e bípede que viveu no fim do período Cretáceo. Media cerca de 9 metros de comprimento, 3,7 metros de altura e pesava em torno de 4 toneladas.

O albertossauro viveu na América do Norte e foi descoberto no ano de 1884 por Joseph Burr Tyrrell em Alberta, no Canadá, local ao qual deve seu nome.

Fazia parte da família Tyrannosauridae, e possuía as características principais do grupo: mandíbula provida de dezenas de dentes, cabeça grande e braços reduzidos, cada um terminando com dedos providos de garras. Embora fosse grande, era muito ágil e veloz, superando os 57 km/h. Existe certo desacordo na comunidade científica sobre o real número de espécies representadas no gênero Albertosaurus: alguns afirmam que era apenas uma (o A. sarcophagus), enquanto outros consideram o Gorgosaurus libratus como a segunda espécie do género (o Albertosaurus libratus).

Era um caçador de emboscada. Esperava que uma presa passasse, avaliava sua distância, e então lançava-se sobre ela com força impressionante. Atacava geralmente Anatotitans e Chasmossauros. Graças a sua velocidade, podia perseguir suas presas por um bom percurso. Acredita-se que pode ter sido o maior predador da cadeia alimentar em seu ecossistema local. Ainda que fosse relativamente grande para um terápode, o albertossauro era muito menor que seu famoso parente, o tiranossauro, provavelmente pesando o mesmo que um rinoceronte moderno.

Leia o artigo completo...



William DuVall, Jerry Cantrell (frente) e Sean Kinney (atrás) durante concerto da banda em 2007.

Alice in Chains é uma banda estado-unidense formada em 1987 em Seattle, Washington e que, ao lado de Nirvana, Soundgarden e Pearl Jam, constitui um dos principais representantes do movimento Grunge, nascido no início da década de 1990 na mesma cidade. No entanto, apesar de pertencer ao movimento grunge, o som da banda tem influência de bandas do heavy metal, glam rock e hard rock, ao invés do punk, o que a torna única no cenário da região na época.

É uma das bandas mais bem sucedidas comercialmente da cena grunge de Seattle, vendendo aproximadamente 15 milhões de álbuns ao redor do mundo. O grupo conseguiu se manter na ativa mesmo após o falecimento do vocalista original Layne Staley.

Leia o artigo completo...

Amelia Mary Earhart (Atchison, Kansas, 24 de Julho de 1897 — desaparecida em 2 de Julho de 1937) foi pioneira na aviação dos Estados Unidos da América, autora e defensora dos direitos das mulheres. Earhart foi a primeira mulher a receber a “The Distinguished Flying Cross”, condecoração dada por ter sido a primeira mulher a voar sozinha sobre o oceano Atlântico. Estabeleceu diversos outros recordes, escreveu livros sobre suas experiências de vôo, e foi essencial na formação de organizações para mulheres que desejavam pilotar. Amelia desapareceu no meio do oceano Pacífico, perto da Ilha Howland enquanto tentava realizar um vôo ao redor do globo em 1937. Foi declarada morta no dia 5 de Janeiro de 1939. Seu modo de vida, sua carreira e o modo como desapareceu até hoje fascinam as pessoas. Amelia recebeu o nome de acordo com os costumes da família, como o de suas duas avós (Amelia Josephine Harres e Mary Wells Patton). Sua educação foi pouco convencional, pois Amy Earhart não acreditava em maneiras de moldar crianças em ”crianças adoráveis”. Entretanto, sua avó materna desaprovava o uso de “Bloomers” (traje feminino: calça pelas canelas, saia por cima da calça, ambas folgadas, dando uma aparência de descuido ao se vestir) utilizados pelas filhas de Amy e, apesar de Amelia gostar da liberdade que estas proporcionavam, ela estava consciente de que as crianças da vizinhança não usavam esses trajes. (leia mais...)



Localização da América do Sul no mapa-múndi.

A América do Sul é um continente que compreende a porção meridional da América. Sua extensão é de 17 819 100 km², abrangendo 12% da superfície terrestre, porém só tem 6% da população mundial. Une-se à América Central, ao norte, pelo istmo do Panamá e separa-se da Antártica pelo estreito de Drake. Tem uma extensão de 7 400 km desde o mar do Caribe até o cabo Horn, ponto extremo sul do continente. Os outros pontos extremos da América do Sul são: ao norte a Punta Gallinas, na Colômbia, ao leste a Ponta do Seixas, no Brasil, e a oeste a Punta Pariñas, no Peru. Seus limites naturais são: ao norte com o mar do Caribe; a leste, nordeste e sudeste com o oceano Atlântico; e a oeste com o oceano Pacífico.

No século XIX, o continente recebeu cerca de 15 milhões de imigrantes provenientes da Europa, e sofreu influências culturais e ideológicas tanto dos Estados Unidos quanto da Europa. A rápida urbanização superou a oferta de emprego e moradia. Como esforço para estimular o comércio e a produção, formaram-se grupos econômicos como a Associação Latino-Americana de Livre Comércio (ALALC) (1960) e a Associação Latino-Americana de Integração (ALADI) (1981). (leia mais...)



Ilustração de uma andorinha-das-chaminés por Louis Agassiz Fuertes, do Segundo Livros de Pássaros, 1901.

Andorinha-das-chaminés (nome científico: Hirundo rustica) é uma pequena ave migratória pertencente à família das andorinhas (Hirundinidae). É a espécie de andorinha mais amplamente distribuída no mundo, podendo ser encontrada na Europa, África, Ásia, Américas e norte da Australásia. É a única espécie do gênero Hirundo cuja área de distribuição geográfica inclui as Américas, com a maioria das espécies desse gênero sendo nativas da África.

Alimenta-se exclusivamente de insetos, que captura em pleno voo, pelo que migra para climas com abundância de insetos voadores. Tem a parte superior da cabeça e do corpo azuladas, uma cauda comprida profundamente bifurcada e asas curvadas e pontiagudas. Pode ser encontrada tanto em campo aberto como em aldeias e vilas. Constrói ninhos fechados em forma de taça com lama e palha em celeiros, estábulos ou outros locais semelhantes, por vezes em colônias. A sua proximidade ao homem é de forma geral tolerada devido aos seus hábitos insetívoros; esta convivência foi reforçada no passado por superstições acerca da ave e do seu ninho. Existem numerosas referências literárias, culturais e religiosas à andorinha-das-chaminés, derivadas da sua presença junto do homem e da sua característica migração anual. (leia mais...)



Uma andorinha-dos-beirais (Delichon urbicum).

Andorinha-dos-beirais (nome científico: Delichon urbicum) é uma pequena ave migratória pertencente à família das andorinhas (Hirundinidae), estival na Europa (exceto Islândia), norte de África e regiões temperadas da Ásia, e invernal na África subsariana e Ásia tropical. Alimenta-se exclusivamente de insetos, que captura em pleno voo, pelo que migra para climas com abundância de insetos voadores. Tem a cabeça e a parte superior do corpo preto-azuladas, contrastando com o branco do uropígio e da parte inferior do corpo.

Pode ser encontrada tanto em campo aberto como em zonas habitadas pelo homem. Constrói ninhos fechados em forma de taça com lama e palha sob os beirais dos edifícios ou locais semelhantes, normalmente em colónias. A sua proximidade ao homem é, de forma geral, tolerada devido aos seus hábitos insetívoros, conduzindo a diversas referências literárias e culturais. Apesar de se encontrar em declínio na Europa, possui uma grande área de distribuição geográfica e uma grande população global, pelo que não se considera que se encontre globalmente ameaçada. (leia mais...)



Esquema mostrando o sistema de anéis joviano.

Os anéis de Júpiter são um sistema de anéis que circunda o planeta Júpiter. Foi o terceiro sistema de anéis planetários a ser descoberto no Sistema Solar, após os anéis de Saturno e os de Urano e foi observado pela primeira vez durante a visita da sonda espacial Voyager I em 1979. Em 1995, os anéis foram estudados de maneira mais aprofundada pela sonda espacial Galileu. Os anéis têm sido observados desde a sua descoberta pelo telescópio espacial Hubble e por telescópios situados na Terra, apesar da dificuldade em observá-los a partir da superfície terrestre.

O sistema de anéis é formado por quatro partes, sendo a mais interna a mais espessa e com forma de toróide (anel halo); a segunda, o anel principal, o mais visível e também o mais estreito; e, depois, os dois largos anéis gossamer, um associado à lua Adrasteia, e o outro à Tebe. A cor do anel principal no espectro visível é o vermelho, exceto pelo anel mais interno, que possui cor neutra ou azulada. A massa total do sistema de anéis (incluindo corpos inclusos não visíveis) é cerca de 1016 kg, comparável à massa de Adrasteia. A idade dos anéis é desconhecida, mas sabe-se que o material que os forma é constantemente renovado e pode estar presente desde a formação de Júpiter. (leia mais...)



O navio de Shackleton, Endurance, preso no gelo durante a expedição de 1914.

A AntárticaPB ou AntárcticaPE é o mais meridional dos continentes e um dos menores, com catorze milhões de quilómetros quadrados. Rodeia o Pólo Sul, e por esse motivo está quase completamente coberto por enormes geleiras (glaciares), excepção feita a algumas zonas de elevado declive nas cadeias montanhosas e à extremidade norte da Península Antártica. A sua formação deu-se pela separação do antigo supercontinente Gondwana e o seu resfriamento aconteceu nos últimos 40 milhões de anos.

Devido à baixa precipitação no interior, pode ser considerada o maior deserto do planeta. Como tal, apenas espécies muito adaptadas como pinguins e musgos conseguem sobreviver.

Juridicamente, a Antártica está sujeita ao Tratado da Antártica, pelo qual as várias nações que reivindicavam territórios no continente (Argentina, Austrália, Chile, França, Noruega, Nova Zelândia e Reino Unido) concordam em suspender as suas reivindicações, abrindo o continente à exploração científica.

Por esse motivo, e pela dureza das condições climáticas, a Antártica não tem população permanente, embora tenha uma população residente de cientistas e pessoal de apoio nas bases polares, que oscila entre o milhar (no inverno) e os quatro milhares de pessoas (no verão).


Leia o artigo completo...

Aquário tropical de água doce de biótopo amazônico

Um aquário é um recipiente capaz de conter água possuindo pelo menos uma de suas paredes feita de algum material transparente, geralmente vidro ou acrílico. Além disso, é dotado dos componentes mecânicos que tornam possível a recriação de ambientes subaquáticos de água doce, do mar ou salobra e a manutenção de formas de vida correspondentes a estes ambientes, como peixes, invertebrados, plantas etc. Os aquários mais básicos são de planta retangular, composta por paredes de vidro coladas com silicone neutro.

O antigo conceito de aquário, como sendo uma simples bola de vidro com uma abertura circular em cima e fundo plano, na qual se mantinham peixinhos coloridos em água, foi largamente superado. As condições ambientais não eram, neste caso, controladas e, para manter os animais vivos, a água tinha de ser trocada em períodos regulares por água limpa e sem cloro, por não possuírem nenhum sistema técnico de depuração.

Leia o artigo completo...

Herodium from above 2.jpg

A arqueologia bíblica é uma ciência social que faz parte da arqueologia especializada em estudos dos restos materiais relacionados direta ou indiretamente com os relatos bíblicos e com a história das religiões judaico-cristãs. A região mais estudada pelas ciências arqueológicas, na perspectiva ocidental, é a denominada Terra Santa, localizada no Médio Oriente.

Os principais elementos da arqueologia bíblica são, em sua maioria, referências teológicas e religiosas, sendo considerada uma ciência em toda a sua dimensão metodológica. Assim como se dá com os registros históricos de outras civilizações, os manuscritos descobertos devem ser comparados com outras sociedades contemporâneas da Europa, Mesopotâmia e África.

As técnicas científicas empregadas são as mesmas da arqueologia em geral, com escavações e datação radiométrica, entre outras. Em contraste, a arqueologia do antigo Médio Oriente é mais ampla e generalizada, tratando simplesmente do Antigo Oriente sem tentar estabelecer uma relação específica entre as descobertas e a Bíblia.

Leia o artigo completo...

Arquitectura de Espanha (ou arquitetura da Espanha) refere-se à arquitetura existente no que atualmente é o território espanhol e à realizada por arquitetos espanhóis no mundo. Devido à amplitude temporal e geográfica que tem a história da Espanha, a arquitetura espanhola teve múltiplas fontes de influências e manifestações.

Mesmo antes dos povos que puderam escrever suas histórias, antes mesmo das fontes romanas (como os iberos, celtiberos, cantabros, entre outros), existiam na Península Ibérica vestígios de formas arquitetônicas comparáveis a outros exemplos das culturas mediterrâneas e semelhantes aos do norte europeu.

Um autêntico desenvolvimento ocorreu com a chegada dos romanos, que deixaram ali alguns de seus monumentos mais impressionantes, na Hispânia. A invasão dos visigodos implica uma profunda decadência em relação às técnicas romanas, mas também no aporte de técnicas construtivas mais austeras, de cunho religioso, assim como ocorreu no resto do antigo império. A invasão muçulmana no ano 711 traz uma mudança radical nos oito séculos seguintes e levou a grandes avanços na cultura, incluindo a arquitetura. Córdoba, capital da dinastia omíada e Granada, da Nasrida, foram centros culturais de extraordinária importância.

Leia o artigo completo...



Arquitectura desconstrutivista (português europeu) ou arquitetura desconstrutivista (português brasileiro), também chamada de movimento desconstrutivista ou simplesmente desconstrutivismo ou desconstrução, é uma linha de produção arquitetônica pós-moderna que começou no fim dos anos 80. Ela é caracterizada pela fragmentação, pelo processo de desenho não linear, por um interesse pela manipulação das idéias da superfície das estruturas ou da aparência, pelas formas não-retilíneas que servem para distorcer e deslocar alguns dos princípios elementares da arquitetura, como a estrutura e o envoltório (paredes, piso, cobertura e aberturas) do edifício.

A aparência visual final dos edifícios da escola desconstrutivista caracteriza-se por um caos controlado e por uma estimulante imprevisibilidade. Tem sua base no movimento literário chamado desconstrução. O nome também deriva do construtivismo russo que existiu durante a década de 1920 de onde retoma alguma de sua inspiração formal.

Entre alguns dos importantes eventos históricos do movimento desconstrutivista estão o concurso internacional parisiense do Parc de la Villette (especialmente as participações de Jacques Derrida, Peter Eisenman e o primeiro colocado, Bernard Tschumi), a exposição de 1988 do Museu de Arte Moderna (MoMA) de Nova Iorque Deconstructivist Architecture, organizada por Philip Johnson e Mark Wigley, e a inauguração em 1989 do Wexner Center for the Arts em Columbus, Ohio, projetado por Peter Eisenman.

Leia o artigo completo...



Representação de uma Árvore de busca binária

Em ciência da computação, a árvore de busca binária ou árvore de pesquisa binária é uma árvore binária onde todos os nós são valores, todos nós à esquerda contêm uma subárvore com os valores menores ao nó raiz da subárvore e todos os nós da subárvore à direita contêm somente valores maiores ao nó raiz. (Esta é a forma padrão, podendo serem invertidas as subárvores, dependendo da aplicação). Os valores são relevantes na árvore de busca binária. O objetivo desta árvore é estruturar os dados de forma flexível, permitindo pesquisa binária.

Leia o artigo completo...




As Aventuras de Tintim (Les aventures de Tintin, em francês) é o título de uma série de histórias em quadrinhos (banda desenhada, em Portugal) criada pelo autor belga Georges Prosper Remi, mais conhecido como Hergé. Localizadas em um mundo meticulosamente examinado que muito tem em comum com o nosso, As Aventuras de Tintim apresentam vários personagens em cenários distintos. As séries foram as favoritas dos leitores e também dos críticos por mais de 70 anos.

O herói das séries é o personagem epônimo Tintim, um jovem repórter e viajante belga. Ele é auxiliado em suas aventuras desde o começo por seu fiel cão Milu (Milou, em francês). Os dois apareceram pela primeira vez em 10 de janeiro de 1929, no Le Petit Vingtième, um suplemento do jornal Le Vingtième Siècle destinado aos jovens. Mais tarde, o elenco foi expandido com a adição do Capitão Haddock e outros personagens pitorescos.

Esta série de sucesso era publicada em semanários e, ao término de cada história, os quadrinhos eram reunidos em livros (23 no total, em 2008). Ela ganhou uma revista própria de grande tiragem (Le Journal de Tintin) e foi adaptada para versões animadas, para o teatro e para o cinema. As séries são uma das histórias em quadrinhos européias mais populares do século XX, sendo traduzidas para mais de 50 línguas e tendo mais de 200 milhões de cópias vendidas.

Leia o artigo completo...



USSArizona PearlHarbor.jpg

A Marinha Imperial Japonesa efectuou o seu ataque a Pearl Harbor na manhã de 7 de Dezembro, 1941. O ataque surpresa em Pearl Harbor, Oahu, Havai, foi executado contra a frota do Pacífico da Marinha dos Estados Unidos da América e a suas forças de defesas, o corpo aéreo do Exército, e a força aérea da Marinha. O ataque danificou ou destruiu 11 navios de guerra, 188 aviões, e matou 2403 militares americanos e 68 civis.

O Almirante Yamamoto Isoroku planeou o ataque, comandado pelo Vice-almirante Chuichi Nagumo, que perdeu 64 pilotos, como o início da campanha do Pacífico na Segunda Guerra Mundial. Três porta-aviões da frota do Pacífico não se encontravam no porto, pelo que não foram danificados, tal como os depósitos de combustível e outras instalações. Utilizando estes recursos a Marinha foi capaz de, em 6 meses a 1 ano, reconstruir a frota. O ataque ficou conhecido como Bombardeamento de Pearl Harbor e Batalha de Pearl Harbor, mas o nome mais comum é Ataque a Pearl Harbor ou simplesmente Pearl Harbor.


No detalhe as coronárias esquerda e direita e suas respectivas áreas de irrigação.

A aterosclerose coronariana é caracterizada pelo estreitamento dos vasos que suprem o coração em decorrência do espessamento da camada interna da artéria devido ao acúmulo de placas. A irrigação do coração é denominada circulação coronariana. São duas as artérias principais: a coronária direita e a coronária esquerda. É uma doença que se evidenciou, basicamente, após a Revolução Industrial, devido à transformação de uma sociedade de estrutura basicamente rural, condicionada ao trabalho pesado e fisicamente ativa em uma população urbana, acostumada a um maior conforto, porém com alto índice de sedentarismo. A cardiopatia coronariana é a doença mais comum na sociedade americana atual. Mais de um milhão de estado-unidenses sofrem um infarto e mais de meio milhão morrem anualmente; no Brasil são cerca de 300 a 350 mil infartos anuais.

Leia o artigo completo...



Aurora boreal no Alasca

Uma aurora polar é um fenômeno óptico composto de um brilho observado nos céus noturnos em regiões próximas a zonas polares, em decorrência do impacto de partículas de vento solar no campo magnético terrestre. Em latitudes do hemisfério norte é conhecida como aurora boreal, nome batizado por Galileu Galilei, em referência à deusa romana do amanhecer Aurora e ao Titã representante dos ventos Bóreas. Ocorre normalmente nas épocas de setembro a outubro e de março a abril. Em latitudes do hemisfério sul é conhecida como aurora austral, nome batizado por James Cook, uma referência direta ao fato de estar ao Sul.

O fenômeno não é exclusivo somente à Terra, sendo também observável em outros planetas do sistema solar como Júpiter, Saturno, Marte e Vênus. Da mesma maneira, o fenômeno não é exclusivo da natureza, sendo também reproduzível artificialmente através de explosões nucleares ou em laboratório.

A aurora aparece tipicamente tanto como um brilho difuso quanto como uma cortina estendida em sentido horizontal. Algumas vezes são formados arcos que podem mudar de forma constantemente. Cada cortina consiste de vários raios paralelos e alinhados na direção das linhas do campo magnético, sugerindo que o fenômeno no nosso planeta está alinhado com o campo magnético terrestre. Da mesma forma a junção de diversos fatores pode levar à formação de linhas aurorais de tonalidades de cor específicas.

Leia o artigo completo...

Entrada para Auschwitz II (Birkenau), o acampamento de exterminação principal. Foto de 2002.

Auschwitz é o nome de um grupo de campos de concentração na Polônia a 60 km de Cracóvia construídos no contexto do Holocausto.

A partir de 1940 foram construídos vários campos de concentração e um campo de extermínio nesta área, que tinha na altura sido anexada pela Alemanha nazista. Houve três campos principais e trinta e nove campos subordinados. Os três campos principais eram:

  • Auschwitz I - Campo de concentração original que servia de centro administrativo para todo o complexo. Neste campo morreram perto de 70.000 intelectuais poloneses e prisioneiros de guerra soviéticos.
  • Auschwitz II (Birkenau) - Era um campo de extermínio onde morreram aproximadamente um milhão de judeus e perto de 19.000 ciganos.
  • Auschwitz III (Monowitz) - Foi utilizado como campo de trabalho escravo para a empresa IG Farben.

O número total de mortes produzidas em Auschwitz está ainda em debate, mas se estima que entre um milhão e um milhão e meio de pessoas morreram ali.


Baldomero Espartero

Joaquín Baldomero Fernández Espartero Álvarez de Toro (Granátula de Calatrava, Ciudad Real, 27 de fevereiro de 1793Logroño, 8 de janeiro de 1879) foi um militar e político espanhol. Era conde de Luchana, duque de Victoria, duque de Morella, visconde de Banderas e príncipe de Vergara.

Seu pai havia encaminhado sua formação para um destino eclesiástico, mas a Guerra Peninsular arrastou-o, desde muito jovem, às frentes de batalha, que não abandonou até vinte e cinco anos depois. Foi combatente em três dos quatro conflitos mais importantes da Espanha no século XIX. Foi soldado na guerra contra a invasão francesa, oficial durante a guerra colonial no Peru e general durante a Primeira Guerra Carlista. Em Cádiz aderiu ao liberalismo espanhol, senda que jamais abandonaria. Um homem extremamente duro no tratamento com as pessoas, valorizando a lealdade de seus companheiros de armas — termo que os outros generais não gostavam de ouvir —, tanto como a eficácia. Combatia na primeira linha, tendo sido ferido em oito ocasiões. Seu caráter altivo e exigente levou-o a cometer excessos, em algumas situações muito sangrentos, na disciplina militar. Convencido de que seu destino era governar os espanhóis, foi por duas vezes Presidente do Conselho de Ministros e chegou a chefiar o Estado como Regente durante a menor-idade de Isabel II. Foi o único militar espanhol a ser tratado por Alteza Real e, apesar de todas suas contradições, soube passar despercebido seus últimos 28 anos. Recusou a Coroa Espanhola e foi tratado como uma lenda desde bem jovem.

O mais novo de oito irmãos, era filho de um fabricante de carroças e pequeno fazendeiro que provinha de linhagem nobre. Três de seus irmãos eram padres e uma irmã, freira clarissa. Em Granátula, estudou latim e humanidades. Cursou seus primeiros estudos oficiais no Seminário de Almagro, onde residia um de seus irmãos, da ordem dos dominicanos, e obteve o título de Bacharel em Arte e Filosofia. Almagro contava com sua própria Universidade desde 1553 concedida por ordem expressa do rei Carlos I e era uma cidade muito ativa e próspera. Seu pai desejava para Espartero uma formação eclesiástica, mas o destino descartou essa possibilidade.

Leia o artigo completo...

Uma baleia-comum nadando em águas do Alasca.

A baleia-comum (nome científico: Balaenoptera physalus) é um mamífero marinho que pertence à família dos balenopterídeos, da ordem dos cetáceos. É o segundo maior animal existente, depois da baleia-azul, podendo atingir um comprimento de até 27 metros. Longo e esguio, o corpo da baleia-comum é cinza-amarronzado e sua parte inferior é esbranquiçada. Existem ao menos duas subespécies distintas: a baleia-comum-do-norte, encontrada no Atlântico Norte, e a baleia-comum-antártica do Oceano Antártico. É encontrada em todos os principais oceanos, das águas polares às tropicais. A espécie está ausente somente nas águas próximas aos blocos de gelo dos polos norte e sul e áreas relativamente pequenas de águas afastadas do alto-mar. A maior densidade populacional da baleia-comum ocorre em águas frias e temperadas.

Sua alimentação consiste de pequenos cardumes de peixe, lulas e crustáceos como os misidáceos e o krill. Assim como todas as outras grandes baleias, a baleia-comum foi caçada em larga escala durante o século XX e está listada entre as espécies ameaçadas de extinção. A Comissão Baleeira Internacional (CBI) obteve uma moratória para a pesca comercial dessa baleia, embora países como a Islândia, Noruega e Japão ainda continuem a caça em determinadas épocas do ano. (leia mais...)



Baleia-jubarte.

A baleia-jubarte (Megaptera novaeangliae), também conhecida como baleia-preta, baleia-corcunda, baleia-xibarte, baleia-cantora ou baleia-de-bossa, é um mamífero marinho da ordem dos cetáceos que vive em mares do mundo todo.

Os machos da espécie medem de 15 a 16 metros; as fêmeas, de 16 a 17. O peso médio é de aproximadamente 40 toneladas, sendo que o maior exemplar já visto possuía 19 metros.

É uma espécie protegida desde 1967 e, em 2008, as estimativas do número de indivíduos variam dos 30 000 aos 65 000 exemplares.

São reconhecidas facilmente graças a numerosos sinais. Possuem a parte superior totalmente negra, parte inferior branca ou um pouco mais escura. A cabeça e mandíbula inferior estão recobertas de pequenas protuberâncias características da espécie, chamadas de tubérculos cefálicos, ou dérmicos, que na realidade são folículos pilosos.

A cauda possui manchas negras e brancas visíveis quando o animal submerge, e as ondulações da sua parte posterior e os desenhos em suas barbatanas caudais (próprias de cada exemplar) são utilizadas para identificação.

Quando a baleia emerge, expulsa o ar de seus pulmões, formando uma nuvem de até três metros. O ar quente proveniente dos pulmões condensa imediatamente em contato com o ar frio. A barbatana dorsal, achatada, aparece fora da água após este movimento respiratório e permanece visível até que a barbatana caudal desapareça.

Leia o artigo completo...

Bandeira da Índia.

A Bandeira Nacional da Índia foi aprovada na sua forma atual durante uma reunião ad hoc da Assembleia Constituinte realizada em 22 de julho de 1947, vinte e dois dias antes da independência indiana do Império Britânico em 15 de agosto. Ela foi usada como bandeira nacional do Domínio da Índia entre 15 de agosto de 1947 e 26 de janeiro de 1950 e, logo após, da República da Índia. Na Índia, o termo "tricolor" quase sempre é utilizado para referir-se a sua bandeira nacional.

A bandeira nacional, adotada em 1947, baseia-se na do Congresso Nacional Indiano, desenhada por Pingali Venkayya. A bandeira é um tricolor horizontal: "açafrão escuro" no topo, branco no meio e verde na parte inferior. No centro, há uma roda azul-marinho com vinte e quatro raios, conhecida como Ashoka Chakra, extraída do Capitel do Leão de Asoca erguido em cima do Pilar de Asoca em Sarnath. O diâmetro desse Chacra é três-quartos da altura da faixa branca. A relação da largura da bandeira para o seu comprimento é 2:3. Ela é também a bandeira de guerra do exército da Índia, hasteada diariamente em instalações militares indianas. (leia mais...)



Bandeira do México

A Bandeira do México é uma tricolor vertical com verde, branco e vermelho com o brasão nacional do México colocado no centro da faixa central. Apesar do significado das cores ter mudado com o tempo, estas três cores foram adoptadas pelo México logo após a conquista da independência relativamente à Espanha. A bandeira actual foi adoptada em 1968, mas o desenho global tem sido usado desde 1821 quando foi criada a primeira bandeira do México. A actual lei dos símbolos nacionais, que regulamenta o uso da bandeira mexicana encontra-se em vigor desde 1984.

Ao longo da história, a bandeira sofreu quatro alterações, com várias modificações no desenho do brasão de armas e nas proporções entre comprimento e largura. No entanto, o brasão de armas tem mantido ainda assim as suas principais características: uma águia segurando uma serpente entre as suas garras, encontra-se pousada num cacto; o cacto encontra-se sobre uma rocha que se ergue no meio de um lago. A actual bandeira nacional do México, é também usada como pavilhão nacional pelos navios registados no país.

Leia o artigo completo...

Batalha de Stalingrado (pt/br) ou Batalha de Estalinegrado (pt/pt) foi o nome da operação militar conduzida pelos alemães e seus aliados contra as forças russas pela posse da cidade de Stalingrado, às margens do rio Volga, na antiga União Soviética, entre 17 de julho de 1942 e 2 de fevereiro de 1943, durante a II Guerra Mundial. A batalha foi o ponto de virada na frente leste da guerra, marcando o limite da expansão alemã no território soviético e é considerada a maior e mais sangrenta batalha de toda a História, causando a morte e ferimentos em cerca de 1,5 milhão de soldados e civis.

Marcada por sua extrema brutalidade e desinteresse pelas perdas militares e civis de ambos os lados, a ofensiva alemã sobre a cidade de Stalingrado, a batalha dentro da cidade e a contra-ofensiva soviética que cercou e destruiu todo o 6º Exército alemão e outras forças do Eixo, foi a segunda derrota em larga escala da Alemanha nazista na II Guerra Mundial e a mais decisiva; a partir daí, a ofensiva passou totalmente para as mãos dos soviéticos até a vitória final contra o Terceiro Reich, em 8 de maio de 1945.

Em 22 de junho de 1941, a Alemanha e os seus aliados do Eixo invadiram a União Soviética, na chamada Operação Barbarossa, avançando lentamente para dentro de território soviético. Sofrendo derrota após derrota no verão e no inverno de 1941, as forças soviéticas contra-atacaram em larga escala nos portões da capital do país, na chamada Batalha de Moscou, iniciada a 5 de dezembro de 1941.

Leia mais...

Batalha do Monitor e do Merrimack, por Kurz and Allison.

A Batalha de Hampton Roads, popularmente conhecida como "Batalha do Monitor e do Merrimack", foi uma batalha naval ocorrida durante a Guerra de Secessão norte-americana no dia 9 de março de 1862. A batalha aconteceu em frente ao Sewell's Point, um promontório perto da boca do canal de Hampton Roads (Virgínia), sendo esta foz a única saída das águas que alimentam o canal até a baía de Chesapeake e a mar aberto.

No início da guerra, as forças unionistas se viram obrigadas a evacuar Norfolk, na Virgínia — ao sul do canal — e incendiaram seus navios para que não caíssem nas mãos da Confederação. Um desses barcos foi recuperado pelos confederados, rebatizado como CSS Virginia e recoberto com chapas de ferro, transformando-se no primeiro navio de guerra couraçado norte-americano que entrou para o combate. Em 8 de março de 1862, partiu desde Sewell's Point, em Hampton Roads, para romper o bloqueio dos barcos da União, vários dos quais tendo sido destruídos pelo "Virginia". No dia seguinte, entrou em combate com o USS Monitor, um couraçado recém-construído pela União.

Ainda que o próprio combate não tenha arrojado um saldo claramente a favor de nenhum dos grupos, foi um marco para a história naval, ao constituir o primeiro confronto entre dois navios de guerra autopropulsados e blindados, que, mais adiante, seriam conhecidos como couraçados — anteriormente, praticamente todos os navios de guerra eram construídos com madeira. Posteriormente, a guerra naval e a construção de barcos mudaram radicalmente. Os distintos países iniciaram uma carreira que converteria suas frotas de madeira em frotas de ferro, já que os couraçados haviam demonstrado ser superiores aos navios de guerra de madeira, para resistir ao fogo de artilharia.

Leia o artigo completo...



O USS Yorktown sendo atingido por aviões japoneses.

A Batalha de Midway foi uma batalha aeronaval travada em junho de 1942 no Oceano Pacífico entre as forças dos Estados Unidos e do Japão durante a Segunda Guerra Mundial, seis meses depois do ataque japonês a Pearl Harbor, que marcou o início da Guerra do Pacífico.

O resultado da batalha foi uma decisiva e crucial vitória para os norte-americanos, lembrada como o mais importante confronto naval da Segunda Guerra, marcando o ponto de virada no conflito e causando aos japoneses a perda de quatro porta-aviões e um cruzador da sua frota, além de duzentos pilotos navais, na frustrada tentativa de invadir e ocupar o atol de Midway, enfraquecendo permanentemente sua capacidade de combate no mar e no ar e lhes retirando a iniciativa militar pelo resto da guerra.

Leia o artigo completo...



Soldados japoneses mortos durante o assalto às posições aliadas junto à barra do rio Ilu.

A Batalha do Tenaru foi uma batalha terrestre, travada em 21 de agosto de 1942 na ilha de Guadalcanal, entre o Império do Japão e as forças aliadas (maioritariamente fuzileiros norte-americanos), no âmbito da Guerra do Pacífico na Segunda Guerra Mundial. Na batalha, as forças aliadas, comandadas pelo major-general Alexander Vandegrift do Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos da América, repeliram com sucesso um assalto noturno às suas posições junto a Henderson Field, um aeródromo que havia sido capturado pelas forças aliadas durante os desembarques na ilha em 7 de agosto, levado a cabo por forças comandadas pelo coronel Kiyonao Ichiki do Exército Imperial Japonês, que haviam sido enviadas para Guadalcanal com a missão de recapturar Henderson Field e expulsar as forças aliadas da ilha.

A Batalha do Tenaru foi a primeira de três grandes ofensivas terrestres japonesas durante a Campanha de Guadalcanal. Após a batalha, os japoneses perceberam que a força aliada na ilha era muito maior do que o que tinham estimado, e enviaram forças mais numerosas nas suas posteriores tentativas de reconquistar Henderson Field. (leia mais...)



Benjamin Abrahão In: Correio do Ceará, por Ary Bezerra Leite.

Benjamin Abrahão Botto (Zahlé, Líbano, c. 1870Serra Talhada, 10 de maio de 1938) foi um fotógrafo sírio-libanês-brasileiro, responsável pelo registro iconográfico do cangaço e de seu líder, Virgulino Ferreira da Silva – o Lampião. A fim de fugir à convocação obrigatória para lutar no exército britânico, migrou para o Brasil em 1915. Foi comerciante (mascate) de tecidos e outros produtos típicos nordestinos, primeiro em Recife, depois para Juazeiro do Norte, atraído pela grande freqüência de romeiros.

Abrahão foi secretário do Padre Cícero, e conheceu o cangaceiro Lampião em 1926, quando este foi até Juazeiro do Norte a fim de receber a bênção do célebre vigário e a patente de capitão, para auxiliar na perseguição da Coluna Prestes, uma vez que não se encontrou com Lampião em 1924, quando de outra de sua visita à cidade, apesar de lá se encontrar.

A nomeação fora feita, a mando do padre, pelo funcionário federal Pedro de Albuquerque Uchoa, segundo uma autorização dada ao deputado Floro Bartolomeu pelo próprio presidente Artur Bernardes – ordem que não foi respeitada nos demais estados, resultando que Lampião e seu bando jamais efetuaram perseguição a Prestes. Em 1929, Abrahão fotografou o líder cangaceiro ao lado do padre. (leia mais...)



Bifrenaria atropurpurea.

Bifrenaria é um gênero botânico de orquídeas, ou seja, pertencente à família Orchidaceae, composto por cerca de vinte espécies originárias da América do Sul. Algumas de suas espécies são muito difundidas e bastante cultivadas pelos orquidófilos, principalmente pela abundância de suas vistosas flores que, por sua constituição espessa e disposição na inflorescência, à primeira vista podem ser tomadas por plantas artificiais feitas em cera. As Bifrenaria são cultivadas apenas por colecionadores de orquídeas e institutos de pesquisa botânica, pois não existem utilidades conhecidas para suas espécies a não ser o uso ornamental.

Apesar de agrupar poucas espécies, existem dois grupos de plantas claramente distintas classificadas em Bifrenaria: um de plantas muito robustas e flores grandes, que é o grupo mais antigo de espécies classificadas com este nome; outro de plantas mais delicadas e flores pequenas ocasionalmente denominadas Stenocoryne ou Adipe; além de duas outras espécies que neste gênero encontram-se normalmente classificadas, mas que análises moleculares indicam pertencer a grupos diferentes. São elas a Bifrenaria grandis, endêmica da Bolívia, que muitos classificam como Lacaena grandis, e a Bifrenaria steyermarkii, do norte da Amazônia, a qual ainda não apresenta alternativa de classificação. (leia mais...)



Blender 2.44-splash.png

Blender (ou blender3D) é um programa de computador de código aberto, desenvolvido pela Blender Foundation, para modelagem, animação, texturização e renderização de modelos tridimensionais e criação de aplicações interativas em 3D, tais como jogos, apresentações e outros. Possui motor de jogo integrado especial para produção de jogos, o Game Blender. Está disponível sobre uma licença dupla: BL / GNU General Public License.

A aplicação está disponível para diversos sistemas operacionais, incluindo Microsoft Windows, Linux, Mac OS X, Solaris, FreeBSD, IRIX, Darwin, BeOS e iPAQ. Blender implementa funcionalidades robustas, similares às de outros programas proprietários 3D, tais como Maya, Softimage XSI, 3ds Max e Cinema 4D. Estas características incluem avançadas ferramentas de simulação, tais como: rigid body dynamics (dinâmica rígida de corpos), fluid dynamics (dinâmica de fluidos), e soft body dynamics (dinâmica de corpos macios); avançadas ferramentas de modelagem; ferramentas de animação de personagens e sistema de materiais baseados em nós (Node Materials).

Leia o artigo completo...

Mapa medieval da cidade

Braga é das mais antigas cidades portuguesas e uma das cidades cristãs mais antigas do mundo, fundada no tempo dos romanos como Bracara Augusta, conta com mais de 2000 anos de História como cidade. Situada no Norte de Portugal, mais propriamente no Vale do Cávado, Braga possui cerca de 171 mil habitantes, sendo o centro da Grande Área Metropolitana do Minho, com cerca 800 mil habitantes.

É uma cidade cheia de cultura e tradições, jovem e dinâmica, onde a História e a religião vivem lado a lado com a indústria tecnológica e a vida boémia universitária.

Na gíria popular é conhecida como:

A "Cidade dos Arcebispos", este título deve-se ao facto de durante séculos o seu Arcebispo ser o mais importante da Península Ibérica, aliás ainda é o detentor do velho título de Primaz das Espanhas.

A "Roma Portuguesa", no século XVI o Arcebispo D. Diogo de Sousa, influenciado pela sua visita à cidade de Roma, desenha uma nova cidade onde as praças e igrejas abundam tal como em Roma. A este título está também associado o facto de existirem inúmeras igrejas por km² em Braga. É, ainda, considerada como o maior centro de estudos religiosos em Portugal

A "Cidade Barroca", durante o século XVIII o arquitecto André Soares transforma a cidade de Braga no Ex-Libris do Barroco em Portugal.

A "Cidade Romana", esta designação provém do facto de no tempo dos romanos ser a maior e mais importante cidade situada no território onde seria Portugal. Ausónio, ilustre letrado de Bordéus e perfeito da Aquitânia, incluiu Bracara Augusta entre as grandes cidades do Império Romano.

A "Capital do Minho" ou o "Coração do Minho", por estar localizada no centro desta província. Braga reúne um pouco de todo o Minho e todo o Minho tem um pouco de Braga.

A "Cidade dos Três Sacro-Montes", os três Sacro-Montes são santuários e situam-se a Sudeste da cidade numa cadeia montanhosa, e são pela ordem Este a Sul: O Bom Jesus, Sameiro e a Falperra (Sta. Maria Madalena e Sta. Marta das Cortiças).

A cidade está estritamente ligada a todo o Minho, a Norte situa-se o tradicional Alto Minho, a Este o Parque Nacional da Peneda-Gerês, a Sul as terras senhoriais de Basto e o industrial Ave e a Oeste o litoral marítimo Minhoto.

Leia o artigo completo...

Flag of Brazil.svg

Brasil, oficialmente República Federativa do Brasil, é o maior país da América do Sul e o quinto maior do mundo em área territorial (equivalente a 47% do território sul-americano) e população, com mais de 192 milhões de habitantes. É o único país falante da língua portuguesa na América e o maior país lusófono do mundo, além de ser uma das nações mais multiculturais e etnicamente diversas do planeta, resultado da forte imigração vinda de muitos países. Delimitado pelo oceano Atlântico a leste, o Brasil tem um litoral de 7 491 km. É limitado a norte pela Venezuela, Guiana, Suriname e pelo departamento ultramarino francês da Guiana Francesa; a noroeste pela Colômbia; a oeste pela Bolívia e Peru; a sudoeste pela Argentina e Paraguai e ao sul pelo Uruguai. Vários arquipélagos formam parte do território brasileiro, como Fernando de Noronha (o único destes habitado), Atol das Rocas, Arquipélago de São Pedro e São Paulo e Trindade e Martim Vaz. O país faz fronteira com todos os outros países sul-americanos, exceto Equador e Chile.

A economia brasileira é a maior da América Latina e do Hemisfério Sul, a sexta maior do mundo por PIB nominal e a sétima maior por paridade do poder de compra (PPC). Reformas econômicas deram ao país novo reconhecimento internacional, seja em âmbito regional ou global. O país é membro fundador da Organização das Nações Unidas (ONU), G20, Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), União Latina, Organização dos Estados Americanos (OEA), Organização dos Estados Ibero-americanos (OEI), Mercado Comum do Sul (Mercosul) e da União de Nações Sul-Americanas (Unasul), além de ser um dos países Bric. O Brasil também é o lar de uma diversidade de animais selvagens, ambientes naturais e de vastos recursos naturais em uma grande variedade de habitats protegidos. (leia mais...)



Bandeira de Brasília.

Brasília é a capital da República Federativa do Brasil e sua quarta maior cidade. Na última contagem realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2008, sua população foi estimada em 2 557 158 habitantes. Brasília também possui o segundo maior Produto interno bruto per capita do Brasil (34 510,00 reais) entre as capitais, superada apenas por Vitória (47 855,00 reais). Está situada na Região Centro-Oeste. Inaugurada em 21 de abril de 1960, pelo então presidente Juscelino Kubitschek, Brasília é a terceira capital do Brasil, as anteriores foram Salvador e Rio de Janeiro.

A transferência dos principais órgãos da administração pública federal para a nova capital foi progressiva, com a mudança das sedes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário federais. O plano urbanístico da capital, conhecido como "Plano Piloto", foi elaborado pelo urbanista Lucio Costa, que, aproveitando o relevo da região, o adequou ao projeto do Lago Paranoá, concebido em 1893 pela Missão Cruls. O lago armazena 600 milhões de metros cúbicos de água. Muitas das construções da Capital Federal foram projetadas pelo renomado arquiteto Oscar Niemeyer. (leia mais...)



Cururu

O Bufo marinus, conhecido como sapo-cururu ou cururu, é um sapo nativo das Américas Central e do Sul. Pertence ao gênero Bufo, que inclui centenas de espécies de sapos diferentes, distribuídas por várias regiões do mundo.

É um animal fértil devido ao grande número de ovos postos pelas fêmeas. Seu sucesso reprodutivo deve-se também, em parte, à variedade de alimentos que podem constituir a sua dieta, incomum entre os anuros, e que tanto inclui materiais vivos como mortos. Em geral, os adultos atingem de 10 a 15 centímetros de comprimento. O maior exemplar da espécie de que se tem notícia media 38 centímetros do focinho à cloaca e pesava 2,65 quilogramas.

O sapo-cururu possui grandes glândulas de veneno. Tanto os adultos como os girinos são altamente tóxicos quando ingeridos. Por causa do apetite voraz, foi introduzido em várias regiões do Oceano Pacífico e dos arquipélagos caribenhos como método de controle biológico de pragas, nomeadamente na Austrália, em 1935. Em inglês é conhecido como Cane Toad e, em espanhol, como Sapo de Caña ("sapo-da-cana" em ambas as línguas) por ter sido comumente usado no controle de pragas da cana-de-açúcar. Atualmente, é considerado uma praga em muitas das regiões onde foi introduzido, pois sua pele tóxica mata muitos predadores nativos quando ingerido, além de afetar animais domésticos e de estimação que os comem.

Leia o artigo completo...

Cachoeira do Sul é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul, sendo o quinto mais antigo do estado, emancipado da cidade de Rio Pardo e instalado em 1820. A origem de seu nome se deve a uma antiga cachoeira existente no Rio Jacuí, porém em seu lugar foi construída a Ponte do Fandango. É considerado uma das quatorze capitais farroupilhas.

Localiza-se na Mesorregião do Centro Oriental Rio-Grandense e na Microrregião de Cachoeira do Sul. Fisiograficamente, está na Depressão Central do Rio Grande do Sul, na área compreendida como Vale do Jacuí, além de ser a principal e maior cidade do Conselho Regional de Desenvolvimento do Jacuí Centro e da Diocese de Cachoeira do Sul.

Cachoeira ostenta o título de "Capital Nacional do Arroz". Em comemoração a isso, a cidade sedia a Feira Nacional do Arroz (Fenarroz), o maior evento orizícola das Américas e o segundo no mundo. O município também é o maior produtor de noz-pecã da América Latina. Possui diversos pontos turísticos dentre os quais pode-se citar o Château d'Eau (cartão-postal da cidade) e a Ponte do Fandango, primeira ponte-barragem construída no Brasil, sobre o Rio Jacuí.

Leia o artigo completo...

Índios da Aldeia Kamaiurá tocando flauta uruá (Noel Villas Bôas, 1998).

Os camaiurás constituem uma etnia indígena brasileira. Habitantes do Parque Indígena do Xingu, às margens da zona de confluência entre dois importantes rios da micro-bacia xinguana, os camaiurás pertencem ao grupo étnico e linguístico tupi-guarani, estando inseridos na zona cultural do Alto Xingu. Os camaiurás possuem um sistema tradicional caracterizado pela heterogeneidade, fruto do intenso processo de matrimônio intertribal e dos enérgicos laços de coesão que mantêm com outras sociedades indígenas do mesmo espaço geográfico.

Entre os indígenas do grupo, vigora um sistema de organização civil peculiar, caracterizado por um único complexo de imensas ocas comunitárias circularmente dispostas ao redor de um terreiro público. Tal espaço, formado a partir da convergência de quatro vias principais, destina-se à celebração dos ritos e tradições referentes à cosmologia do povo. As habitações, primordialmente constituídas por taquaras e palha, podem chegar a trinta metros de comprimento e abrigar várias famílias, segundo a ancestralidade que possuam. A sociedade, embora rigidamente patriarcal, não menospreza o papel feminino, encarregando as mulheres da tutela dos filhos, manutenção da ordem doméstica, plantio e colheita das raízes comestíveis e preparação dos alimentos, enquanto compete ao homem a obtenção proteica e a limpeza da roça na qual será plantada a mandioca. (leia mais...)



Camaleão.

A palavra camaleão (família Chamaeleonidae) refere-se a uma família de répteis escamados, e uma das mais conhecidas famílias de lagartos. Há cerca de oitenta espécies de camaleões, a maior parte delas na África, ao sul do Saara. Os camaleões são famosos por sua alegada habilidade em trocar de cor conforme o ambiente (de facto um mito), por sua língua rápida e alongada, e por seus olhos, que podem ser movidos independentemente um do outro.

O nome "Camaleão" significa "leão da terra", e é derivado das palavras gregas Chamai (na terra, no chão) e leon (leão). É um lagarto bastante antigo, já que há registros fósseis de camaleões desde períodos tão longínquos quanto o Terciário.


Praça Santos Dumont (conhecida popularmente como Praça do Avião)

Canoas é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul, pertencente à mesorregião Metropolitana de Porto Alegre e à microrregião de Porto Alegre. Foi emancipado das cidades de São Sebastião do Caí e Gravataí em 1939, e seu nome se origina da confecção de canoas em seu território.

O município possui o segundo maior PIB e a quarta maior população do estado, além de ser a 67ª cidade do Brasil com mais habitantes. Canoas atrai pessoas de outros municípios por causa de seu centro movimentado, das muitas indústrias e por ser um pólo de ensino com uma universidade e dois centros universitários.

O rápido desenvolvimento do município trouxe conseqüências negativas, como um grande deficit habitacional. A taxa de criminalidade é alta, embora bem menor do que de Porto Alegre e outras cidades da Região Metropolitana. Mesmo assim, o município continua crescendo devido ao esgotamento da capacidade habitacional de Porto Alegre e por oferecer alternativa imobiliária mais barata.

Leia o artigo completo...

As baleias-jubarte são muito conhecidas por seus cantos.

Canto das baleias é o nome dado ao som produzido por elas para se comunicarem. A palavra "canção" é usada particularmente para descrever o padrão de sons habituais e predizíveis produzidos por algumas espécies de baleias (particularmente a jubarte) de maneira muito semelhante às regras rítmicas em composições musicais feitas por humanos.

Os mecanismos utilizados para produzir som variam de uma família de cetáceos para outra. Mamíferos marinhos, como as baleias, golfinhos e marsuínos, dependem muito mais do som para comunicação e percepção do meio que os mamíferos terrestres, em razão de outros sentidos serem efetivamente limitados na vida submersa. A visão é limitada para os mamíferos marinhos pela forma como a água refrata a luz.

O olfato também é limitado, pelo fato de as moléculas dispersarem-se mais lentamente na água do que no ar, o que faz com que tal sentido seja menos efetivo. Além disso, a velocidade do som na água é aproximadamente quatro vezes maior do que na atmosfera ao nível do mar. Pelo fato de os mamíferos marinhos serem tão dependentes da escuta para se comunicar e alimentar, ambientalistas e cetologistas temem que eles sejam prejudicados pelo crescente barulho ambiente nos oceanos, causados por navios e levantamentos sísmicos marinhos.

Leia o artigo completo...



Logotipo do jogo Castlevania: Aria of Sorrow, da Konami.

Castlevania: Aria of Sorrow é um jogo eletrônico de ação e aventura desenvolvido e publicado pela Konami para o Game Boy Advance. Ele faz parte da série de videogames Castlevania e é o terceiro título lançado para o console portátil. O jogo foi lançado na América do Norte em 6 de maio de 2003 e no Japão no dia 8 de maio do mesmo ano. Apesar do Aria of Sorrow ter vendido pouco no Japão, totalizando aproximadamente 27 000 unidades após quase um mês de lançamento, ele foi um sucesso comercial nos Estados Unidos da América, com mais de 158 000 unidades vendidas após três meses de venda.

A história de Aria of Sorrow é parte do universo fictício da série Castlevania, onde é retratada a luta entre os caçadores de vampiros do clã Belmont e o lorde vampiro Drácula. O jogo se passa no ano 2035, quando o Conde Drácula foi derrotado, e seus poderes estão a ser transferidos para a sua reencarnação. O enredo foca-se nas aventuras de Soma Cruz, um aluno do ensino secundário que recebe poderes como resultado da morte de Drácula, e sua batalha contra aqueles que desejam adquirir tais poderes. (leia mais...)



Catalão no mapa do estado de Goiás.

Catalão é um município brasileiro do estado de Goiás. Localiza-se à latitude 18º09'57" sul e à longitude 47º56'47" oeste, estando a cidade à altitude de 835 metros. Sua população estimada em 2006 era de 71.680 habitantes. Possui área de 3778 km². Também dá nome ao distrito sede do município (os outros dois são Pires Belo e Santo Antônio do Rio Verde) e a uma microrregião do estado de Goiás, formada pelos municípios de Catalão, Ipameri, Ouvidor, Três Ranchos, Davinópolis, Goiandira, Cumari, Nova Aurora, Anhangüera e Corumbaíba.

Em 2007, Catalão apresenta o terceiro maior PIB do estado de Goiás e seus habitantes têm pelo menos a sexta maior renda per capita. A economia catalana encontra-se também entre as maiores em todos os setores da economia goiana: tem uma indústria forte, um setor de serviços e comércio bastante desenvolvidos, agropecuária produtiva e é a maior província mineral do estado de Goiás.

Leia o artigo completo...

Entrada principal na fachada a ocidente

A Catedral de Notre-Dame de Paris é uma das mais antigas catedrais francesas em estilo gótico. Dedicada a Maria, Mãe de Jesus Cristo (daí o nome Notre-Dame – Nossa Senhora), situa-se na praça Parvis, na pequena ilha Ile de la Cité em Paris, França, rodeada pelas águas do rio Sena.
A catedral surge intimamente ligada à ideia de gótico no seu esplendor, ao efeito claro das necessidades e aspirações da sociedade da altura, a uma nova abordagem da catedral como edifício de contacto e ascensão espiritual.


O Cerco de Malta - chegada da frota turca, Matteo Perez d' Aleccio.

O Cerco de Malta (também conhecido como o Grande Cerco de Malta) aconteceu em 1565, quando o Império Otomano quis conquistar a ilha estratégica, sede da Ordem de Malta.

Situada ao sul da Sicília e quase eqüidistante das costas líbias e tunisianas, controlava as rotas comerciais entre o Mediterrâneo Ocidental e Oriental, assim como as que uniam a península ibérica e o Norte da África. Dotada de excelentes portos naturais, a queda da ilha em mãos turcas teria tido conseqüências para a Europa cristã, tendo em conta a fraca resistência que algumas potências européias - envolvidas em conflitos de dimensão continental - apresentando, então o avanço do Islã conquistador, tanto dos turcos, como de tribos berberiscas.

O cerco é considerado um dos mais importantes na história militar e, no ponto de vista dos defensores, o mais bem sucedido. No entanto, ele não deve ser encarado como um acontecimento isolado, mas como o ponto culminante de uma escalada de hostilidades entre os impérios espanhol e otomano pelo controle do Mediterrâneo, escalada que incluiu um ataque prévio sobre Malta, em 1551, por parte do corsário turco Turgut Reis, e que, em 1560, havia suposto uma importante derrota da Armada Espanhola pelos turcos na batalha de Djerba.

É notável que para os ocidentais o Cerco de Malta seja um dos fatos mais importantes da Idade Moderna, enquanto que para os turcos tenha pouca importância. Esta diferença, parece, deve-se a duas razões, não necessariamente contraditórias entre si: o desenlace do cerco afetou, em profundidade, o Império Otomano, o qual resultou perdedor.

Leia o artigo completo...



Região da Amazônia, palco do ciclo da borracha.

O Ciclo da borracha constituiu uma parte importante da história econômica e social do Brasil, estando relacionado com a extração e comercialização da borracha. Este ciclo teve o seu centro na região amazônica, proporcionando grande expansão na colonização, atraindo riqueza e causando transformações culturais e sociais, além de dar grande impulso à cidade de Manaus, até hoje maior centro e capital do Estado do Amazonas. O ciclo da borracha viveu seu auge entre 1879 a 1912, tendo depois experimentado uma sobrevida entre 1942 a 1945.


Um ciclone extratropical no fim de seu ciclo de vida próximo à Islândia.

Ciclone extratropical é um fenômeno meteorológico caracterizado por fortes tempestades e ventos, que faz parte de uma família maior de fenômenos meteorológicos, a família dos ciclones. São definidos como sistemas de baixa pressão atmosférica de escala sinótica que ocorrem nas regiões de latitudes médias, onde constituem uma parte importante da circulação atmosférica ao contribuirem para o equilíbrio térmico das regiões equatoriais e das regiões polares. Um ciclone extratropical desenvolve-se através de gradientes, ou seja, diferenças de temperatura e de ponto de orvalho. A região onde ocorrem tais diferenças é conhecida como zona baroclínica. Os ciclones extratropicais obtêm sua energia por métodos diferentes daqueles usados por outros fenômenos ciclônicos, tais como ciclones tropicais e as baixas polares, permitindo a sua classificação como sistemas de "núcleo frio".

Estes ciclones são chamados de "extratropicais" porque se formam quase que exclusivamente fora das regiões tropicais, e também por se originarem de massas de ar de origem não-tropical. Estes sistemas também são chamados de "ciclones" devido a sua natureza ciclônica. No Hemisfério norte, os ciclones extratropicais giram em sentido anti-horário e, no Hemisfério sul, giram em sentido horário. (leia mais...)



Furacão Ivan visto da Estação Espacial Internacional, setembro de 2004. Fotografia da NASA feita por Edward Fincke.

Em meteorologia, um furacão (ou tempestade tropical, ou ciclone tropical, ou tornado) é um tipo de sistema de baixa-pressão que geralmente se forma nas regiões trópicas. Enquanto alguns, em áreas povoadas, são considerados como furacões altamente destrutivos, nos trópicos são uma parte importante do sistema de circulação atmosférico que move calor da região equatorial para as latitudes mais altas.

O vocábulo furacão tem origem no nome do deus Huracan, na maioria das línguas faladas na península do Iucatã na América Central, principalmente pelos Maias. Segundo a mitologia Maia o deus Huracan se incumbia da constante tarefa de destruir e reconstruir a natureza e, possivelmente por esta razão, foi associado às tormentas e tempestades. Os conquistadores espanhóis cooptaram a palavra para designar grandes tempestades e assim a transmitiram para outros idiomas.

Estruturalmente, um furacão é uma grande área giratória de nuvens e atividades de tempestade. A fonte de energia primária de um furacão é o lançamento de calor pela condensação de vapor de água que condensa a altitudes elevadas. Por causa disto, um furacão pode ser considerado como uma máquina de calor vertical gigante.


Deus criando o Universo através de princípios geométricos. Capa da Bíblia Moralisée, 1215.

Ciência medieval se refere às descobertas no campo da filosofia natural que ocorreram no período da Idade Média, que é o período intermédio numa divisão esquemática da História da Europa.

A Europa Ocidental entrou na Idade Média em grandes dificuldades que minaram a produção intelectual do continente. Os tempos eram confusos e havia-se perdido o acesso aos tratados científicos da antiguidade clássica (em grego), ficando apenas as compilações resumidas e até deturpadas que os romanos tinham traduzido para o latim.

Por volta de 1070, época do chamado Renascimento do Século XII renovou-se o interesse pela investigação da natureza. O contato com os árabes inicia um forte movimento de tradução de documentos, que tornam o conhecimento do mundo antigo novamente disponível para os eruditos europeus. São abertas escolas ao longo de todo o continente e, por volta de 1150, são fundadas as primeiras universidades medievais. A integração das novas ordens religiosas — principalmente dominicanos e franciscanos — nas universidades proporciona uma infra-estrutura para a existência de comunidades científicas.


Imagem gerada por computador de um modelo da estrutura tridimensional da enzima purina nucleósido fosforilase bacteriana.

A cinética enzimática estuda as reacções químicas catalisadas pelas enzimas, em especial a velocidade de reacção. O estudo da cinética de uma enzima permite elucidar os pormenores do seu mecanismo catalítico, o seu papel no metabolismo, como é controlada a sua actividade na célula e como pode ser inibida a sua actividade por drogas ou venenos, ou potenciada por outro tipo de moléculas.

O conhecimento adquirido acerca da estrutura das enzimas é útil na interpretação dos dados cinéticos. Por exemplo, a estrutura pode sugerir como permanecem unidos substrato e produto durante a catálise, que mudanças de forma ocorrem durante a reacção, ou mesmo o papel em particular de determinados aminoácidos no mecanismo catalítico. Algumas enzimas modificam a sua forma significativamente durante a reacção, em cujo caso pode ser crucial saber a estrutura molecular da enzima com e sem substrato unido (costumam usar-se análogos que se unem mas não permitem levar a cabo a reacção e mantêm a enzima permanentemente na forma de substrato unido).

Os mecanismos enzimáticos podem ser divididos em mecanismos de substrato único e mecanismos de múltiplos substratos. Os estudos cinéticos com enzimas que apenas unem um substrato, como a triose-fosfato isomerase, visam a medir a afinidade com a que se une o substrato e a velocidade com que o transforma em produto. Por outro lado, ao estudar una enzima que une vários substratos, como a di-hidrofolato redutase, a cinética enzimática pode mostrar também a ordem pela qual se unem os substratos e se libertam os produtos.

Leia o artigo completo...



Clint em 2007.

Clinton "Clint" Eastwood, Jr. (São Francisco, 31 de Maio de 1930) é um ator, cineasta, produtor e compositor dos Estados Unidos da América famoso pelos seus papéis típicos em filmes de ação como um cara durão e anti-herói, principalmente como o Homem sem nome da Trilogia dos Dólares nos filmes western spaghetti de Sergio Leone dos anos 60, e interpretando o Inspetor 'Dirty' Harry Callahan na série de filmes Dirty Harry dos anos 70 e 80.

Como diretor, seus filmes têm sido criticados positivamente. Já ganhou quatro vezes o Oscar — duas cada como Melhor Diretor e de Melhor Filme, e foi homenageado em 1995, recebendo o prêmio Prêmio Memorial Irving G. Thalberg em reconhecimento à sua longa carreira no cinema. Por duas vezes foi eleito o ator favorito dos estadunidenses.

Eastwood nasceu em São Francisco (Califórnia), filho de Margaret Ruth (nome de casada: Runner) e Clinton Eastwood. Ele tem ascendência escocesa, inglesa, alemã e irlandesa. Sua família era de classe média e protestante. Trabalhou em várias profissões, assim como seu pai, por toda a costa oeste norte-americana. Durante sua adolescência, morou em Piedmont, uma pequena cidade da californiana, e em 1949 realizou seu sonho de se formar na Universidade de Oakland. Após o término da faculdade, trabalhou como atendente em um posto de gasolina, foi bombeiro e tocou piano em um bar de Oakland. Foi convocado ao exército em 1950, mas seu avião caiu em São Francisco. Ele escapou gravemente ferido e ficou por meio ano prestando depoimentos para a investigação da causa da queda. Este acidente fez com que não fosse para a Guerra da Coréia.

Eastwood começou sua carreira como ator, fazendo pequenas aparições em filmes pequenos, como Revenge of the Creature, Tarantula e Francis in the Navy. Em 1958, ele conseguiu seu primeiro papel oficial no filme, Ambush at Cimarron Pass, o qual considerou um filme muito fraco. Em 1959, ele trabalhou com James Garner em um episódio da série Maverick. Após isso, Eastwood se dedicou somente a trabalhar na TV com a série de western Rawhide, na qual interpretava o personagem Rowdy Yates (que Eastwood na época descreveu como "O idiota das Planícies").

Leia o artigo completo...

As cores do clube.

Club de Gimnasia y Esgrima La Plata é um clube desportivo argentino da cidade de La Plata, província de Buenos Aires. Fundado em 3 de junho de 1887 como Club de Gimnasia y Esgrima, é o clube mais antigo de todos aqueles que participam do futebol argentino. Sua principal atividade atualmente é o futebol e está presente na primeira divisão do Campeonato Argentino. Seu estádio Juan Carlos Zerillo, também conhecido como Estadio del Bosque, está localizado no bairro El Mondongo da cidade de La Plata e tem capacidade para trinta e três mil espectadores. Conta, além disso, com um centro poliesportivo, jardim de infância, escola primária e secundária e um prédio de 160 hectares, entre outras instalações. É o sétimo clube em quantidade de simpatizantes na Argentina.

Gimnasia y Esgrima foi campeão da Divisão Intermediária do Futebol Argentino em 1915, da Primeira Divisão em 1929, e vice-campeão da Primeira Divisão em 1924, durante o amadorismo. Após a profissionalização, o Gimnasia foi campeão da Copa Centenário em 1994 e do Campeonato Argentino de Futebol da Segunda Divisão em 1944, 1947 e 1952; também foi vice-campeão da Primeira Divisão em cinco oportunidades. (leia mais...)



O desenho de uma Coelogyne speciosa.

Coelogyne é um gênero de plantas com aproximadamente 195 espécies que pertence à família das orquídeas, ou Orchidaceae. São facilmente reconhecidas por sua robustez e abundantes flores, intrigantes e delicadas, frequentemente de cor creme, mas também brancas, verdes ou alaranjadas, muitas das quais perfumadas durante o dia e que geralmente duram semanas. Originárias de ampla área do Sudeste asiático, e sudoeste do oceano Pacífico, a variedade deste gênero é muito grande. Há espécies grandes e pequenas, algumas têm pseudobulbos espaçados em vários centímetros, outras os têm amontoados, sempre com uma ou duas folhas.

Suas flores crescem tanto do ápice dos pseudobulbos como de um broto novo e podem ser pendentes ou em inflorescências eretas. Em todas as estações do ano há espécies floridas, porém a maioria floresce durante a primavera. Algumas espécies são amplamente cultivadas em todo o mundo; entretanto, como a maioria delas cresce rapidamente, logo se transformam em um problema para colecionadores de orquídeas com espaço insuficiente. De modo geral os cultivadores escolhem umas poucas espécies para ter em suas coleções, mas elas estão sempre presentes. (leia mais...)



"E a bandida ainda a persegue" - Cartão postal humorístico do século XIX, comentando as conseqüências da ignorância sobre a contracepção.

O controle de natalidade ou contracepção é o regime de uma ou mais ações, dispositivos ou medicamentos de modo a prevenir ou reduzir a propensão de uma mulher se tornar grávida ou dar à luz. Estas ações, também conhecidas como métodos anticoncepcionais, são fundamentais hoje em dia para o planejamento familiar. O controle de natalidade é um assunto politicamente e eticamente controverso em muitas culturas e religiões, e embora seja menos controverso que o aborto especificamente, ainda enfrenta a oposição de muitas pessoas. Existem vários graus de oposição, incluindo aqueles que são contra todas as formas de controle de nascimento que não usam a abstinência sexual; aqueles que são contra todas as formas de controle de nascimento que eles consideram "não-naturais", enquanto permitem o controle de natalidade natural; e aqueles que apóiam a maioria das formas de controle de natalidade que previnem a fertilização, mas são contrários a qualquer método de controle de natalidade que previna que um embrião fertilizado se fixe no útero e inicie a gravidez.

Leia o artigo completo...

Gwen Stefani, em apresentação de Cool na turnê Harajuku Lovers Tour 2005

Cool é uma canção pop da cantora norte-americana Gwen Stefani, escrita por ela e por Dallas Austin para o seu primeiro álbum solo, Love. Angel. Music. Baby., em 2004. O estilo musical da canção e a produção dela foram fortemente inspiradas pela música da década de 1980, sendo, em geral, bem recebida pela crítica.

A letra da música descreve uma relação amorosa onde as duas pessoas envolvidas se separam, mas tudo permanece "cool" (bem, legal) entre elas como amigos. Assim que a música foi lançada, os meios de comunicação estabeleceram um paralelo entre o conteúdo da letra e o relacionamento romântico que Stefani teve com Tony Kanal, seu colega no grupo No Doubt.

A canção foi lançada como quarto single do álbum em meados de 2005 e chegou às vinte canções mais tocadas na maioria das paradas musicais em que figurou. Embora não tenha feito o mesmo sucesso que o single antecessor, Hollaback Girl, a canção chegou à primeira posição no Canadá e na Argentina, além de ter feito parte da trilha sonora do filme Click e de ser exibida antes do lançamento oficial como single no seriado The O.C.

Leia o artigo completo...

California Gold Rush handbill.jpg

A Corrida do ouro na Califórnia (1848–1855) começou em 24 de janeiro de 1848, quando foi encontrado ouro em Sutter's Mill. Quando as notícias da descoberta se espalharam, cerca de 300 000 pessoas, oriundas do restante dos Estados Unidos e do exterior, acorreram à Califórnia.

Estes garimpeiros temporões, denominados "forty-niners" (ou seja, de 1849), viajaram para a Califórnia por mar e em carroções através do continente, freqüentemente enfrentando grandes provações ao longo da jornada. Enquanto a maioria dos recém-chegados eram estadunidenses, a Corrida do Ouro também atraiu dezenas de milhares de pessoas da América Latina, Europa, Austrália e Ásia. No início, os garimpeiros obtiveram o ouro de cursos de água e leitos de rios usando técnicas simples, tais como o garimpo de bateia, e posteriormente desenvolveram métodos mais sofisticados de extração do ouro que foram ado(p)tados mundialmente. Ouro no valor de milhares de milhões de dólares a(c)tuais foi extraído, trazendo grande riqueza para uns poucos; a maioria, contudo, voltava para casa com pouco mais do que tinham no início da aventura. Os efeitos da Corrida do Ouro foram substanciais.

San Francisco, na Califórnia, transformou-se de diminuto vilarejo de tendas numa cidade próspera, e estradas, igrejas, escolas e outras cidades foram construídas ao seu redor. Um sistema de leis e um governo foram criados, levando à admissão da Califórnia como estado em 1850. Novos métodos de transporte foram desenvolvidos, tais como navios a vapor, que entraram em serviço regular, e ferrovias foram construídas. A agricultura, próximo campo de crescimento da Califórnia, foi iniciada em larga escala por todo o estado. Todavia, a Corrida do Ouro também teve efeitos negativos: os nativos americanos foram atacados e expulsos de seus territórios tradicionais, e as minas de ouro causaram danos ao meio-ambiente.

Leia o artigo completo...

Um padeiro com seu assistente. Como visto na ilustração, os pães redondos estavam entre os mais comuns na cozinha medieval.

Cozinha Medieval designa a variedade de alimentos consumidos pelas diferentes culturas européias durante a Idade Média. Durante este período, as dietas e os alimentos mudaram toda a Europa, e muitas dessas mudanças lançaram as bases para a contemporânea cozinha regional. Como o transporte e a comunicação eram lentos, impediam a exportação de muitos alimentos, principalmente frutas e carnes, que hoje são comuns em todos os países industrializados. Na maioria dos casos, somente os ricos, especialmente a nobreza, podiam adquirir ingredientes importados, tais como as especiarias, e por isso sua cozinha era mais propensa à influência estrangeira do que a das pessoas mais pobres.

O alimento mais importante era o pão, e, em menor medida, outros alimentos feitos à base de cereais, como a sopa e massas. A carne – sendo as mais populares a de porco e de frango, e, em menor medida devido seu custo, também a bovina – era mais prestigiada e mais cara que os grãos e que os vegetais, e por isso esses eram os mais preferidos como custo-benefício. A população do norte tinha preferência por bacalhau e arenque, e os ingredientes comuns utilizados eram as amêndoas, o vinho e o vinagre. Normas sociais também impunham que o alimento da classe trabalhadora fosse menos refinado, já que se acreditava que havia uma semelhança divina ou natural entre o trabalho e os alimentos das pessoas; assim, trabalho manual requeria alimentos mais vulgares e mais baratos. (leia mais...)



Hsuchow, China, 1938. Uma vala comum cheia de corpos de civis chineses, assassinados por soldados japoneses.

Os crimes de guerra do Japão Imperial ocorreram durante o período do imperialismo japonês. "Holocausto Asiático", "atrocidades de guerra japonesas" ou simplesmente "crimes de guerra japoneses" também são expressões usadas em referência a estes crimes de guerra. Alguns desses crimes foram cometidos por militares do Império do Japão em fins do século XIX, embora a grande maioria tenha ocorrido do início do Período Showa, o nome dado ao reinado do imperador Hirohito, até a derrota militar dos japoneses na Segunda Guerra Mundial, em 1945.

Historiadores e governos de muitos países consideram as forças militares japonesas, particularmente o Exército Imperial Japonês e a Marinha Imperial Japonesa, responsáveis por assassinatos e outros crimes cometidos contra vários milhões de civis e prisioneiros de guerra. O governo do Japão, embora tenha reconhecido que houve excessos cometidos por suas tropas, jamais apresentou um pedido formal de desculpas pelos crimes de guerra. (leia mais...)



Fac-símile da Declaração de 16 de fevereiro.

A Declaração de Independência da Lituânia, também conhecida como Declaração de 16 de Fevereiro, foi assinada pelo Conselho da Lituânia em 16 de fevereiro de 1918, proclamando a restauração de um Estado independente da Lituânia, governado por princípios democráticos, com Vilnius como sua capital. A Declaração foi assinada por todos os vinte representantes, presididos por Jonas Basanavičius.

A Declaração de 16 de Fevereiro foi o resultado final de uma série de resoluções sobre o assunto, incluindo uma aprovada pela Conferência de Vilnius e a Declaração de 8 de Janeiro. Os efeitos imediatos do anúncio do restabelecimento da independência da Lituânia foram limitados: as autoridades alemãs proibiram a publicação do texto e os alemães permaneceram no controle da Lituânia. A situação mudou somente quando os alemães enfraqueceram-se após a Primeira Guerra Mundial, no outono de 1918. A Lituânia independente, mesmo que logo estaria batalhando nas Guerras de Independência, se tornou uma realidade. Desligando-se da União Soviética, a Lituânia enfatizou que estava simplesmente restabelecendo o estado independente que existiu entre as guerras mundiais e que a Declaração nunca perdeu seu poder legal.

Leia o artigo completo...



O sapo-dourado, Bufo periglenes

Desde o ano de 1980 que se tem registado um dramático declínio das populações de anfíbios em todo o mundo, caracterizado por colapsos nas populações e extinções maciças localizadas. No ano de 1993, as populações de mais de 500 espécies de rãs e salamandras dos cinco continentes apresentavam um declínio na sua população. Este declínio está a afectar milhares de espécies em todo o tipo de ecossistemas, pelo que se o catalogou como uma das ameaças mais críticas à biodiversidade global.

Os declínios e extinções maciças das populações de anfíbios são um problema global com causas locais complexas. Entre as causas podemos encontrar: aumentos nos índices de radiação ultravioleta (consequência da diminuição da camada de ozono atmosférico), novos predadores nos ecossistemas actuais (espécies introduzidas), fragmentação e destruição de habitat, toxicidade e acidez ambiental, enfermidades emergentes, mudanças climáticas, e interacções entre estes factores.

Inicialmente, os relatórios sobre o declínio de anfíbios não foram tomados em conta por toda a comunidade científica. Alguns cientistas argumentavam que as populações de animais, como a dos anfíbios, variam com o tempo. Hoje em dia já é consensual que ocorreram grandes declínios nas populações de anfíbios de todo o mundo.

Dado que a maioria dos anfíbios está exposta tanto a habitats terrestres como aquáticos e dado que a sua pele é altamente permeável, pensa-se que os anfíbios podem ser mais susceptíveis às toxinas do meio ambiente, ou às mudanças nos padrões de temperatura, chuvas e humidade, que outras espécies de vertebrados terrestres. Os cientistas estão a começar a referir-se aos anfíbios utilizando a expressão: canários numa mina de carvão, para fazer referência a um indicador da contaminação gerada pela actividade humana.

Leia o artigo completo...

Concentração da maior parte dos objetos espaciais em órbita próxima à terra (os detritos não estão em escala com o planeta).

Detritos espaciais, também chamados genericamente de lixo espacial, são objetos criados pelos humanos que se encontram em órbita ao redor da Terra, mas que não desempenham mais nenhuma função útil, como por exemplo as diversas partes e dejetos de naves espaciais deixados para trás quando do seu lançamento. Tanto podem ser peças pequenas, como ferramentas e luvas — a exemplo de uma perdida por Neil Armstrong na missão Gemini VIII em 1966 — ou estágios de foguetes e satélites desativados que congestionam o espaço em volta da Terra — como exemplo, os antigos satélites soviéticos RORSAT — e que causam risco de acidentes graves, tanto em órbita (pelo risco de possíveis colisões), quanto numa possível reentrada de tais detritos na atmosfera terrestre.

Os detritos espaciais tornaram-se uma crescente preocupação nos últimos anos pelo fato de que colisões na velocidade orbital podem ser altamente danosas ao funcionamento de satélites, pondo também em risco astronautas em atividades extraveiculares; além disso, essas colisões provocam as condições para que ocorra a chamada síndrome de Kessler.


Albatroz-de-cauda-curta (Phoebastria albatrus)

Os albatrozes, incluindo os piaus, da família biológica Diomedeidae (diomedeídeos), são aves marinhas de grandes dimensões que, em conjunto com os procelarídeos, paínhos e petréis-mergulhadores, formavam a ordem dos Procellariiformes ou Tubinares, actualmente incluída, como família, na ordem dos Ciconiiformes, segundo a Taxonomia de Sibley-Ahlquist. Distribuem-se por quase toda a extensão do Oceano Antártico e norte do Oceano Pacífico. Os albatrozes estão entre as aves voadoras de maiores dimensões. Os grandes albatrozes, do género Diomedea têm a maior envergadura de asa de qualquer espécie não-extinta. Os albatrozes são, geralmente, distribuídos em quatro géneros, ainda que haja desacordo quanto ao número de espécies. Das 21 espécies de albatroz reconhecidas pela União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN), 19 estão ameaçadas de extinção.

Os albatrozes movem-se de forma muito eficiente no ar, cobrindo grandes distâncias com pouco esforço. Alimentam-se de moluscos, como lulas, peixes e krill. Para isso tanto podem limitar-se a recolher animais mortos como a capturar o seu alimento, vivo, à superfície ou mergulhando. Os albatrozes são aves coloniais, nidificando a maioria em ilhas oceânicas remotas, muitas vezes compartilhando o seu território de nidificação com outras espécies. Estabelecem relações monogâmicas entre macho e fêmea que duram até ao fim da vida.


Layne Staley e Jerry Cantrell em concerto da turnê em suporte de Dirt.

Dirt é o segundo álbum de estúdio da banda grunge de Seattle Alice in Chains, lançado em 29 de Setembro de 1992 pela Columbia Records.

Álbum que trouxe fama à banda, Dirt é lembrado por muitos como o magnum opus do Alice in Chains, e clássico da era de ouro do grunge. Gravado enquanto o vocalista Layne Staley estava sofrendo devido ao vício em heroína, a música sombria e torturada ajudou-o a se tornar um sucesso, alcançando a sexta posição na parada Top 200 da Billboard e ganhando disco de platina pela Recording Industry Association of America em menos de dois meses de seu lançamento, e através dos anos subindo até quádruplo disco de platina.

Dirt é habitualmente colocado em listas profissionais de melhores álbuns rock de todos os tempos. Bem recebido tanto por público como crítica, chegou a ser indicado para um Grammy Awards em 1992, como Best Hard Rock Vocal Performance.

Leia o artigo completo...

Dragão-de-komodo (Varanus komodoensis).

O dragão-de-komodo (nome científico: Varanus komodoensis) é uma espécie de lagarto que vive nas ilhas de Komodo, Rinca, Gili Motang e Flores, na Indonésia. Pertence à família de lagartos-monitores Varanidae, e é a maior espécie de lagarto conhecida, chegando a atingir de 2 a 3 m de comprimento e 70 kg de peso. O seu tamanho invulgar é atribuído ao gigantismo insular, uma vez que não há outros animais carnívoros para preencher o nicho ecológico nas ilhas onde ele vive, e também ao seu baixo metabolismo. Como resultado deste gigantismo, estes lagartos, juntamente com as bactérias simbiontes, dominam o ecossistema onde vivem. Apesar dos dragões-de-komodo comerem principalmente carniça, eles também caçam e fazem emboscadas a presas incluindo invertebrados, aves e mamíferos.

A época de reprodução começa entre os meses de maio e agosto, e os ovos são postos em setembro. Cerca de vinte ovos são depositados em ninhos de Megapodiidae abandonados e ficam a incubar durante sete a oito meses, e a eclosão ocorre em abril, quando há abundância de insetos. Dragões-de-komodo juvenis são vulneráveis e, por isso, abrigam-se em árvores, protegidos de predadores e de adultos canibais. Demoram cerca de três a cinco anos até chegarem à idade de reprodução, e podem viver até aos cinquenta anos. (leia mais...)



El Greco

Doménikos Theotokópoulos (em grego Δομήνικος Θεοτοκόπουλος), mais conhecido como el Greco, ("O Grego") (Heraclião, 1541Toledo, 7 de abril de 1614) foi um pintor, escultor e arquiteto grego que desenvolveu a maior parte da sua carreira na Espanha. Assinava suas obras com o nome original, ressaltando sua origem.

Nasceu em Creta, que naquela época pertencia à república de Veneza, e era um centro artístico pós-bizantino. Treinou ali e tornou-se um mestre dentro dessa tradição artística, antes de viajar, aos vinte e seis anos, para Veneza, como já tinham feito outros artistas gregos. Em 1570 mudou-se para Roma, onde abriu um ateliê e executou algumas séries de trabalhos. Durante sua permanência na Itália, enriqueceu seu estilo com elementos do maneirismo e da renascença veneziana. Mudou-se finalmente em 1577 para Toledo, na Espanha, onde viveu e trabalhou até sua morte. Ali, El Greco recebeu diversas encomendas e produziu suas melhores pinturas conhecidas.

O estilo dramático e expressivo de El Greco foi considerado estranho por seus contemporâneos, mas encontrou grande apreciação no século XX, sendo considerado um precursor do expressionismo e do cubismo, ao mesmo tempo em que sua personalidade e trabalhos eram fonte de inspiração a poetas e escritores como Rainer Maria Rilke e Nikos Kazantzakis. El Greco é considerado pelo modernos estudiosos como um artista tão individual que não o consideram como pertencente a nenhuma das escolas convencionais. É mais conhecido por suas figuras tortuosamente alongadas e uso freqüente de pigmentação fantástica ou mesmo fantasmagórica, unindo tradições bizantinas com a pintura ocidental.

Em sua época teve somente dois seguidores de seu estilo: o seu filho Jorge Manuel Theotokópoulos e Luis Tristán.

Leia o artigo completo...



O cantor Elvis Presley em fotografia de 1970

Elvis Aaron Presley (East Tupelo, Mississippi, 8 de janeiro de 1935Memphis, Tennessee, 16 de agosto de 1977) foi um famoso cantor, músico, ator e dançarino estadunidense, sendo mundialmente denominado O Rei do Rock, também conhecido pela alcunha de Elvis The Pelvis, apelido pelo qual ficou conhecido na década de 50 por sua maneira extravagante e ousada de dançar. Uma de suas maiores virtudes era a sua voz, devido ao seu alcance vocal, que atingia, segundo especialistas, notas musicais de difícil alcance para um cantor popular. A crítica especializada reconhece seu expressivo ganho, em extensão, com a maturidade; além de virtuoso senso rítmico, força interpretativa e um timbre de voz que o destacava entre os cantores populares, sendo avaliado como um dos maiores e por outros como o melhor cantor popular do século 20.

Elvis tornou-se um dos maiores ícones da cultura popular mundial durante todo o século XX. Trinta anos após sua morte, ainda é o detentor do maior número de "hits" nas paradas mundiais e o recordista de venda de discos em todos os tempos, com quase dois bilhões de cópias vendidas.

Elvis Presley possui ascendência escocesa por parte de pai; no final da primeira metade do século XVIII chega aos Estados Unidos o primeiro integrante da família Presley estabelecendo-se no estado da Carolina do Norte; apesar do nome de família ser grafado com dois "s", o pai de Elvis foi registrado com somente um. A família Smith, família materna, tem origens nos estados das Carolinas. O avô materno de Elvis casou-se com uma prima-irmã, fato que gerou filhos com deficiências físicas e psicológicas, envolvendo álcool, drogas, desordens emocionais e mortes prematuras. Gladys Love Smith, mãe de Elvis, posteriormente conhecida como Gladys Presley, nasceu no dia 25 de Abril de 1912 em Pontotoc no Mississippi, Vernon Elvis Presley ou simplesmente Vernon Presley nasce em 10 de Abril de 1916 em Fulton no estado do Mississippi. No ano de 1933 os pais de Elvis se conhecem. Eles se casam em 17 de junho do mesmo ano na cidade de Pontotoc no Mississippi.

Leia o artigo completo...

Frontispício da primeira edição da Encyclopædia Britannica

A Encyclopædia Britannica é uma enciclopédia generalista de língua inglesa publicada pela Encyclopædia Britannica, Inc., uma editora privada. Os verbetes na Britannica têm como público alvo diretamente os leitores adultos cultos; a enciclopédia é escrita por 19 editores em tempo integral e conta com a colaboração de mais de quatro mil peritos. É amplamente considerada como a mais acadêmica das enciclopédias.

A Britannica é a enciclopédia de língua inglesa mais antiga ainda em impressão. Inicialmente foi publicada entre 1768 e 1771, em Edimburgo, e depressa aumentou em popularidade e tamanho, com a sua terceira edição, em 1801, alcançando os vinte volumes. O aumento de tamanho implicou a contratação de colaboradores, e as suas 9ª (18751889) e 11ª edições (1911) são consideradas como marcos no que toca a enciclopédias acadêmicas e de estilo literário. Começando com a 11ª edição, a Britannica foi gradualmente diminuindo e simplificando os seus artigos a fim de os tornar mais acessíveis, e alargar a sua expansão ao mercado nos EUA. Em 1933, a Britannica tornou-se a primeira enciclopédia a adoptar a política "em contínua revisão", que resulta em que a enciclopédia seja continuamente reimpressa e cada verbete seja atualizado regularmente.

Leia o artigo completo...



Estátua de Epaminondas.

Epaminondas (em grego: Ἐπαμεινώνδας, c. 418 a.C. - 362 a.C.) foi um general e político grego do século IV a.C.. Epaminondas foi responsável pela condução de mudanças na cidade-estado de Tebas que tiveram como resultado sua transformação à nova potência hegemônica da Grécia, substituindo Esparta.

Epaminondas redesenhou o mapa político da Grécia, fragmentou antigas alianças, criou novas e supervisionou a construção de cidades inteiras. Também teve grande influência militar, desenvolvendo e implementando diversas e muito importantes táticas de batalha. Antes de seu mandato, Tebas se encontrava sob domínio espartano: Epaminondas conseguiu melhorar a capacidade militar de Tebas a fim de situá-la em uma posição proeminente no quadro geopolítico do mundo helênico, criando o que se conheceria mais tarde como a hegemonia tebana. No processo, acabou com a supremacia militar espartana na Batalha de Leuctra e libertou os hilotas de Messénia, um grupo de gregos do Peloponeso que tinham sido reduzidos à servidão sob as ordens de Esparta durante cerca de 200 anos.

O orador romano Cícero o chamou de "o primeiro homem da Grécia", mesmo tendo Epaminondas caído em uma relativa obscuridade nos tempos modernos. As mudanças que Epaminondas levou à ordem política grega não sobreviveram por muito tempo, dado que o ciclo de hegemonias e alianças ainda não havia se estabilizado. Tão somente 27 anos depois de sua morte, Tebas foi destruída por Alexandre Magno.

Leia o artigo completo...

Éris 2003 UB313 é um corpo celeste gelado do sistema solar que orbita para além da órbita de Neptuno. Ganhou desde logo a alcunha "O 10º Planeta" devido a ser maior que o planeta Plutão, mas o seu estatuto oficial como planeta permanece indeterminado.

2003 UB313 tem um período orbital de cerca de 560 anos e encontra-se a cerca de 97 UA do Sol, em seu afélio. Como Plutão, a sua órbita é bastante excêntrica, e leva o planeta a uma distância de apenas 35 UA do Sol no seu perélio (a distância de Plutão ao Sol varia entre 29 e 49,5 UA, enquanto que a órbita de Neptuno fica-se por cerca de 30 UA).


Wikipédia:Artigos destacados/arquivo/Escândalo do mensalão


Comissão de frente da Imperatriz Leopoldinense, carnaval de 1999.

Escola de samba é um tipo de agremiação de cunho popular que se caracteriza pelo canto e dança do samba, quase sempre com intuito competitivo. Sendo um tipo de associação originária da cidade do Rio de Janeiro, as escolas de samba se apresentam em espetáculos públicos, em forma de cortejo, onde representam um enredo, ao som de um samba-enredo, acompanhado por uma bateria; seus componentes — que podem ser algumas centenas ou até milhares — usam fantasias alusivas ao tema proposto, sendo que a maioria destes desfila a pé e uma minoria desfila sobre "carros", onde também são colocadas esculturas de papel machê, além de outros adereços.

As escolas de samba mais conhecidas são as da cidade do Rio de Janeiro e sua região metropolitana, que desfilam no Sambódromo da Marquês de Sapucaí, e as de São Paulo, que desfilam no Sambódromo paulistano. Essas escolas realizam um espetáculo considerado suntuoso, que atrai turistas de várias partes do mundo. Porém, há escolas de samba em quase todos os estados brasileiros e em muitos países do mundo. São consideradas uma das principais, se não a principal vitrine do carnaval brasileiro, e vêm ganhando cada vez mais um aspecto cênico, com alguns componentes executando dramatizações teatrais ou coreografias. (leia mais...)



Thomas Hill: Yosemite.

A Escola do Rio Hudson foi um movimento artístico norte-americano ativo entre aproximadamente 1825 e 1880, formado por um grupo de pintores paisagistas baseados em Nova Iorque, cuja visão estética representou uma síntese entre os princípios do Romantismo e do Realismo. O grupo não era formalizado mas se uniu num espírito de fraternidade; alguns excursionavam juntos para o interior, pertenciam aos mesmos clubes e trabalhavam num mesmo prédio localizado na área hoje conhecida como Greenwich Village. O ponto inicial de interesse para suas obras foi a região do rio Hudson e as montanhas circunjacentes, donde o nome da escola, mas em meados do século seus integrantes ampliaram seus horizontes para retratar o oeste dos Estados Unidos e, alguns deles, até mesmo regiões distantes como o Ártico, a Europa, o Oriente e a América do Sul.

As primeiras referências ao nome da escola aparecem somente na década de 1870, embora não se saiba exatamente quem o cunhou e, nesse momento, quando o prestígio do grupo começava a declinar, tinha um sentido pejorativo. Seus pintores refletem basicamente três impulsos importantes dos Estados Unidos do século XIX: descobrimento, exploração e conquista, dentro de uma ótica bucólica e pastoril, onde os seres humanos e a natureza coexistem pacificamente, e com um tratamento detalhista e por vezes idealizado. (leia mais...)



Augusto de Prima Porta, Museus Vaticanos.

A escultura da Roma Antiga tem uma história de grande riqueza e interesse. Desenvolveu-se em toda a área de influência romana, com seu foco na metrópole, entre os séculos VI a.C. e V d.C.. Em sua origem derivou da escultura grega, primeiro através da herança etrusca, e logo diretamente, pelo contato com as colônias da Magna Grécia e com a própria Grécia, durante o período helenista. A tradição grega permaneceu uma referência constante ao longo de toda a trajetória da arte escultórica em Roma, mas contradizendo uma antiga e generalizada opinião de que os romanos foram apenas meros copistas, hoje se reconhece que foram capazes não só de assimilar e elaborar suas fontes com maestria, mas também de dar importante contribuição original a essa tradição, visível em especial na retratística, gênero que gozou de prestígio singular e deixou exemplos de suma perícia técnica e elevada expressividade, e na escultura decorativa dos grandes monumentos públicos, onde desenvolveu-se um estilo narrativo de grande força e caráter tipicamente romano.

Depois da consolidação do império, outras influências estrangeiras, mormente orientais, determinaram um progressivo afastamento do cânone grego em direção a uma simplificação formal de tendência abstrata, que estabeleceu as bases da arte bizantina, paleocristã e medieval. (leia mais...)



Policleto: O Doríforo. Cópia moderna do Museu Pushkin.

A escultura do Classicismo grego tem sido longamente considerada como o ponto mais alto do desenvolvimento da arte escultórica na Grécia Antiga, tornando-se quase um sinônimo para "escultura grega" e eclipsando outros estilos que por lá foram cultivados em sua longa história. O Cânone, um tratado sobre as proporções do corpo humano escrito por Policleto em torno de 450 a.C., é tido geralmente como seu marco inicial, e seu fim é assinalado com a conquista da Grécia pelos macedônios, em 338 a.C., quando a arte grega começa uma grande difusão para o oriente, de onde recebe influências, muda seu caráter e torna-se cosmopolita, na fase conhecida como Helenismo. Nesse intervalo é quando consolida-se a tradição do Classicismo grego, tendo o homem como a nova medida do universo, e o reflexo disso na escultura é a primazia absoluta da representação do corpo humano nu. A escultura do Classicismo elaborou uma estética que conjugava valores idealistas com uma fidedigna representação da natureza, evitando, embora, a caracterização excessivamente realista e o retrato de extremos emocionais, mantendo-se geralmente numa atmosfera formal de equilíbrio e harmonia. Mesmo quando o personagem se encontra imerso em cenas de batalha, sua expressão parece pouco tocada pela violência dos acontecimentos.

O Classicismo elevou o homem a um nível de dignidade sem precedentes, ao mesmo tempo em que lhe atribuiu a responsabilidade de criar seu próprio destino e ofereceu um modelo de vida harmonioso, num espírito de educação integral para uma cidadania exemplar. (leia mais...)



Agesandro, Atenodoro e Polidoro: Grupo de Laocoonte, século I a.C.

A escultura do Helenismo representa uma das mais importantes expressões artísticas da cultura helenística, e o estágio final da evolução da tradição grega de escultura na Antiguidade. A definição de sua vigência cronológica, bem como de suas características, têm sido objeto de muita discussão entre os historiadores da arte, e parece que um consenso está longe de ser alcançado. Usualmente se considera o período helenístico compreendendo o intervalo entre a morte de Alexandre, o Grande, em 323 a.C., e a conquista do Egito pelos romanos em 30 a.C.. Suas características genéricas se definem pelo ecletismo, secularismo e historicismo, tomando como base a herança da escultura grega clássica e assimilando influências orientais. Entre suas contribuições originais à tradição grega de escultura estão o desenvolvimento de novas técnicas, o aperfeiçoamento da representação da anatomia e da expressão emocional humanas e uma mudança nos objetivos e abordagens da arte, abandonando o genérico pelo específico, o que se traduziu no afastamento do idealismo clássico de caráter ético e pedagógico, na enfatização dos aspectos humanos cotidianos e no direcionamento da produção para fins puramente estéticos e, ocasionalmente, propagandísticos. A atenção no homem e em sua vida interior, suas emoções, seus problemas e anseios comuns, resultou num estilo realista que tendia a reforçar o drama, o prosaico e o movimento, e com isso aparecendo os primeiros retratos individualizados e verossimilhantes da arte ocidental. Ao mesmo tempo, ocorre uma grande ampliação da temática, com a inclusão de representações da velhice e da infância, de deidades menores não-olímpicas e personagens secundários da mitologia grega, e de figuras do povo em suas atividades diárias. (leia mais...)



A Esquizofrenia constitui uma das doenças mentais mais graves, sendo cada vez mais encarada não como uma doença única mas sim como um grupo de doenças, atingindo todas as classes sociais e raças. Manifesta-se habitualmente numa faixa etária mais jovem, mais concretamente entre os 15 e os 25 anos, quando o corpo está sob a grande influência das alterações hormonais e físicas que se processam durante a adolescência e no início da fase adulta. No caso do sexo feminino, a doença ocorre com maior frequência um pouco mais tarde, entre os 25 e os 30 anos de idade. A Esquizofrenia é uma doença da fisiologia do cérebro que prejudica seriamente a capacidade de pensar de modo ordenado e de estabelecer relações humanas normais. Os sinais de esquizofrenia não são os mesmos de indivíduo para indivíduo. Os sintomas podem ter uma evolução tão gradual que, no princípio, podem nem ser perceptíveis, ou podem, pelo contrário, aparecer subitamente. Estes podem ser divididos em duas grandes categorias: sintomas positivos e negativos.


Estação Espacial Internacional

No seguimento das operações das estações espaciais orbitais Mir russa, do Skylab dos Estados Unidos, e do planeado Columbus europeu, a Estação Espacial Internacional (International Space Station, ou simplesmente ISS) representa a permanência humana no espaço: tem sido dirigida com tripulações de número não inferior a dois elementos desde 2 de Novembro de 2000. A cada rendição da tripulação, a estação recebe ambas equipas, bem como um ou mais visitantes. A ISS é um projecto conjunto da Agência Espacial Canadiana (CSA/ASC), Agência Espacial Europeia (ESA), Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial, Agência Espacial Federal Russa e NASA. A estação espacial encontra-se em órbita em torno da Terra a uma altitude de aproximadamente 360 quilómetros, um tipo de órbita tipicamente designada de órbita terrestre baixa (na verdade, a altitude varia ao longo do tempo em vários quilómetros devido ao arrastamento atmosférico e reposição. A estação perde, em média, 100 metros de altitude por dia). A estação orbita a Terra num período de cerca de 92 minutos; a 1 de Dezembro de 2003 completou mais de 33.500 órbitas desde o seu lançamento.


Cópia moderna do Apolo do Templo de Zeus em Olímpia. O original está no Museu Arqueológico de Olímpia.

Estilo Severo é o nome dado ao estilo que floresceu na escultura da Grécia Antiga entre o período Arcaico e o período Clássico, denominando também seu período particular no âmbito da história da arte escultórica. Também por vezes é referido como Pré-Classicismo, Estilo Austero, ou Classicismo Primitivo. Porém, mais que uma simples transição, o estilo Severo expressa valores estéticos e sociais específicos, justificando sua delimitação como um estilo independente. Introduziu uma flexibilização naturalista substancial nos rígidos cânones de tendência abstrata da fase anterior, e distingue-se também do vocabulário formal muito mais variado das fases Clássica e Helenista subsequentes, sem que isso signifique possuir menor mérito artístico. De fato, entre sua produção se encontram muitas obras-primas por direito próprio, como o Auriga de Delfos, o Deus do Cabo Artemísion e sobretudo o grupo decorativo do Templo de Zeus em Olímpia, tido como o mais importante e típico exemplar do estilo Severo.

Foi um estilo cultivado em toda a área de influência grega. O termo foi cunhado por Gustav Kramer em seu livro Über den Styl und die Herkunft der bemahlten griechischen Thongefässe (1837), referindo-se à primeira geração de pintores de vasos "figura vermelha", mas a partir do estudo Der strenge Stil (1937) de Vagn Poulsen, tornou-se um domínio preferencial da escultura. (Leia mais...)



Flag of Estonia.svg

A República da Estónia (português europeu) ou Estônia (português brasileiro) (em estoniano: Eesti ou Eesti Vabariik) é um dos três países bálticos, situado na Europa Setentrional, constituído por uma porção continental e um grande arquipélago no mar Báltico. Limita-se ao norte com o golfo da Finlândia que o separa da Finlândia, a leste limita-se com a Rússia, no sul com a Letônia e a oeste com o mar Báltico, que o separa da Suécia. Possui pouco mais de um milhão e trezentos mil habitantes em 45000 km2/. A Estónia é membro da União Europeia desde 1 de maio de 2004 e da OTAN desde 29 de março de 2004.

Os estonianos são um povo fínico íntima e etnicamente ligado aos finlandeses e aos lapões. O país tem ligações culturais e históricas com os países nórdicos, particularmente com a Finlândia, a Suécia e a Dinamarca.

A língua estoniana faz parte do grupo fino-úgrico e é próxima do finlandês e distantemente ligada ao húngaro, outras duas línguas pertencentes ao grupo fino-úgrico. Juntamente com o finlandês, o húngaro e o maltês, o estoniano forma o grupo de línguas oficiais da União Europeia que não é de origem indo-europeia.

Leia o artigo completo...

Demonstração da função Multitasking em ação no Windows: Diversos "E"s girando independente e simultaneamente.

Euphoria é uma linguagem de programação interpretada de alto nível, abstrata, orientada a objetos e estruturada, e motor de jogo, simultaneamente, criada por Robert Craig, da Rapid Deployment Software, em Julho de 1993. O Euphoria está sob domínio público e tem seu código aberto. A linguagem possui suporte a programação multitarefa, que possibilita a execução de várias tarefas simultaneamente, com uma velocidade razoável, e que pode ser útil na criação de jogos que precisem executar múltiplas tarefas.

O Euphoria pode ser usado como aplicação CGI. O File Archive Search é uma aplicação CGI e é escrito em Euphoria, por exemplo. Ele também pode ser usado como linguagem embutível, assim como Python.

Também pode ser usado como RAD, programando-se rapidamente em Euphoria, e depois traduzindo o código para C.


Evo Morales

Juan Evo Morales Ayma (Orinoca, Oruro, 26 de Outubro de 1959) é o atual presidente da Bolívia e líder do movimento esquerdista boliviano cocalero, uma federação de agricultores que tem por tradição o cultivo de coca para atender um costume milenar da nação que é mascar folhas de coca. Evo Morales notabilizou-se ao resistir os esforços desenvolvidos pelo governo dos Estados Unidos da América na substituição do cultivo de coca na província de Chapare por bananas originárias do Brasil.

Morales é também líder do partido Movimento para o Socialismo (MAS em língua castelhana) - IPSP (Instrumento Político pela Soberania dos Povos). De origem ameríndia, da etnia aymará, é, junto com Felipe Quispe, um dos indígenas mais famosos da história atual do seu país.

Nas eleições presidenciais bolivianas de 2002 Morales ficou em segundo lugar, colocação surpreendente face ao panorama político do país, dominado pelos partidos tradicionais. Nas eleições de Dezembro de 2005 porém, venceu com maioria absoluta, com o apoio político e financeiro do venezuelano Hugo Chávez para a sua campanha, tornando-se o primeiro presidente de origem indígena. Assumiu o poder em 22 de Janeiro de 2006 como o primeiro mandatário boliviano a ser eleito Presidente da República em primeiro turno em mais de trinta anos.

Morales é um admirador da ativista indígena guatemalteca Rigoberta Menchú e de Fidel Castro, este último pela oposição à política norte-americana. Morales propõe que o problema da cocaína seja resolvido do lado do consumo, pois o cultivo da Coca é um património cultural dos povos andinos e parte inseparável da cultura boliviana e sua proibição não pode ser feita através de uma simples regulação estabelecido por uma convenção externas.

Leia o artigo completo...

Árvore da vida representando toda a diversidade da vida na Terra.

Evolução, no ramo da biologia, é a mudança na composição das características hereditárias de uma população dentro de uma espécie. Mutações em genes podem produzir características novas ou alterar características já existentes no organismo; estas novas características também podem surgir da transferência de genes entre populações, como resultado de migração, ou entre espécies, resultante de transferência horizontal de genes. A evolução ocorre quando estas diferenças hereditárias tornam-se mais comuns ou raras numa população, quer de maneira não-aleatória através de seleção natural ou aleatoriamente através de deriva genética.

Apesar da descrição do processo por Charles Darwin, já em 1859, no livro A Origem das Espécies, o mecanismo só começou a ser compreendido após a redescoberta do trabalho de Gregor Mendel no princípio do século XX, resultando na origem da Síntese Evolutiva Moderna. Desde o aparecimento da genética moderna na década de 1940, a evolução tem sido definida como uma mudança na frequência de alelos de uma geração para a seguinte. O acumular de diferenças ao longo de gerações leva, eventualmente, à separação de espécies. A teoria da evolução, com um grande poder preditivo e explanatório, tornou-se o pilar central da biologia moderna, oferecendo uma explicação unificadora para toda a diversidade da vida no Planeta Terra. (leia mais...)



O tarbossauro foi um dos gêneros que se extinguiram no evento KT.

A Extinção K-T ou Evento K-T foi uma extinção em massa ocorrida há mais ou menos 65,5 milhões de anos, que marca o fim do período Cretáceo (K) e o início do período Terciário (T). Este evento teve um enorme impacto na biodiversidade da Terra de então e vitimou os dinossauros e outros répteis gigantes. O registo estratigráfico mostra que o desaparecimento abrupto das formas extintas coincide com um nível rico em irídio (o nível K-T), um elemento químico pouco abundante na Terra e geralmente associado a corpos extra-terrestres ou a fenômenos vulcânicos. Há várias teorias para explicar a extinção K-T, mas a mais aceita até então é a que justifica a catástrofe como resultado da queda de um asteróide. A extinção K-T, apesar de não ser a maior extinção em massa do registo geológico, é a mais conhecida devido ao desaparecimento dos dinossauros. Este evento vitimou cerca de 26% das famílias existentes, tanto de organismos terrestres como marinhos que desapareceram ao mesmo tempo. Os grupos mais afectados foram os répteis e os moluscos.


O canguru-vermelho é o maior macrópode existente e um dos componentes da heráldica australiana, juntamente com o emu.

A fauna da Austrália agrupa uma enorme variedade de animais únicos: 83% dos mamíferos, 89% dos répteis, 90% dos peixes e insectos e 93% dos anfíbios que habitam o continente são endémicos da Austrália. Este alto nível de endemismo pode ser atribuído ao isolamento do continente, à estabilidade tectónica e aos efeitos de um padrão pouco usual das mudanças climáticas que afectaram o solo e a flora no decurso das eras geológicas. Uma característica única da fauna australiana é a relativa escassez de mamíferos placentários, em oposição à abundância de marsupiais, um grupo de mamíferos que completam o seu desenvolvimento embrionário num marsúpio. Nestes marsupiais incluem-se os macrópodes, os membros da subordem Phalangeriformes e da ordem Dasyuromorphia (como por exemplo, o diabo-da-tasmânia), os quais ocupam uma proporção significativa dos nichos ecológicos que em outras partes do mundo são ocupados por mamíferos placentários.

Na Austrália vivem duas das cinco espécies ainda existentes de monotremados e também numerosas espécies venenosas tais como o ornitorrinco, aranhas, escorpiões, polvos, medusas, moluscos e raias. A Austrália também possui mais espécies de serpentes peçonhentas do que inócuas, outro facto que mostra a singularidade da sua fauna.

(leia mais...)



Um Fauno, pelo pintor húngaro Pál Szinyei Merse.

Fauno é nome exclusivo da mitologia romana, de onde o mito originou-se, como um rei do Lácio que foi transmutado em deus e, a seguir, sofreu diversas modificações, sincretismo com seres da religião grega ou mesmo da própria romana, causando grande confusão entre mitos variados, ora tão mesclados ao mito original que muitos não lhes distinguem diferenças. Assim, para compreender a figura de Fauno, é preciso inicialmente saber que o nome era usado para denominar, essencialmente, três figuras distintas: rei mítico do Lácio, na mitologia romana, deificado pelos romanos e, portanto, imortal, muitas vezes confundido com , com Silvano e/ou com Lupércio; empregado no plural denomina criaturas que, tal como os sátiros da mitologia grega, possuíam um corpo meio humano, meio bode, e que seriam descendentes do rei Fauno, eram semideuses e, portanto, mortais; ou ainda um marinheiro que, tendo se apaixonado por Safo, obteve de Afrodite beleza e sedução a fim de que pudesse conquistar a poetisa.

Desde a Antiguidade, em muitos festivais de Atenas, a maioria dedicados a Dionísio, diversas tragédias eram representadas antes de uma peça chamada "satírica", onde os atores, em coro, se fantasiavam de faunos, realizando danças e cantos em flautas, para cortejar o deus. (leia mais...)



Retrato de Fernando Pessoa feito por João L. Roth

Fernando António Nogueira Pessoa (Lisboa, 13 de Junho de 1888 — Lisboa, 30 de Novembro de 1935), mais conhecido como Fernando Pessoa, foi um poeta e escritor português.

É considerado um dos maiores poetas de língua portuguesa, e o seu valor é comparado ao de Camões. O crítico literário Harold Bloom considerou-o, ao lado de Pablo Neruda, o mais representativo poeta do século XX. Por ter vivido a maior parte de sua juventude na África do Sul, a língua inglesa também possui destaque em sua vida, com Pessoa traduzindo, escrevendo, trabalhando e estudando no idioma. Teve uma vida discreta, em que atuou no jornalismo, na publicidade, no comércio e, principalmente, na literatura, onde se desdobrou em várias outras personalidades conhecidas como heterônimos. A figura enigmática em que se tornou movimenta grande parte dos estudos sobre sua vida e obra, além do fato de ser o maior autor da heteronímia.

Morreu de problemas hepáticos aos 47 anos na mesma cidade onde nascera, tendo sua última frase sido escrita na língua inglesa, com toda a simplicidade que a liberdade poética sempre lhe concedeu: "I know not what tomorrow will bring... " ("Eu não sei o que o amanhã trará").

Às três horas e vinte minutos da tarde de 13 de Junho de 1888 nascia em Lisboa, capital portuguesa, Fernando Pessoa. O parto ocorreu no quarto andar esquerdo do nº 4 do Largo de São Carlos, em frente da ópera de Lisboa (Teatro de São Carlos). O seu pai era funcionário público do Ministério da Justiça e crítico musical do «Diário de Notícias», Joaquim de Seabra Pessoa (38), natural de Lisboa; e a sua mãe D. Maria Magdalena Pinheiro Nogueira Pessoa (26), natural da Ilha Terceira (Açores). Viviam com eles a avó Dionísia, doente mental e duas criadas velhas, Joana e Emília.

Leia o artigo completo...

Retrato de Fiódor Dostoiévski, óleo sobre tela, 1872. (Galeria Tretyakov, Moscou).

Fiódor Dostoiévski (1821–1881) foi um dos maiores escritores da literatura russa, sendo considerado o fundador do existencialismo, mais frequentemente por Notas do Subterrâneo, descrito por Walter Kaufmann como a "melhor proposta para existencialismo já escrita".

A obra dostoievskiana explora a autodestruição, a humilhação e o assassinato, além da analisar estados patológicos que levam ao suicídio, à loucura e ao homicídio; seus escritos são chamados por isso de "romances de idéias", pela retratação filosófica e atemporal dessas situações. O modernismo literário e várias escolas da teologia e psicologia foram influenciados por suas idéias.

Com a morte do pai, assassinado pelos próprios colonos, teve um ataque de epilepsia e a partir daí freqüentou prisões e foi condenado à pena de morte. Alguns autores crêem que esses problemas particulares auxiliaram Fiódor a produzir uma das maiores literaturas do planeta, mas de fato seu reconhecimento definitivo como "escritor universal" veio somente depois dos anos 1860, com a publicação dos grandes romances: O Idiota e Crime e Castigo. Seu último romance, Os Irmãos Karamazov, foi considerado por Sigmund Freud como o melhor romance já escrito. (leia mais...)



Lago de Beartooth na Floresta Nacional de Shoshone

A Floresta Nacional de Shoshone (em inglês Shoshone National Forest) tem uma superfície de cerca de 2,4 milhões de acres (9 700 km²) no estado norte-americano de Wyoming e foi a primeira floresta protegida a nível federal nos Estados Unidos. Originalmente parte da reserva da Área Florestal de Yellowstone, a floresta foi criada por um ato do Congresso dos Estados Unidos da América e assinada como lei pelo então presidente dos Estados Unidos, Benjamin Harrison em 1891. Um total de quatro áreas de selva são localizadas dentro da floresta, protegendo mais da metade da área de terra dirigida ao desenvolvimento. De planícies de artemísia cobertas de densas florestas de abetos a picos de montanhas, a Floresta Nacional de Shoshone tem uma biodiversidade bastante rica, raramente combinada em qualquer área protegida.

Três cadeias de montanhas principais são parcialmente localizadas na floresta, as montanhas Absaroka, as Beartooth e as Wind River Range. O Parque Nacional de Yellowstone é parte do limite florestal ao oeste, enquanto ao sul de Yellowstone, a Divisão Continental separa a floresta da sua vizinha, a Floresta Nacional Bridger-Teton. O limite oriental inclui propriedades privadas, terras dirigidas pelo Escritório de Gerenciamento de Terras dos Estados Unidos (U.S Bureau of Land Management) e a Reserva Indígena Wind River (Wind River Indian Reservation), que pertence aos Índios Shoshone e os Índios Arapahoe. A Floresta Nacional de Custer ao longo da fronteira de Montana é o limite ao norte.

Toda a floresta é parte do Grande Ecossistema de Yellowstone, uma expansão de terras protegidas a nível federal que abrangem aproximadamente 20 milhões de acres (80 937 km²).

Leia o artigo completo...

Floresta de sobreiros no sul de Portugal (Algarve)

As florestas da Península Ibérica - que são integradas, atualmente, pelos territórios continentais de Espanha, Portugal e Andorra - se enquadram dentro de duas grandes regiões florestais: a eurosiberiana e a mediterrânea. Cada uma delas é caracterizada por um conjunto de plantas e comunidades biológicas que lhe são próprias, podendo, entretanto, haver algumas espécies em comum.

A divisão entre essas duas regiões não é bem definida, existindo áreas de influência dos dois tipos de vegetação. Algumas espécies têm seu hábitat preferencial exatamente nesses pontos de convergência, o que torna muito difícil estabelecer limites precisos.

A flora da Península, por suas condições bio-históricas, geográficas, geológicas e orográficas, é uma das mais ricas e variadas de toda a Europa, comparando-se apenas à de outros países mediterrâneos, como a Grécia e a Itália. Calcula-se que inclua mais de 8.000 espécies diferentes de plantas, sendo muitas delas endêmicas.

O Mediterrâneo, sabe-se hoje, foi submetido no passado a grandes alterações no clima e na vegetação, unidas a outras variações, às vezes muito grandes, no nível do mar e a nas posições relativas das massas continentais (placas européia e africana). Com a introdução de plantas e o isolamento, devido às flutuações marítimas ou às periódicas glaciações, pode-se encontrar uma variada diversidade de espécies vegetais.

Leia o artigo completo...

O centro da cidade

Florianópolis é a capital do estado de Santa Catarina, Brasil. O nome refere-se a Floriano Peixoto, ex-presidente do Brasil na República Velha. Originalmente, a cidade tinha o nome de Desterro, em referência a Nossa Senhora do Desterro, sua padroeira. A mudança de nome seguiu-se ao fim da Revolução Federalista, em 1894, e ainda é considerada controvertida por parte dos habitantes da cidade.

Localiza-se no leste do estado de Santa Catarina e é banhada pelo Oceano Atlântico. Grande parte de Florianópolis (97,23%) está situada na Ilha de Santa Catarina, onde, somadas às continentais, existem cerca de 100 praias.

O hino do município é a canção Rancho de Amor à Ilha, composta pelo poeta Cláudio Alvim Barbosa, o Zininho, em 1965. A canção foi oficializada como hino em 1968.

Leia o artigo completo...

Farol antigo de Fortaleza

Fortaleza é a capital do estado nordestino do Ceará. Seu nome tem como referência o Forte Schoonenborch construído pelos holandeses durante a ocupação em 1649. Batizada de Loira desposada do Sol, pelos versos do poeta Paula Ney, Fortaleza é a quarta maior capital do Brasil em população e um importante centro industrial, comercial e turístico do Nordeste. É sede do Banco do Nordeste e do DNOCS, além de ser a capital brasileira com a maior concentração demográfica.

A Região Metropolitana de Fortaleza tem cerca de 3.415.455 milhões de habitantes, sendo umas das cinco maiores áreas urbanas do Brasil. Seu aeroporto é o Aeroporto Internacional Pinto Martins. É por ele que chegam à cidade o maior número de turistas. As festas mais populares são o Fortal e o Ceará Music.

A cidade localiza-se no litoral do Estado, a uma altitude média de 21 metros, e é centro de um município de 313,8 km² de área e 2.416.920 habitantes (densidade demográfica de 7.718,3 hab/km²). Seu principal estádio de futebol é o Castelão. É a terra natal de José de Alencar, Rachel de Queiroz e Casimiro Montenegro Filho.

Leia o artigo completo...

Cadeia de transporte eletrónico na mitocôndria, local onde ocorre a fosforilação oxidativa em eucariontes.

A fosforilação oxidativa é uma via metabólica que utiliza energia libertada pela oxidação de nutrientes de forma a produzir trifosfato de adenosina (ATP). O processo refere-se à fosforilação da adenosina difosfato (ADP) em ATP, utilizando para isso a energia libertada nas reações de oxidação-redução.

Durante a fosforilação oxidativa, existe transferência de eletrões de doadores eletrónicos (moléculas redutoras) a aceitadores eletrónicos (moléculas oxidantes), tais como o dioxigénio, numa reação de oxidação-redução. As transferências de eletrões constituem estas reações de oxidação-redução que se processam com libertação de energia, biologicamente aproveitável para a biossíntese de ATP. Em eucariontes, tais reações redox são feitas por cinco complexos principais de proteínas mitocondriais, enquanto que em procariontes, diferentes proteínas localizam-se na membrana interna da célula, dependendo o tipo de enzima utilizado dos aceitadores e doadores eletrónicos. Ao conjunto de complexos proteicos envolvidos nesta reação chama-se cadeia de transporte eletrónico. (leia mais...)



Frank Macfarlane Burnet em 1945.

Sir Frank Macfarlane Burnet OM, KBE (3 de Setembro de 189931 de Agosto de 1985), também conhecido como Macfarlane ou Mac Burnet, foi um médico virologista australiano conhecido por suas contribuições no estudo da imunologia.

Burnet graduou-se em medicina na Universidade de Melbourne em 1924, e obteve o título de Ph.D em 1928 pela Universidade de Londres. Conduziu estudos pioneiros de investigação sobre bacteriófagos e vírus no Walter & Eliza Hall Institute, atuando como diretor do instituto de 1944 até 1965. Seu trabalho proporcionou importantes descobertas no campo da imunologia e virologia.

Em meados dos anos 1950 ele trabalhou extensivamente na área de imunologia, contribuindo para a criação da teoria da seleção clonal, que explica como linfócitos selecionam antígenos para destruição. Burnet e Peter Brian Medawar receberam em 1960 o Nobel de Fisiologia ou Medicina, demonstrando o mecanismo de tolerância imunológica adquirida. Este trabalho proporcionou bases experimentais sobre a indução da tolerância imunológica, levando ao desenvolvimento de novas terapias para o transplante de órgãos.

Burnet deixou o Walter e Eliza Hall Institute em 1965, continuando a trabalhar na Universidade de Melbourne até sua aposentadoria oficial em 1978. Durante sua vida profissional escreveu 31 livros e monografias, e mais de 500 artigos científicos.

Leia o artigo completo...

A única fotografia conhecida de Chopin, provavelmente feita por Louis-Auguste Bisson em 1849.

Frédéric Chopin (Żelazowa Wola, 1 de Março de 1810Paris, 17 de Outubro de 1849) foi um pianista polaco e compositor para piano da Era Romântica. É amplamente conhecido como um dos maiores compositores para piano e um dos pianistas mais importantes da história. Sua perfeição técnica, seu estilo refinado e sua elaboração harmônica vêm sendo comparadas historicamente com as de Johann Sebastian Bach, assim como sua duradoura influência na música até os dias de hoje.

Fryderyk Franciszek Chopin ou Szopen (nome em polaco, em francês Frédéric François Chopin) nasceu na aldeia de Żelazowa Wola, Ducado de Varsóvia, filho de mãe polaca e pai francês-expatriado. Aclamado em sua terra natal como uma criança prodígio, aos vinte anos Chopin deixou a Polônia para sempre. Em Paris, fez carreira como intérprete, professor e compositor, e aceitou a versão francesa dada a seus nomes, Frédéric-François. De 1837 a 1847 teve uma relação turbulenta com a escritora francesa George Sand (pseudônimo de Amantine Aurore Lucile Dupin). Sempre com a saúde frágil, morreu em Paris aos 39 anos, vítima de tuberculose.

Toda a obra existente de Chopin inclui o piano assumindo algum papel (predominantemente como um instrumento solo), e suas composições são amplamente consideradas como o auge do repertório para piano. Embora sua música seja tecnicamente exigente, o estilo de Chopin enfatiza a nuança e a profundidade expressiva ao invés do virtuosismo técnico.


Leia o artigo completo...

Durante a maior parte da Primeira Guerra Mundial, Forças aliadas e alemãs ficaram estacionadas em uma guerra de trincheira ao longo da Frente Ocidental.

A Frente Ocidental foi aberta em 1914, quando o Império Alemão — assistindo a eclosão da Primeira Guerra Mundial — começou a invadir Luxemburgo e a Bélgica, ganhando então controle militar de importantes regiões industriais na França. A maré do avanço sofreu uma reviravolta dramática com a Primeira batalha do Marne. Ambos os lados então cavaram longitudinalmente uma linha sinuosa de trincheiras fortificadas, estendendo-se desde o Mar do Norte até a fronteira da Suíça com a França. Essa linha permaneceu essencialmente sem mudanças durante a maior parte da guerra.

Entre 1915 e 1917 ocorreram grandes ofensivas ao longo da frente. Os ataques empregaram enormes bombardeios de artilharia e grandes avanços de infantaria. Entretanto, uma combinação de entrincheiramentos, ninhos de metralhadoras, arame farpado e artilharia repetidamente infligiram severas baixas nas forças agressoras e nas forças defensivas contra-atacantes. Como consequência, nenhum avanço significativo foi feito. Em um esforço para quebrar a estagnação, essa frente testemunhou a introdução de novas tecnologias militares, incluindo gases tóxicos, aeronaves e tanques. (leia mais...)



Getúlio Dornelles Vargas

Getúlio Dornelles Vargas (São Borja, 19 de abril de 1882Rio de Janeiro, 24 de agosto de 1954) foi um político brasileiro, chefe civil da revolução de 1930, que pôs fim à chamada República Velha. Foi por duas vezes presidente da República do Brasil. Foi denominado por seus simpatizantes "pai dos pobres", e denominado pelas pessoas de sua proximidade como "Doutor Getúlio".

Governou o Brasil de 1930 a 1934 no governo provisório; de 1934 a 1937 no governo constitucional, eleito pelo Congresso Nacional; de 1937 a 1945 no Estado Novo; e de 1951 a 1954 como presidente eleito pelo voto direto.

Sua doutrina e seu estilo político foram denominados de getulismo ou varguismo. Seus seguidores, que até hoje existem, são chamados getulistas.

Suicidou-se com um tiro no coração, em seu quarto, no Palácio do Catete, na cidade do Rio de Janeiro, então capital federal.

Getúlio Vargas foi o mais controvertido político brasileiro do século XX, e sua influência se estende até hoje.

Sua herança política é invocada por pelo menos dois partidos políticos atuais: o Partido Democrático Trabalhista (PDT) e o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB).

Quando era jovem, Getúlio alterou alguns documentos para fazer constar seu ano de nascimento como 1883. Esse fato somente foi descoberto nas comemorações do centenário de seu nascimento, quando, verificando-se os livros de registro de batismo da paróquia de São Borja, descobriu-se que Getúlio nascera em 1882.

Leia o artigo completo...

Meneghetti e seus disfarces, ao ser preso pela polícia de São Paulo em junho de 1926.

Gino Amleto Meneghetti (1878 - 1976) foi um criminoso italiano que, radicado no Brasil, ganhou fama ao ter seus crimes noticiados pela imprensa — de forma muitas vezes sensacionalista — chegando ao ponto de ser taxado pelos jornais de "o bom ladrão" e "o maior gatuno da América Latina". Com o passar do tempo suas façanhas foram sendo esquecidas, e apesar de atualmente Meneghetti ser praticamente desconhecido de grande parte da população, ele continua a ocupar lugar de destaque entre os maiores bandidos da história brasileira.

Filho de operários (seu pai trabalhava numa fábrica de vidros belga), Meneghetti pratica os primeiro crimes ainda na adolescência. Fugindo da polícia italiana, vai parar na França, onde permanece por quase vinte anos, período do qual pouco se sabe sobre seu paradeiro. Capturado pelas autoridades francesas, é deportado para o Brasil (tratamento comum aos criminosos na época), e desembarca no Porto de Santos em 25 de junho de 1913 a bordo do navio italiano "Tomaso di Savoia". (leia mais...)



Glycerol-3D-balls.png

Glicerol ou Propano-1,2,3-triol (IUPAC, 1993) é um composto orgânico pertencente à função álcool. É líquido à temperatura ambiente (25 °C), higroscópico, inodoro, viscoso e de sabor adocicado. O nome origina-se da palavra grega glykos (γλυκός), que significa doce. O termo Glicerina (Nº CAS: 56-81-5) refere-se ao produto na forma comercial, com pureza acima de 95%.

Por volta de 600 a.C, os fenícios divulgaram um conhecimento alquimista de como se fazer sabão, que alguns séculos mais tarde, teve sua divulgação via Marselha dentro dos costumes gauleses e germânicos. Nenhuma referência antiga pode ser encontrada com os nomes "glicerina" ou "glicerol", pois esses nomes datam do século XX unicamente. No período da Renascença da Itália, referências de como se fazer sabão podem ser encontradas pela Europa Central e regiões da Alemanha nos séculos seguintes. Por volta do século XIV, no reinado de Carlos I, a coroa inglesa monopolizava o comércio e fabricação de sabão e, até mesmo, cobrava uma taxa das pessoas que possuíam uma preferência por "limpeza". No século seguinte, este conhecimento foi levado da alquimia à química, um exemplo histórico está em Claude Joseph Geoffroy (1741), que intensificou seus estudos acerca da natureza das substâncias gordurosas, desencadeando a descoberta da glicerina. Menos de 40 anos depois, o químico sueco Karl Wilhelm Scheele foi o primeiro a isolar esse composto, em 1779, pelo aquecimento de uma mistura de litargírio (PbO) com óleo de oliva. Foi ele quem formalizou a descoberta de que os óleos e gorduras naturais contém o que chamamos hoje de glicerina. Na época, ele a batizou de "o doce princípio das gorduras".

Leia o artigo completo...


Mapa da campanha da Guerra Boshin (1868-1869)

A Guerra Boshin (戊辰戦争, Boshin Senso, “Guerra do Ano do Dragão”) foi uma guerra civil no Japão, travada de 1868 a 1869 entre forças do governo do Xogunato Tokugawa e aqueles que favoreciam a restauração do Imperador Meiji. A guerra encontra suas origens na declaração do imperador da abolição do xogunato de mais de duzentos anos e a imposição do comando direto da corte imperial. Movimentos militares das forças imperiais e atos de violência partidários ao império em Edo, levaram Tokugawa Yoshinobu, o xogum, a lançar uma campanha militar para controlar a corte imperial em Quioto. A maré militar rapidamente mudou em favor da facção imperial, que era pequena mas relativamente modernizada, e após uma série de batalhas culminando na rendição de Edo, Yoshinobu pessoalmente rendeu-se. O remanescente do governo Tokugawa recuou para o norte de Honshu e posteriormente para Hokkaido, onde declarou uma nova república. Derrotados na Batalha de Hakodate, o último resquício do xogunato foi destruído, dando controle supremo ao império por todo o Japão, completando a fase militar da Restauração Meiji.

Leia o artigo completo...

Pintura da Batalha de Gettysburg, a batalha mais sangrenta da Guerra Civil Americana.

A Guerra Civil Americana foi uma guerra civil que ocorreu nos Estados Unidos da América entre 1861 e 1865. Nenhuma guerra causou mais mortes de americanos do que a Guerra Civil Americana. As causas da guerra, de seu desfecho, e mesmo os próprios nomes da guerra, são motivos de controvérsia e debate até os dias atuais.

A Guerra Civil Americana consistiu na luta entre 11 Estados do Sul latifundiário aristocrata e que era a favor do trabalho escravo contra os estados do Norte industrializado e abolicionista, dedicado a estilos mais modernos de vida. Esta divisão é considerada uma das causas primárias do conflito. Enquanto o norte passava por um período de expansão econômica graças à industrialização, à proteção ao mercado interno e à mão-de-obra livre e assalariada, a economia do sul dependia da exportação de produtos agropecuários - especialmente do algodão, cujas exportações eram a principal fonte de renda destes estados. A agropecuária do sul, por sua vez, dependia muito do uso do trabalho escravo.

Ao longo das primeiras décadas do século XIX, a imigração em massa e intensa industrialização fizeram com que o poderio do Norte crescesse economicamente e politicamente no governo. Grandes tensões políticas e sociais desenvolveram-se entre o Norte e o Sul. Em 1860, Abraham Lincoln, um republicano contrário à escravidão, venceu as eleições presidenciais americanas. Lincoln, ao assumir o posto de presidente, cognomeou os EUA de "Casa Dividida".

Em 1861, ano do início da guerra, o país consistia em 19 Estados livres, onde a escravidão era proibida, e 15 Estados onde a escravidão era permitida. Em 4 de março, antes que Lincoln assumisse o posto de presidente, 11 Estados escravagistas declararam secessão da União, e criaram um novo país, os Estados Confederados da América. A guerra começou quando forças confederadas atacaram o Fort Sumter, um posto militar americano na Carolina do Sul, em 12 de Abril de 1861, e terminaria somente em 28 de junho de 1865, com a rendição das últimas tropas remanescentes da Confederação.


Parada de Jägers finlandeses em Vaasa, após retorno da Alemanha.

A Guerra civil finlandesa fez parte do tumulto nacional e social causado pela Primeira Guerra Mundial (1914-1918) na Europa. A guerra foi travada na Finlândia de 27 de janeiro a 15 de maio de 1918, entre as forças dos social-democratas chamados "Vermelhos" (punaiset), apoiadas pela República Soviética da Rússia, e as forças do senado conservador não-socialista, comumente chamados de "Brancos" (valkoiset), apoiados militarmente pelo Império Alemão e voluntários da Suécia.

A derrota na Primeira Guerra Mundial e as revoluções de Fevereiro e Outubro em 1917 geraram um colapso total do Império Russo (que naquele tempo incluía a Finlândia), e a destruição na Rússia resultou em uma correspondente falência da sociedade finlandesa durante 1917. Os social-democratas à esquerda e os conservadores à direita competiram pela liderança do Estado finlandês, que mudou da esquerda para a direita em 1917. Os dois grupos colaboraram com as forças políticas correspondentes na Rússia, aprofundando a divisão no país. Como não havia polícia e Forças Armadas popularmente aceitas para manter a ordem na Finlândia após março de 1917, a esquerda e a direita começaram a criar grupos próprios de segurança, levando ao surgimento de duas tropas militares armadas independentes, as Guardas Branca e Vermelha. (leia mais...)



BoabdilFerdinandIsabella.jpg

Guerra de Granada é o nome pelo qual se conhece o conjunto de campanhas militares que decorreram entre 1482 e 1492, durante o reinado dos Reis Católicos, no interior do reino de Granada. Ela culminou com a rendição negociada mediante capitulação do rei Boabdil, que ao longo da guerra tinha oscilado entre a aliança, o jogo duplo, o apaziguamento e o confronto aberto com ambos os lados.

Os dez anos de guerra não foram um esforço contínuo: houve um ritmo sazonal de campanhas iniciadas na primavera e terminadas no inverno. Além disso, o conflito esteve sujeito a numerosas vicissitudes bélicas e civis: notáveis foram os confrontos internos dentro da parte muçulmana; enquanto que no lado cristão foi decisiva a capacidade de integração numa missão comum das cidades, a nobreza castelhana e o imprescindível impulso do baixo clero, e a autoridade da emergente Monarquia Católica.

A participação da Coroa de Aragão (cujos reinos estavam muito menos sujeitos ao autoritarismo real) foi de menor importância: além da presença do próprio rei Fernando, consistiu na colaboração naval, na contribuição de experientes artilheiros, e algum empréstimo financeiro. Era evidente a natureza da empresa, claramente castelhana, e a integração na Coroa de Castela do reino conquistado.

Leia o artigo completo...


A "Guerra do Contestado", em linhas gerais, foi um conflito armado entre a população cabocla e os representantes do poder estadual e federal brasileiro travado entre outubro de 1912 a agosto de 1916, numa região rica em erva-mate e madeira pretendida pelos Estados do Paraná, Santa Catarina e mesmo pela Argentina. A Guerra do Contestado terá tido origem em conflitos sociais latentes na região, frutos dos desmandos locais, em especial no tocante à regularização da posse de terras por parte do caboclos. Representando, ao mesmo tempo, a insatisfação da população com sua situação material, o conflito era permeado pelo fanatismo religioso, expresso pelo messianismo e pela crença, por parte do cablocos revoltados, de que se tratava de uma guerra santa.


Soldados do Corpo de Voluntários da Pátria

A Guerra do Paraguai foi o maior conflito armado internacional ocorrido no continente americano, no período de dezembro de 1864 a março de 1870. É também chamada Guerra da Tríplice Aliança. O Brasil, a Argentina e o Uruguai, aliados, derrotaram o Paraguai após cinco anos de lutas, durante os quais o Brasil enviou 180 mil homens em guerra. Destes, mais de 30 mil não voltaram. As perdas humanas sofridas pelo Paraguai são calculadas em 300 mil pessoas, entre civis e militares, mortos em decorrência dos combates, das epidemias que se alastraram durante a guerra e da fome. O Paraguai, antes da guerra, atravessava uma fase de prosperidade econômica. A derrota marcou uma reviravolta decisiva na história do país, desde então um dos menos desenvolvidos da América do Sul.


"Batalha de Pavia", autor flamengo desconhecido, séc. XVI.

A Guerra italiana de 1521–1526, também conhecida como Guerra dos Quatro Anos, faz parte das Guerras Italianas. O conflito se desenvolveu entre 1521 e 1526, e nela lutaram Francisco I de França e a República de Veneza contra o imperador do Sacro Império Romano-Germânico Carlos I de Espanha, Henrique VIII da Inglaterra e os Estados Pontifícios. Entre as causas do conflito estavam a eleição, em 1519-20, de Carlos I como Imperador do Sacro Império Romano e a necessidade do Papa Leão X de aliar-se a este para combater as idéias de Martinho Lutero e sua Reforma.

O conflito eclodiu na Europa Ocidental, em 1521, quando a França invadiu os Países Baixos e ajudou ao rei Henrique II de Navarra a recuperar seu reino. As forças imperiais repeliram a invasão e atacaram o norte da França, onde os francos detiveram seu avanço. Então o Imperador, o Papa e Henrique VIII firmaram uma aliança formal contra a França, e as hostilidades começaram na península italiana. Na batalha de Bicocca os exércitos imperiais e do papado derrotaram as tropas francesas, que foram expulsas do Milanesado. Depois da batalha, a luta voltou novamente para solo francês, enquanto Veneza assinava a paz em separado. O exército inglês invadiu a França em 1523, enquanto Carlos de Bourbon, condestável francês, contrariado pelas tentativas de Francisco em apoderar-se de sua herança, o trai, aliando-se com Carlos I. Em 1524, falha a tentativa francesa de recuperar o Ducadado milanês, dando a Bourbon a oportunidade de invadir a Provença à frente de um exército espanhol.

Leia o artigo completo...



O cometa ganhou estatuto de grande cometa no início do ano de 1997

O Hale-Bopp, ou C/1995 O1, foi um dos maiores cometas observados no último século e um dos mais brilhantes das últimas décadas. Pôde ser contemplado a vista desarmada durante 18 meses, quase o dobro do tempo do Grande cometa de 1811.

Foi descoberto a 23 de Julho de 1995 a uma grande distância do Sol, criando-se desde logo uma grande expectativa de que este seria um cometa muito brilhante quando passasse perto da Terra. O brilho de um cometa é algo muito difícil de prever com exactidão, mas o Hale-Bopp superou todas as expectativas quando atingiu o periélio a 1 de Abril de 1997. Foi denominado o Grande Cometa de 1997.

A sua passagem deu origem a alguma preocupação e receio por parte da população, uma vez não eram observados cometas com estas características havia várias décadas. Surgiram inclusivamente rumores de que uma grande nave extraterrestre estaria no seu encalço, o que levou a um suicídio em massa entre os seguidores da seita Heaven's Gate.

Leia o artigo completo...

Hamlet é uma tragédia de William Shakespeare, escrita provavelmente entre 1599 e 1601. A peça, passada na Dinamarca, reconta a história de como o príncipe Hamlet tenta vingar a morte de seu pai Hamlet, o rei, executando seu tio Cláudio, que o envenenou e em seguida tomou o trono casando-se com a mãe do príncipe. A peça traça um mapa do curso de vida na loucura real e na loucura fingida (do sofrimento opressivo à raiva fervorosa) e explora temas como a traição, vingança, incesto, corrupção e moralidade. Apesar da enorme investigação que se faz acerca do texto, o ano exato em que Shakespeare escreveu-o permanece em debate. Trata-se da sua obra mais extensa, e também uma de suas peças mais famosas e encenadas pelo mundo hoje.

Dada a estrutura dramática e a profundidade de caracterização, Hamlet pode ser analisada, interpretada e debatida por diversas perspectivas. Ao longo de seus mais de quatro séculos de existência, os estudiosos têm observado que a peça possui uma grande parcela de abordagens que hoje conhecemos como ideologia, sociologia, simbologia, existencialismo, hermenêutica, etc. Além disso, ela influenciou muitas obras literárias posteriores, notavelmente as produzidas por nomes como Machado de Assis, Johann Goethe, Charles Dickens e James Joyce, e serviu como campo de estudo para a psicanálise, filosofia, política e também para o feminismo. Sobre Hamlet já se escreveram cerca de oitenta mil volumes, muitos a encarando como uma obra rica, aberta, universal e às vezes perfeita. (leia mais...)



Harvey Milk no cargo do prefeito Moscone por um dia em 1978.

Harvey Bernard Milk (1930-1978) foi um político e ativista gay norte-americano. Foi o primeiro homem abertamente homossexual a ser eleito a um cargo público na Califórnia, como supervisor da cidade de São Francisco. A política e o ativismo gay não foram os primeiros interesses de Milk; ele não sentia necessidade de ser aberto quanto à sua homossexualidade ou participar de causas civis até por volta dos quarenta anos, depois de suas experiências com a contracultura na década de 1960. Milk mudou-se de Nova Iorque para fixar residência em São Francisco em 1972, em meio a uma migração de homens homossexuais, que se deslocaram para o distrito de Castro na década de 1970. Ele tirou vantagem do crescente poder político e econômico do bairro para promover seus interesses, e candidatou-se sem sucesso três vezes para cargos políticos. Suas campanhas teatrais deram-lhe crescente popularidade, e Milk obteve um cargo como supervisor da cidade em 1977, como resultado das mudanças sociais mais amplas que a cidade estava enfrentando.

Milk exerceu o mandato por onze meses e foi responsável pela aprovação de uma rigorosa lei sobre direitos homossexuais para a cidade. Em 27 de novembro de 1978, Milk e o prefeito George Moscone foram assassinados por Dan White, outro supervisor da cidade, que tinha recentemente renunciado, mas desejava seu posto de volta. (leia mais...)



Henry Ford (1863-1947).

Henry Ford (Springwells, 30 de Julho de 1863Dearborn, 7 de Abril de 1947) foi um empreendedor estadunidense, fundador da Ford Motor Company e o primeiro empresário a aplicar a montagem em série de forma a produzir em massa automóveis em menos tempo e a um menor custo. A introdução de seu modelo Ford T revolucionou os transportes e a indústria norte-americanos. Ford foi um inventor prolífico e registrou 161 patentes nos EUA. Como único dono da Ford Company, ele se tornou um dos homens mais ricos e conhecidos do mundo.

A ele é atribuído o "fordismo", isto é, a produção em grande quantidade de automóveis a baixo custo por meio da utilização do artifício conhecido como "linha de montagem", o qual tinha condições de fabricar um carro a cada 98 minutos, além dos altos salários oferecidos a seus operários — notavelmente o valor de 5 dólares por dia, adotado em 1914.

Ford via no consumismo uma chave para a paz. Ele não confiava em contadores, tendo reunido uma das maiores fortunas do mundo sem ao menos possuir auditoria em sua companhia. A companhia teve sua primeira auditoria depois que Henry Ford II se tornou seu diretor. O intenso empenho de Henry Ford para baixar os custos resultou em muitas inovações técnicas e de negócios, incluindo um sistema de franquias que instalou uma concessionária em cada cidade da América do Norte, e nas maiores cidades em seis continentes. Ford deixou a maior parte de sua grande riqueza para a Fundação Ford, mas providenciou para que sua família pudesse controlar a companhia permanentemente. Henry Ford montou o seu primeiro motor sobre a bancada de sua cozinha.

Filho de emigrantes escoceses, sua mãe faleceu quando tinha apenas doze anos. Freqüentou escolas rurais até seus quinze anos, trabalhando na fazenda de seu pai, tendo sempre demonstrado habilidades para invenções, particularmente na mecânica. Cursou uma escola de comércio, todavia buscava sempre aumentar seus conhecimentos de mecânica. Depois de concluído seu aprendizado, ligou-se à Westinhouse Engine, ocorrendo ali seu primeiro contato com motor de combustão interna em 1885.

Leia o artigo completo...

Henry Moore

Henry Spencer Moore (Castleford, Yorkshire, 1898Perry Green, Hertfordshire, 1986) foi um escultor e desenhista britânico que desenvolveu uma obra tridimensional predominantemente figurativa, com breves incursões pela abstração.

Filho de um engenheiro de minas, Moore se tornou conhecido por suas esculturas abstratas em grande escala, de bronze fundido e de mármore. Substancialmente sustentado pela instituição de arte britânica, Moore ajudou a introduzir uma forma especial de modernismo no Reino Unido.

Recebeu as condecorações Ordem de Mérito, Ordem dos Companheiros de Honra e fazia parte da Federação de Artistas Britânicos (Federation of British Artists).

Freqüentou o Leeds College of Art e o Royal College of Art de Londres. Sua primeira exposição individual ocorreu em Londres, em 1928, onde apresentou 42 esculturas e 51 desenhos.

Foi influenciado sobretudo pela arte mexicana pré-colombiana, assim como pela arte arcaica e renascentista, pelo Surrealismo e pelo Construtivismo. A essa cultura visual vasta e multiforme do artista soma-se uma sensível capacidade de análise da natureza.

Moore nasceu em Castleford, West Yorkshire, Inglaterra, e foi o sétimo de oito filhos de Raymond Spencer Moore e Mary Baker. Seu pai era um engenheiro de minas que se tornou o segundo gerente da mina Wheldale, em Castleford. Ele era um autodidata com interesse em música e literatura, e percebeu que uma educação formal era o melhor caminho para o desenvolvimento de seus filhos, decidindo-se a não permitir que tivessem que trabalhar como ele, debaixo de uma mina.

Leia o artigo completo...

H-TableImage.png

O hidrogénio (português europeu) ou hidrogênio (português brasileiro) (pronuncia-se /idɾɔˈʒɛniu/) é um elemento químico com número atômicoPB ou atómico PE 1 e representado pelo símbolo H. Com uma massa atómica de aproximadamente 1,0 u, o hidrogênio é o elemento menos denso. Ele geralmente apresenta-se em sua forma molecular, formando o gás diatômico (H2) nas CNTP. Este gás é inflamável, incolor, inodoro, não-metálico, insípido e insolúvel em água.

O elemento hidrogênio, por possuir propriedades distintas, não se enquadra claramente em nenhum grupo da tabela periódica, sendo muitas vezes colocado no grupo 1 (ou família 1A) por possuir apenas 1 próton.

O Hidrogênio é o mais abundante dos elementos químicos, constituindo aproximadamente 75% da massa elementar do Universo. Estrelas na sequência principal são compostas primariamente de hidrogênio em seu estado de plasma. O Hidrogênio elementar é relativamente raro na Terra, e é industrialmente produzido a partir de hidrocarbonetos presentes no gás natural, tais como metano, após o qual a maior parte do hidrogênio elementar é usada "em cativeiro" (o que significa localmente no lugar de produção). Os maiores mercados do mundo fazem uso do hidrogênio para o aprimoramento de combustíveis fósseis (no processo de hidrocraqueamento) e na produção de amoníaco (maior parte para o mercado de fertilizantes). O hidrogênio também pode ser obtido por meio da eletrólise da água, porém, este processo é atualmente dispendioso, o que privilegia sua produção a partir do gás natural. (leia mais...)



Um hipopótamo-pigmeu (Choeropsis liberiensis) no zoológico de Bristol, Inglaterra.

O hipopótamo-pigmeu (nome científico: Choeropsis liberiensis) é uma espécie de mamífero da família Hippopotamidae, nativo das florestas e pântanos da África Ocidental. É uma das duas espécies viventes da família dos hipopótamos, e a única espécie atual do gênero Choeropsis. Ao contrário do hipopótamo-comum, é uma espécie mais adaptada ao ambiente terrestre, motivo pelo qual apresenta diversas características morfológicas distintas e mais relacionadas com os habitats florestais em que vive. Devido aos hábitos furtivos e noturnos, pouco se conhece a respeito do comportamento social, reprodutivo e alimentar do hipopótamo-pigmeu.

É uma espécie ameaçada de extinção, sendo considerada em perigo pela União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN). Sua área de distribuição diminuiu drasticamente nos últimos trinta anos, principalmente pelo desmatamento, que fragmentou as populações. A guerra civil na região também influenciou negativamente as populações de hipopótamos, principalmente na Libéria. Duas subespécies são conhecidas, cujas populações estão separadas, por cerca de 1 800 km, pelo corredor Togo-Daomé. A subespécie nigeriana encontra-se possivelmente extinta, sendo registrada somente por alguns crânios coletados na década de 1940 pelo explorador colonial britânico Ian Robert Penicuick Heslop. (leia mais...)



Mapa do Império Romano com as três províncias (finais) da Hispânia

Hispânia foi o nome dado pelos antigos romanos a toda a Península Ibérica (Portugal, Espanha, Andorra e Gibraltar) e às duas províncias criadas posteriormente durante a República Romana: Hispânia Citerior e Hispânia Ulterior. Durante o Principado, a Hispânia Ulterior foi dividida em duas novas províncias: a Bética e a Lusitânia, enquanto a Hispânia Citerior foi rebaptizada para Tarraconense. Mais tarde, a parte ocidental da Tarraconense foi desanexada, inicialmente como Hispânia Nova, e mais tarde rebaptizada para Callaecia (ou Galécia, praticamente correspondente à actual Galiza). Durante a tetrarquia de Diocleciano (284 d.C.), o sul da Tarraconense foi desanexado para constituir a província Cartaginense. O conjunto de todas as províncias hispânicas formavam uma única diocese civil, sob a direcção do vigário de Hispaniae, cujas competências se estendiam também à Mauretânia Tingitana (ao redor de Tânger) que, portanto, eram oficialmente consideradas 'hispânicas'.

A ocupação romana teve início a 218 a.C. com o desembarque dos Romanos em Ampúrias e terminou em meados do século V d.C., altura em que toda a península assistiu à invasão dos Suevos, Alanos e Vândalos e, mais tarde, dos Visigodos. Ao longo de todo este período, tanto os povos como a organização política do território sofreram profundas e irreversíveis mudanças, e a Hispânia converteu-se numa parte fundamental do Império Romano, proporcionando-lhe um enorme caudal de recursos materiais e humanos, ao mesmo tempo que foi uma das regiões mais estáveis do Império.


A História da Arquitetura é uma subdivisão da História da Arte responsável pelo estudo da evolução histórica da arquitetura, seus princípios, idéias e realizações. Esta disciplina, assim como qualquer outra forma de conhecimento histórico, está sujeita às limitações e potencialidades da história enquanto ciência: existiram diversas perspectivas em relação ao estudo da arquitetura, a maior parte das quais ocidentais.

Na maioria dos casos (mas nem sempre), os períodos estudados pela História da Arquitetura correm paralelos aos da História da Arte, embora existam momentos em que as estéticas se sobreponham ou se confundam. Não raro, uma estética que é considerada vanguarda nas artes plásticas ainda não encontrou sua representação na arquitetura, e vice-versa.

As primeiras grandes obras de arquitetura remontam à Antiguidade, mas é possível traçar as origens do pensamento arquitetônico em períodos pré-históricos, quando foram erigidas as primeiras construções humanas.


MonaLisa sfumato.jpeg

Os estudos que tradicionalmente se fazem sobre História da arte normalmente levam em consideração apenas a evolução da história da arte ocidental, fruto do eurocentrismo corrente na sociedade ocidental. Este estudo, no entanto, ao se considerar a cultura ocidental como elemento fundamental da vida contemporânea, faz-se necessário a fim de se compreender o alcance da arte ao redor do mundo, recebendo influências e sendo influenciada por outros movimentos. Estudiosos como Giulio Carlo Argan, por exemplo, consideram a arte contemporânea um desdobramento da crise da arte enquanto ciência européia.

Esta história pode ser considerada predominantemente restrita ao contexto europeu por mais de três milênios: o núcleo principal da arte ocidental permaneceu no continente europeu até meados do século XX, especialmente após a II Guerra Mundial, quando o eixo desloca-se dali para os Estados Unidos.


A história da aviação remonta a tempos pré-históricos. O desejo de voar está presente na humanidade, provavelmente, desde o dia em que o homem pré-histórico passou a observar o vôo dos pássaros e de outros animais voadores. Ao longo da história, existem vários registros de tentativas mal-sucedidas de vôos. Alguns até tentaram voar imitando pássaros, usando um par de asas (que não passavam de um esqueleto de madeira e penas, imitando as asas dos pássaros), colocando-os nos braços e balançando-os.

Ao longo da história, muitas pessoas acreditavam que voar fosse impossível, e que era um poder além da capacidade humana. Mesmo assim, o desejo existia, e várias civilizações contavam histórias de pessoas dotadas de poderes divinos, que podiam voar; ou pessoas que foram carregadas ao ar por animais voadores. O exemplo mais bem conhecido é a lenda de Dédalo e Ícaro. Dédalo, aprisionado na ilha de Minos, construiu asas de penas e cera para si próprio e seu filho. Porém, Ícaro aproximou-se demais do Sol e a cera das asas derreteu, fazendo com que ele caísse no mar e morresse. A lenda era um aviso sobre as tentativas de alcançar o céu, semelhante à história da Torre de Babel na Bíblia, e exemplifica o desejo milenar do homem de voar.



A História da Europa descreve a passagem do tempo desde os primeiros humanos que habitaram o continente europeu até a atualidade. A primeira evidência do Homo sapiens na Europa data de 35 000 a.C.. O relato mais antigo feito sobre o continente é a Ilíada de Homero, da Grécia Antiga, que data de 700 a.C.. A República Romana foi estabelecida em 509 a.C., e usurpada pelo Novo Império de Otaviano na metade do primeiro século. A religião cristã foi adotada no século IV e organizada no sexto, dentro do Império, pelo imperador Justiniano I (527-565) como uma Pentarquia em suas cinco cidades mais importantes: Roma, Constantinopla, Antioquia, Jerusalém e Alexandria.

Confrontado com ataques bárbaros e a praga, o Império foi dividido entre Leste e Oeste, e a Idade Média instalou-se na Europa ocidental. O Império Bizantino manteve a luz da civilização queimando no Leste. O Cisma dentro da autoridade da igreja em 1054 aconteceu em seguida à divisão anterior de 451, e foi seguido das Cruzadas do oeste para recuperar o leste da invasão dos muçulmanos. A sociedade feudal começava a ruir enquanto os invasores mongóis carregavam a peste negra com eles. Os muros de Constantinopla caem em 1453, e ainda o Novo Mundo é descoberto em 1492. A Europa acorda do período medieval através do redescobrimento do ensinamento clássico. (leia mais...)



O Monumento Nacional ao Imigrante, um dos símbolos de Caxias do Sul.

A história de Caxias do Sul, uma das principais cidades do estado do Rio Grande do Sul, no Brasil, começa antes da colonização italiana na região. Habitada desde tempos imemoriais por índios nômades, no século XVII a área era percorrida pelos missionários jesuítas, que tentaram fundar reduções, porém sem sucesso, sendo registrada a presença no distrito de Santa Lúcia do Piaí do padre Cristóvão de Mendoza, que ali foi morto pelos nativos em 1635. Um pouco antes de 1790 as terras do que hoje é o seu distrito de Fazenda Souza foram ocupadas por Inácio Souza Corrêa, soldado do destacamento de Santo Antônio da Patrulha, que ali fundou uma estância para criação de muares, mas o povoamento efetivo só ganhou impulso com a chegada de levas de imigrantes italianos a partir de 1875. Desde então, desenvolveu-se rapidamente para em 2008 ser uma das cinquenta maiores cidades do país, com mais de quatrocentos mil habitantes, tornando-se uma das mais fortes economias do estado.

Hoje Caxias do Sul é o segundo polo metal-mecânico do país e um dos maiores da América Latina. Mais de 6 500 indústrias fazem com que o município responda por cerca de 5,83% do produto interno bruto do Rio Grande do Sul. (leia mais...)



Vista aérea da Boa Vista de 1924, pelo explorador Hamilton Rice.

A História de Roraima é recente ou contemporânea, mas nem por isso pouco conturbada. Várias vezes invadida por diversos países interessados na região, a pouco assistida Roraimaregião localizada no extremo norte do atual Brasil — despertou pouco interesse por parte dos portugueses, especialmente após a chegada da família real ao Rio de Janeiro. Foi bastante cobiçada pelos ingleses, neerlandeses e, especialmente, espanhóis.

Palco de revoltas, massacres, crescimento, exploração e progresso, foram várias as invasões estrangeiras — todas elas neutralizadas pelas forças lusitanas no Forte São Joaquim. Joaquim Nabuco, aclamado advogado pernambucano, defendeu a região diante do rei da Itália no século XIX. Terra que foi município, território federal e estado.

A narração de tal história inicia-se dois séculos após o descobrimento do Brasil, por Cabral nas caravelas portuguesas em 1500, no século XVIII.


Leia o artigo completo...

Azulejo situado à entrada da antiga Fábrica de Loiça de Sacavém.

A História de Sacavém é a história de uma localidade situada na encruzilhada dos caminhos que, vindos do Norte e do Este, se dirigiam a Lisboa. Povoação antiquíssima, existiu no tempo dos Romanos uma ponte em Sacavém que subsistiu, pelo menos, até ao século XVI (segundo o relato de Francisco de Holanda). Do tempo da ocupação mourisca ficou, aparentemente, o topónimo de origem arábica (شقبان, Šaqabān); imediatamente após a tomada de Lisboa pelos cristãos, em 1147, parece ter ocorrido aqui um combate (a Batalha do Rio de Sacavém), hoje comummente considerado lendário.

Durante a Idade Média, Sacavém constituiu um reguengo, do qual viriam a ser beneficiários o almirante Manuel Pessanha, a rainha D. Leonor Teles, e depois o Condestável Nuno Álvares Pereira. Por morte deste, passou a sua posse para a Casa de Bragança, à qual viria a pertencer até à queda da monarquia.

No final da década de 1980, a freguesia ganha a sua actual configuração geográfica, com a separação da Portela de Sacavém e do Prior Velho. Em 4 de Junho de 1997, Sacavém vê enfim reconhecido todo o seu valor e potencial, tendo sido elevada a cidade. Meses mais tarde, era inaugurada a Ponte Vasco da Gama, ligando Sacavém ao Montijo, e que se tornou uma obra de referência na paisagem urbana da povoação.

Leia o artigo completo...

Brasão de Armas do Brasil.

A História do Brasil é um domínio de estudos de História focado na evolução do território e da sociedade brasileiros que, canonicamente, estende-se da chegada dos portugueses até os dias atuais. No entanto, este artigo também contém informações sobre a pré-história do Brasil, ou seja, o período em que não houve registros escritos sobre as atividades desenvolvidas pelos povos indígenas no Brasil. O primeiro europeu a chegar às terras que hoje formam o Brasil foi o espanhol Vicente Yáñez Pinzón no dia 26 de janeiro de 1500. Apesar disso, oficialmente o Brasil foi descoberto em 22 de abril de 1500 pelo navegador português Pedro Álvares Cabral, que, no comando de uma esquadra com destino à Índia, chegou ao litoral sul da Bahia, na região da atual cidade de Porto Seguro.

A partir de 1530, a Coroa Portuguesa implementou uma política colonizadora, inicialmente com as capitanias hereditárias, depois com o governo geral, instalado em 1548. No final do século XVII foram descobertas ricas jazidas de ouro nos atuais estados de Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso. Em 1789, quando a Coroa anunciava a derrama, medida para cobrar supostos impostos atrasados, eclodiu em Vila Rica (atual Ouro Preto) a Inconfidência Mineira. (leia mais...)



Capa do Historia Naturalis Brasiliae

Historia Naturalis Brasiliae, escrito originalmente em latim, é o primeiro livro médico que trata do Brasil, publicado em 1648, de autoria do holandês Guilherme Piso em que este se utiliza, ainda, de observações feitas pelos alemães Georg Markgraf e H. Gralitzio e ainda de João de Laet, dedicado ao Conde Maurício de Nassau.

Embora trate a todo momento do Brasil, os autores em verdade referem-se à faixa litorânea do Nordeste, ocupada pela Companhia das Índias Ocidentais.

Foi editado, como consta de seu frontispício, em: Lugdun. Batavorum : Apud Franciscum Hackium ; et Amstelodami: Apud Lud. Elzevirium - possivelmente os editores nessas localidades.

A obra consta de volume único, medindo no original 40 centímetros de altura e seu título completo, com subtítulo, é: "Historia naturalis Brasiliae ... : in qua non tantum plantae et animalia, sed et indigenarum morbi, ingenia et mores describuntur et iconibus supra quingentas illustrantur".


Leia o artigo completo...

A história política dos Jogos Olímpicos de 1936 trata do estudo dos eventos políticos existentes por trás dos Jogos Olímpicos de Verão e Inverno de 1936, que foram realizados na Alemanha Nazi, respectivamente em Garmisch-Partenkirchen (Baviera) e Berlim. Nesta dupla ocasião, o desporto forneceu um palco para a estética nazi e foi utilizado como veículo de propaganda pelo regime hitleriano como nunca antes acontecera.

A escolha das sedes não foi particularmente polémica. No entanto, após a subida de Hitler ao poder, houve propostas de boicote e mesmo tentativas de organização de Olímpiadas alternativas. Durante os jogos, a Alemanha reduziu a repressão anti-judia e tentou mostrar uma melhor imagem ao mundo. Ao mesmo tempo, o governo alemão participou de uma campanha diplomática tentando captar a simpatia de dignitários estrangeiros que visitaram a Alemanha durante os jogos. Para a posteridade, no entanto, os Jogos de 1936 estão essencialmente associados à figura de Jesse Owens.


Campo de concentração de Nordhausende

A palavra Holocausto, que em grego significa uma oferenda sacrificial completamente (holos) queimada (kaustos), foi cunhada no fim do século XX para designar a tentativa de exterminação de grupos pessoas "indesejadas" pelos Nazistas alemães.

Quando escrito na forma capitalizada, o termo Holocausto refere-se ao extermínio sistemático pelos Nazis, de vários grupos que eles consideraram indesejáveis, durante a Segunda Guerra Mundial: principalmente os Judeus, mas também comunistas, homossexuais, ciganos, deficientes motores, atrasados mentais, prisioneiros de guerra soviéticos, membros da elite intelectual polaca, russa e de outros grupos eslavos, activistas políticos, Testemunhas de Jeová, alguns sacerdotes católicos e protestantes, sindicalistas, pacientes psiquiátricos e criminosos de delito comum todos eles pereceram lado a lado nos campos de concentração e de extermínio, de acordo com extensa documentação deixada pelos próprios Nazis (textos e fotografias), testemunhos de sobreviventes, perpetradores e de espectadores, e com registros estatísticos de vários países sob ocupação. O número exacto de mortes durante o Holocausto é desconhecido (ver Extensão do Holocausto mais abaixo). Estima-se que o número de Judeus assassinados no Holocausto atingiu cerca de 6 Milhões.


Vítima do Holodomor numa rua da cidade ucraniana de Kharkiv. Essa fotografia foi efectuada por um cooperante alemão, em 1932.

Holodomor ou Golodomor (em ucraniano: Голодомор) é o nome atribuído à fome de carácter genocidário, que devastou principalmente o território da República Socialista Soviética da Ucrânia (integrada na União Soviética), durante os anos de 1932 - 1933. Este acontecimento — também conhecido por Grande Fome da Ucrânia — representou um dos mais trágicos capítulos da História da Ucrânia, devido ao enorme custo em vidas humanas.

Apesar desta fome ter igualmente afectado outras regiões da URSS, o termo Holodomor é aplicado especificamente aos factos ocorridos nos territórios com população de etnia ucraniana: a Ucrânia e a região de Kuban, no Cáucaso do Norte. Como tal, o Holodomor é por vezes designado de "Genocídio Ucraniano", significando que essa tragédia seria resultante de uma acção deliberada de extermínio, desencadeada pelo regime soviético, visando especificamente o povo ucraniano, enquanto entidade socio-étnica. Tendo como referência o conceito de Genocídio e a sua definição jurídica, verifica-se um crescente consenso dos historiadores, relativamente à natureza genocidária do Holodomor. Por outro lado, há um número cada vez maior de países que o reconhecem oficialmente como um acto de genocídio.

Leia o artigo completo...

Uma partida de hóquei no gelo.

O hóquei no gelo, ou hóquei sobre o gelo, é um esporte jogado entre dois times - onde todos os jogadores e juízes calçam patins - sobre o gelo. Os jogadores patinam no gelo e usam tacos (sticks) para movimentar um disco. O objetivo do jogo é fazer com que o disco seja colocado no gol do oponente, quando acontece um gol. Um gol equivale a um ponto. O time com o maior número de pontos no final vence a partida. O hóquei no gelo é um dos esportes mais rápidos do mundo - tanto pelo movimento constante e rápido dos jogadores quanto pelas tacadas desferidas pelos jogadores, que podem alcançar uma velocidade de até 160 quilômetros por hora.

O hóquei no gelo é um dos poucos esportes que permitem a troca de jogadores enquanto o jogo ainda está em progresso. É também um esporte muito violento e agressivo, e brigas - embora contra as regras - são muito comuns em partidas.

O hóquei no gelo surgiu no Canadá, onde atualmente é o esporte nacional. O Canadá é o maior vencedor de competições internacionais de hóquei no gelo do mundo - como a Copa Internacional e nos Jogos Olímpicos. O esporte também é muito popular nos Estados Unidos, Suécia, Rússia, República Checa, Finlândia, Eslováquia e Eslovênia, e em menor escala, em outros países de clima temperado.


Coronel Horácio de Matos, c. 1900.

Horácio Queirós de Matos foi um político e coronel do sertão baiano na primeira metade do século XX. Foi chefe do exército de jagunços, envolvendo-se em diversas lutas armadas ao longo da vida - inclusive de forma capital na perseguição à Coluna Miguel Costa-Prestes, até ser assassinado durante o Estado Novo. Queirós de Matos cresceu em um ambiente familiar onde os parentes, particularmente Clementino Matos, seu tio e chefe da família, possuíam inimizades e brigas travadas com outras famílias e coronéis. Depois de se estabelecer como comerciante em Morro do Chapéu, Horácio assumiu o comando de sua família, substituindo o tio Clementino.

Tão logo assume o poder patriarcal, Horácio vai em segredo até o arquiinimigo do clã, o coronel Militão, e propõe uma trégua, que é aceita. Essa trégua permitiu que famílias de Brotas de Macaúbas e Barra do Mendes, durante muitos anos afastadas, viessem a se visitar e conhecer. A paz dura até o assassinato de seu irmão, Vítor. Procurando vingança, defendeu a resolução do conflito pela justiça mas, sem resposta quando as intimações foram rasgadas em praça pública, iniciou a batalha de Campestre, que durou 42 dias de cerco e lutas e foi a primeira na vida deste homem que, apesar de pregar o desarmamento do sertão, viveu sempre em batalhas. Com a morte do coronel Horácio de Matos, o coronelismo no Brasil é extinto. (leia mais...)



Igreja de Nossa Senhora do Rosário e Capela de São Benedito, Cuiabá, Mato Grosso, Brasil.

Igreja de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito é uma igreja católica localizada em Cuiabá, capital do estado brasileiro de Mato Grosso. A igreja é um dos marcos de fundação da cidade de Cuiabá, tendo sido construída em arquitetura de terra em torno de 1730, próximo às águas do córrego da Prainha, em cujas águas o bandeirante paulista Miguel Sutil descobriu as minas de ouro que impulsionariam a colonização da região. Sua fachada, de grande simplicidade, é típica da arquitetura colonial brasileira e esconde a decoração barroca-rococó nos altares do interior, com rica talha dourada e prateada, única com esses detalhes no país.

Construída inicialmente com a técnica da taipa de pilão, passou por várias reformas, incluindo uma que transformou sua fachada em neogótica, entre as décadas de 1920 e 1980, quando foi reformada e a arquitetura colonial resgatada. Tombada em 1975 pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), em 1987 pela Fundação Cultural de Mato Grosso e incluída no perímetro tombado do Centro Histórico de Cuiabá em 1993, é palco da Festa de São Benedito, a mais longa festa religiosa do estado.

No pé da colina onde hoje está a igreja de Nossa Senhora do Rosário, à margem esquerda do córrego da Prainha, estava localizada a maior mina de ouro da região. Foi esta mina a origem da povoação de Cuiabá, que se deu à margem direita do córrego, em torno das jazidas. (leia mais...)



Fachada Igreja Vilar de Frades-editado.jpg

A Igreja de Vilar de Frades, também designada como Igreja do Mosteiro dos Lóios ou Igreja de São Salvador de Vilar de Frades em Areias de Vilar, Barcelos, é monumento nacional desde 1910. Faz parte do complexo do convento da Congregação dos Cónegos Seculares de S. João Evangelista que aí estabeleceu a sua primeira casa-mãe, tendo sido, antes, um mosteiro beneditino. Está situada no sopé do monte Airó, junto à margem esquerda do rio Cávado. A sua arquitectura é notável, especialmente pelo abodadamento da igreja, principalmente na capela-mor e transepto, bem como pelo portal manuelino da fachada principal, ao lado do qual se encontra, na torre sul, um portal e uma janela de características românicas, construídos, contudo, já no século XIX com vestígios do mosteiro original.

Leia o artigo completo...

Bandeira do município Igrejinha.

Igrejinha é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Sul localizado na mesorregião Metropolitana de Porto Alegre e na microrregião de Gramado-Canela, mais precisamente no Vale do Paranhana, a uma latitude 29º34'28" sul e a uma longitude 50º47'25" oeste, estando a uma altitude média de 18 metros. Sua população estimada em 2008 era de 32 945 habitantes, e sua área é de 136,816 km². Seu principal acesso é pela estrada RS-115, embora também seja atendida pela RS-020. A cidade é uma das maiores produtoras de calçados femininos do Brasil.

Colonizada por imigrantes alemães durante o século XIX, ainda hoje possui população predominantemente de origem alemã. Para celebrar as tradições de seus antepassados, a cidade criou a Oktoberfest de Igrejinha. A história de Igrejinha inicia-se muito antes de sua emancipação, ocorrida em 1964; ela remonta ao ano de 1814, quando foi concedida a Antônio Borges de Almeida Leães uma sesmaria que compreendia os atuais territórios de Taquara, de Igrejinha e de Três Coroas. Em 1845, Tristão José Monteiro adquiriu a sesmaria e criou a Colônia de Santa Maria do Mundo Novo.

A partir de 1846 muitos imigrantes alemães vindos do Vale dos Sinos, especialmente de São Leopoldo e de Dois Irmãos, e alguns diretamente da Alemanha, fixaram-se nesta colônia e aos poucos espalharam-se, principalmente pelas margens do rio Santa Maria, hoje chamado de rio Paranhana. (leia mais...)



A imigração italiana no Brasil teve como ápice o período entre 1880 e 1930. Segundo dados da embaixada italiana no Brasil, vivem no país cerca de 25 milhões de descendentes de imigrantes italianos. Os ítalo-brasileiros estão espalhados principalmente pelos estados do Sul e do Sudeste, quase metade deles no estado de São Paulo; os ítalo-brasileiros são considerados a maior população de descendentes de italianos fora da Itália. Os italianos começaram a imigrar em número significativo para o Brasil a partir da década de 1870, impulsionados pelas transformações socioeconômicas em curso no norte da península itálica, que afetaram sobretudo a propriedade da terra. Um aspecto peculiar à imigração em massa italiana é que ela começou a ocorrer pouco após a unificação da Itália (1871), razão pela qual uma identidade nacional desses imigrantes se forjou, em grande medida, no Brasil.

O século XIX foi marcado por uma intensa expulsão demográfica na Europa. O alto crescimento da população, ao lado do acelerado processo de industrialização, afetou diretamente as oportunidades de emprego naquele continente. Entre os destinos principais estavam diversos países da Europa, América do Norte e América do Sul. (leia mais...)



Retrato de Immanuel Kant em uma aquarela de Gottlieb Doepler, 1791.

Immanuel Kant ou Emanuel Kant (Königsberg, 22 de Abril de 1724Königsberg, 12 de Fevereiro de 1804) foi um filósofo prussiano, geralmente considerado como o último grande filósofo dos princípios da era moderna, um representante do Iluminismo, indiscutivelmente um dos seus pensadores mais influentes. Kant teve um grande impacto no Romantismo alemão e nas filosofias idealistas do século XIX, tendo esta sua faceta idealista sido um ponto de partida para Hegel.

Aparte essa vertente idealista que iria desembocar na filosofia de Hegel (e Marx), alguns autores consideram que Kant fez ao nível da epistemologia uma síntese entre o Racionalismo continental (de René Descartes e Gottfried Leibniz, onde impera a forma de raciocínio dedutivo), e a tradição empírica inglesa (de David Hume, John Locke, ou George Berkeley, que valoriza a indução).

Kant é famoso sobretudo pela sua concepção conhecida como idealismo transcendental - todos nós trazemos formas e conceitos a priori (que não vêm da experiência) para a experiencia concreta do mundo, os quais seriam de outra forma impossíveis de determinar. A filosofia da natureza e da natureza humana de Kant é historicamente uma das mais determinantes fontes do relativismo conceptual que dominou a vida intelectual do século XX. No entanto, é muito provável que Kant rejeitasse o relativismo nas suas formas contemporâneas, como por exemplo o Pós-modernismo.

Kant é também conhecido pela sua filosofia moral pela sua proposta, a primeira moderna, de uma teoria da formação do sistema solar, conhecida como a hipótese Kant-Laplace.

Leia o artigo completo...

Localização do Império Romano em sua extensão máxima.

O Império Romano é o termo utilizado por convenção para definir o Estado romano nos séculos que se seguiram à reorganização política efectuada pelo primeiro imperador, César Augusto. Embora Roma possuísse colónias e províncias antes desta data, o estado pré-Augusto é conhecido como República Romana. A diferença entre Império e República está sobretudo na forma como os corpos governativos são instituídos. Pode-se definir como República um sistema de governo que leva em consideração os interesses dos cidadãos, estes elegem os seus representantes que irão governar a nação por um determinado período de tempo. No Império o governante, neste caso o imperador, é legitimado muitas vezes através de um golpe militar, ou de uma "suposta" descendência divina. Diferente da República, o cargo do governante do império é vitalício (só cessa com a morte do mesmo).

Os historiadores fazem a distinção entre o Principado, período de Augusto à crise do terceiro século, e o Domínio ou Dominato que se estende de Diocleciano ao fim do império romano do ocidente. Durante o Principado (da palavra latina princeps, que significa primeiro), a natureza imperialista do governo estava escondida atrás de conceitos republicanos, e os imperadores eram muitas vezes relutantes - por falsa modéstia - em se assumir como tal. No Domínio (palavra com origem em dominus, senhor), ao contrário, os imperadores mostravam claramente a sua condição, usando coroas, púrpuras e outros ornamentos imperiais.

Leia o artigo completo...

Página principal da Wikipédia em língua hebraica: internacionalização é uma adaptação de um produto para melhoramento e a localização é uma adição de características específicas de uma região.

Internacionalização e localização, em informática, são processos de desenvolvimento e/ou adaptação de um produto, em geral software de computadores, para uma língua e cultura de um país. A internacionalização de um produto não fabrica o produto novamente, somente adapta as mensagens do sistema à língua e à cultura locais. Isto é importante porque permite que o desenvolvedor de software respeite as particularidades de cada língua e cultura de cada país.

Internacionalização também é escrita acronimamente como i18n, vindo da palavra inglesa internacionalization, onde se tomam a primeira e a última letra e o número de letras que contém a palavra; o mesmo é feito com localization escrito como L10n.

A diferença entre internacionalização e localização é somente fundamental. A internacionalização é uma adaptação de um produto para melhoramento e a localização é uma adição de características específicas de uma região. Os dois são evidentemente complementares.

Alguns dos elementos específicos da localização são tradução lingüística, suporte a várias línguas, suporte a caracteres das línguas da Ásia oriental, símbolos, métodos de ordenação de listas, valores culturais e contexto social.

Leia o artigo completo...



IPhone at Macworld (angled view).jpg

O iPhone é um smartphone desenvolvido pela Apple Inc. com funções de iPod, câmera digital e internet. Ele também oferece serviços de internet como e-mail, mensagens de texto, navegador internet, visual voicemail e conexão Wi-Fi local. A interação com o usuário é feita através de uma tela multi-touch com teclados virtuais e botões. Apple registrou mais de 200 patentes relacionadas com a tecnologia por trás do iPhone.

O iPhone está disponível na Apple Store e pela AT&T Mobility, Antiga Cingular Wireless, por um preço de US$ 399 para o modelo de 8 GB, o único disponível. Anunciado em 9 de Janeiro de 2007, o iPhone foi lançado no dia 29 de Junho de 2007 nos EUA e Canadá, Com previsão de ser lançado em 2008 no mercado asiático, último trimestre na Europa e sem previsão para o Brasil.

Leia o artigo completo...

Elizabeth I, Rainha da Inglaterra e Irlanda, retratada com um arminho.

Isabel I (7 de setembro de 153324 de março de 1603), também conhecida no Brasil sob a variante Elisabete I ou Elizabeth I, foi Rainha da Inglaterra e da Irlanda desde 1558 até à sua morte. Também ficou conhecida pelos nomes de A Rainha Virgem, Gloriana e Boa Rainha Bess.

Seu reinado é conhecido por Período Elisabetano (ou Isabelino) ou ainda Era Dourada. Foi um período de ascensão, marcado pelos primeiros passos na fundação daquilo que seria o Império Britânico, e pela produção artística crescente, principalmente na dramaturgia, que rendeu nomes como Christopher Marlowe e William Shakespeare. No campo da navegação, o capitão Francis Drake foi o primeiro inglês a dar a volta ao mundo, enquanto na área do pensamento Francis Bacon pregou suas idéias políticas e filosóficas. As mudanças se estendiam à América do Norte, onde se deram as primeiras tentativas de colonização, que resultaram em geral em fracassos.

Isabel era uma monarca temperamental e muito decidida. Esta última característica, vista com impaciência por seus conselheiros, frequentemente a manteve longe de desavenças políticas. Assim como seu pai, Henrique VIII, Isabel gostava de escrever, tanto prosa quanto poesia.

Seu reinado foi marcado pela prudência na concessão de honrarias e títulos. Somente oito títulos maiores: um de conde e sete de barão no reino da Inglaterra, mais um baronato na Irlanda, foram criados durante o reino de Isabel. Isabel também reduziu substancialmente o número de conselheiros privados, de trinta e nove para dezenove. Mais tarde, passaram a ser apenas catorze conselheiros.

A colónia inglesa da Virginia (futuro estado americano, após a independência dos EUA), recebeu esse nome em homenagem a Isabel I.

Leia o artigo completo...

O islão, islã, islame ou islamismo (do árabe: الإسلام al- islām) é uma religião monoteísta que surgiu na Península Arábica no século VII, baseada nos ensinamentos religiosos do profeta Muhammad (Maomé) e numa escritura sagrada, o Alcorão.

Cerca de duzentos anos após o seu nascimento na Arábia, o islão já se tinha difundido em todo o Médio Oriente, no Norte de África e na Península Ibérica (de onde foi erradicado), bem como na direcção da antiga Pérsia e Índia. Mais tarde, o islão atingiu a Anatólia, os Balcãs e a África subsariana. Recentes movimentos migratórios de populações muçulmanas no sentido da Europa e do continente americano levaram ao aparecimento de comunidades muçulmanas nestes territórios.

A mensagem do islão caracteriza-se pela sua simplicidade:para atingir a salvação basta acreditar num único Deus, rezar cinco vezes por dia, submeter-se ao jejum anual no mês do Ramadão, pagar dádivas rituais e efectuar, se possível, uma peregrinação à cidade de Meca.

O islão é visto pelos seus aderentes como um modo de vida que inclui instruções que se relacionam com todos os aspectos da actividade humana, sejam eles políticos, sociais, financeiros, legais, militares ou interpessoais. A distinção ocidental entre o espiritual e temporal é, em teoria, alheia ao islão.


Jk-rowling-crop.JPG

Joanne Rowling OBE, conhecida como J. K. Rowling, (Yate, Gloucestershire do Sul, 31 de julho de 1965) é uma escritora britânica de ficção, autora dos sete livros da famosa e premiada série Harry Potter, e de três outros pequenos livros relacionados a Harry Potter. Desde criança, Joanne gostava de ler contos como O Vento nos Salgueiros e O Cavalinho Branco. Muitos autores influenciaram sua obra, e fizeram nascer em Joanne a vontade latente de tornar-se escritora.

Famosa por escrever em bares, com a primogênita ao lado no carrinho, ela enfrentou uma série de dificuldades até atingir a riqueza e a fama como escritora , passando-se longos anos até que o Harry Potter e a Pedra Filosofal chegasse às prateleiras, com a ajuda de seu agente literário Christopher Little. Desde então, J.K.Rowling escreveu os outros seis livros que a tornaram rica, e capacitaram-na a contribuir com instituições que ajudam a combater doenças, injustiças e a pobreza.

Seus livros, traduzidos para sessenta e quatro línguas, venderam mais de 325 milhões de cópias pelo mundo todo, e renderam à autora por volta de 576 milhões de libras, mais ou menos 1 bilhão de dólares, segundo estimativa da Forbes em fevereiro de 2004, tornando-a a primeira pessoa a tornar-se bilionária (em dólares) escrevendo livros. (leia mais...)



Tolkien, no seu uniforme militar, em 1916.

John Ronald Reuel Tolkien CBE (Bloemfontein, 3 de Janeiro de 1892Bournemouth, 2 de Setembro de 1973) foi um escritor, professor universitário e filólogo britânico.

Tolkien nasceu na África do Sul e aos três anos de idade, com sua mãe e irmão, passou a viver na Inglaterra, terra natal de seus pais. Desde pequeno fascinado pela lingüística, cursou a faculdade de Letras em Exeter. Lutou na Primeira Guerra Mundial, onde começou a escrever os primeiros rascunhos do que se tornaria o seu "mundo secundário" complexo e cheio de vida, denominado Arda, palco das mundialmente famosas obras O Hobbit, O Senhor dos Anéis e O Silmarillion, esta última, sua maior paixão, que, postumamente publicada, é considerada sua principal obra, embora não a mais famosa.

Tornou-se filólogo e professor universitário, tendo sido professor de anglo-saxão (e considerado um dos maiores especialistas do assunto) na Universidade de Oxford de 1925 a 1945, e de inglês e Literatura inglesa na mesma universidade de 1945 a 1959. Mesmo precedido de outros escritores de fantasia, tais como William Morris, Robert E. Howard e E. R. Eddison, devido à grande popularidade de seu trabalho, Tolkien ficou conhecido como o "pai da moderna literatura fantástica". Sua obra influenciou toda uma geração.

Católico fervoroso, foi grande amigo de C.S. Lewis, autor de As Crônicas de Nárnia, ambos membros do grupo de literatura The Inklings.

Até onde se sabe a maioria dos parentes paternos de Tolkien eram artesãos. A família teve origem na Saxônia (Alemanha), mas viveu na Inglaterra desde o século XVII, tornando-se "rápida e intensamente inglesa (mas não britânica)".

Leia o artigo completo...

O mais antigo painel iconográfico do Cristo Pantocrator. Século VI. Mosteiro de Santa Catarina, Egito.


Jesus (em hebraico: ישוע/ יֵשׁוּעַ; transl.: Yeshua; em grego: Ἰησοῦς, Iesous), também chamado Jesus de Nazaré, que nasceu entre 7–2 a.C e morreu por volta de 30–33 d.C. é a figura central do cristianismo e aquele que os ensinamentos de maior parte das denominações cristãs além dos judeus messiânicos consideram ser o Filho de Deus. Ainda segundo o cristianismo e o judaísmo messiânico, Jesus seria o Messias aguardado no Antigo Testamento e refere-se a ele como Jesus Cristo (Yeshua Ha'Maschiach), um nome também usado fora do contexto cristão.

Praticamente todos os académicos contemporâneos concordam que Jesus existiu realmente, embora não haja consenso sobre a confiabilidade histórica dos evangelhos e de quão perto o Jesus bíblico está do Jesus histórico. A maior parte dos académicos concorda que Jesus foi um pregador judeu da Galileia, foi batizado por João Batista e crucificado por ordem do governador romano Pôncio Pilatos. Os académicos construíram vários perfis do Jesus histórico, que geralmente o retratam em um ou mais dos seguintes papéis: o líder de um movimento apocalíptico, o Messias, um curandeiro carismático, um sábio e filósofo, ou um reformista igualitário. A investigação tem vindo a comparar os testemunhos do Novo Testamento com os registos históricos fora do contexto cristão de modo a determinar a cronologia da vida de Jesus.. (leia mais...)



O Anfiteatro Flávio, conhecido popularmente como Coliseu, ergue-se como símbolo de Roma.

Os jogos inaugurais do Coliseu tiveram lugar em Roma no ano 80, sob o mandato do imperador romano Tito, para celebrar a finalização da construção do Anfiteatro Flávio, mais tarde conhecido como Coliseu. O imperador Vespasiano começou a construção do anfiteatro cerca do ano 70, e este foi completado por Tito pouco depois da morte de Vespasiano, no ano 79. Depois do curto reinado de Tito começar com vários meses de desastres, incluindo a erupção do monte Vesúvio, um incêndio em Roma, e um surto de peste, o mesmo imperador inaugurou o edifício com uns jogos pródigos que duraram mais de cem dias.

Há poucas provas documentais da natureza dos jogos. Parece que seguiram o formato normal dos jogos romanos: venationes (jogos com animais selvagens) na sessão da manhã, seguida das execuções de criminosos por volta do meio-dia e uma sessão da tarde reservada para as munera (combates de gladiadores) e a recriação de batalhas famosas. Os jogos com animais, nos quais participaram criaturas de todos os pontos do Império Romano, incluíam a caça de animais exóticos e pelejas entre diferentes espécies. Os animais também desempenharam um papel em algumas noxii (execuções) que foram organizadas como reconstruções de mitos e acontecimentos históricos. As naumaquias faziam parte dos espetáculos, mas se estas tinham lugar no próprio anfiteatro ou num lago construído expressamente por César Augusto é um tema de debate entre os historiadores. (leia mais...)




Os Jogos Olímpicos de Verão de 2008 foram um evento multiesportivo realizado em Pequim, na República Popular da China, de 8 (à exceção do futebol, que iniciou-se a 6 de Agosto) a 24 de Agosto de 2008. Um total de 10 500 atletas competiram nos 302 eventos dos 28 esportes, totalizando um evento a mais que os Jogos de 2004, em Atenas. Os Jogos de Pequim marcaram a primeira ocasião em que uma edição dos Jogos Olímpicos foi realizada na China. Como os eventos do hipismo ocorreram em Hong Kong, essa foi a terceira vez na história que os Jogos foram realizados por dois Comitês Olímpicos Nacionais (CON).

Os Jogos de 2008 foram consagrados a Pequim pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) em 13 de julho de 2001. O logotipo oficial dos Jogos, intitulado Dancing Beijing, traz uma caligrafia estilizada do caracter chinês jīng (京, capital), referindo-se à cidade sede. Novos Comitês Olímpicos Nacionais foram reconhecidos pelo COI e compuseram um número recorde de nações participantes. Os Jogos proporcionaram a quebra de 43 recordes mundiais e 132 recordes olímpicos. Um total de 87 nações conquistaram medalhas durante os Jogos. Os atletas chineses conquistaram 51 medalhas de ouro, o segundo melhor desempenho de uma delegação na história moderna dos Jogos, com exceção das edições em que ocorreram boicotes. (leia mais...)



John William Coltrane (1926–1967) foi um saxofonista e compositor de jazz norte-americano, comumente considerado pela crítica especializada como o maior sax tenor do jazz e um dos maiores jazzistas e compositores deste gênero de todos os tempos. Sua influência no mundo da música ultrapassa os limites do jazz, indo desde o rock até a música erudita.

Atuando principalmente durante a década de 1950 e a década de 1960, Coltrane reformulou o jazz e influenciou gerações de outros músicos entre 1955 e 1967. Nestes doze anos, suas gravações foram prolíficas, tendo lançado cerca de cinqüenta gravações como líder, e aparecido em outras tanto lideradas por diversos outros músicos. Através de sua carreira, a música de Coltrane foi tomando progressivamente uma dimensão espiritual que iria consagrar seu legado musical.

Junto com os saxofonistas tenores Coleman Hawkins, Lester Young e Sonny Rollins, Coltrane mudou as perspectivas de seu instrumento. Coltrane recebeu uma citação especial do Prêmio Pulitzer em 2007, por sua "perita improvisação, musicalismo supremo" e por ser "um dos ícones centrais na história do jazz." (leia mais...)



José Bonifácio de Andrada e Silva

José Bonifácio de Andrada e Silva (Santos, 13 de junho de 1763Niterói, 6 de abril de 1838) foi um naturalista, estadista, poeta e maçom brasileiro. É conhecido pelo epíteto de "Patriarca da Independência".

Pode-se resumir brevemente sua atuação dizendo que foi ministro do Reino e dos Negócios Estrangeiros de janeiro de 1822 a julho de 1823. De início, colocou-se em apoio à regência de D. Pedro de Alcântara. Proclamada a Independência, organizou a ação militar contra os focos de resistência à separação de Portugal, e comandou uma política centralizadora. Durante os debates da Assembléia Constituinte, deu-se o rompimento dele e de seus irmãos Martim Francisco Ribeiro de Andrada e Antônio Carlos Ribeiro de Andrada Machado e Silva com o imperador. Em 16 de julho de 1823, D. Pedro I demitiu o ministério e José Bonifácio passou à oposição. Após o fechamento da Constituinte, em 11 de novembro de 1823, José Bonifácio foi banido e se exilou na França por seis anos. De volta ao Brasil, e reconciliado com o imperador, assumiu a tutoria de seu filho quando Pedro I abdicou, em 1831. Permaneceu como tutor do futuro imperador até 1833, quando foi demitido pelo governo da Regência.

Leia o artigo completo...



Retrato de Joseph Priestley

Joseph Priestley (1733–1804) foi um teólogo britânico do século XVIII, clérigo dissidente, filósofo natural, educador e teórico político que publicou mais de 150 obras. A ele normalmente é creditada a descoberta do oxigênio, tendo-o isolado em seu estado gasoso, apesar de Carl Wilhelm Scheele e Antoine Lavoisier também a reivindicarem, por ter Priestley escondido a descoberta do novo gás. Durante seu tempo de vida, a considerável reputação científica de Priestley descansou em seu invento da "água de soda", seus escritos sobre a eletricidade e sua descoberta de vários "ares" (gases), sendo a mais famosa dentre as invenções de Priestley o "ar deflogisticado" (oxigênio).

No entanto, sua determinação em defender a Teoria do flogisto e em rejeitar o que passaria a ser a Revolução Química, acabou por isolá-lo dentro da comunidade científica. A ciência de Priestley foi associada a sua teologia e ele tentou consistentemente unir racionalismo iluminista com o teísmo cristão. Em seus textos de metafísica, Priestley tentou combinar teísmo, materialismo, e determinismo, um projeto que tem sido chamado de "audacioso e original". (leia mais...)



Foto de Jules Bonnot tirada pela polícia de Lyon, França, em 1910, menos de três anos antes de sua morte.

Jules Bonnot (1876-1912) foi um anarquista ilegalista francês famoso por seu envolvimento na organização anarquista criminosa apelidada pela imprensa francesa de "O Bando Bonnot". Visto por ele próprio como um profissional do crime avesso a carnificinas, tinha como método enganar e iludir seus alvos. Quase sempre passando-se por empresário, seu gosto por roupas caras valeu-lhe, entre seus companheiros, o pseudônimo de "le bourgeois" (o burguês). Bonnot nasceu numa família de operários em Pont-de-Roide, cidade no departamento francês de Doubs. De constituição frágil, sua mãe viria falecer em 1887, quando à época a família de Jules vivia em Besançon.

O pequeno Jules, então com dez anos, ficou aos cuidados de seu pai e de sua avó paterna. Analfabeto e vivendo numa época em que os direitos trabalhistas eram inexistentes, à custa de muito esforço seu pai conseguia trazer somente o necessário para a sobrevivência da família e, por vezes, nem mesmo isso. Vivendo uma infância em clima de insegurança e necessidades constantes, sem perspectivas de futuro, o jovem Jules foi mandado para a escola por sua família, mas, não tendo um bom desempenho, acabou por abandoná-la. (leia mais...)



Uma das primeiras páginas coloridas de Krazy Kat.

Krazy Kat é o título de uma tira diária criada por George Herriman e publicada nos jornais norte-americanos entre 1913 e 1944. Sua primeira aparição se deu no New York Journal American de William Randolph Hearst, tendo no próprio Hearst seu principal incentivador durante todo o período em que ela esteve em circulação.

Ambientada num cenário irreal da casa de férias de Herriman no condado de Coconino, Arizona, a mistura de surrealismo, brincadeiras inocentes e a linguagem poética de Krazy Kat fizeram dela a favorita dos amantes de quadrinhos e dos críticos de arte por mais de oitenta anos.

O enfoque das tiras está em um curioso triângulo amoroso entre o seu personagem-título, um despreocupado e inocente gato de género indeterminado (referido tanto como macho, quanto como fêmea); o antagonista do gato, o rato Ignatz; e o protetor cão policial, o oficial Bull Pupp. Krazy nutre um amor não correspondido pelo rato; mas, Ignatz despreza Krazy e constantemente planeja atirar um tijolo à cabeça de Krazy, o que Krazy interpreta como um sinal de afecto. O oficial Pupp, como o defensor da lei e da ordem no condado de Coconino, toma como sua firme missão interferir nos planos de lançamento de tijolos de Ignatz e tranca o rato na cadeia do condado.

Leia o artigo completo...



Krill do norte (Meganyctiphanes norvegica)

Krill é o nome colectivo dado a um conjunto de espécies de animais invertebrados semelhantes ao camarão. Estes pequenos crustáceos são importantes organismos do zooplâncton, especialmente porque servem de alimento a baleias, jamantas, tubarões-baleia, entre outros. Estes animais são ainda designados como eufausídeos, palavra derivada da ordem taxonómica a que pertencem, Euphausiacea. O termo krill é de origem norueguesa, sendo derivado do neerlandês kriel, que designa peixes acabados de nascer ou em fase juvenil.

Os eufausídeos estão presentes em todos os oceanos do planeta. São considerados espécies-chave próximas da base da cadeia alimentar já que se alimentam de fitoplâncton e de algum zooplâncton, convertendo esta fonte de alimento numa forma que pode ser consumida por muitos animais de maiores dimensões, constituindo a maior parte da dieta destes. No Oceano Antártico, uma espécie, o krill antártico (Euphausia superba), perfaz uma biomassa superior a 500 milhões de toneladas, aproximadamente o dobro da biomassa constituída pela totalidade dos seres humanos. Desta biomassa, mais de metade é consumida todos os anos por baleias, focas, pinguins, lulas e peixes, sendo substituída graças ao seu crescimento e reprodução. A maioria das espécies de krill efectuam grandes migrações verticais diárias, alimentando os predadores à superfície, durante a noite, e em águas mais profundas durante o dia.

Leia o artigo completo...

Laika (russo: Лайка, uma raça de cães da Sibéria) foi o primeiro ser vivo a orbitar a Terra e o fez a bordo da nave soviética Sputnik 2, em 3 de novembro de 1957, um mês depois do lançamento do satélite Sputnik 1, o primeiro objeto artificial a entrar em órbita.

A decisão de lançar o satélite foi tomada entre 10 e 12 de outubro e a equipe de construção tinha apenas quatro semanas para construir o novo artefato. A apressada construção do Sputnik 2 foi complicada em razão da pretensão de levar um animal vivo em seu interior. A nave estava equipada com instrumentos para medir a radiação solar e os raios cósmicos, um sistema de geração de oxigênio acompanhado de sistemas para absorver dióxido de carbono, e outro para evitar o envenenamento por oxigênio, também conhecido como o efeito Paul Bert.

Entre cinco e sete horas depois do lançamento, Laika morreu bem antes do planejado, provavelmente devido a combinação de estresse sofrido e o superaquecimento, talvez ocasionado por uma falha no sistema de controle térmico da nave. Apesar do acidente, essa experiência demonstrou ser possível para um animal suportar as condições de microgravidade, abrindo caminho assim para participação humana em vôos espaciais. (leia mais...)



Lâmina histológica (medula óssea)

Leucemia mielóide aguda (LMA), também conhecida como leucemia mielogênica aguda, é um câncer/cancro da linha mielóide dos glóbulos brancos que se caracteriza pela rápida proliferação de células anormais que se acumulam na medula óssea, interferindo na produção normal de células sanguíneas. É o tipo mais comum de leucemia aguda que afeta adultos, e sua incidência aumenta com o envelhecimento. Embora a LMA seja uma doença relativamente rara, representando cerca de 1,2% dos óbitos causados por doenças oncológicas nos Estados Unidos, espera-se um aumento da sua incidência devido ao envelhecimento da população.

Os sintomas são causados pela substituição das células normais da medula óssea, resultando em uma queda na contagem de glóbulos vermelhos, plaquetas e de leucócitos normais. Estes sintomas incluem fadiga, falta de ar, hemorragia e aumento do risco de infecções. Embora vários fatores de risco para a LMA sejam conhecidos, a causa específica permanece incerta. Uma característica da doença é sua rápida progressão, podendo ser fatal em um curto espaço de tempo (semanas ou meses) se deixada sem tratamento adequado.

Leia o artigo completo...

Página 9 do "Códice de Dresden", mostrando a língua maia do período clássico escrita com hieróglifos maias.

As línguas maias formam uma família linguística e são faladas na Mesoamérica e no norte da América Central por mais de seis milhões de indígenas maias, sobretudo na Guatemala, México e Belize. Em 1996 a Guatemala reconheceu formalmente 21 línguas maias e o México outras oito. A família das línguas maias é uma das mais bem documentadas e estudadas nas Américas.

As línguas maias actuais descendem do protomaia – língua que se pensa ter sido falada há pelo menos cinco mil anos e parcialmente reconstruída usando o método comparativo – e fazem parte da área linguística mesoamericana, uma área de convergência linguística desenvolvida ao longo de milénios de interação entre os vários povos da Mesoamérica.

Durante a época pré-colombiana da história mesoamericana, algumas línguas maias eram escritas usando a escrita hieroglífica maia. O seu uso foi particularmente generalizado no período clássico da civilização maia (250 - 900 d.C.). O conjunto de mais de dez mil inscrições individuais maias que chegou até aos nossos dias (em edifícios, nas obras de olaria e nos códices maias), combinado com a rica literatura pós-colonial em que se utilizou o alfabeto latino, fornecem uma base para a compreensão moderna da história pré-colombiana sem paralelo nas Américas. (leia mais...)



Linus Pauling

Linus Carl Pauling (Portland, Oregon, 28 de Fevereiro de 1901Big Sur, Califórnia, 19 de Agosto de 1994) foi um químico quântico e bioquímico dos Estados Unidos da América. Também é reconhecido como cristalógrafo, biólogo molecular e pesquisador médico.

Pauling é amplamente reconhecido como um dos principais químicos do século XX. Foi pioneiro na aplicação da Mecânica Quântica em Química, e em 1954 foi galardoado com o Prémio Nobel da Química pelo seu trabalho relativo à natureza das ligações químicas. Também efectuou importantes contribuições relativas à determinação da estrutura de proteínas e cristais, sendo considerado um dos fundadores da Biologia Molecular. Durante as suas investigações esteve perto de descobrir a estrutura em hélice dupla do ADN, descoberta essa efectuada mais tarde por Watson e Crick, em 1953.

Pauling recebeu o Prémio Nobel da Paz em 1962, pela sua campanha contra os testes nucleares e é a única personalidade a ter recebido dois Prémios Nobel não compartilhados. As outras personalidades que receberam dois Prémios Nobel foram Marie Curie (Física e Química), John Bardeen (ambos em Física) e Frederick Sanger (ambos em Química). Mais tarde na sua carreira científica, advogou o uso em maiores proporções, em dietas, de vitamina C e outros nutrientes. Generalizou as suas ideias nesta área com vista a definir Medicina Ortomolecular, que ainda é vista como método não ortodoxo pela Medicina convencional. Pauling popularizou as suas ideias, análises, pesquisa e visões em vários livros de sucesso, mas controversos, sobre a temática da vitamina C e Medicina Ortomolecular.

Leia o artigo completo...

Uma rã-de-sino-verde-e-dourado (Litoria aurea).

A rã-de-sino-verde-e-dourado (nome científico: Litoria aurea) é uma rela terrestre endémica do leste da Austrália. Pode chegar aos onze centímetros de comprimento, o que a torna numa das maiores espécies de rãs da Austrália. Muitas populações, particularmente na região de Sydney, habitam áreas frequentemente perturbadas, tais como campos de golfe, zonas industriais abandonadas e aterros. Apesar de já ter sido a rã mais comum do sudeste australiano, a rã-de-sino-verde-e-dourado tem vindo a sofrer um declínio populacional, levando a que o seu atual estado de conservação seja classificado como vulnerável.

As principais ameaças são a perda de habitat, a poluição, as espécies exóticas invasoras, os parasitas e os agentes patogénicos, incluindo um fungo da divisão Chytridiomycota, Batrachochytrium dendrobatidis. Os adultos são vorazes e têm uma dieta variada, incluindo insetos e outras rãs, incluindo rãs da mesma espécie. Os girinos alimentam-se de detritos, algas e bactérias. Os seus predadores naturais incluem aves e cobras, e podem ser comidos por tartarugas, enguias e outros peixes, e uma variedade de predadores invertebrados. (leia mais...)



Quase todos os fólios do Livro de Kells têm ao menos pequenas iluminuras como esta inicial decorada.

O Livro de Kells (em inglês: Book of Kells; em irlandês: Leabhar Cheanannais), também conhecido como Grande Evangeliário de São Columba, é um manuscrito ilustrado com motivos ornamentais, feito por monges celtas por volta do ano 800 AD no estilo conhecido por arte insular.

Peça principal do cristianismo irlandês e da arte hiberno-saxônica, constitui, apesar de não concluído, um dos mais suntuosos manuscritos iluminados que restaram da Idade Média. Em razão da sua grande beleza e da excelente técnica do seu acabamento, este manuscrito é considerado por muitos especialistas como um dos mais importantes vestígios da arte religiosa medieval. Escrito em latim, o Livro de Kells contém os quatro Evangelhos do Novo Testamento, além de notas preliminares e explicativas, e numerosas ilustrações e iluminuras coloridas. O manuscrito encontra-se exposto permanentemente na biblioteca do Trinity College de Dublin, República da Irlanda, sob a referência MS A. I. (58).

Leia o artigo completo...



Louise Michel "Enjolras".

Louise Michel (1830-1905) foi uma professora, poetisa, escritora e blanquista da França. Reconheceu-se anarquista durante a Comuna de Paris, na qual foi uma das mais importantes communards. Foi também primeira a deflagrar a bandeira negra como símbolo dos ideais libertários, popular nos séculos seguintes entre os adeptos do Anarquismo. Preocupada com a educação infantil, Michel lecionou alguns anos em Paris até 1856. Aos 26 anos de idade, nessa mesma cidade, já era autora de uma extensa obra literária, política e educacional com foco nos movimentos sociais revolucionários.

Na Comuna de Paris participou tanto na linha de frente, nas barricadas, como em funções de apoio até ser capturada e deportada para a Nova Caledônia. Retornou à França em 1880, onde tornara-se extremamente popular, e participou de inúmeros eventos e reuniões operárias, continuando a ser vigiada pelo Estado pelo resto de sua vida; foi presa diversas vezes por seu ativismo político até sua morte, aos 74 anos de idade. Após seu falecimento continuou sendo considerada e homenageada como uma das mais notáveis anarquistas, feministas, sindicalistas e educadoras libertárias do século XIX, preservando tal reconhecimento até a atualidade. (leia mais...)



Bandeira da RAEM

Macau é uma Região Administrativa Especial da República Popular da China desde os primeiros momentos da madrugada do dia 20 de Dezembro de 1999. Antes desta data, Macau foi colonizada, administrada e ocupada gradualmente por Portugal durante mais de 400 anos. As suas duas línguas oficiais são o português e o chinês. É constituída pela Península de Macau e por duas ilhasTaipa e Coloane– numa superfície total de 28,6 km².

Macau situa-se na costa meridional da República Popular da China, a oeste da foz do Rio das Pérolas e a 60 km de Hong Kong, que se encontra aproximadamente a este de Macau. Faz fronteira a norte e a oeste com a Zona Económica Especial de Zhuhai, logo é adjacente à província de Guangdong. Macau goza de um estatuto especial, semelhante ao de Hong Kong e possuindo consequentemente um elevado grau de autonomia, limitando-se às relações exteriores e à defesa.

Actualmente, Macau está a experimentar um grande e acelerado crescimento económico, baseado no acentuado desenvolvimento do sector do Jogo e do turismo, as duas actividades económicas vitais desta região administrativa especial chinesa. Por esta razão, em 2007, o PIB de Macau era aproximadamente de 19,1 mil milhões de dólares americanos e o PIB per capita era cerca de 36,3 mil dólares americanos. (leia mais...)



Staley02.jpg

Mad Season foi uma banda grunge estado-unidense criada em 1994 como um projeto paralelo de integrantes de outras bandas com base em Seattle e do sub-gênero, o que a conferiu a alcunha de supergrupo grunge. Formada pelo guitarrista Mike McCready do Pearl Jam, o vocalista Layne Staley do Alice in Chains, o baterista Barrett Martin do Screaming Trees e o baixista John Baker Saunders, o grupo fazia um som diversificado a partir de uma mistura entre blues e hard rock. Audiências alternativas receberam calorosamente o Mad Season durante sua existência. Seu único álbum de estúdio, Above, de 1995, chegou à vigésima-quarta posição na Billboard e ganhou popularidade: um dos singles para o álbum, "River of Deceit", tornou-se um sucesso das rádios e a banda teve mais de 500 mil vendas certificadas somente nos Estados Unidos. Apesar de seu sucesso, o grupo entrou em hiato em 1995. Várias tentativas de reativação foram feitas sem sucesso e o Mad Season por fim teve curta duração, terminando em 1999, com a morte de John Baker Saunders e, em 2002, de Layne Staley.

Leia o artigo completo...

Um Malurus splendens macho.

Malurus splendens é uma espécie de ave passeriforme da família Maluridae. Pode ser encontrada na maior parte do continente australiano, desde o centro-oeste de Nova Gales do Sul e sudoeste de Queensland até às zonas costeiras da Austrália Ocidental. Habita predominantemente em regiões áridas ou semiáridas. O macho, em plumagem de época de reprodução, é uma ave com uma cauda longa e de coloração predominantemente azul brilhante e preta. Os machos não reprodutores, as fêmeas e os juvenis, possuem uma coloração castanha e cinzenta. De início, estes padrões de coloração deram a ideia que os machos eram polígamos e que todos os indivíduos com coloração menos vistosa eram fêmeas. A espécie é composta por várias subespécies similares, de coloração azul e preta, que inicialmente eram consideradas com sendo espécies separadas.

Tal como outros membros do género Malurus, esta espécie exibe algumas características comportamentais peculiares: são socialmente monogâmicos e sexualmente promíscuos, significando isto, que apesar de formarem pares entre um macho e uma fêmea, cada um dos parceiros poderá acasalar com outros indivíduos e mesmo chegar a prestar assistência na criação dos juvenis de tais parelhas. (leia mais...)



Giambologna: O rapto da Sabina, 1582. Florença.

Maneirismo foi um estilo e um movimento artístico que desenvolveu-se na Europa aproximadamente entre 1515 e 1600 como uma revisão dos valores clássicos e naturalistas prestigiados pelo Humanismo renascentista e cristalizados na Alta Renascença. O Maneirismo é mais estudado em suas manifestações na pintura, escultura e arquitetura da Itália, onde teve origem, mas teve impacto também sobre as outras artes e influenciou a cultura de praticamente todas as nações europeias, deixando traços até nas suas colônias da América e no Oriente. Tem um perfil de difícil definição, mas em linhas gerais caracterizou-se pela deliberada sofisticação intelectualista, pela valorização da originalidade e das interpretações individuais, pelo dinamismo e complexidade de suas formas, e pelo artificialismo no tratamento dos seus temas, a fim de se conseguir maior emoção, elegância, poder ou tensão. É marcado pela contradição e o conflito e assumiu na vasta área em que se manifestou variadas feições.

A palavra deriva do termo italiano maniera, "maneira", indicando o estilo pessoal de determinado autor, e em sua origem no século XVI foi usada por Giorgio Vasari com conotações positivas, significando graça, leveza e sofisticação. Raffaello Borghini emprega o termo um pouco mais adiante para definir se um artista possui ou não um talento superior e original. (leia mais...)



Protestos em Seattle, 30 de novembro de 1999.

As manifestações contra o encontro da OMC em Seattle foram protestos ocorridos em 30 de novembro de 1999 contra a III Conferência Ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC), em que entre quarenta e cem mil pessoas — entre as quais ecologistas, anarquistas, trabalhadores sindicalizados, estudantes, pacifistas e humanistas — mobilizaram-se por vários dias, sem declarar terem tido auxílio de qualquer esfera partidária de representação, nas ruas de Seattle até a queda da chamada "Rodada do Milênio".

Os manifestantes envolvidos nos protestos tinham motivações e perspectivas políticas distintas. Enquanto os membros de organizações não governamentais e humanistas se contrapunham ao encontro como forma de protestar contra o avanço das políticas neoliberais, que consideravam uma ameaça aos direitos humanos e às políticas de saúde, educação e distribuição de renda nos países mais pobres, na ótica dos ambientalistas as manifestações tinham como objetivo barrar as negociações da OMC, chamando a atenção para a degradação ambiental resultante das políticas desenvolvimentistas estatais e privadas. Na ótica dos sindicalistas, era o momento de lutar pela manutenção dos direitos trabalhistas. (leia mais...)



Brasão de Marabá.png

Marabá é um município brasileiro situado no interior do estado do Pará. Pertencente à mesorregião do Sudeste Paraense e à microrregião homônima, está a sul da capital do estado distando desta cerca de 485 quilômetros. Sua localização tem por referência o ponto de encontro entre dois grandes rios, Tocantins e Itacaiunas, formando uma espécie de "y" no seio da cidade, vista de cima. É formada basicamente por seis distritos urbanos interligados por rodovias.

O povoamento da região de Marabá se deu nos fins do século XIX, com a chegada de imigrantes goianos e maranhenses. A emancipação municipal ocorreu em 1913, com seu desmembramento do município de Baião. O desenvolvimento do município durante um grande período foi dado pelo extrativismo vegetal, mas com a descoberta da Província Mineral de Carajás, Marabá se desenvolveu muito rapidamente, tornando-se um município com forte vocação industrial, agrícola e comercial. Hoje Marabá é um grande entroncamento logístico, interligada por cinco rodovias ao território nacional, por via aérea, ferroviária e fluvial. (leia mais...)


Grã-duquesa Maria Nikolaevna da Rússia, cerca de 1914.

Grã-duquesa Maria Nikolaevna Romanova (1899–1918) foi a terceira filha de Nicolau II da Rússia e da czarina Alexandra Feodorovna. O seu assassinato, juntamente com o restante da família, após a Revolução Russa de 1917, resultou na sua glorificação como Portadora da Paz pela Igreja Ortodoxa Russa. Durante a sua vida, Maria, sendo demasiado nova para tornar-se enfermeira pela Cruz Vermelha como a sua mãe e as duas irmãs mais velhas durante a Primeira Guerra Mundial, abriu um hospital juntamente com a sua irmã mais nova, Anastásia, e ambas costumavam visitar soldados feridos.

Durante o século XX, após a sua morte, Maria não escapou aos vários rumores que davam como certa a sobrevivência de um ou mais membros da família imperial. A possibilidade de que ela poderia ter sobrevivido ao massacre tornou-se mais credível após a descoberta dos corpos de nove das onze vítimas. Os cientistas americanos defenderam que os dois corpos que faltavam pertenciam a Alexei e a uma das grã-duquesas que identificaram como sendo Anastásia, mas a equipe russa afirmou que a grã-duquesa desaparecida era Maria. A dúvida foi desfeita quando em agosto de 2007 foram descobertos os restos mortais dos dois últimos membros da família. Após testes de DNA chegou-se à conclusão que os corpos descobertos eram os de Alexei e Maria. (leia mais...)



D. Mécia Lopes de Haro, Rainha de Portugal

D. Mécia Lopes de Haro (ou Mencia Lopez de Haro) (Biscaia, c. 1215 - Palência, c. 1270) foi uma dama leoneso-biscainha, que pelo seu casamento com D. Sancho II terá sido rainha de Portugal. A sua consideração no número de rainhas portuguesas é contestada, uma vez que o seu matrimónio com o monarca português foi anulado pelo Papa Inocêncio IV no Concílio de Lião. D. Mécia teve um papel central na crise política de 1245 em Portugal.

D. Mécia nasceu no seio de uma família nobre de Leão e Castela, sendo a sua mãe D. Urraca de Leão (bastarda de Inês Iniguez de Mendonza e de Afonso IX de Leão) e de Lopo Dias de Haro, senhor da Biscaia, filho de Maria Manrique de Lara e de Diogo Lopes de Haro, 10º senhor de Biscaia.

Descendia, por via da mãe, Urraca Afonso, do primeiro rei português, D. Afonso Henriques, pois o seu avô materno, o rei Afonso IX de Leão era filho de Urraca de Portugal e, portanto, era neto materno de Afonso I de Portugal e de Mafalda de Saboia.

Por volta do ano 1227 D. Álvaro Peres de Castro, um cavaleiro que adquirira reconhecimento na corte durante as guerras de Fernando III contra os mouros, foi incumbido da missão de medianeiro de uma trégua pactuada entre o monarca de Castela e os mouros, que libertaria cerca de 300 cristãos. Entre esses cristãos estava Dias de Haro. No acampamento achava-se também a sua filha, D. Mécia.

D. Álvaro depressa se interessou pela jovem e a presença do filho de D. Sancho I de Portugal, enciumara-o, o que fez com que desposasse D. Mécia, talvez ainda no mesmo ano. Foi a segunda mulher deste, já que a primeira, a condessa de Urgel, foi por ele repudiada entre 1225 e 1228 por não obter descendência. A primeira referência a D. Mécia consta do nobiliário do infante D. Pedro, filho de Sancho I de Portugal, o qual atesta o papel de D. Mécia nas campanhas do seu marido contra os mouros. Não obteve descendência deste casamento.

Leia o artigo completo...

Estados membros do Mercosul.

Mercosul (em português: Mercado Comum do Sul, castelhano: Mercado Común del Sur, Mercosur) é a União Aduaneira (livre comércio intrazona e política comercial comum) de cinco países da América do Sul. Em sua formação original o bloco era composto por quatro países: Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai. Desde 2006, a Venezuela também pertence ao Mercosul.

As discussões para a constituição de um mercado econômico regional para a América Latina remontam ao tratado que estabeleceu a Associação Latino-Americana de Livre Comércio (ALALC) desde a década de 1960. Esse organismo foi sucedido pela Associação Latino-Americana de Integração na década de 1980. À época, a Argentina e o Brasil fizeram progressos na matéria, assinando a Declaração de Iguaçu (1985), que estabelecia uma comissão bilateral, à qual se seguiram uma série de acordos comerciais no ano seguinte. O Tratado de Integração, Cooperação e Desenvolvimento, assinado entre ambos os países em 1988, fixou como meta o estabelecimento de um mercado comum, ao qual outros países latino-americanos poderiam se unir.

Com a adesão do Paraguai e do Uruguai, os quatro países se tornaram signatários do Tratado de Assunção (1991), que estabelecia o Mercado Comum do Sul, uma aliança comercial visando a dinamizar a economia regional, movimentando entre si mercadorias, pessoas, força de trabalho e capitais.

Leia o artigo completo...



Estrutura do trifosfato de adenosina, um intermediário central no metabolismo energético.

Metabolismo (do grego metabolismos, μεταβολισμός, que significa "mudança", troca) é o conjunto de transformações que as substâncias químicas sofrem no interior dos organismos vivos. O termo "metabolismo celular" é usado em referência ao conjunto de todas as reacções químicas que ocorrem nas células. Estas reações são responsáveis pelos processos de síntese e degradação dos nutrientes na célula e constituem a base da vida, permitindo o crescimento e reprodução das células, mantendo as suas estruturas e adequando respostas aos seus ambientes.

As reacções químicas do metabolismo estão organizadas em vias metabólicas, que são sequências de reacções em que o produto de uma reacção é utilizado como reagente na reacção seguinte. Diferentes enzimas catalisam diferentes passos de vias metabólicas, agindo de forma concertada de modo a não interromper o fluxo nessas vias.

Leia o artigo completo...

Logotipo usado no videogame Metal Gear Solid (1998) da Konami.

Metal Gear Solid é um jogo eletrônico de espionagem dirigido e escrito por Hideo Kojima. O jogo foi desenvolvido pela Konami Computer Entertainment Japan e primeiramente distribuído pela Konami em 1998 para o console de videogame PlayStation. Ele é o terceiro título canônico da série Metal Gear e a sequência direta de Metal Gear 2: Solid Snake. O jogo implementa várias qualidades cinemáticas à série, como por exemplo, numerosas cenas que usam a mecânica e os gráficos do jogo, como também dublagem de personagens em várias cenas de conversação pelo rádio Codec.

A história de Metal Gear Solid passa-se em 2005, a sudoeste do Alasca, no mar de Bering. Ela é focada em Solid Snake, um militar reformado, que se infiltra numa instalação de armazenamento de armas nucleares para neutralizar a ameaça terrorista da FOXHOUND, uma renegada unidade de forças especiais. Snake deve resgatar dois reféns: o chefe da Defense Advanced Research Projects Agency e o presidente de uma grande fabricante de armas, enfrentar os terroristas e impedi-los de lançar um ataque nuclear. Metal Gear Solid foi bem recebido, vendendo mais de seis milhões de cópias e recebendo uma nota de noventa e quatro, do total de cem, no site de mediação de notas Metacritic. (leia mais...)



Logotipo utilizado para o jogo eletrônico Metal Gear Solid 3 (2004).

Metal Gear Solid 3: Snake Eater é um videogame de espionagem e ação dirigido por Hideo Kojima. Snake Eater foi desenvolvido pela Konami Computer Entertainment Japan e publicado pela Konami para o PlayStation 2, e lançado em 17 de novembro de 2004 na América do Norte; 16 de dezembro do mesmo ano no Japão; 4 de março de 2005 na Europa; e em 17 de março de 2005 na Austrália. O jogo, que serve como uma prequela a toda série Metal Gear, foi seguido por uma sequência direta intitulada Metal Gear Solid: Portable Ops.

Ambientado na Rússia da época da Guerra Fria, a história se centra no agente da unidade FOX Naked Snake, cujas missões são resgatar um fabricante de armas e sabotar uma superarma experimental. Enquanto que os jogos anteriores se passavam em um ambiente urbano, Snake Eater adota uma ambientação em uma floresta soviética na década de 1960, com as armadilhas semifuturísticas de alta tecnologia dos antigos jogos Metal Gear Solid sendo substituídas pela natureza. Enquanto que o ambiente mudou, o foco de sua jogabilidade ainda permanece no stealth e infiltração, além de também manter o senso de humor autorreferenciado tradicional da série que derruba a quarta parede. Metal Gear Solid 3: Snake Eater foi bem recebido pelo público e crítica, vendendo 3,6 milhões de cópias no mundo e recebendo uma média de 91% nos sites de análises agregadas Game Rankings e Metacritic. (leia mais...)



Logotipo do Metropolitano de Londres.

O Metropolitano de Londres é um sistema de metropolitano que serve grande parte da Grande Londres e as áreas vizinhas de Essex, Hertfordshire e Buckinghamshire no Reino Unido. É o sistema de metropolitano mais antigo e extenso do mundo, e também a primeira rede de metropolitanos a operar com trens elétricos. É geralmente referido como the Underground ou the Tube — um termo mais recente, devido à forma dos túneis do metrô, em forma de tubo — porém, cerca de 55% da rede do metropolitano é à superfície (apesar de o próprio nome do metropolitano ser Underground, que significa subterrâneo). Entrou em operação no dia 10 de janeiro de 1863 com a Metropolitan Railway, de onde surgiu o termo "metrô" (a maior parte dessa rota inicial é agora parte da Hammersmith & City line), e em 1890, começaram as primeiras operações com trens elétricos.

As primeiras linhas da presente rede do Metropolitano de Londres, que foram construídas por várias empresas privadas, tornaram-se parte de um sistema de transporte integrado (que inclui também as principais linhas ferroviárias) em 1933 com a criação do London Passenger Transport Board, mais habitualmente conhecido pelo seu nome mais curto: "London Transport". O sistema de metropolitano londrino tornou-se uma entidade independente quando a London Underground Limited foi formada pelo Governo do Reino Unido em 1985. (leia mais...)



Olimpo (séc. 18), de Giovanni Battista Tiepolo (Museu do Prado, Madrid).

A mitologia grega é o estudo dos conjuntos de narrativas relacionadas aos mitos dos gregos antigos, de seus significados e da relação entre eles e os países ou povos, consideradas, com o advindo do cristianismo, como meras ficções alegóricas. Para muitos estudiosos modernos, entender os mitos gregos é o mesmo que lançar luz sobre a compreensão da sociedade grega antiga e seu comportamento, bem como suas práticas ritualísticas. O mito grego explica as origens do mundo e os pormenores das vidas e aventuras de uma ampla variedade de deuses, deusas, heróis, heroínas e outras criaturas mitológicas.

Ao longo dos tempos, esses mitos foram expressos através de uma extensa coleção de narrativas que constituem a literatura grega e também na representação de outras artes, como a pintura da Grécia Antiga e a pintura vermelha em cerâmica grega. Inicialmente divulgados em tradição oral-poética, hoje esses mitos são tratados apenas como parte da literatura grega. Essa literatura abrange as mais conhecidas fontes literárias da Grécia Antiga: os poemas épicos Ilíada, Odisseia– atribuídos à Homero e que focam sobre os acontecimentos em torno da Guerra de Tróia, destacando a influência de deuses e de outros seres – e também a Teogonia e Os Trabalhos e os Dias, trabalhos produzidos por Hesíodo. (leia mais...)



Visão parcial de uma proveta contendo 18 mL de água (1 mol de água).

O mol(português brasileiro) ou a mole(português europeu) é o nome da unidade de base do Sistema Internacional de Unidades (SI) para a grandeza quantidade de matéria(PB) ou quantidade de substância(PE) (símbolo: mol). É uma das sete unidades de base do SI muito utilizada na Química.

Seu uso é comum para simplificar representações de proporções químicas e no cálculo de concentração de substâncias. A unidade mol é muitas vezes comparada à "dúzia", pois ambas são adimensionais (sem unidades) e são utilizadas para descrever quantidades. Porém, o uso do mol mostra-se adequado somente para descrever quantidades de entidades elementares (átomos, moléculas, íons, elétrons, outras partículas, ou grupos específicos de tais partículas). (leia mais)


Mona Lisa, por Leonardo da Vinci, 1503-1507, Museu do Louvre.

Mona Lisa (também conhecida como La Gioconda ou, em francês, La Joconde), é a mais notável e conhecida obra do pintor italiano Leonardo da Vinci. É nesta obra que o artista melhor concebeu a técnica do sfumato.

O quadro apresenta uma mulher com uma expressão introspectiva e um pouco tímida. O seu sorriso restrito, que deixa ver ligeiramente os dentes, é muito sedutor, mesmo que um pouco conservador.

Este quadro é provavelmente o retrato mais famoso na história da arte, senão, o quadro mais famoso de todo o mundo. Poucos outros trabalhos de arte são tão controversos, questionados, valiosos, elogiados, comemorados ou reproduzidos.

Leonardo começou o retrato em 1503 e terminou-o três ou quatro anos mais tarde. A pintura a óleo sobre madeira de álamo encontra-se exposta agora no Museu do Louvre, em Paris, e é a maior atracção do museu.

Leia o artigo completo...

Palácio da Justiça de Quebec, 1880.

Com 3,6 milhões de habitantes na sua região metropolitana, Montreal (Montréal, na escrita oficial da cidade, em francês) é a maior cidade da província do Quebeque, no Canadá, a segunda mais populosa do país, e também a segunda mais populosa cidade francófona do mundo. Situa-se na ilha de mesmo nome do Rio São Lourenço. É um dos principais centros industriais, comerciais e culturais da América do Norte.

O local onde fica atualmente a cidade de Montreal era habitado por nativos algonquinos, hurões e iroqueses, por milhares de anos antes da chegada dos primeiros europeus. A cidade foi fundada em 1642 por um grupo missionário francês, ao pé do Monte Royal, com o nome de Ville Marie de Montréal, sendo que, eventualmente, a cidade passaria a ser chamada apenas de Montréal.


O Monumento da Liberdade (Brīvības Piemineklis, em letão), localizado em Riga, Letônia, é um memorial em honra dos soldados mortos em ação durante a Guerra da Independência da Letônia. O povo letão, como o próprio nome do monumento esclarece, o considera um importante símbolo da liberdade, da independência e da soberania do país. Inaugurado em 1935, o monumento em granito de 42 metros de altura, composto ainda por travertino e cobre, freqüentemente serve como ponto central de encontros públicos e cerimônias oficiais.

As esculturas e baixos-relevos do monumento, organizados em treze grupos, retratam a cultura e a história da Letônia. O núcleo do monumento é composto por formas tetragonais superpostas umas às outras, diminuindo seu tamanho na parte superior, completados pela coluna de travertino de 19 metros de altura que sustenta a figura da Liberdade levantando três estrelas douradas. A idéia do monumento surgiu no início dos anos 1920, quando o primeiro-ministro da Letônia, Zigfrīds Anna Meierovics, solicitou que regras fossem elaboradas para um concurso de projetos para uma "coluna memorial". Depois de vários concursos, o monumento foi finalmente construído no início da década de 1930, de acordo com o projeto "Brilhe como uma estrela!", de autoria do escultor letão Kārlis Zāle. As obras da construção foram financiadas por donativos privados.

Leia o artigo completo...

Naruto é o nome de uma série de mangá que originou o anime homônimo de muito sucesso no Japão, e que agora está se difundindo também por várias partes do mundo, como nos EUA, na Europa e no Brasil. Criada originalmente por Masashi Kishimoto, é uma série Shounen. Ainda não teve fim a série.

O mundo de Naruto é composto de ninjas. Eles são mercenários que vivem em vilarejos e ganham dinheiro por missões. Cada vilarejo tem o seu líder, a sua política, normalmente separada da do país onde elas estão. Nas lutas, os ninjas se utilizam de jutsus (técnicas), que são as técnicas secretas de um ninja. Assim eles podem fazer coisas incríveis, como criar fogo, água, ou andar nas paredes.


Crab Nebula.jpg

Nebulosa do Caranguejo (também conhecida por Nebulosa da Rolha, Nebulosa da Borboleta) (catalogado por NGC 1952, M1 - Messier 1, Taurus A) é um remanescente de supernova na constelação de Taurus; A nebulosa foi observada pela primeira vez em 1731, por John Bevis. Ela é o remanescente da supernova SN 1054, que foi registrada, como uma estrela visível à luz do dia, por astrônomos chineses e árabes em 1054. Localizada a uma distância de cerca de 6 300 anos-luz (2 kpcs) da Terra, a nebulosa tem um diâmetro de 11 anos-luz (3,4 pc) e está se expandindo à taxa de cerca de 1 500 quilômetros por segundo.

A nebulosa contém um pulsar no seu centro que gira trinta vezes por segundo, emitindo pulsos de radiação, de raios gama a ondas de rádio. A nebulosa foi o primeiro objeto astronômico identificado com uma explosão supernova histórica.

A nebulosa age como uma fonte de radiação para estudar corpos celeste que estejam ocultos nela. Nos anos 50 e anos 60, a coroa do Sol foi mapeada a partir de observações de ondas de rádio da nebulosa do Caranguejo passando por ela e, mais recentemente, a espessura da atmosfera em Titã, lua de Saturno, foi medida através do bloqueio de raios-X da nebulosa.

Leia o artigo completo...

Nick Drake, por Bottelho.

Nicholas Rodney Drake (Rangum, 19 de junho de 194825 de novembro de 1974), conhecido como Nick Drake, foi um cantor e compositor britânico, nascido na antiga Birmânia. A origem deve-se ao trabalho do pai: quando tinha quatro anos, a família de Nick mudou-se de volta para Inglaterra.

É conhecido por suas canções com temas outonais e melancólicos e por sua técnica virtuosa ao violão, chegando a ser considerado um dos compositores mais influentes dos últimos cinquenta anos. Seus três discos oficiais foram incluídos, depois de décadas, entre os melhores da história, como nas listas da Rolling Stone e TIME.

Os Drakes viveram numa pequena vila chamada Tanworth-In-Arden, numa grande casa de tijolos vermelhos a que chamavam "Far Leys". Ainda criança, aprendeu a tocar piano, graças à mãe, Molly Drake, pianista, violoncelista, cantora e compositora. De família rica, estudou nos melhores colégios da Inglaterra, entre os quais Marlborough, onde aprendeu a tocar clarinete e saxofone.

Em 1967, Nick ingressou na Universidade de Cambridge para estudar Literatura. Iniciou, também, apresentações em festivais, nos quais diz-se que impressionava a todos com seu talento para compor e pela habilidade peculiar com que tocava o violão, instrumento que lhe fora ensinado por um amigo de colégio. Na década de 1960, a idéia de aprender tal instrumento foi repreendida pela família, que o considerava de mau gosto e como um símbolo rebelde.


Leia o artigo completo...

Foto tirada por A. A. Pasetti do Tsar Nicolau II da Rússia, perto dos 30 anos de idade, em São Petersburgo, Rússia, 1898.

Nicolau II (1868-1918) foi o último Imperador da Rússia, Rei da Polônia e Grão-duque da Finlândia. Nasceu no Palácio de Catarina, em Tsarskoye Selo, próximo de São Petersburgo, em 18 de maio (6 de maio no calendário juliano) de 1868. É também conhecido como São Nicolau, o Portador da Paz, pela Igreja Ortodoxa Russa. Quanto ao seu título oficial, era chamado Nicolau II, Imperador e Autocrata de Todas as Rússias.

O seu reinado terminou com a Revolução Russa de 1917, quando, tentando retornar do quartel-general para a capital, seu trem foi detido em Pskov e ele foi obrigado a abdicar. A partir daí, o tsar e sua família foram aprisionados, primeiro no Palácio de Alexandre, em Tsarskoye Selo, depois na Casa do Governador, em Tobolsk, e finalmente na Casa Ipatiev, em Ecaterimburgo. Nicolau II, sua mulher, seu filho, suas quatro filhas, o médico da família, um servo pessoal, a camareira da imperatriz e o cozinheiro da família foram assassinados no porão da casa pelos bolcheviques na madrugada de 16 para 17 de julho de 1918. É conhecido que esse evento foi ordenado de Moscou por Lênin e pelo líder bolchevique Yakov Sverdlov. Mais tarde Nicolau II, sua mulher, a imperatriz e seus filhos foram glorificados como mártires por grupos ligados à Igreja Ortodoxa Russa no exílio. (leia mais...)



Nicolau Maquiavel

Nicolau Maquiavel, em italiano Niccolò Machiavelli, (Florença, 3 de Maio de 1469 — Florença, 21 de Junho de 1527) foi um historiador, poeta, diplomata e músico italiano do Renascimento. É reconhecido como fundador do pensamento e da ciência política moderna, pela simples manobra de escrever sobre o Estado e o governo como realmente são e não como deveriam ser. Os recentes estudos do autor e de sua obra admitem que seu pensamento foi mal interpretado historicamente. Desde as primeiras críticas, feitas postumamente por um cardeal inglês, as opiniões, muitas vezes contraditórias, acumularam-se, de forma que o adjetivo maquiavélico, criado a partir de seu nome, significa esperteza, astúcia.

Niccolò di Bernardo dei Machiavelli viveu a juventude sob o esplendor político de Florença durante o governo de Lourenço de Médici e entrou para a política aos 29 anos de idade no cargo de Secretário da Segunda Chancelaria. Nesse cargo, Maquiavel observou o comportamento de grandes nomes da época e a partir dessa experiência retirou alguns postulados para sua obra. Depois de servir em Florença durante catorze anos foi afastado e escreveu suas principais obras. Conseguiu também algumas missões de pequena importância, mas jamais voltou ao seu antigo posto como desejava.

Como renascentista, Maquiavel se utiliza de autores e conceitos da Antiguidade Clássica de maneira nova. Um dos principais autores foi Tito Lívio, além de outros lidos através de traduções latinas, e entre os conceitos apropriados por ele, encontram-se o de virtù e o de fortuna.

Leia o artigo completo...


NIN Munich 2007.jpg

Nine Inch Nails (abreviado como NIN) é uma banda de rock industrial, fundada em 1988 por Trent Reznor em Cleveland, Ohio. Reznor é atualmente o único membro oficial do Nine Inch Nails e permanece responsável sozinho por sua direção musical, sendo o principal produtor, cantor, compositor e multi-instrumentista. A música do NIN abrange uma grande variedade de gêneros, enquanto retendo um som caracteristicamente intenso usando instrumentos e processos eletrônicos. Após gravar um novo álbum, Reznor geralmente reúne uma banda para acompanhá-lo em apresentações ao vivo; este componente ao vivo é uma entidade separada do Nine Inch Nails no estúdio de gravação. Nos palcos, NIN comumente emprega elementos visuais espetaculares para acompanhar suas performances, que frequentemente culminam com a banda destruindo instrumentos musicais.

Audiências do underground receberam calorosamente o Nine Inch Nails em seus primórdios. Diversos discos influentes nos anos 90 alcançaram vasta popularidade: muitas canções se tornaram sucesso nas rádios, duas gravações do NIN ganharam Grammy Awards e a banda vendeu mais do que vinte milhões de álbuns no mundo todo, com 10,5 milhões de vendas certificadas somente nos Estados Unidos. Em 2004, a revista Rolling Stone colocou o Nine Inch Nails como 94º em sua lista de 100 maiores artistas do rock de todos os tempos. A despeito deste sucesso, a banda teve vários feudos com o lado corporativo da indústria fonográfica. Trent Reznor anunciou em 2007 que a banda prosseguirá independentemente de gravadoras.

Leia o artigo completo...

Noam Chomsky, professor do MIT

Avram Noam Chomsky (Filadélfia, 7 de dezembro de 1928) é um professor de Linguística no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT, das iniciais em inglês).

O seu nome está associado à criação da gramática ge(ne)rativa transformacional, abordagem que revolucionou os estudos no domínio da linguística teórica. É também o autor de trabalhos fundamentais sobre as propriedades matemáticas das linguagens formais, sendo o seu nome associado à chamada Hierarquia de Chomsky.

Os seus trabalhos, combinando uma abordagem matemática dos fenómenos da linguagem com uma crítica radical do behavio(u)rismo, em que a linguagem é conceptualizada como uma propriedade inata do cérebro/mente humanos, contribui decisivamente para o arranque da revolução cognitiva, no domínio das ciências humanas.

Além da sua investigação e ensino no âmbito da Linguística, Chomsky é também muito conhecido pelas suas posições políticas de esquerda e pela sua crítica da política externa dos Estados Unidos da América. Chomsky descreve-se como um socialista libertário havendo quem o associe ao anarcossindicalismo.

O termo chomskiano é habitualmente usado para identificar as suas idéias linguísticas embora o próprio considere que esses tipos de classificações (chomskiano, marxista, freudiano) "não fazem sentido em nenhuma ciência", e que "pertencem à história da religião, enquanto organização".

Leia o artigo completo...

Hitler desfilando com a nova SA, agora liderada por Victor Lutze

A Noite das Facas Longas foi um expurgo que aconteceu na Alemanha Nazista na noite do dia 30 de junho para 1 de julho de 1934, quando a direção do Partido Nacional Socialista Alemão dos Trabalhadores (o Partido Nazista) decidiu executar dezenas de seus membros políticos, sendo a maioria da Sturmabteilung (SA), uma organização paramilitar do partido.

Adolf Hitler revoltou-se contra o líder das SA, Ernst Röhm, pois este ansiava em transformar seus liderados (que já contavam com três milhões de integrantes, chamados de camisas pardas) no embrião do futuro exército da Alemanha Nazista e via o uso da violência nas ruas como melhor modo de disciplina, algo totalmente contra o regime que Hitler queria impor na sociedade alemã. Além disso, os interesses de Röhm iam de encontro aos da Reichswehr, o exército alemão do período entre-guerras, cujos oficiais — em especial o marechal Paul von Hindenburg, presidente da nação na época — não toleravam a figura de Röhm, em razão de sua homossexualidade, fraqueza a vícios e o medo de que Röhm viesse a tentar derrubar o regime nazista, podendo assim criar uma revolta no povo alemão e conseqüentemente a queda de Hitler.

Com isso, Hitler, chanceler da Alemanha nomeado por Hindenburg, decidiu não entrar em choque com o poder político dos militares e, ao invés disso, fazer um expurgo contra as autoridades máximas da SA e seus inimigos políticos. Antes do seu acontecimento, o evento foi classificado com o codinome "colibri" (em alemão: Kolibri), que se tornou palavra-chave para iniciar a operação. A frase "Noite das facas longas" origina-se de um verso de uma canção das SA, e significa massacre. (leia mais...)



Figura do núcleo e do retículo endoplasmático: (1) Envoltório nuclear. (2) Ribossomos. (3) Poros nucleares. (4) Nucléolo. (5) Cromatina. (6) Núcleo. (7) Retículo endoplasmático. (8) Nucleoplasma.

O núcleo celular, organelo primeiramente descrito por Franz Bauer, em 1802, é uma estrutura presente nas células eucariontes, que contém o ADN (ou DNA) da célula. É delimitado pelo envoltório nuclear, e comunica-se com o citoplasma através dos poros nucleares. O núcleo possui duas funções básicas: regular as reações químicas que ocorrem dentro da célula, e armazenar as informações genéticas da célula. O seu diâmetro pode variar de 11 a 22,25 micrometros. Além do material genético, o núcleo também possui algumas proteínas com a função de regular a expressão gênica, que envolve processos complexos de transcrição, pré-processamento do RNAm (RNA mensageiro) e o transporte do RNAm formado para o citoplasma. Dentro do núcleo ainda se encontra uma estrutura denominada nucléolo, que é responsável pela produção de subunidades dos ribossomos. O envoltório nuclear é responsável tanto por separar as reações químicas que ocorrem dentro do citoplasma daquelas que ocorrem dentro do núcleo, quanto por permitir a comunicação entre esses dois ambientes. Essa comunicação é realizada pelos poros nucleares que formam-se da fusão entre a membrana interna e a externa do envoltório nuclear. O interior do núcleo é composto por uma matriz denominada de cariolinfa, que é um líquido de consistência gelatinosa, similar ao citoplasma. Dentro dele estão presentes várias substâncias necessárias para o funcionamento do núcleo, incluindo bases nitrogenadas, enzimas, proteínas e fatores de transcrição. (leia mais...)



Jan van Eyck 001.jpg

O Casal Arnolfini é o mais famoso quadro do pintor flamengo Jan van Eyck, pintado em 1434. A obra exibe o então rico comerciante Giovanni Arnolfini e sua esposa Giovanna Cenami, que se estabeleceram e prosperaram na cidade de Bruges (hoje Bélgica), entre 1420 e 1472. Nos dias de hoje, os historiadores da arte discutem exatamente a imagem que o quadro representa; a tese dominante durante muito tempo, introduzida por Erwin Panofsky em um ensaio de 1934, assegura que a imagem corresponde ao matrimônio de ambos, celebrado em segredo e testificado pelo pintor.

Contudo, muitas outras interpretações têm sido propostas acerca da obra, e o consenso atual é que a teoria de Panofsky seria, dificilmente, sustentável. Especula-se sobre a presença efetiva do pintor no casamento dos Arnolfini, pois isso explicaria o porquê do pintor neerlandês ter escrito no quadro, em latim, Johannes de Eyck fuit hic (van Eyck esteve aqui).

Em todo caso, a pintura - desde 1842 na National Gallery de Londres - é considerada uma das obras mais notáveis de van Eyck. É um dos primeiros retratos de tema não hagiográfico que se encontram conservados, e, por sua vez, representa uma relativa cena costumeira. O casal se apresenta de pé, em sua alcova; o esposo bendiz a sua mulher, que lhe oferece sua mão direita, enquanto apóia a esquerda em seu ventre.

A pose das personagens resulta-se teatral e cerimoniosa, praticamente hierática; alguns especialistas vêem nessas atitudes fleumáticas certa comicidade, ainda que a estendida interpretação que se vê no retrato, a representação de um casamento atribui a isso seu ar pomposo.

Leia o artigo completo...

Unico Anello.jpg

O Senhor dos Anéis (The Lord of the Rings) é um romance de fantasia criado pelo escritor, professor e filólogo britânico J.R.R. Tolkien. A história começa como seqüência de um livro anterior de Tolkien, O Hobbit (The Hobbit), e logo se desenvolve numa história muito maior. Embora Tolkien tenha planejado realizá-lo em volume único, foi originalmente publicado em três volumes entre 1954 e 1955, e foi assim, em três volumes, que se tornou popular. Desde então foi reimpresso várias vezes e foi traduzido para mais de 40 línguas, tornando-se um dos trabalhos mais populares da literatura do século XX.

A história de O Senhor dos Anéis ocorre em um tempo e espaço imaginários, a Terceira Era da Terra-média, que é um mundo inspirado na Terra real, mais especificamente, segundo Tolkien, numa Europa mitológica, há aproximadamente 6000 anos, embora a geografia e a história correspondentes com a geografia e a história do mundo real fosse frágil.

Junto com outras obras de Tolkien, O Senhor dos Anéis foi objeto de extensiva análise de seus temas e origens literários. As influências na história do Senhor dos Anéis englobam a filologia, mitologia, industrialização e religião e também trabalhos de fantasia antigos e as experiências de Tolkien na Primeira Guerra Mundial.

A enorme e permanente popularidade de O Senhor dos Anéis levou a numerosas referências na cultura popular, a fundação de muitas sociedades de fãs do trabalho de Tolkien, inspirou (e continua inspirando) trabalhos de arte, a música, cinema e televisão, os jogos de Video games e uma literatura paralela. As adaptações do livro foram feitas para o rádio, o teatro e o cinema.

Leia o artigo completo...

Olho do furacão Catarina, o primeiro furacão registrado no Atlântico Sul, em março de 2004.

O olho é uma região localizada no centro de ciclones tropicais fortes onde as condições climáticas são amenas. O olho de uma tempestade é uma região grosseiramente circular e geralmente com 30 a 60 km (20 a 30 milhas) de diâmetro. Está circundado pela "parede do olho", um anel de violentas trovoadas em que ocorrem os fenômenos climáticos mais severos de um ciclone. A menor pressão atmosférica do ciclone ocorre no olho, podendo ser ainda 15% inferior à pressão atmosférica do lado de fora da tempestade.

Em ciclones tropicais fortes, o olho é caracterizado por ventos moderados e céus limpos, e é rodeado em todos os lados por uma parede de olho muito alta e simétrica. Em ciclones tropicais mais fracos, o olho não é tão bem definido, e pode ser envolto pela cobertura de nuvens central densa, que é uma região de nuvens altas e densas que aparecem claramente em imagens de satélite.

Tempestades fracas ou desorganizadas podem também caracterizar-se de uma parede do olho que não circunda completamente o olho, ou ter um olho que caracteriza-se por chuvas pesadas. Em todas as tempestades, entretanto, o olho é o local de pressão atmosférica mínima: a região em que a pressão atmosférica ao nível do mar é a mais baixa.

Leia o artigo completo...



"Monumento 1 de Las Limas", considerado como uma materialização importante da mitologia olmeca. O jovem segura uma criança jaguar-homem, enquanto quatro seres sobrenaturais se encontram gravados nos ombros e joelhos do jovem.

Os Olmecas foram uma antiga cultura pré-colombiana da Mesoamérica que se desenvolveu nas regiões tropicais do centro-sul do atual México durante o período pré-clássico, aproximadamente onde hoje se localizam os estados mexicanos de Veracruz e Tabasco, no Istmo de Tehuantepec, numa zona designada área nuclear olmeca.

A cultura olmeca floresceu nesta região aproximadamente entre 1500 e 400 a.C., e crê-se que tenha sido a civilização-mãe de todas as civilizações mesoamericanas que se desenvolveram posteriormente. O desenvolvimento da civilização em San Lorenzo, onde os primeiros traços olmecos surgiram antes de 1200 a.C, provavelmente beneficiou da ecologia local de solos aluviais bem irrigados, o que permitia elevada produção de milho.

Fatores como resultado de mudanças nos cursos de rios importantes, ou do seu assoreamento devido às práticas de cultivo, talvez tenham contribuído para a extinção da cultura olmeca que, entre 400 e 350 a.C. decresceu fortemente, ficando essa região pouco habitada até o século XIX. Entre o legado que a cultura deixou, destacam-se sua escrita, suas sangrias e sacríficios, e principalmente suas invenções – um mecanismo de bússola, o calendário mesoamericano e o jogo de bola mesoamericano – sem contar sua arte, composta por desenhos, monumentos, esculturas e artesanato em geral, constituída pelos símbolos da cultura. (leia mais...)



Orcinus orca.

A orca ou baleia assassina (Orcinus orca) é o membro de maior porte da família Delphinidae (ordem dos cetáceos) e um predador versátil, podendo comer peixes, moluscos, aves, tartarugas, ainda que, caçando em grupo, consigam capturar presas de tamanho maior, incluindo morsas e outras "baleias". Apesar da designação baleia assassina, não é, na verdade, uma baleia. O nome provém da alteração da expressão "assassina de baleias" já que caçam outros cetáceos jovens. Está, portanto, no topo da cadeia alimentar oceânica. Pode chegar a pesar nove toneladas. É o segundo animal de maior área de distribuição geográfica (logo a seguir ao homem), podendo encontrar-se em qualquer um dos oceanos.

Têm uma vida social complexa, baseada na formação e manutenção de grupos familiares extensos. Comunicam através de sons e costumam viajar em formações que assomam ocasionalmente à superfície. A primeira descrição da espécie foi feita por Plínio, o Velho que já a descrevia como um monstro marítimo feroz. Contudo, não se tem conhecimento de ataques a seres humanos no ambiente selvagem, ainda que se saiba de alguns casos de agressões aos seus treinadores em parques temáticos. Tanto vivem no mar alto como junto ao litoral.


A Ordem do Banho, para Cavaleiro da Grande Cruz, da divisão militar.

A Mui Honorável Ordem do Banho (formalmente A Mui Honorável Ordem Militar do Banho), também conhecida como Ordem de Bath, é uma Ordem de Cavalaria britânica fundada por Jorge I em 18 de maio de 1725. O nome deriva da cerimônia medieval para a nomeação de cavaleiro, que incluia o banho [bath, em inglês] (como símbolo de purificação) como um de seus elementos. Os cavaleiros assim consagrados ficavam conhecidos como Cavaleiros de Bath.

A Ordem consta do Soberano (o Soberano Britânico), o Grande Mestre (atualmente SAR O Príncipe de Gales) e três Classes de Membros:

  • Cavaleiro da Grande Cruz ou Dama da Grande Cruz (GCB)
  • Cavaleiro Comandante ou Dama Comandante (KCB ou DCB)
  • Companheiro (CB)

Os membros pertencem tanto à Divisão Militar como Civil. Antes de 1815 a Ordem tinha uma única classe, Cavaleiros Companheiros (KB), a qual já não existe.

Leia o artigo completo...

Gravura representando um casal de ornitorrincos.

O ornitorrinco (nome científico: Ornithorhynchus anatinus) é um mamífero semiaquático natural da Austrália e da Tasmânia. É o único representante vivo da família Ornithorhynchidae, e a única espécie do gênero Ornithorhynchus. Juntamente com as quatro espécies de équidnas, formam o grupo dos monotremados, os únicos mamíferos ovíparos existentes. A espécie é monotípica. O ornitorrinco possui hábito crepuscular e/ou noturno. Carnívoro, alimenta-se de insetos, vermes e crustáceos de água doce. Possui diversas adaptações para a vida em rios e lagoas, entre elas as membranas interdigitais, mais proeminentes nas patas dianteiras.

É um animal ovíparo, cuja fêmea põe cerca de dois ovos, que incuba por aproximadamente dez dias num ninho especialmente construído. Os monotremados recém-eclodidos apresentam um dente similar ao das aves (um carúnculo), utilizado na abertura da casca do ovo; os adultos não possuem dentes. A fêmea não possui mamas, e o leite é diretamente lambido dos poros e sulcos abdominais. Esporões venenosos nas patas estão presentes nos machos e são utilizados principalmente para defesa territorial e contra predadores. As características atípicas do ornitorrinco fizeram com que o primeiro espécime empalhado levado para a Inglaterra fosse classificado pela comunidade científica como um embuste. (leia mais...)



Oroonoko é um curto romance criado pela escritora inglesa Aphra Behn e publicado em 1688. A obra, cujo protagonista é um africano escravizado e levado ao Suriname durante a década de 1660, conta uma trágica relação amorosa e, aparentemente, foi inspirada nas viagens que a própria autora fez às colônias sul-americanas. Freqüentemente afirma-se que Aphra Behn foi, historicamente, a primeira escritora da literatura inglesa a se basear em fatos reais. Embora isso não seja totalmente verdadeiro, Behn sem dúvida é a primeira inglesa que se dedicou profissionalmente à composição de romances e peças de teatro. "Oroonoko" enfileira-se entre os mais antigos romances da língua inglesa, e descreve bem o sistema escravagista da época.

Leia o artigo completo...

Flores de Orchis militaris. A espécie tipo de Orchidaceae.

Orquídeas são todas as plantas que compõem a família Orchidaceae, pertencente à ordem Asparagales, uma das maiores famílias de plantas existentes. Apresentam muitíssimas e variadas formas, cores e tamanhos e existem em todos os continentes, exceto na Antártida, predominando nas áreas tropicais. Majoritariamente epífitas, as orquídeas crescem sobre as árvores, usando-as somente como apoio para buscar luz; não são plantas parasitas, nutrindo-se apenas de material em decomposição que cai das árvores e acumula-se ao emaranhar-se em suas raízes. Elas encontram muitas formas de reprodução: na natureza, principalmente pela dispersão das sementes mas em cultivo pela divisão de touceiras, semeadura in-vitro ou meristemagem.

A respeito da enorme variedade de espécies, pouquíssimos são os casos em que se encontrou utilidade comercial para as orquídeas além do uso ornamental. Entre seus poucos usos, o único amplamente difundido é a produção de baunilha a partir dos frutos de algumas espécies do gênero Vanilla, mas mesmo este limitado pela produção de um composto artificial similar de custo muito inferior. Mesmo para ornamentação, apenas uma pequena parcela das espécies é utilizada, pois a grande maioria apresenta flores pequenas e folhagens pouco atrativas. Por outro lado, das espécies vistosas, os orquidicultores vêm obtendo milhares de diferentes híbridos de grande efeito e apelo comercial. (leia mais...)



A Torre de Santa Maria (M), reconstruída por Carlos III para assemelhar-se a uma fortaleza medieval. À direita, a Torre do Relógio de Alberto I em pedra branca.

O Palácio do Príncipe de Mônaco é a residência oficial do Príncipe de Mônaco. Fundado em 1191 como uma fortaleza da República de Gênova, durante sua longa e dramática história foi bombardeado e sitiado por muitas potências estrangeiras. Desde o fim do século XIII, tem sido fortaleza e lar da família Grimaldi, que foi a primeira a capturá-la em 1297. Os Grimaldis dominaram a área primeiramente como senhores feudais e, a partir do século XVII, como príncipes soberanos, mas os seus poderes derivavam dos frágeis acordos com os seus países vizinhos, maiores e mais fortes.

Assim, enquanto outros soberanos europeus estavam construindo luxuosos e modernos palácios renascentistas e barrocos, a política e o senso comum exigiam que o Palácio de Mônaco fosse fortificado. Esta única exigência, numa fase tão tardia da história, fez com que o Palácio de Mônaco se tornasse um dos mais incomuns na Europa. Ironicamente, quando as suas fortificações foram finalmente terminadas, no final do século XVIII, foi tomado pelos franceses, que tiraram todos os seus tesouros, fazendo-o entrar em declínio, enquanto que a família Grimaldi foi exilada durante mais de vinte anos. (leia mais...)



Reconstrução moderna do Palácio Heian Daigokuden em Heian Jingū, Quioto

Palácio Heian é o palácio imperial original de Heian-kyō (hoje, Quioto), a capital do Japão de 794 a 1868. O palácio, que serviu como residência imperial e centro administrativo do Japão durante e após o Período Heian (de 794 a 1185), localizou-se no centro-norte da cidade, de acordo com os modelos chineses usados no projecto de capitais.

O palácio era rodeado por uma grande muralha de forma rectangular que continha muitos dos edifícios cerimoniais e administrativos incluindo os ministérios governamentais. Dentro dos seus muros encontrava-se outro complexo residencial (o "Palácio Interno"), onde residia o Imperador. Além da morada do Imperador, o palácio interno continha as residências das consortes, e estruturas cerimoniais e oficiais mais próximas da figura do Imperador.

O intuito original do palácio era o de manifestar a centralização do modelo governamental adoptado pelo Japão a partir da China no século VII e providenciar um lugar apropriado para a residência do Imperador e para que pudesse ocupar-se de vários problemas de Estado e cerimónias. Embora a função residencial do palácio tenha continuado até ao século XII, as instalações para cerimónias religiosas foram caindo em desuso no século IX, devido ao abandono das práticas de cerimónias regulamentares e à mudança de muitas destas para lugares de menor escala no Palácio Interno.


Leia o artigo completo...



O Palácio visto de Sul.

O Palácio Nacional da Pena, localizado na histórica vila de Sintra, representa uma das melhores expressões do Romantismo do século XIX em Portugal. Este monumento foi mandado construir por D. Fernando de Saxe Coburgo-Gotha, que casou com a Rainha Maria II em 1836. Dotado de uma educação muito completa, o futuro Rei Fernando II depressa se apaixonou por Sintra e, enquanto visitava a montanha pela primeira vez, avistou as ruínas do antigo Convento dos Frades Hieronimitas, erguido no reinado de D. João II, sendo substancialmente transformado pelo rei Manuel I de Portugal que, no cumprimento de uma promessa, ordenou a sua reconstrução de raiz, em homenagem a Nossa Senhora da Pena, doando-o de volta à Ordem dos Monges de São Jerónimo.

Com o Terramoto de 1755, que devastou Lisboa e toda a região circundante, o convento da Pena caiu em ruínas. Foram estas ruínas, no topo escarpado da Serra de Sintra, que maravilharam o jovem príncipe D. Fernando que, em 1838, decidiu adquirir o velho convento, toda a cerca envolvente, o Castelo dos Mouros e outras quintas e matas circundantes. Cedo iniciou as obras de consolidação do velho convento, dotando-o de novos acessos em túnel. Em 1840, dois anos antes que Varnhagen desse à estampa a sua colecção de artigos sobre os Jerónimos, o príncipe D. Fernando decide a ampliação do Convento de forma a construir um verdadeiro paço acastelado romântico, residência de verão da família real portuguesa.

O Palácio, em si, é um edifício ecléctico onde a profusão de estilos e o movimento dos volumes são uma invulgar e excepcional lição de arquitectura.


Panda-vermelho num verão de 2002, na Alemanha.

O panda-vermelho (nome científico: Ailurus fulgens) é um pequeno mamífero arborícola e a única espécie do gênero Ailurus. Sua alimentação é principalmente composta por bambu; entretanto, por ser onívoro, pode ingerir ovos, pássaros, insetos e pequenos mamíferos. É pouco maior que um gato doméstico (40 - 60 cm de comprimento, 3 - 6 kg de peso). O panda-vermelho é endêmico da região do Himalaia: Butão, sul da China, Índia, Laos, Nepal e Myanmar. Ele é o animal-símbolo do estado indiano de Siquim, e também a mascote dos festivais internacionais de Darjeeling. Possui uma coloração castanho-avermelhada característica, cauda comprida e felpuda e um andar gingado devido ao encurtamento dos membros dianteiros. É um animal solitário, territorialista e de hábito crepuscular e noturno. Existe uma população estimada em menos de 2 500 indivíduos adultos. Sua população continua a diminuir devido à fragmentação de seu habitat. A caça ilegal também é outro importante fator que contribui para a diminuição da população de pandas. É um animal comum em jardins zoológicos, principalmente da América do Norte e Europa, e reproduz-se bem em cativeiro. (leia mais...)



Representação da molécula do paracetamol.

Paracetamol (DCI), ou acetaminofeno, é um fármaco com propriedades analgésicas, mas sem propriedades antiinflamatórias clinicamente significativas. Atua por inibição da síntese das prostaglandinas, mediadores celulares responsáveis pelo aparecimento da dor. Esta substância tem também efeitos antipiréticos. É utilizado nas seguintes formas de apresentação: cápsulas, comprimidos, gotas, xaropes e injectáveis. Actualmente é um dos analgésicos mais utilizados por ser bastante seguro e não interagir com a maioria dos medicamentos.

Faz parte da composição de uma série de medicamentos usados contra a constipação comum e gripe. As doses recomendadas são bastante seguras, mas o seu baixo preço e a sua grande facilidade de aquisição pelos doentes têm provocado o aparecimento de alguns casos de sobredosagem, embora em pequeno número. Nas doses indicadas, o paracetamol não afecta a mucosa gástrica, não altera a coagulação sanguínea e não ataca os rins.

Difere dos analgésicos opióides, porque não provoca euforia nem altera o estado de humor do doente. Da mesma forma que os antiinflamatórios não-esteróides (AINEs), não causa problemas de dependência, tolerância e síndrome de abstinência.

Leia o artigo completo...



Animação com imagens do Parque Nacional de Yosemite.

O Parque Nacional de Yosemite é um parque nacional norte-americano situado na parte oriental dos condados de Tuolumne, Mariposa e Madera, no centro-leste do estado da Califórnia. O parque tem uma área de 3 081 quilômetros quadrados, que abrange toda a encosta oeste da cadeia de montanhas de Serra Nevada, numa altitude compreendida entre 600 e 4 000 metros. O parque de Yosemite recebe a visita de cerca de três milhões e meio de pessoas por ano, grande parte delas somente para ver o vale de Yosemite. Classificado em 1984 pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura como Patrimônio da Humanidade, Yosemite é internacionalmente reconhecido pelos seus espetaculares desfiladeiros de granito, cascatas, arroios claros, bosques de sequoias gigantes e grande biodiversidade.

Das 7 000 espécies de plantas existentes na Califórnia, cerca da metade está na Serra Nevada, e mais de vinte por cento das espécies concentram-se em Yosemite. O parque conta também com registros documentais da presença de mais de 160 plantas raras, com solos únicos e formações geológicas também raras, que caracterizam as áreas restritas que estas plantas ocupam. Geologicamente o parque caracteriza-se pela presença de rochas graníticas e algumas rochas mais antigas. (leia mais...)



Paul Kane, auto-retrato c. 1846 – 1848

Paul Kane (Mallow, Cork, 3 de Setembro de 1810Toronto, 20 de Fevereiro de 1871) foi um pintor irlando-canadiano, famoso por seus quadros que retratam a população das primeiras nações do Canadá Ocidental e de outros nativos americanos de Oregon Country.

Kane, artista autodidata, cresceu em Toronto (na altura conhecida como York) e treinou-se copiando os mestres europeus quando fez uma viagem de estudos pela Europa. Realizou duas viagens pelo noroeste selvagem canadiano em 1845 e de 1846 a 1848. Na sua primeira viagem de ida e volta de Toronto a Sault Ste. Marie, conseguiu o apoio da Companhia da Baía de Hudson para a segunda viagem, muito mais longa que a primeira, iniciando em Toronto, atravessando as Montanhas Rochosas até Fort Vancouver e Fort Victoria na Colúmbia Britânica, como os canadianos designavam Oregon Country.

Em ambas as viagens, Kane fez esboços, pintou os povos indígenas e documentou os seus modos de vida. Quando regressou a Toronto, produziu mais de uma centena de pinturas a óleo baseadas nos esboços. Os trabalhos de Kane, em especial os seus esboços, são ainda um recurso valioso para os etnólogos. As pinturas a óleo completadas no seu estúdio são consideradas uma parte do património cultural canadiano, embora, frequentemente ele as tenha embelezado consideravelmente, baseado na exactidão dos seus esboços, em favor de cenas mais dramáticas.

Leia o artigo completo...



D. Pedro II, Imperador do Brasil.

Dom Pedro de Alcântara João Carlos Leopoldo Salvador Bibiano Francisco Xavier de Paula Leocádio Miguel Gabriel Rafael Gonzaga de Bragança e Habsburgo, chamado O Magnânimo (Paço de São Cristóvão, Rio de Janeiro, 2 de dezembro de 1825Paris, 5 de dezembro de 1891) foi o segundo e último Imperador do Brasil de facto.

Imperou com o título de Sua Majestade Imperial, dom Pedro II, Imperador Constitucional e Defensor Perpétuo do Brasil.

D. Pedro II foi o sétimo filho de Dom Pedro I e da arquiduquesa Dona Leopoldina de Áustria. Sucedeu ao seu pai, que abdicara em seu favor para retomar a coroa de Portugal, à qual renunciara em nome da filha mais velha, D. Maria da Glória. Pelo lado paterno, era sobrinho de Miguel I de Portugal, enquanto, pelo lado materno, sobrinho de Napoleão Bonaparte e primo dos imperadores Napoleão II da França, Francisco José I da Áustria e Maximiliano I do México. Sendo o irmão mais novo de D. Maria da Glória, também fora tio dos reis de Portugal D. Pedro V e D. Luís I.

Seu nascimento foi comemorado com festas durante três dias no Rio de Janeiro. Sendo o único filho homem do Imperador dom Pedro I a sobreviver à infância, tornou-se o herdeiro da coroa imperial do Brasil, com o título de Príncipe Imperial. Mas tornou-se órfão de mãe com pouco mais de um ano de idade e na infância, o visconde de Barbacena o considerou um “menino magrinho e muito amarelo”, e que sofria constantemente de febres e ataques convulsivos. Do pai, recebeu carinho e afeto, revelando uma grande ternura pelo filho e dizia com orgulho: “Meu filho tem sobre mim a vantagem de ser brasileiro”. Verdadeiramente, o pequeno príncipe era antes um símbolo, por ser considerado “genuinamente brasileiro”.

No dia 7 de abril de 1831, o Imperador dom Pedro I abdicou de sua coroa e se viu forçado a partir para o estrangeiro para lutar pelo trono da filha mais velha, usurpado por seu irmão, o infante dom Miguel. A partir de então, o príncipe dom Pedro de Alcântara tornou-se dom Pedro II, Imperador Constitucional e Defensor Perpétuo do Brasil. Seu império se estenderia até 1889, quando foi deposto, totalizando 58 anos como monarca brasileiro (no entanto, é comum muitos acreditarem erroneamente que o seu império iniciou somente em 1840 com a antecipação da maioridade).

Leia o artigo completo...

Piada ou Anedota é uma história curta de final geralmente surpreendente e engraçada com o objetivo de causar risos ou gargalhadas (ou sensação de) no leitor ou ouvinte. É um tipo específico de humor que, apesar de diversos estilos, possui características que a diferenciam de outras formas de comédia.

As piadas já foram alvo de estudos acadêmicos sérios. Um bom exemplo é “O chiste e sua relação com o inconsciente”, estudo produzido por Sigmund Freud. O “pai da psicanálise” dividiu as piadas em duas categorias básicas: as “ingênuas” (que utilizam jogos de palavras) e os “chistes tendenciosos” (que possuem um lado erótico e/ou preconceituoso). Enquanto na primeira o humor não estaria no conteúdo, mas na surpresa do trocadilho, na segunda o riso seria provocado pela “aversão às diferenças ou pela zombaria de estereótipos”.


Piões de ponta de aço.

O pião (ou pinhão, como é chamado nalgumas partes do Brasil, em corruptela de pião; Xindire, em Maputo; N'teco, em Nampula e Mbila, no Niassa, em Moçambique) é o nome dado em português aos vários tipos do brinquedo que consiste em puxar uma corda enrolada a um objecto afunilado, geralmente de madeira ou plástico e com uma ponta de ferro, colocando-o em rotação no solo, mantendo-se erguido. A corda é o intermerdiário que transmite a força motriz dos braços, fazendo girar o pião em movimentos circulares em torno do próprio eixo que, em equílibro, gira (por causa da inércia) até perder sua força e parar.

Os piões mais simples são feitos de plástico ou madeira e giram apenas com a força dos dedos (sem o auxílio e cordas ou molas), até pararem devido ao atrito com a superfície. Quanto mais rápido o pião estiver girando, mais equilibrado ele fica. Dependendo da superfície o pião pode não girar corretamente.

Leia o artigo completo...



Pinguim-imperador

Pinguim-imperador (nome científico: Aptenodytes forsteri) é a maior e a mais pesada ave da família Spheniscidae (pinguins) e é endêmica da Antártica. Os machos e fêmeas são semelhantes na plumagem e tamanho. Os adultos podem medir até 1,22 metro de altura, pesar até 37 quilos e viver de 30 a 35 anos. Os machos desta espécie são um dos poucos animais que passam o inverno na Antártida.

O pinguim-imperador caracteriza-se pela plumagem multicolorida: cinza-azulado nas costas, branco no abdômen, preto na cabeça e barbatanas. Esta espécie apresenta também uma faixa alaranjada em torno dos ouvidos. Como todos os pinguins, ele é uma ave aquática não-voadora, com um corpo aerodinâmico e asas rígidas semelhantes às aletas de outros vertebrados nadadores adaptadas ao estilo de vida marinha. Sua alimentação baseia-se em pequenos peixes, krill e lulas, que capturam em profundidades de até 250 metros. O pinguim-imperador pode ficar submerso por cerca de vinte minutos sem respirar. Seus predadores naturais incluem as orcas, as focas-leopardo e os tubarões.

O padrão reprodutivo é bastante característico. As fêmeas põem um único ovo em maio/junho, no final do outono, que abandonam imediatamente para passar o inverno no mar. O ovo é incubado pelo macho durante cerca de 65 dias, que correspondem ao inverno antártico. Para superar temperaturas de menos 40 °C e ventos de 200 km/h, os machos amontoam-se e passam a maior parte do tempo dormindo para poupar energia. (leia mais...)



Pedro Américo: A fala do Trono, ca. 1872, Museu Imperial.

A pintura do Romantismo brasileiro foi a principal expressão das artes plásticas no Brasil na segunda metade do século XIX. Essa produção pictórica se inseriu na evolução local do movimento romântico e coincidiu aproximadamente com o período do Segundo Reinado, mas suas características foram bastante singulares, diferenciando-se em vários pontos em relação à versão original do Romantismo europeu e da mesma forma não pode ser considerada um paralelo exato da importante manifestação do Romantismo na literatura brasileira da mesma época. Teve uma feição palaciana e contida, trouxe forte carga neoclássica e logo se mesclou ao Realismo, Simbolismo e outras escolas, em uma síntese eclética que vigorou até os primeiros anos do século XX.

Em termos ideológicos, a pintura do Romantismo brasileiro girou principalmente em torno do movimento nacionalista orquestrado habilmente pelo imperador Dom Pedro II, ciente dos problemas oriundos da falta de unidade cultural num país tão vasto e interessado em apresentar uma imagem de um Brasil civilizado e progressista diante do mundo. Esse nacionalismo encontrou expressão maior na reconstrução visual de eventos históricos importantes, no retrato da natureza e dos tipos populares, e na reabilitação do indígena, legando um corpo de obras de arte que até hoje figura com destaque nos museus nacionais, e cujo simbolismo marcante e efetivo contribuiu de maneira poderosa para a construção de uma nova identidade nacional e fez alguns de seus exemplos mais bem conseguidos penetrarem indelevelmente na memória coletiva do povo brasileiro. (leia mais...)



Boeing da ANA pousando no aeroporto de Heathrow.

Pokémon (ポケットモンスター, Poketto Monsutā?, japonês para Monstros de Bolso) é uma marca japonesa mundialmente conhecida que engloba uma variada gama de produtos. Dividida em várias mídias, foi iniciada com o jogo eletrônico Pokémon Red & Green, para o video game portátil Game Boy, em Fevereiro de 1996. Pokémon é a criação do programador japonês Satoshi Tajiri e seu amigo, o desenhista e designer Ken Sugimori. Após seus primeiros jogos, vários outros foram produzidos, num total de 27, e a série se expandiu para vários mangás, um jogo de cartas oficial, um anime, na sua décima temporada, e dez filmes já lançados, além de um em produção. Pokémon tornou-se um marco na cultura pop dos anos 90 e a venda de seus jogos ultrapassou 155 milhões de unidades em todo o mundo, o que levou a série a ser a segunda mais vendida da Nintendo e também de todo o mundo, ambas as vezes atrás apenas de os jogos da série Mario Bros.

Leia o artigo completo...

Bandeira de Portugal.

Portugal é um país localizado no Sudoeste da Europa, cujo território se situa na zona ocidental da Península Ibérica e em arquipélagos no Atlântico Norte. O território português tem uma área total de 92 090 km², sendo delimitado a norte e leste por Espanha e a sul e oeste pelo oceano Atlântico, compreendendo uma parte continental e duas regiões autónomas: os arquipélagos dos Açores e da Madeira. Portugal é a nação mais a ocidente do continente europeu. O país tem o nome da sua segunda maior cidade, Porto, cujo nome latino era Portus Cale. O território dentro das fronteiras actuais da República Portuguesa tem sido continuamente povoado desde os tempos pré-históricos: ocupado pelos celtas, como os galaicos e os lusitanos, foi integrado na República Romana e mais tarde colonizado por povos germânicos, como os suevos e os visigodos, e no século VIII as terras foram conquistadas pelos mouros.

Durante a Reconquista cristã foi formado o Condado Portucalense, primeiro como parte do Reino da Galiza e depois integrado no Reino de Leão. Com o estabelecimento do Reino de Portugal em 1139, cuja independência foi reconhecida em 1143, e a estabilização das fronteiras em 1249, Portugal tornou-se o mais antigo Estado-nação da Europa. (leia mais...)


Brasão da Póvoa de Varzim

A Póvoa de Varzim (por vezes indevidamente chamada de Póvoa do Varzim) é uma cidade portuguesa do distrito do Porto, Região Norte e sub-região do Grande Porto, com 38 848 habitantes de acordo com o recenseamento de 2001 (dos quais 27 800 na freguesia homónima). É a área urbana mais a norte a integrar a Grande Área Metropolitana do Porto (distando 27 quilómetros dessa cidade). É também sede de um munícipio com 81,94 km² de superfície, espalhados por doze freguesias, cujo total de habitantes se eleva aos 63 469, o que lhe dá a elevada densidade populacional de 774,57 hab./km².

Relatada pela primeira vez em 953, ainda durante o primeiro condado de Portugal, recebeu foral de D. Dinis em 1308, mas só no século XX adquiriu a actual configuração municipal. Em Portugal ganhou fama em meados do século XX como estância balnear, devido às suas praias, ao monumental Casino da Póvoa, e a outros equipamentos de lazer. O filme Ala-Arriba!, do género drama-documental (docudrama) de José Leitão de Barros, deu a conhecer ao país da década de 1940 uma comunidade piscatória portuguesa com costumes culturais muito próprios.


Os Prémios Nobel foram instituídos por Alfred Nobel, um industrial sueco, inventor da dinamite. São atribuídos anualmente no dia 10 de Dezembro, aniversário da morte de Alfred Nobel, às pessoas que fizeram pesquisas importantes, inventaram técnicas pioneiras, ou deram contribuições destacadas à sociedade.

Alfred Nobel ficou chocado ao ver a edição de um jornal que noticiou a morte de seu irmão como sendo a sua, e inventou uma forma de ser lembrado. Criou prémios para que fossem concedidos àqueles que serviram ao bem da Humanidade, mais propriamente àqueles que proporcionaram à Humanidade benefícios no campo da física, química, fisiologia ou medicina, literatura e paz.

A primeira cerimónia que concedeu os Prémios Nobel em literatura, física, química e medicina ocorreu no Conservatório Real de Estocolmo em 1901, tendo o Prémio Nobel da Paz sido entregue em Oslo. Desde 1902, os prémios são formalmente concedidos pelos Rei da Suécia. No entanto a entrega do Prémio Nobel da Paz continua a decorrer em Oslo, sendo presidida pelo rei da Noruega.

O Rei Oscar II inicialmente não aprovou que os prémios fossem concedidos a estrangeiros, mas mudou de idéias depois de compreender o valor da publicidade que os prêmios dariam ao seu país.



Programa Shuttle-Mir foi um programa espacial conjunto entre a Rússia e os Estados Unidos que teve o objetivo de realizar missões do ônibus espacial à estação orbital russa Mir e transportar cosmonautas russos nos ônibus espaciais e astronautas norte-americanos nas naves Soyuz, para participarem de temporadas de longa duração em órbita terrestre. O Programa, também chamado por vezes de 'Fase Um', pretendia permitir aos Estados Unidos aprenderem com os russos sobre voos de longa duração e aumentar o espírito de cooperação entre as agências espaciais das duas superpotências, a NASA e a Roscosmos. Ele prepararia o caminho para a 'Fase Dois', especificamente, a futura construção da Estação Espacial Internacional (ISS).

Anunciado em 1993 e com sua primeira missão realizada em 1994, o Programa teve a duração de quatro anos, até 1998, início da construção da ISS. Nele foram realizadas onze missões dos ônibus espaciais, um voo conjunto com uma nave Soyuz e cerca de mil dias passados no espaço por astronautas norte-americanos na Mir. Em seus quatro anos de existência, muitos primeiros foram conquistados no espaço pelas duas nações, entre eles o primeiro astronauta a fazer 'caminhadas espaciais' em trajes russos e o primeiro norte-americano a subir ao espaço numa nave Soyuz. (leia mais...)



Praça Tian'anmen, onde ocorreram os principais protestos.

O Protesto na Praça da Paz Celestial em 1989, mais conhecido como Massacre da Praça da Paz Celestial, ou ainda Massacre de 4 de Junho consistiu em uma série de manifestações lideradas por estudantes na República Popular da China, que ocorreram entre os dias 15 de abril e 4 de junho de 1989. O protesto recebeu o nome do lugar em que o Exército Popular de Libertação suprimiu a mobilização: a praça Tiananmen, em Pequim, capital do país. Os manifestantes (em torno de cem mil) eram oriundos de diferentes grupos, desde intelectuais que acreditavam que o governo do Partido Comunista era demasiado repressivo e corrupto, a trabalhadores da cidade, que acreditavam que as reformas econômicas na China haviam sido lentas e que a inflação e o desemprego estavam dificultando suas vidas. O acontecimento que iniciou os protestos foi o falecimento de Hu Yaobang. Os protestos consistiam em marchas (caminhadas) pacíficas nas ruas de Pequim.

Devido aos protestos e às ordens do governo pedindo o encerramento dos mesmos, se produziu no Partido Comunista uma divisão de critérios (opiniões) sobre como se deveria responder aos manifestantes. A decisão tomada foi suprimir os protestos pela força, no lugar de atender suas reivindicações. Em 20 de maio, o governo declarou a lei marcial e, na noite de 3 de junho, enviou os tanques e a infantaria do exército à praça de Tiananmen para dissolver o protesto. As estimativas das mortes civis variam: 400 a 800 (segundo o jornal estadunidense The New York Times), 2 600 (segundo informações não identificadas da Cruz Vermelha chinesa) e sete mil (segundo os manifestantes).

Leia o artigo completo...



Cabeça desproporcionalmente alongada com guelras.

Proteus (Proteus anguinus) é um anfíbio cego endémico às águas subterrâneas das cavernas dos carstes dináricos do sul da Europa. O seu habitat inclui as águas que fluem debaixo do solo, através da extensa região calcária que inclui as águas da bacia do rio Soča, perto de Trieste, Itália, através do sul da Eslovénia, sudoeste da Croácia, e a Herzegovina.

O proteus é a única espécie no seu género, Proteus, o único representante europeu da família Proteidae e o único Cordado europeu que habita exclusivamente nas zonas sem luz de cavernas. É por vezes chamado de peixe humano pelos habitantes locais, devido à parecença da sua pele com a dos humanos, assim como salamandra das cavernas ou salamandra branca. A característica mais notável desta espécie é a sua adaptação a uma vida em escuridão completa no seu habitat subterrâneo. Os olhos do proteus são subdesenvolvidos, tornando-os cegos, enquanto que os seus outros sentidos, particularmente o olfacto e a audição, são bastante desenvolvidos. Não tem nenhuma pigmentação na sua pele. Ao contrário da maior parte dos anfíbios, o proteus é exclusivamente aquático e come, dorme e reproduz-se debaixo de água, retendo características larvares tais como brânquias externas durante a fase adulta. (leia mais...)



Variedade de queijos em um supermercado.

Queijo é um alimento sólido feito a partir do leite de vacas, cabras, ovelhas, búfalas e/ou outros mamíferos. O queijo é produzido pela coagulação do leite. Isto é realizado, em uma primeira etapa, pela acidificação com uma cultura bacteriana e em seguida, empregando uma enzima, a quimosina (coalho ou substitutos) para transformar o leite em "coalhada e soro". A bactéria precisa e o processamento da coalhada desempenham um papel na definição da textura e sabor da maioria dos queijos. Alguns queijos apresentam também bolores, tanto na superfície externa como no interior.

Existem centenas de tipos de queijos produzidos em todo o mundo. Diferentes estilos e sabores de queijo são o resultado do uso do leite de diferentes mamíferos ou com o acréscimo de diferentes teores de gordura, empregando determinadas espécies de bactérias e bolores, e variando o tempo de envelhecimento e outros tratamentos de transformação.

Outros fatores incluem a dieta animal e a adição de agentes aromatizantes tais como ervas, especiarias, ou defumação. A condição de pasteurização do leite pode também afetar o sabor final. O amarelo e o vermelho usados para colorir muitos queijos é o resultado da adição de colorau. Os queijos são consumidos puros ou como ingrediente de pratos diversos. A maioria dos queijos derrete ao serem aquecidos.

Leia o artigo completo...



Uma rã-arborícola-de-white (Litoria caerulea).

A rã-arborícola-de-white (nome científico: Litoria caerulea) é uma espécie de rela natural da Austrália e da Nova Guiné, com populações introduzidas na Nova Zelândia e Estados Unidos da América. A espécie pertence ao género Litoria. Fisiologicamente, é muito semelhante a outras espécies do género, especialmente à Litoria splendida e à Litoria infrafrenata. A rela-verde é uma espécie grande comparada com a maioria das rãs australianas, chegando aos 10 centímetros de comprimento.

A expectativa média de vida desta rã em cativeiro, de cerca de dezasseis anos, é longa comparada com a da maioria das rãs. São animais dóceis e bem adaptados para viver perto de áreas ocupadas pelo homem. É comum encontrá-las empoleiradas em janelas ou dentro das casas, comendo insetos que foram atraídos pela luz. Devido às suas características físicas e comportamentais, a rela-verde tornou-se uma das espécies mais emblemáticas da região, e é popular como animal de estimação exótico no mundo inteiro. As secreções cutâneas desta espécie têm propriedades antibacteriana e antiviral, o que pode ser útil em preparações farmacêuticas. (leia mais...)



Ravachol em 30 de março de 1892.

Ravachol (nascido François Claudius Koënigstein; 1859-1892) foi um anarquista ilegalista francês, tornando-se a seu tempo o arquétipo do "anarquista lançador de bombas" através de suas ações diretas em que utilizava anarquismo violento contra a Terceira República Francesa. Da perspectiva legalista e capitalista, Ravachol entrou para a história como um dos grandes terroristas do século XIX. Ravachol nascido em uma família pobre, trabalhou desde os oito anos, depois que o pai, Jean Adam Koënigstein, um marinheiro neerlandês, abandonou a família, fazendo com que o jovem François Claudius adotasse o nome de solteiro de sua mãe, Marie Ravachol, uma humilde costureira desempregada.

Desde aquela época Ravachol teve que buscar maneiras para sustentar sua mãe, uma irmã e um irmão mais novos, e posteriormente também um sobrinho. Para isso, vagou pela França atrás de trabalho, pelo qual recebia quase nada. Foi assistente de pintor, trabalhou em uma tinturaria e, como forma de incrementar a renda familiar, chegou a tocar acordeão nos salões sociais aos domingos em Saint-Étienne. No entanto, nenhuma dessas tarefas durava tempo suficiente ou garantia o mínimo que sua família necessitava para a sobrevivência. (leia mais...)



A reconquista é a designação historiográfica para o movimento cristão com início no século VIII que visava à recuperação das terras perdidas para os árabes durante a invasão. Os muçulmanos não conseguiram ocupar a região montanhosa das Astúrias, onde resistiram grandes povoações, e de uma delas surgiria Pelágio (ou Pelaio), que se pôs à frente dos refugiados, iniciando imediatamente um movimento para «reconquistar» o território perdido. Por outro lado, na Galiza, por motivos ainda não suficientemente estudados, permaneceram unicamente aproximadamente 40 anos depois da invasão em 711, pelo que foi através da constituição do reino da Galiza e posteriormente do reino da Galiza-Leão que a reconquista teve as suas origens na faixa atlântica da Península. A guerra tinha um objectivo: apoderarem-se das terras e de tudo o que nelas existia. A ideia de «cruzada» só veio a surgir na época das Cruzadas (1096). A ocupação das terras conquistadas fazia-se com um cerimonial: cum cornu et albende de rege, isto é, com o toque das trombetas e a bandeira desfraldada. A reconquista de todo o território peninsular vai durar cerca de oito séculos, só ficando concluída em 1492 com a reconquista do reino muçulmano de Granada pelos Reis Católicos.


O glaciar Grosser Aletsch em 1979 (esq.), 1991 (centro) e 2002 (dir.)

O recuo dos glaciares desde 1850, de forma global e rápida, afecta a disponibilidade de água doce para irrigação e uso doméstico, as actividades de montanha, animais e plantas que dependem da água produzida durante os períodos de degelo, e num prazo mais alargado, o nível dos oceanos. Estudada pelos glaciólogos, a coincidência temporal do recuo dos glaciares com o aumento medido da concentração de gases do efeito estufa na atmosfera é muitas vezes citada como pilar da evidência do aquecimento global antropogénico. As cordilheiras montanhosas das zonas temperadas como os Himalaias, Alpes, Montanhas Rochosas, Cordilheira das Cascatas e os Andes meridionais, bem como cumes tropicais isolados como o Monte Kilimanjaro na África, apresentam, proporcionalmente, a maior diminuição da extensão dos glaciares.

Leia o artigo completo...

As "95 Teses" de Martinho Lutero, publicadas em Wittenberg em 1522.

A Reforma Protestante foi um movimento religioso na Europa iniciado no século XVI por Martinho Lutero, que através da publicação de 95 teses, protestou contra diversos pontos da doutrina da Igreja Católica, propondo uma reforma do catolicismo. Os princípios fundamentais da Reforma Protestante são conhecidos como os cinco solas. Lutero foi apoiado por vários religiosos e governantes europeus provocando uma revolução religiosa, iniciada na Alemanha, e estendendo-se pela Suíça, França, Países Baixos, Reino Unido, Escandinávia e algumas partes do Leste Europeu, principalmente os Países bálticos e a Hungria.

A resposta da Igreja Católica Romana foi o movimento conhecido como Contrarreforma ou Reforma Católica, iniciada no Concílio de Trento. O resultado da Reforma Protestante foi a divisão da chamada Igreja do Ocidente entre os católicos romanos e os reformados ou protestantes, originando o Protestantismo. A Pré-Reforma foi o período anterior à Reforma Protestante no qual se iniciaram as bases ideológicas que posteriormente resultaram na reforma iniciada por Martinho Lutero. (leia mais...)



Curitiba, capital do Paraná

A Região Sul é uma das cinco grandes regiões em que é dividido o Brasil. Compreende os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, que juntos totalizam uma superfície de 576.300,8 km², área superior à da França, segundo maior país europeu. A Região Sul é a menor das regiões brasileiras e faz parte da região geoeconômica Centro-Sul. É um grande polo turístico, econômico e cultural, abrangendo grande influência européia, principalmente de origem italiana e germânica. A Região Sul apresenta altos índices sociais em vários aspectos: possui o maior IDH do Brasil, 0,807 — único classificado como elevado —, e a 2ª maior renda per capita do país, R$ 10.723,60, atrás apenas da Região Sudeste. A região é também a mais alfabetizada, 93,7% da população.

Ela faz fronteiras com o Uruguai ao sul, com a Argentina e com o Paraguai ao oeste, com a Região Sudeste do Brasil ao norte e com o Oceano Atlântico ao leste.

Leia o artigo completo...

Bandeira do reino das Astúrias.

O Reino das Astúrias foi a primeira região da Península Ibérica que se libertou do domínio dos Mouros quando da invasão por estes da Península Ibérica. Protegidos por uma imponente cadeia montanhosa, os cristãos que escaparam à conversão islâmica imposta pela invasão dos Mouros refugiaram-se naquele pequeno território do norte da península, a partir do qual dariam início ao processo de Reconquista Cristã, inicialmente mediante pequenas escaramuças, até aos confrontos directos com os estandartes dos vários reinos cristãos que se foram formando.

Foi, portanto, a primeira entidade política cristã estabelecida na península depois da capitulação do Reino Visigótico, na sequência da morte de Rodrigo, último rei visigodo, na batalha de Guadalete. A designação de Reino das Astúrias foi inicialmente ostentada por Pelágio das Astúrias. A partir deste pequeno território, surgiram os reinos de Castela, Leão (de onde derivou mais tarde o Condado Portucalense e, subsequentemente, Portugal), Navarra, e Aragão. O reino durou de 718 a 925, altura em que Fruela II ascendeu ao trono do Reino de Leão.

O Reino Asturiano teve como região os territórios ocidentais e centrais da Cordilheira Cantábrica, particularmente os Picos de Europa e a área central das Astúrias, zonas onde tiveram lugar os principais acontecimentos político-militares durante as primeiras décadas de existência do reino. Segundo as descrições de Estrabão, Dião Cássio e outros geógrafos greco-romanos, estas zonas estavam habitadas já antes da era cristã por diferentes povos, entre os quais se podem citar os seguintes: Vadinienses, que habitavam os Picos de Europa e cuja área de assentamento se foi deslocando lentamente em direcção ao Sul durante os primeiros séculos da nossa era, tal como o testemunham as numerosas estelas; os Orgenomescos, fixados na costa oriental asturiana; os Selinos que, como o próprio nome indica, se distribuíam por todo o vale do Sella (Salia); os Lugones, cujo território se estendia entre os rios Sella e Nalón e cuja capital se situava em Luco dos Astures (Lugo de Llanera); os Astures propriamente ditos, que habitavam a zona interior das Astúrias, situada entre os actuais concelhos de Piloña e Cangas del Narcea; e os Pésicos, que moravam na zona costeira de Astúrias Ocidental, entre a foz do rio Navia e a actual cidade de Gijón.

Leia o artigo completo...



Einstein, autor da teoria da relatividade

Em Física, relatividade geral é a generalização da Teoria da gravitação de Newton publicada em 1915 por Albert Einstein. A nova teoria leva em consideração as idéias descobertas na Relatividade restrita sobre o espaço e o tempo e propõe a generalização do princípio da relatividade do movimento de referenciais em movimento uniforme para a relatividade do movimento mesmo entre referenciais em movimento acelerado. Esta generalização tem implicações profundas no nosso conhecimento do espaço tempo, levando entre outras conclusões à de que a matéria (energia) curva o espaço e o tempo à sua volta. Isto é a gravitação é um efeito da geometria do espaço-tempo. Uma das descobertas mais importantes do século XX, feita por Einstein, é a de que podemos apresentar os efeitos da gravitação na forma de uma geometria quadrimensional. A primeira descoberta nesta direção, feita por Hermann Minkowski, baseando-se no trabalho de Einstein sobre a Relatividade restrita, foi a de que espaço e tempo são na verdade uma única entidade que chamamos hoje de espaço-tempo.


Brasão de armas da República das Duas Nações.

A República das Duas Nações, conhecida também por Comunidade das Duas Nações, Comunidade dos Dois Povos, Comunidade Polaco-Lituana ou Primeira República da Polônia, (polonês: Rzeczpospolita Obojga Narodów; lituano: Abiejų tautų respublika), foi um dos maiores e mais populosos países da Europa no século XVII. Sua estrutura política — república aristocrática, semifederal e semiconfederada — foi constituída em 1569, pela União de Lublin, que uniu o Reino da Polônia e o Grão-Ducado da Lituânia, e durou nesta forma até a adoção da Constituição de 3 de maio de 1791. A República abrangia não apenas os territórios do que são hoje a Polônia e a Lituânia, mas também todo o território da Bielorrússia e Letônia, grande parte da Ucrânia e Estônia e a parte ocidental da atual Rússia (óblasts de Smolensk e Kaliningrado). Originariamente as línguas oficiais da República eram o polonês e o latim (no Reino da Polônia) e o ruteno e o lituano (no Grão-Ducado da Lituânia).

A República foi uma extensão da União Polaco-Lituana, uma união pessoal entre aqueles dois Estados que existia desde 1386 (ver União de Krewo). O sistema político da República, freqüentemente chamado de democracia dos nobres ou liberdade dourada, foi caracterizado pela redução, por meio de leis, do poder do soberano e pelo controle do Poder legislativo (Sejm) pela nobreza (szlachta). Este sistema foi o precursor das concepções modernas de ampla democracia e de monarquia constitucional, bem como de federação. Os dois estados que compunham a República eram formalmente iguais, embora na realidade a Polônia fosse o parceiro dominante na união. A Igreja Católica Apostólica Romana tinha grande influência nos assuntos da República, mesmo assim o Estado foi capaz de manter uma relativa tolerância religiosa, embora o seu grau tenha variado com o tempo. Sua economia foi baseada principalmente na agricultura. Enquanto que o primeiro século da República foi uma era dourada tanto para a Polônia quanto para a Lituânia, o segundo século foi marcado por derrotas militares, um retorno à servidão para os camponeses e o crescimento do anarquismo na vida política. Pouco antes de sua dissolução, a República adotou a segunda constituição nacional codificada mais antiga do mundo na história moderna;

Leia o artigo completo...

Ressurreição de Cristo por Rafael Sanzio (1499-1502), óleo sobre madeira, Museu de Arte de São Paulo.

Ressurreição de Cristo é uma pintura a óleo sobre madeira do mestre do renascimento italiano Rafael Sanzio. A obra é uma das primeiras pinturas conhecidas do artista, executada entre 1499 e 1502. É provável que seja um elemento de uma predela, tendo-se aventado a hipótese de o painel ser uma das obras remanescentes do retábulo da igreja de San Nicola da Tolentino, a primeira encomenda documentada de Rafael (seriamente danificada por um sismo em 1789, e cujos fragmentos encontram-se hoje dispersos em museus da Europa).

A Ressurreição de Cristo é uma das primeiras obras conservadas de Rafael em que já se prenuncia a natureza dramática de seu estilo compositivo, em oposição à poética branda de seu mestre, Pietro Perugino. A composição, extremamente racional, é regida por uma complexa geometrização ideal, que interliga todos os elementos da cena e lhe confere uma peculiar animação rítmica, transformando as personagens do painel em co-protagonistas de uma única "coreografia". É possível notar na pintura a influência estética de Pinturicchio e Melozzo da Forlì, embora a orquestração espacial da obra, tendente ao movimento, permita supor o conhecimento por parte de Rafael do ambiente artístico florentino, já por volta de 1500. (leia mais...)



Ricardo Flores Magón

Cipriano Ricardo Flores Magón (1874-1922) foi um anarquista mexicano. Possuía vasto conhecimento acerca das reflexões propostas pelos grandes teóricos do século XIX, entre os quais Mikhail Bakunin, Pierre-Joseph Proudhon, Max Stirner e Elisée Reclus, bem como da obra dos socialistas Karl Marx, Henrik Ibsen, inspirando-se, sobretudo, nas ideias de Piotr Kropotkin na construção de sua própria concepção de luta revolucionária. Dialogou com Charles Malato, Errico Malatesta, Anselmo Lorenzo, Emma Goldman e Fernando Tarrida del Mármol, dos quais era contemporâneo.

Junto com seu irmão mais novo, Enrique Flores Magón, foi fundador e redator do periódico libertário Regeneración, bem como do movimento revolucionário conhecido como Partido Liberal Mexicano. Suas ideias tiveram profundo impacto no contexto em que viveu, sendo também profundamente influenciadas por ele. Sempre atribuiu grande valor ao senso de comunidade e de autonomia existente entre os povos indígenas, sempre militando em seu favor. Suas reflexões e atos contra a tirania latifundiária defendida ferrenhamente pela ditadura de Porfirio Díaz levaram à emergência da Revolução Mexicana. (leia mais...)



Rinocerontes-de-java num poço de lama em Ujung Kulon (1930).

O rinoceronte-de-java é um membro da família Rhinocerotidae e uma das cinco espécies de rinocerontes recentes. Ele pertence ao mesmo gênero do rinoceronte-indiano, possuindo muitas características semelhantes. Difere principalmente no tamanho – sendo menor que seu primo indiano – pelas placas dérmicas menos desenvolvidas, e por diferenças craniais e dentárias. Seus cornos são os menores dentre todas as espécies de rinocerontes e, muitas vezes, podem estar ausentes nas fêmeas.

O rinoceronte-de-java é a mais rara das espécies de rinocerontes, com uma população estimada em menos de 100 indivíduos divididos nas duas áreas de ocorrência. A perda do habitat e caça predatória, pelo uso de seu corno na medicina chinesa, foram as principais causas da redução populacional desses animais. E hoje, mesmo protegido nas reservas, ainda corre risco devido à perda da diversidade genética, doenças e pela caça ilegal. Devido aos hábitos solitários, raridade, e por viverem numa área de instabilidade política, cientistas e conservacionistas raramente estudaram este animal em campo, sendo conseqüentemente a espécie de rinoceronte menos conhecida. (leia mais...)



Rinocerontes-de-sumatra: "Emi" e o filhote de 14 meses "Harapan", Zoológico de Cincinnati, EUA.

O rinoceronte-de-sumatra (nome científico: Dicerorhinus sumatrensis) é uma das cinco espécies viventes de rinocerontes da família Rhinocerotidae. É a menor das espécies de rinocerontes recentes e a que tem características mais primitivas. Como seus parentes africanos, possui dois cornos, sendo o anterior muito maior que o posterior. Apresenta uma pelagem marrom-acastanhada única entre os membros da família. Pouco se conhece a respeito de sua ecologia, comportamento e reprodução na natureza, devido a seus hábitos furtivos e noturnos e pela dificuldade de pesquisa no ambiente florestal. Entretanto, dezenas de estudos em cativeiro foram desenvolvidos para auxiliar nos programas de conservação ex situ. É a espécie de rinoceronte que mais apresenta vocalizações.

Originalmente distribuído pelo sudeste asiático, foi dizimado em grande parte de sua área geográfica, restando apenas pequenas populações isoladas, na Indonésia e Malásia. Considerado em perigo crítico pela União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais, sua população é de difícil determinação devido aos hábitos solitários, mas sendo estimada por volta de trezentos animais. O declínio da espécie é atribuído principalmente à caça predatória para o comércio ilegal dos cornos, que possuem um valor alto na medicina tradicional chinesa. Outros fatores incluem a perda do habitat para a agricultura, pecuária e indústria madeireira. (leia mais...)



Bandeira do Município do Rio de Janeiro.

Rio de Janeiro, capital do estado homônimo, é a segunda maior metrópole do Brasil, situada no sudeste do país. Cidade brasileira mais conhecida no exterior e maior rota do turismo internacional no Brasil, funciona como um "espelho", ou "retrato" nacional, seja positiva ou negativamente. É um dos principais centros econômicos, culturais e financeiros do país, sendo internacionalmente conhecida por diversos ícones culturais e paisagísticos, como o Pão de Açúcar, a estátua do Cristo Redentor (uma das sete maravilhas do mundo moderno), as praias dos bairros de Copacabana, Ipanema e Barra da Tijuca (entre outros), o Estádio do Maracanã, o Estádio Olímpico João Havelange, a floresta da Tijuca, a Quinta da Boa Vista, a ilha de Paquetá, o Réveillon de Copacabana e o Carnaval.

Representa o segundo maior produto interno bruto do país (e o 30º maior do mundo), estimado em cerca de 127 bilhões de reais (IBGE/2006), e é sede das duas maiores empresas brasileiras – a Petrobras e a Vale, e das principais companhias de petróleo e telefonia do Brasil, além do maior conglomerado de empresas de mídia e comunicações da América Latina, as Organizações Globo. (leia mais...)



O Coliseu de Roma tornou-se um dos símbolos da cidade por atestar a magnificiência da arte e cultura da Roma Antiga

Roma é a cidade capital da Itália e sede da comuna e da província com o mesmo nome, na região do Lácio. Conhecida internacionalmente como A Cidade Eterna pela sua história milenar, Roma espalha-se pelas margens rio Tibre, compreendendo o seu centro histórico com as suas sete colinas: Palatino, Aventino, Campidoglio, Quirinale, Viminale, Esquilino, e Célio. Segundo o mito romano, a cidade foi fundada a cerca de 753 a.C. (data convencionada) por Rómulo e Remo, dois irmãos criados por uma loba, que são actualmente símbolos da cidade. Desde então tornou-se no centro da Roma Antiga (Reino de Roma, República Romana, Império Romano) e, mais tarde, dos Estados Pontifícios, Reino de Itália e, por fim, da República Italiana.

No interior da cidade encontra-se o estado do Vaticano, residência do Papa. É uma das cidades com maior importância na História mundial, sendo um dos símbolos da civilização europeia. Conserva inúmeras ruínas e monumentos na parte antiga da cidade, especialmente da época do Império Romano, e do Renascimento, o movimento cultural que nasceu em Itália.

A área metropolitana tem cerca de 2.546.804 habitantes (2001), e estende-se por uma área de 1.285 km2, tendo uma densidade populacional de 1.981 hab/km2, o que a torna na maior cidade da Itália e também na capital europeia de maiores dimensões. O presidente da câmara (Sindaco) em 2006 é Walter Veltroni.


Romeu e Julieta. Pintura a óleo de 1870 por Ford Madox Brown (1821 - 1893).

Romeu e Julieta é uma tragédia escrita no início da carreira literária de William Shakespeare sobre os amores de um casal de jovens cujas mortes acabam unindo suas famílias, inimigas há muitos anos. Juntamente com Hamlet, ela foi a peça teatral mais popular durante o período de vida do autor e é uma de suas obras mais encenadas no mundo todo. Atualmente, o relacionamento dos dois jovens é considerado como o arquétipo do amor juvenil.

Romeu e Julieta pertence a uma tradição de romances trágicos que remonta à Antiguidade. Seu enredo é baseado em um conto italiano, traduzido em versos como A Trágica História de Romeu e Julieta por Arthur Brooke em 1562, e recontado em prosa como o Palácio do Prazer por William Painter em 1582. Shakespeare baseou-se em ambos, mas reforçou a ação de personagens secundários, especialmente Mercúcio e o Conde Páris, a fim de expandir o enredo. Supostamente escrita entre 1591 e 1595, a peça foi publicada pela primeira vez em 1597, mas essa versão foi considerada de péssima qualidade, o que estimulou muitas outras edições posteriores que trouxeram consonância com o texto original de Shakespeare. (leia mais...)



"The Temple of the Rosy Cross," Teophilus Schweighardt Constantiens, 1618

Rosa-cruz (Rosacruz ou Rosacrucianismo) refere-se a diversas organizações místicas e esotéricas, normalmente denominadas fraternidades ou Ordens, que reivindicam-se herdeiras de tradições antigas e que usam rituais associados à Franco-maçonaria. A Ordem Rosacruz foi fundada, segundo certas lendas, por Christian Rosenkreuz, peregrino do século XV. Alguns historiadores apontam, contudo, a sua origem num grupo de protestantes alemães, em 1604 ou 1605. O símbolo que identifica a Ordem é normalmente composto de uma ou mais rosas decorando uma cruz. Em alguns casos é usada uma cruz envolvida por uma coroa de rosas, e junto ao símbolo pode aparecer um duplo triângulo ou uma estrela; em outros casos é simplesmente uma cruz tendo uma rosa ao centro. Algumas vezes a rosa ou a cruz é adornada com símbolos cabalísticos e alquímicos. O símbolo varia dependendo da fraternidade em questão. Rosa-cruz também designa o sétimo e último grau ou quarta ordem do rito maçônico francês, que tem como símbolos principais o pelicano, a rosa e a cruz. A expressão "Rosa-cruz" pode designar também o maçom que atingiu o grau de Cavaleiro Rosa-cruz. Diversos pensadores rosacruzes defendem que o rosacrucianismo não é apenas uma fraternidade ou Ordem constituída mas, mais que isso, uma corrente de pensamento, cuja filiação ocorre pela adoção de certas posturas de vida. Nesta visão, as escolas e fraternidades são apenas expositoras da doutrina rosacruz. O Rosacrucianismo também é muitas vezes designado como cristianismo esotérico.


Santa Catarina é um estado do Brasil localizado no centro da Região Sul. Tem como limites: o estado do Paraná (N), Oceano Atlântico (L), o estado do Rio Grande do Sul (S) e a Argentina (O). Ocupa uma área de 95.442,9 km² (pouco maior do que Portugal, que tem cerca de 92.391 km²). Sua capital é a cidade de Florianópolis. A costa oceânica tem cerca de 450 km, ou seja, aproximadamente metade da costa continental de Portugal (943 km). Os índices sociais do Estado estão entre os melhores do país; a renda per capita catarinense é de 9.272 reais, a quinta maior do Brasil. O Estado tem uma taxa de mortalidade infantil de 18,2 em cada mil nascidos vivos e apresenta o segundo maior índice de alfabetização do país, atrás apenas do Rio de Janeiro, também é o estado com o melhor índice de desenvolvimento humano do Brasil.

Leia o artigo completo...

Brasão de Santa Cruz.

Santa Cruz é um extenso e populoso bairro de classe média, média-baixa e baixa da zona oeste da cidade do Rio de Janeiro, o mais distante da região central da cidade. Seu território estende-se por uma área de 12 504,43 hectares e tem por vizinhança os municípios de Itaguaí a oeste e Seropédica ao norte; os bairros cariocas de Sepetiba ao sul, Paciência e Cosmos a leste e Guaratiba a sudeste. A sudoeste seu território é banhado pela baía de Sepetiba. Cortado pela Estrada de Ferro Central do Brasil (em trecho operado pela SuperVia), possui uma paisagem bastante diversificada, com áreas rurais, comerciais, residenciais e industriais. É sede da XIX Região Administrativa do Rio de Janeiro, que por sua vez, está subordinada à Subprefeitura de Santa Cruz e Guaratiba.

Desde a instalação do porto de Itaguaí, é uma localidade em franco desenvolvimento. Possui quatrocentos e quarenta e dois anos de história, estando nela preservados importantes monumentos. É, porém, um local de contrastes. É um dos bairros mais populosos, e ao mesmo tempo, devido a sua vasta área territorial, um dos menos densamente povoados; possui um distrito industrial, mas em sua paisagem ainda impera muitas áreas rurais. Santa Cruz possui um dos índices de desenvolvimento humano mais baixos da cidade do Rio de Janeiro. (leia mais...)



Alberto Santos Dumont

Alberto Santos Dumont (Palmira, 20 de julho de 1873Guarujá, 23 de julho de 1932) foi um engenheiro (apesar de não ter tido formação acadêmica nessa área) e pioneiro da aviação.

Santos Dumont foi o primeiro a decolar a bordo de um avião, impulsionado por um motor aeronáutico, apesar de alguns países considerarem os Irmãos Wright como os inventores do avião, por uma decolagem ocorrida em 17 de dezembro de 1903. Santos Dumont foi o primeiro a cumprir um circuito pré-estabelecido sob testemunho oficial de especialistas, jornalistas e da população parisiense. Em 23 de outubro de 1906, voou cerca de 60 metros e a uma altura de dois a três metros com seu 14 Bis, no Campo de Bagatelle em Paris. Menos de um mês depois, em 12 de novembro, repetiu o feito e, diante de uma multidão de testemunhas, percorreu 220 metros a uma altura de 6 metros. O vôo do 14-Bis foi o primeiro verificado pelo Aeroclube da França de um aparelho mais pesado que o ar na Europa, e possivelmente a primeira demonstração pública de um veículo levantando vôo por seus próprios meios, sem ser catapultado. O 14-Bis teve uma decolagem autopropelida, e por isso Santos Dumont é considerado por parte da comunidade científica e aeronáutica e principalmente em seu país de origem, o Brasil, como o Pai da Aviação.

Herdeiro de uma família de cafeicultores prósperos na cidade de Ribeirão Preto; pôde se dedicar aos estudos da ciência e da mecânica vivendo em Paris. Ao contrário de outros aeronautas da época, deixava suas pesquisas como domínio público e sem registrar patentes.

A casa onde nasceu Alberto Santos Dumont situa-se no município de Santos Dumont, zona da mata mineira, a 240 quilômetros de Belo Horizonte e 220 quilômetros do Rio de Janeiro. O local foi transformado no Museu de Cabangu. Também em Petrópolis existe o Museu de Santos Dumont.

Leia o artigo completo...

Bandeira da Cidade de São Paulo.

São Paulo é uma cidade brasileira, capital do estado homônimo e principal centro financeiro, corporativo e mercantil da América Latina, sendo a maior cidade do Brasil, das Américas e de todo o hemisfério sul. Uma das cidades brasileiras mais influentes no cenário global, São Paulo é considerada a 14ª cidade mais globalizada do planeta, recebendo o status de cidade global beta, por parte do Globalization and World Cities Study Group & Network (GaWC). A cidade é mundialmente conhecida, e exerce significativa influência nacional e internacional, seja do ponto de vista cultural, econômico ou político. Conta com importantes monumentos e museus, como o Memorial da América Latina, o Museu da Língua Portuguesa, o MASP, o Parque do Ibirapuera e a avenida Paulista, e eventos de grande repercussão, como a Bienal Internacional de Arte, o Grande Prêmio do Brasil e o São Paulo Fashion Week.

Décima nona cidade mais rica do mundo, o município representa, isoladamente, 12,26% de todo o produto interno bruto brasileiro e 36% de toda a produção de bens e serviços do estado de São Paulo, sendo sede de 63% das multinacionais estabelecidas no Brasil, além de ser responsável por 28% de toda a produção científica nacional – segundo dados de 2005. (leia mais...)



Scaphyglottis bidentata.

Scaphyglottis é um gênero botânico pertencente à família das orquídeas (Orchidaceae). Este gênero, que compreende pouco menos de setenta espécies distribuídas por ampla área que vai do sul do México até o sul da Bolívia e por todo o Brasil excetuada a região sul, desde o nível do mar até grandes altitudes da Cordilheira dos Andes, existe ainda em diversas ilhas do Caribe, sendo ali, usualmente, espécies endêmicas. Considera-se o sul da América Central, onde a maioria das espécies ocorre, o seu centro de dispersão.

Caracterizam-se pelo hábito de seus pseudobulbos crescerem acrescentando novos pseudobulbos sobre o ápice dos antigos, e eventualmente também em sua base, e pelas flores cuja coluna apresenta prolongamento podiforme, ou seja, em formato de . Muitas das espécies são extremamente parecidas e difíceis de distinguir, sendo algumas poucas claramente distintas. Somente algumas possuem cores vistosas. No Brasil existem espécies de todos os diferentes gêneros que hoje são considerados sinônimos de Scaphyglottis, exceto um (Platyglottis). São quinze as espécies de Scaphyglottis registradas para o Brasil. (leia mais...)



Logotipo do jogo Silent Hill 4: The Room, da Konami.

Silent Hill 4: The Room é a quarta parte da série de survival horror Silent Hill, da Konami. O jogo foi lançado, assim como sua trilha-sonora, no Japão em junho de 2004 e na América do Norte e Europa em setembro do mesmo ano, para os consoles Sony PlayStation 2 e Microsoft Xbox assim como para o PC.

Diferentemente dos lançamentos anteriores, que aconteciam primariamente na cidade perturbada de Silent Hill, este jogo se passa na cidade fictícia de South Ashfield, e é focado na tentativa do personagem Henry Townshend de fugir de seu trancafiado apartamento. Ele explora uma série de mundos sobrenaturais e encontra–se em conflito com um morto-vivo assassino em série .

Originalmente pretendido como um derivado da série principal, Silent Hill 4 possui um estilo de jogabilidade alterado com navegação em primeira pessoa e elementos do enredo tirados de jogos anteriores. A partir de seu lançamento o jogo recebeu uma reação em sua maior parte de críticas positivas apesar de opiniões mistas quanto ao afastamento do estilo do Silent Hill original. (leia mais...)



Górecki dirigindo a sua Sinfonia n.º 3.

A Sinfonia n.º 3, Op. 36, também conhecida como Sinfonia das canções tristes, é uma sinfonia em três movimentos composta pelo compositor Henryk Górecki em Katowice, Polónia, entre outubro e dezembro de 1976. Esta obra é representativa da transição do compositor de um estilo dissonante para outro mais tonal. A sinfonia foi escrita para orquestra e soprano, e a solista canta um texto em língua polaca, diferente em cada um dos três movimentos: no primeiro, um lamento dedicado à Virgem Maria, escrito no século XV; no segundo, uma mensagem escrita na parede de uma cela da Gestapo durante a Segunda Guerra Mundial; e, no terceiro, uma canção folclórica sobre uma mãe que procura o seu filho, assassinado durante a insurreição na Silésia em 1919. O tema central da sinfonia é, portanto, a maternidade e a separação dos entes queridos por causa da guerra.

Até 1992, Górecki só era conhecido entre entendidos, como um dos muitos compositores do chamado Renascimento musical polaco do pós-guerra. Finalmente, nesse ano, a empresa Elektra Records lançou uma gravação com o título Symphony No. 3 (quinze anos depois da sua composição) que esteve entre as mais vendidas nas listas de música clássica do Reino Unido e Estados Unidos da América. (leia mais...)



Esta é uma visão artística da Cassini durante a manobra de inserção orbital no planeta Saturno, logo depois do motor principal ter começado a foguear.

A sonda Cassini-Huygens é um projeto colaborativo entre a ESA (agência europeia da qual Portugal faz parte) e a NASA para estudar Saturno e as suas luas através de uma missão espacial não tripulada.

A nave espacial consiste de dois elementos principais: a Cassini orbiter e a sonda Huygens.

Foi lançada a 15 de Outubro de 1997 e entrou na órbita de Saturno no 1° de Julho de 2004.

É a primeira sonda a orbitar Saturno.


O Sudário de Turim ou Santo Sudário é uma pano de linho que apresenta a imagem de um homem com traumatismos vários, consistentes com uma crucificação. Actualmente, o sudário encontra-se exposto na Catedral de São João Baptista em Turim. Os crentes acreditam que a imagem é a de Jesus Cristo e que o sudário é a sua mortalha e portanto uma relíquia cristã de valor incalculável. Os mais cépticos classificam a peça como um embuste. Seja qual for a explicação, o Santo Sudário tem vindo a estimular a discussão entre historiadores, crentes, cientistas e académicos.

O sudário é uma peça rectangular de linho com 4,4 metros de comprimento e 1,1 de largura. O tecido mostra as imagens frontal e dorsal de um homem nu, com as mãos pousadas sobre as partes baixas, consistentes com a projecção ortogonal do corpo humano. A imagem é totalmente superficial e não penetra no interior das fibras. As duas imagens apontam em sentidos opostos e unem-se na zona central do pano. O homem representado no sudário tem barba e cabelo comprido pela altura dos ombros, separado por uma risca ao meio. Tem um corpo bem proporcionado e musculado, com cerca de 1,75 de altura. O sudário apresenta ainda diversas nódoas encarnadas que, interpretadas como sangue, sugerem a presença de vários traumatismos.


O símbolo da bola cruzada, usada para a Smash Ball e como logo oficial da série.

Super Smash Bros. Brawl é um jogo de luta crossover (envolvendo personagens de franquias diferentes) desenvolvido pela Sora e publicado pela Nintendo para o console de videogame Wii. É o terceiro jogo da franquia Super Smash Bros., expandindo sua lista de personagens em relação ao predecessor e sendo o primeiro da série a incluir personagens de third-parties. Com novos estágios, modos de jogo e extras, foi aclamado pela mídia, vendeu mais de 8,4 milhões de cópias no mundo e tornou-se o segundo jogo mais vendido de 2008. Como seus dois predecessores, Super Smash Bros. Brawl é considerado como uma exceção em jogos de luta por causa de seu método simplificado de comandos e ênfase em nocautes para fora da arena.

Brawl também inclui um modo solo mais arrojado que os antecessores, com a criação do novo modo de aventura em side-scrolling, The Subspace Emissary. Este tem como principal característica a história em CGI apresentando os personagens jogáveis de Brawl. O título dá suporte a até quatro jogadores de uma vez, além de ser compatível com a conexão à Nintendo Wi-Fi Connection. A maior parte das músicas do jogo são arranjos de temas de jogos anteriores de outras franquias, feitos por 39 renomados músicos de várias empresas de videogames. (leia mais...)



Os Pixies

Surfer Rosa é o álbum de estreia da banda de rock alternativo norte-americana Pixies, lançado em Março de 1988 pela gravadora independente 4AD. O álbum distingue-se pelas referências pouco habituais a temas como mutilação ou voyeurismo, pela produção lo-fi, e pelo som único da bateria, que deve muito ao engenheiro de som Steve Albini. Este álbum continua muitos dos temas abordados no anterior trabalho dos Pixies, incluindo letras em espanhol, e referências a Porto Rico.

Por causa do estatuto independente da 4AD, a distribuição nos Estados Unidos foi feita pela Rough Trade Records. Surfer Rosa falhou os tops no Reino Unido (RU), e "Gigantic" foi o único single a ser retirado do álbum. Embora só tenha atingido o 93º posto no top de Singles do RU, Surfer Rosa foi re-editado nos EUA pela Elektra Records em 1992. Apesar do pouco sucesso nos tops, Surfer Rosa foi certificado com Ouro em 2005 pela Recording Industry Association of America.

Leia o artigo completo...

Taj Majal significa "Coroa de Mahal".

Taj Mahal (hindi: ताज महल; persa: تاج محل) é um mausoléu situado em Agra, na Índia, e o mais conhecido dos monumentos do país. Encontra-se classificado pela UNESCO como Património da Humanidade. Foi recentemente anunciado como uma das Novas Sete Maravilhas do Mundo Moderno em uma celebração em Lisboa no dia 7 de Julho de 2007.

A obra foi construída entre 1630 e 1652, com a força de cerca de 22 mil homens trazidos de várias cidades do Oriente, para trabalhar no sumptuoso monumento de mármore branco que o imperador Shah Jahan mandou construir em memória de sua esposa favorita, Aryumand Banu Begam, a quem chamava de Mumtaz Mahal ("A Jóia do Palácio"). Ela morreu após dar à luz o 14º filho, tendo o Taj Mahal sido construído sobre seu túmulo, junto ao rio Yamuna. Todos os pormenores do edifício mostram a sua natureza romântica e o conjunto promove uma estética esplêndida. É também conhecido como a maior prova de amor do mundo.

O Taj Mahal foi inspirado nas tradições idílicas do Islão, da Pérsia, da Índia e da arquitectura mogol antiga e contém inscrições retiradas do Corão. É incrustado com pedras semipreciosas, tais como o lápis-lazúli entre outras. A sua cúpula é costurada com fios de ouro. O edifício é flanqueado por duas mesquitas e cercado por quatro minaretes.

O desenho geral do projecto inspirou-se numa série de edifícios mogóis, entre os quais a tumba de Itmad-Ud-Daulah e a Jama Masjid, em Deli. Sob o mecenato de Shah Jahan, a arquitectura mogol alcançou novos níveis de refinamento. Antes do Taj Mahal era habitual edificar com pedra vermelha, mas o Imperador promoveu o uso de mármore branco com incrustações de pedras semipreciosas.

Leia o artigo completo...

Tarja Turunen no Obras Stadium em 2008, Buenos Aires, Argentina.

Tarja Turunen (Kitee, 17 de Agosto de 1977) é uma cantora e compositora finlandesa de formação clássica. Foi de 1996 a 2005 a vocalista do quinteto finlandês de symphonic/power metal Nightwish, e atualmente dedica-se à carreira solo com o nome artístico de Tarja. Casada com o empresário argentino Marcelo Cabuli, seu perfil vocal enquadra-se em soprano dramático com amplitude de três oitavas. Tarja é uma das cantoras mais populares, em seu gênero, em grande parte da Europa. Desde 1996 já lançou oito álbuns (seis com o Nightwish e dois solos). Tarja tornou-se popular em seu país natal, sendo ocasionalmente chamada para participar de programas televisivos ou julgar uma competição local. Tarja foi indicada para cinco Emma Awards (equivalente ao GRAMMY Awards na Finlândia), vencendo dois deles.

Nascida na aldeia de Puhos, em Kitee, Tarja começou a estudar música com seis anos de idade, e mudou-se para a cidade de Kuopio com a idade de dezoito para estudar na Academia Sibelius. Ela tornou-se co-fundadora do Nightwish em 1996, quando seu colega Tuomas Holopainen convidou-a para juntar-se a seu novo projeto musical. Naquele ano, Tarja apresentou-se também no Festival de Ópera de Savonlinna. No entanto, ela só ficou internacionalmente conhecida após o lançamento do bem sucedido álbum do Nightwish, Oceanborn, em 1998. (leia mais...)



Uma tartaruga-de-pente em Saba, Antilhas Holandesas.

A tartaruga-de-pente (nome científico: Eretmochelys imbricata) é uma tartaruga marinha da família dos queloniídeos, encontrada em mares tropicais e subtropicais. Espécie criticamente ameaçada de extinção devido à caça indiscriminada, possui carapaça medindo entre oitenta e noventa centímetros de comprimento, coberta por placas córneas imbricadas que fornecem o material utilizado na confecção de diversos utensílios. A tartaruga-de-pente tem como habitat natural recifes de coral e águas costeiras rasas, como estuários e lagoas, podendo ser encontrada, ocasionalmente, em águas profundas.

A espécie tem uma distribuição mundial, com subespécies do Oceano Atlântico e do Pacífico. A Eretmochelys imbricata imbricata é a subespécie atlântica, enquanto que a Eretmochelys imbricata bissa é encontrada na região do Indo-Pacífico. Sua alimentação consiste de esponjas, anêmonas, lulas e camarões; sua cabeça estreita e sua boca formam um bico que permite buscar o alimento nas fendas dos recifes de corais. Elas também alimentam-se de outros invertebrados, como por exemplo, ctenóforos e medusas. (leia mais...)



Teatro Isabelino

O teatro isabelino ou elisabetano (1558-1625) se refere às obras dramáticas escritas e interpretadas durante o reinado de Elizabeth I (português brasileiro) ou Isabel I (português europeu) da Inglaterra (1533-1603), sendo associado, tradicionalmente, à figura de William Shakespeare (1564-1616).

Para fins de estudo, estende-se, no entanto, a era isabelina até o fim do reinado de Jaime I, em 1625, e mais tarde, incluindo seu sucessor, Carlos I, até o fechamento dos teatros no ano de 1642, devido à Revolução inglesa (Teatro Carolino). O fato de se prolongar além do reinado de Isabel I faz com que o drama escrito entre a Reforma e a clausura dos teatros em 1642 se denomine Teatro Renascentista Inglês.

Shakespeare dedica a Jaime I algumas de suas principais obras, escritas para celebrar sua ascensão ao trono soberano, como Otelo (1604), O Rei Lear (1605), Macbeth (1606 - homenagem à dinastia de Stuart) e A Tempestade (1611 - inclui, entre outras, uma "mascarada", interlúdio musical em honra do rei que assistiu a primeira representação).

O período isabelino não coincide cronologicamente, em sua totalidade, com o Renascimento europeu e menos ainda com o italiano, mostrando um forte acento maneirista e até mesmo barroco em suas elaborações mais tardias.

A época isabelina representou o ingresso da Inglaterra na Idade Moderna, num mundo sob o impulso das inovações científico-tecnológicas como a teoria heliocêntrica de Nicolau Copérnico e das grandes explorações geográficas (neste momento começa a colonização européia da América do Norte).

Leia o artigo completo...

Movimento térmico de um peptídeo em  alfa-hélice.  As esferas cinzentas, vermelhas e azuis representam átomos de carbono, oxigênio e nitrogênio, respectivamente; as esferas brancas menores representam átomos de hidrogênio.

O teorema da equipartição, em mecânica estatística clássica, é uma fórmula geral que relaciona a temperatura de um sistema com a sua energia média. A ideia central da equipartição é a de que, em equilíbrio térmico, a energia é partilhada de maneira igual entre as suas várias formas. Por exemplo, a energia cinética média no movimento translacional de uma molécula deve ser igual à energia cinética média do seu movimento rotacional.

Da aplicação do teorema da equipartição surgem predições quantitativas. Tal como no teorema do virial, ele dá a média total das energias cinética e potencial para um sistema a uma dada temperatura, a partir da qual é possível calcular a capacidade térmica do sistema. No entanto, a equipartição também dá os valores médios dos componentes individuais da energia, tal como a energia cinética de uma partícula específica ou a energia potencial de uma única mola. Por exemplo, prediz que cada molécula de um gás perfeito monoatômico possui uma energia cinética média com um valor de (3/2)kBT, em equilíbrio térmico, onde kB é a constante de Boltzmann e T é a temperatura (termodinâmica). De uma maneira mais geral, o teorema pode ser aplicado a qualquer sistema físico clássico em equilíbrio termodinâmico, não importando o seu grau de complexidade. (leia mais...)



The Beatles foi um grupo de rock formado em Liverpool, Inglaterra, no final da década de 1950. Na primeira metade da década posterior, obtiveram notoriedade até hoje inédita para uma banda de rock. Formado por John Lennon (guitarra e vocal), Paul McCartney (baixo e vocal), George Harrison (guitarra e vocal) e Ringo Starr (bateria e vocal).

Atingiram o primeiro lugar nas paradas de sucesso no mundo inteiro com composições próprias como "She Loves You", "I Want To Hold Your Hand", "Can't Buy Me Love", "Help", "Yesterday", "Hey Jude", "All You Need Is Love" e "Let it Be" entre outras.

Os "garotos de Liverpool" , como eram chamados, não tiveram apenas impacto sobre a música, mas também influenciaram as vestimentas, os cortes de cabelo e forma de ser dos jovens daquela geração. Foi esse sucesso estrondoso que inspirou a criação do termo beatlemania.

Os Beatles são considerados o grupo mais bem-sucedido da história, sendo aclamados por público e crítica, com mais 2 bilhões de álbuns vendidos em todo o mundo, sendo que 20 músicas atingiram o primeiro lugar nas paradas apenas nos Estados Unidos da América, números considerados um recorde até os dias atuais.


The Doors foi uma banda de rock estado-unidense dos fins da década de 1960 e princípio da década de 1970. O grupo era composto por Jim Morrison (voz), Ray Manzarek (teclados), Robby Krieger (guitarra) e John Densmore (bateria). A banda ainda recebeu influências de diferentes estilos musicais, como o blues, jazz, flamenco e a bossa nova.

Canções como "Break on Through (To the Other Side)", "Light My Fire", "People Are Strange" ou "Riders on the Storm", aliadas à personalidade e escândalos protagonizados por Jim Morrison, contribuíram de sobremaneira para o aumento da fama do grupo.

Após a dissolução da banda no início da década 1970, e especialmente desde a morte de Morrison em 1971, o interesse nas músicas dos Doors tem-se mantido elevado, ultrapassando mesmo por vezes o que o grupo teve enquanto esteve activo. Em todo o mundo, os seus discos já venderam mais de 75 milhões de cópias, e continuam a vender cerca de 1 milhão anualmente.

Leia o artigo completo...

Logotipo da versão Gold Edition.

The Settlers II é o segundo jogo eletrônico da série The Settlers, até então conhecida pelo primeiro The Settlers, frequentemente chamado de Serf City pelos seus fãs. Lançado em 31 de agosto de 1996, o jogo foi desenvolvido para o sistema operacional MS-DOS por Thomas Häuser e publicado pela Blue Byte, sendo mais tarde adaptado para o portátil Nintendo DS e computadores, incluindo Mac OS. O primeiro lançamento foi da versão Veni, Vidi, Vinci, seguido pelas versões Mission CD e da englobadora Gold Edition. Em 16 de setembro de 2006, dez anos depois de seu lançamento e devido ao grande sucesso do clássico, a Ubisoft lançou um remake para o jogo, The Settlers II: The Next Generation, com melhoras gráficas e a adição do recurso multiplayer, ausente na versão original.

O complexo jogo da série, caracterizada pelo gênero de estratégia em tempo real lenta, representa o crescimento ficcional de províncias e impérios durante as conquistas do Império Romano na Europa, passando por cenários de campos abertos, locais nevados, arenosos ou até mesmo cenários vulcânicos. O jogo também coloca tribos épicas como as africanas, asiáticas, do sul e do norte europeu como opção para os jogadores. (leia mais...)



Gwen Stefani e Akon cantando "The Sweet Escape" em maio de 2007.

The Sweet Escape é uma canção pop da cantora estadunidense Gwen Stefani com participação de Akon, escrita pelos dois artistas para o segundo álbum solo de Stefani, The Sweet Escape (2006), sendo a segunda faixa do álbum. A canção possui elementos dos estilos doo-wop, new wave e ska, sendo que Akon desenvolveu o tempo da canção antes de colaborar com Stefani, baseado no trabalho que a cantora fez na banda No Doubt. A letra da música é um pedido de desculpas entre duas pessoas envolvidas numa relação amorosa e descreve uma vida agradável para os dois, idealizada como um sonho, recebendo, em geral, avaliações positivas dos críticos de música contemporânea. Por ser a faixa-título do álbum, seu título foi escolhido para ajudar Stefani no mercado musical e na sua grife de roupas, L.A.M.B.

A canção foi lançada como segundo single do álbum no início de 2007 e obteve sucesso nos meios de comunicação e no mercado de música adulta contemporânea, chegando as dez músicas mais populares das paradas musicais às quais integrou e alcançando o primeiro lugar na Nova Zelândia, Eslovênia e Croácia. A canção foi nomeada para o prêmio GRAMMY Awards de Melhor Colaboração Pop com Vocais. (leia mais...)



Tilacinos em Washington D.C., 1902.

Tilacino (nome científico: Thylacinus cynocephalus) foi o maior marsupial carnívoro conhecido dos tempos modernos. Nativo da Austrália, Tasmânia e Nova Guiné, acredita-se que foi extinto no século XX. Foi o último membro de seu gênero, Thylacinus, ainda que diversas espécies relacionadas tenham sido encontradas em registros de fósseis datando desde ao início do Mioceno. Os tilacinos foram extintos da Austrália continental milhares de anos antes da colonização europeia do continente, mas sobreviveram na ilha da Tasmânia junto com diversas espécies endêmicas, incluindo o diabo-da-tasmânia. A caça intensiva encorajada por recompensas por os considerarem uma ameaça aos rebanhos é geralmente culpada por sua extinção, mas outros fatores que contribuíram podem ter sido doenças, a introdução dos cães e do dingo, e intrusão humana em seu habitat.

O último registro visual conhecido ocorreu em 1932 e o último exemplar morreu no jardim zoológico de Hobart em 7 de setembro de 1936. Apesar de ser oficialmente classificado como extinto, relatos de encontros ainda são reportados. Como os tigres e lobos do hemisfério norte, o tilacino era o predador-alfa da cadeia alimentar. Como um marsupial, não era relacionado a estes mamíferos placentários, mas devido à convergência evolutiva, ele demonstrava as mesmas formas gerais e adaptações. (leia mais...)



O vocalista Mark Arm em 2007. Arm primeiramente havia repudiado a canção como um "B-side às pressas".

Touch Me I'm Sick é uma canção da banda estadunidense de rock alternativo Mudhoney. Foi gravada em março de 1988 no estúdio Reciprocal Recording, em Seattle, com o produtor Jack Endino. Touch Me I'm Sick foi lançada como o primeiro single do Mudhoney na gravadora independente Sub Pop, em 1 de agosto de 1988. A letra da canção, marcada por doses de humor negro, é uma visão sarcástica de assuntos como doenças e sexo violento.

Quando foi lançada, Touch Me I'm Sick foi um sucesso no circuito indie, e ainda é a canção mais conhecida da banda. Seu som, considerado "sujo" por ser formado a partir de guitarras distorcidas e embaçadas, vocais ríspidos, linhas de baixo diretas e bateria enérgica, influenciou muitos músicos locais e ajudou a desenvolver a cena grunge de Seattle. De acordo com a allmusic, "a energia crua e primal da canção a fez um hino instantâneo que ainda permanece como um dos clássicos eternos [do grunge]".

Segundo o vocalista Mark Arm, Touch Me I'm Sick originou-se de uma discussão com o dono da Sub Pop, Bruce Pavitt, "[Pavitt] disse: 'Ei, você canta sobre cachorros. Você canta sobre estar doente. Você tem um estilo, eu levarei você ao topo'. E ele basicamente deu-nos cinco acordes, mas ele disse para não usarmos mais do que três em uma canção". Arm também comentou que Touch Me I'm Sick era um bordão ao redor do qual a banda construiu a canção. (leia mais...)



Esta é a "Ferrovia Darjeeling Himalayan", um Patrimônio Mundial, e uma das poucas maquinarias a vapor na Índia.

O transporte ferroviário na Índia é um modo de transporte a longa distância que consiste em operações ferroviárias manipuladas quase sempre por uma empresa estatal, a Indian Railways, sob controle do Ministério Federal da Ferrovia. A rede ferroviária cobre todo o comprimento e largura do país, abrangendo uma extensão total de 63 140 quilômetros (39 234 milhas). Locomotivas fabricadas em diversos lugares da Índia recebem códigos que especificam as suas bitolas, tipo de potência e o tipo de operação. Semáforos coloridos são usados como sinais, mas em algumas zonas remotas de operação ainda são utilizados os sinais mecânicos mais primitivos.

As classes de acomodações vão desde geral até primeira classe AC. Os trens são classificados de acordo com a velocidade e área de operação. Introduzidas na Índia em 1853 e na época da Independência, em 1947, as ferrovias indianas fazem parte do que se diz ser a segunda maior rede ferroviária do mundo, com um transporte de mais de 5 bilhões de passageiros e mais de 350 milhões de toneladas de carga anualmente. As suas operações abrangem vinte e oito estados e três territórios da união, além de prestar serviços limitados ao Nepal, Bangladesh e Paquistão. (leia mais...)



O tratado internacional é um acordo resultante da convergência das vontades de dois ou mais sujeitos de direito internacional, formalizada num texto escrito, com o objetivo de produzir efeitos jurídicos no plano internacional. Em outras palavras, o tratado é um meio pelo qual sujeitos de direito internacional – principalmente os Estados nacionais e as organizações internacionais – estipulam direitos e obrigações entre si.

Com o desenvolvimento da sociedade internacional e a intensificação das relações entre as nações, os tratados tornaram-se a principal fonte de direito internacional existente, e atualmente assumem função semelhante às exercidas pelas leis e contratos no direito interno dos Estados, ao regulamentarem as mais variadas relações jurídicas entre países e organizações internacionais, sobre os mais variados campos do conhecimento humano.

Os Estados e as organizações internacionais (e outros sujeitos de direito internacional) que celebram um determinado tratado são chamados “Partes Contratantes” (ou simplesmente “Partes”) a este tratado.

Leia o artigo completo...



Três Lagoas é um município brasileiro da região Centro-Oeste, localizado no estado de Mato Grosso do Sul. Trata-se da quarta cidade mais populosa e importante desse estado. Fundada em 1915, sua colonização iniciou-se na década de 1880 por Luís Correia Neves Filho, Antônio Trajano dos Santos e Protásio Garcia Leal. Seu nome origina-se das três lagoas que existem na região.

A cidade apresenta uma razoável distribuição de renda e não possui bolsões de pobreza. Trata-se de um centro regional e tem todas as amenidades necessárias em um centro urbano, além de fornecer a seus cidadãos alta qualidade de vida.

Situada em um entroncamento das malhas viária, fluvial e ferroviária do Brasil, possui acesso privilegiado às regiões Centro-Oeste, Sudeste e Sul do país e a países da América do Sul. Devido a isto, à disposição de energia, água, matéria-prima e mão-de-obra, a cidade no momento passa por uma fase de transição econômica e rápida industrialização. Apresenta, ainda, grande potencial turístico.

Três Lagoas tem recebido bilhões de dólares em investimentos e é esperado que até 2011 se torne a segunda cidade, em termos econômicos e políticos, de Mato Grosso do Sul. Também foi apontada pela Revista Exame como um dos mais promissores pólos de desenvolvimento do Brasil.

O município de Três Lagoas está localizado no extremo leste de Mato Grosso do Sul, expandindo-se para além do Rio Sucuriú e do distrito de Arapuá ao norte e oeste, respectivamente, e tendo o Rio Paraná e o estado de São Paulo ao leste, e o Rio Verde ao sul.

Leia o artigo completo...

Whiteshark-TGoss1.jpg

O tubarão-branco (Carcharodon carcharias) é uma espécie de tubarão lamniforme, sendo o peixe predador de maiores dimensões existente na atualidade. Um tubarão-branco pode atingir 7,5 metros de comprimento e pesar até 2,5 toneladas. Esta espécie vive nas águas costeiras de todos os oceanos, desde que haja populações adequadas das suas presas, em particular pinípedes. Esta espécie é a única que sobrevive, na atualidade, do gênero carcharodon.

A espécie Carcharodon carcharias recebe inúmeros nomes ao longo de sua área de distribuição. Em espanhol, as denominações mais comuns são tiburón blanco (tubarão-branco) e gran tiburón blanco (grande tubarão-branco) (esta última influenciada pelo nome oficial em inglês, great white shark).

Leia o artigo completo...



Morro Dois Irmãos, em Fernando de Noronha, Pernambuco: o arquipélago tem atraído a atenção de muitos turistas e ambientalistas.

O turismo no Brasil é uma atividade econômica importante em várias regiões do país. Com cinco milhões de visitantes estrangeiros em 2007, o Brasil é o principal destino do mercado turístico internacional na América do Sul, e ocupa o segundo lugar na América Latina em termos de fluxo de turistas internacionais. Os gastos dos turistas estrangeiros em visita ao Brasil alcançaram 4,95 bilhões de dólares em 2007, e o país abarcou 3,5% do fluxo turístico internacional no continente americano. Em 2005, o turismo contribuiu com 3,2% das receitas nacionais advindas da exportação de bens e serviços, responsável pela criação de 7% dos empregos diretos e indiretos na economia brasileira.

Em 2006, estima-se que 1,87 milhão de pessoas foram empregadas no setor, com 768 mil empregos formais (41%) e 1,1 milhão de ocupações informais (59%). O turismo doméstico representa uma parcela fundamental do setor; contabilizando 51 milhões de viagens em 2005, a receita direta gerada pelo turismo interno foi de 21,8 bilhões de dólares – 5,6 vezes mais que as receitas originadas pelos turistas estrangeiros em 2005. O produto turístico brasileiro caracteriza-se por oferecer tanto ao turista brasileiro quanto ao estrangeiro uma gama diversificada de opções, com destaque aos atrativos naturais, de aventuras e histórico-culturais. (leia mais...)



Alfred Tennyson, autor de "Ulysses".

Ulysses é um poema do poeta vitoriano Alfred Tennyson (1809-1892), escrito em 1833 e publicado em 1842 no segundo volume bem recebido de poemas de Tennyson. Sendo um poema frequentemente citado na literatura inglesa, é usado popularmente para ilustrar o monólogo dramático. Ulisses descreve para uma plateia indeterminada o seu descontentamento e nervosismo no seu retorno a seu reino, Ítaca, após as suas longas viagens. Enfrentando a velhice, Ulisses anseia por viajar e explorar novamente, apesar de seu reencontro com sua esposa Penélope e seu filho Telêmaco. O personagem de Ulisses (do grego, Odisseu) tem sido amplamente usado na literatura mundial.

As aventuras de Odisseu foram primeiramente registradas na Ilíada e na Odisseia, ambas de Homero (c. 800-600 a.C.), e Tennyson descreve a narrativa do autor da Grécia Antiga no poema. Muitos críticos, porém, acham que Ulisses, de Tennyson, lembra o personagem Ulisse em Inferno, de Dante Alighieri, em A Divina Comédia (c. 1320). Segundo a narrativa de Dante, Ulisse foi condenado ao inferno juntamente com os falsos conselheiros, tanto pela sua perseguição ao conhecimento além dos limites humanos quanto pelas suas aventuras em desrespeito de sua família. (leia mais...)



Selo da Universidade de Michigan, com a data de fundação 1837.

A Universidade de Michigan, em Ann Arbor, é uma universidade pública coeducacional localizada no estado de Michigan, nos Estados Unidos da América. É a mais antiga universidade do estado e o campus sede da Universidade de Michigan, que conta ainda com dois campi regionais, em Flint e em Dearborn. A universidade foi fundada em 1817, em Detroit, cerca de vinte anos antes do Território de Michigan tornar-se oficialmente um estado. Em 1837, a universidade transferiu-se para uma área de dezesseis hectares, em Ann Arbor, conhecida atualmente por Campus Central. Desde sua fundação em Ann Arbor, a universidade tem-se expandido fisicamente contando com mais de quinhentos grandes edifícios em uma área de mais de 268 hectares e transformou o seu programa acadêmico, de um currículo estritamente clássico para um que inclui a ciência e a pesquisa. Durante o século XX e início dos anos 2000, a Universidade de Michigan foi palco de muitos movimentos estudantis e foi um ponto focal na polêmica sobre a ação afirmativa de admissões no ensino superior.

Atualmente, a universidade é uma importante instituição de pesquisa e é considerada uma das oito originais Public Ivies. Na mais recente edição da Classificação Acadêmica de Universidades, ela foi considerada a décima oitava melhor universidade em todo o mundo. (leia mais...)



Entrada do Ciclo Básico I na Unicamp.

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) é uma universidade pública brasileira fundada em 1966 na cidade de Campinas.

O seu campus principal fica no distrito de Barão Geraldo, a cerca de cem quilômetros de São Paulo. Posteriormente foram construídos outros campi em Limeira e Piracicaba, Paulínia e Sumaré. A universidade é ainda responsável pela realização de cursos de formação de professores em exercício em várias cidades da Região Metropolitana de Campinas e administração de dois hospitais universitários, sendo um localizado dentro do próprio campus central e outro na cidade de Sumaré.

Criada por decreto-lei em 1962 e inaugurada oficialmente em 1966, a Universidade Estadual de Campinas surgiu como um centro estratégico de formação de mão-de-obra altamente capacitada nas áreas de tecnologia e ciências naturais voltadas principalmente para a pesquisa científica. Com o tempo, a universidade diversificou-se e hoje há grande destaque por sua formação e produção científica nas ciências humanas, sobretudo nas áreas de artes, economia, filosofia, história e geografia. Atualmente, a instituição mantém o "status" de ser a maior produtora de patentes de pesquisa no Brasil, superando instituições de renome como a Petrobrás e a Universidade de São Paulo (USP).

É mantida pelo governo estadual principalmente através da arrecadação do Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e, também, com verbas advindas de instituições de fomento à pesquisa, como FAPESP e CNPQ. Por tratar-se de uma instituição pública, os seus alunos não pagam mensalidades.

O ingresso na graduação se dá por concurso público (conhecido como vestibular) aberto a qualquer cidadão brasileiro ou estrangeiro que tenha concluído o ensino médio ou curso equivalente. Para o ingresso na pós-graduação, em níveis de mestrado e doutorado, as faculdades definem métodos de seleção específicos. A seleção para ingresso no ensino técnico se dá por uma prova semelhante ao vestibular.

Leia o artigo completo...

Conde de Vaublanc, autor desconhecido.

Vincent-Marie Viénot, conde de Vaublanc (Fort Dauphin, atual Fort-Liberté, Haiti, 2 de março de 1756Paris, 21 de agosto de 1845) foi um político, escrivão francês e católico com tendências monarquistas.

Sua carreira política colocou-o lado a lado sucessivamente de Luís XVI, Paul Barras, Napoleão, o Conde de Artois, futuramente Carlos X, e enfim Luís XVIII. Exilado e procurado quatro vezes por diferentes regimes políticos, jamais foi preso, reaparecendo a cada vez em estado de graça. Sua carreira foi longa e movimentada,sendo sucessivamente deputado monarquista durante a Revolução Francesa e durante o Diretório, exilado durante o Terror, prefeito de Napoleão, ministro do interior de Luís XVII e no fim de sua vida política, deputado ultramonarquista. Tornou-se notadamente conhecido pela eloqüência entusiasmada de seus discursos e a reorganisação controversa na Academia Francesa em 1816, quando era ministro do Interior.

Ele faz parte dos personagens secundários que atravessaram e marcaram este período da história da França. Homem de caráter firme e íntegro, apoiador moderado das evoluções de 1789, terminou sua vida política na época da Restauração, alcançando a posição de contra-revolucionário extremista.

Originário de uma família nobre da Borgonha, ele é o filho mais velho do major Vivant-François Viénot de Vaublanc, comandante do Forte São-Luís, no Forte-Delfim. Nasceu e cresceu em Santo Domingo, onde seu pai era aquartelado. Veio para a França metropolitana pela primeira vez aos sete anos de idade.

Após os estudos militares na Escola de cadetes em La Flèche e na Escola militar de Paris entre 1770 e 1774, foi condecorado com a ordem de São Lázaro, antes mesmo de sair da escola, pelo conde de Província e futuro Luís XVIII, grão-mestre da ordem.

Leia o artigo completo...



What's so funny about Truth, Justice & the American Way? (traduzida no Brasil como Olho por olho?) é o título de uma história em quadrinhos publicada originalmente em 31 de Janeiro de 2001 pela editora norte-americana DC Comics na comemorativa 775ª edição da revista Action Comics. A história envolve a principal personagem da editora e daquela revista: o super-herói conhecido como Superman.

Escrita por Joe Kelly, com desenhos de Doug Mahnke (nas cenas envolvendo Superman) e Lee Bermejo (nas cenas envolvendo Clark Kent), arte-final de Tom Nguyen, Dexter Vines, Jim Royal, Jose Marzan, Wade Von Grawbadger e Wayne Faucher e com sua capa desenhada pelo renomado Tim Bradstreet, a história apresenta uma equipe de anti-heróis chamada A Elite, liderada pela personagem Manchester Black. Dona de métodos bastante peculiares e brutais de fazer justiça, a Elite se torna bastante popular, levando a mídia e a sociedade a refletirem se os ideais defendidos por Superman não estariam equivocados. Em determinado momento, a confrontação ideológica entre os dois lados torna-se física, e Superman se vê obrigado a lutar contra a equipe.

A história, que foi citada pela Revista Wizard como uma das mais bem escritas na última década, é considerada uma das melhores já publicadas do personagem, tendo, inclusive, sido selecionada para a coleção Superman: The Greatest Stories Ever Told, que reunia, como o próprio nome diz, as "maiores histórias já contadas" do personagem.

Leia o artigo completo...

William Butler Yeats, 1933.

William Butler Yeats (Dublin, Irlanda, 13 de Junho de 1865 – Roquebrune-Cap-Martin, França, 28 de Janeiro de 1939), muitas vezes apenas designado por W.B. Yeats, foi um poeta irlandês, dramaturgo, místico e figura pública. Yeats teve um papel preponderante no Renascimento Literário Irlandês e foi co-fundador do Abbey Theatre.

As suas primeiras obras eram caracterizadas por uma tendência romântica exuberante e fantasiosa, que transparece no título da sua colectânea de 1893, The Celtic Twilight ("O Crepúsculo Celta"). Mais tarde, contudo, por volta dos seus 40 anos, e em resultado da sua relação com poetas modernistas, como Ezra Pound e também do seu envolvimento activo no nacionalismo irlandês, o seu estilo torna-se mais austero e moderno.

Foi também Senador irlandês, cargo que exerceu com dedicação e seriedade. Foi galardoado com o Prémio Nobel da Literatura de 1923. O Comité de entrega do prémio justificou a sua decisão pela "sua poesia sempre inspirada, que através de uma forma de elevado nível artístico dá expressão ao espírito de toda uma nação." Em 1934 compartilhou o Prémio Gothenburg para poesia com Rudyard Kipling.

Yeats nasceu em Sandymount, Dublin. O seu pai, John Butler Yeats descendia de Jervis Yeats, um comerciante de linho da época de Guilherme III de Inglaterra, que morrreu em 1712 e cujo avô, Benjamin, casou com Mary Butler, filha de uma família com propriedades no Condado de Kildare. Por altura do seu casamento, John Yeats estava a estudar direito, mas abandonou rapidamente os estudos para se dedicar a uma carreira como pintor de retratos. A sua mãe, Susan Mary Pollexfen, provinha de uma família anglo-irlandesa do Condado de Sligo. Pouco depois do seu nascimento, Yeats mudou-se para Sligo, para aí permanecer com a sua grande família. Yeats sempre considerou este o seu lar de infância por excelência.

Leia o artigo completo...

Jogo de Xadrez com tabuleiro, peças no modelo Staunton em suas casas iniciais e um relógio de competição.

Xadrez é um jogo de tabuleiro de natureza recreacional e competitiva para dois jogadores, sendo também conhecido como Xadrez Ocidental ou Xadrez Internacional para diferenciá-lo de seus predecessores e de outras variantes da atualidade. A forma atual do jogo surgiu no Sudoeste da Europa na segunda metade do Século XV depois de ter evoluído de suas antigas origens persas e indianas. O Xadrez pertence à mesma família do Xiangqi e do Shogi e, segundo os historiadores do enxadrismo, todos eles se originaram do Chaturanga, que era praticado na Índia no Século VI d.C.

O xadrez é um dos jogos mais populares do mundo, sendo praticado por milhões de pessoas em torneios (amadores e profissionais), clubes, escolas, pela Internet, por correspondência e informalmente. Há uma estimativa de cerca de 605 milhões de pessoas em todo o mundo que sabem jogar xadrez e destas, 7,5 milhões são filiadas a uma das federações nacionais que existem em 160 países em todo o mundo.

Características de arte e ciência são encontradas nas composições enxadrísticas e em sua teoria que abrange aberturas, meio-jogo e finais, as fases em que subdividem o transcorrer do jogo. Na terminologia enxadrística, os jogadores de xadrez são conhecidos como enxadristas br. (ou xadrezistas pt.) O xadrez sendo um jogo de estratégia e tática, não envolve o elemento sorte, com a única exceção relativa ao sorteio das cores no início do jogo (as brancas sempre fazem o primeiro lance), sendo especialmente conhecido por sua complexidade.

Leia o artigo completo...



Reznor e Atticus Ross em um quarto de hotel gravando Year Zero em 2006, durante a turnê em suporte à With Teeth.

Year Zero (também conhecido como Halo 24 e no Japão com o subtítulo Zero-Gen-Ten) é o sexto álbum de estúdio pela banda de rock industrial estado-unidense Nine Inch Nails, lançado em 16 de abril de 2007 pela Interscope Records. Trent Reznor compôs as músicas e escreveu as letras do álbum durante a turnê de suporte do lançamento anterior do grupo, With Teeth (2005). Em contraste com o estilo introvertido de composição que Reznor utilizava em discos anteriores, Year Zero é um álbum conceitual que critica políticas contemporâneas do governo dos Estados Unidos da América ao apresentar uma visão distópica do ano 2022. O álbum faz parte de um projeto Year Zero mais amplo que inclui um álbum de remixagens, um alternate reality game, um potencial projeto televisivo ou cinematográfico e uma possível seqüência. O alternate reality game de Year Zero expandiu sobre a linha narrativa ficcional do álbum usando mídias como sites, mensagens de telefone pré-gravadas, e murais.

Year Zero recebeu análises geralmente positivas, muitas das quais também foram favoráveis ao alternate reality game acompanhante. O álbum produziu dois singles: "Survivalism" e "Capital G", o último sendo um single promocional. Disputas surgiram entre Reznor e a Universal Music Group, a companhia que detém a Interscope Records, quanto ao preço do álbum no exterior. (leia mais...)